Máfia do Dendê | Digestivo Cultural

busca | avançada
82505 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Dias 06,13, 20 e 27 de março terão apresentações circenses virtuais da Arca de Vandé
>>> Obra clássica sobre a economia política de Marx é lançada no Brasil
>>> Estreia de Pantanal A Boa Inocência de Nossas Origens
>>> Sesc 24 de Maio apresenta o quarto episódio do Desafinados Entrevista
>>> Unil oferece curso sobre preparação e revisão de texto
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
>>> A vida é
>>> (...!)
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Em Busca da Terra do Nunca... e Johnny Depp
>>> O Conselheiro também come (e bebe)
>>> Tom Zé por Giron
>>> Solte o Timóteo
>>> As cores de Pamuk
>>> O que mata o prazer de ler?
>>> Ex-míope ou ficção científica?
>>> Cidades do Algarve
>>> Tralha
>>> Cameron Frye: o rapaz que se cansou de sentir medo
Mais Recentes
>>> Dossiê Gabeira - o Filme Que Nunca foi Feito de Geneton Moraes Neto pela Globo (2009)
>>> A Lei da Conexão - Como Melhorar sua Capacidade de se Comunicar na Vida Pessoal e no Trabalho de Michael J. Losier pela Ediouro (2010)
>>> Minidicionário Rideel - Espanhol - Português - Espanhol de Rideel pela Rideel (2003)
>>> Kunhangue Mba'e Kua: As trajetórias das mulheres Cacicas Guarani Mbya de Santa Catarina de Francine Pereira Rebelo pela Brazil Publishing (2021)
>>> Revista Brasileira de Estudos Políticos Julho/Dezembro 109 2004 de Orlando Magalhães Carvalho (Fundador) pela Ufmg
>>> Além do óbvio de Edson Teixeira pela Brazil Publishing (2021)
>>> Minidicionário Rideel - Espanhol - Português - Espanhol de Rideel pela Rideel (2003)
>>> Ativando a Biblioteca Escolar de Maria Antonieta Rodrigues Simão pela Sagra-dc Luzzatto (1993)
>>> Tabela Pha de Heloísa de Almeida Prado pela Tao (1995)
>>> Organização e Administração e Bibliotecas de Heloísa de Almeida Prado pela Tao (1992)
>>> Minidicionário Rideel - Espanhol - Português - Espanhol de Rideel pela Rideel (2003)
>>> Educar em Revista Número Especial 2006 de Carlos Augusto Moreira Júnior (Reitor) pela Ufpr
>>> Reflexões Sobre a A Arte de Alfredo Bosi pela Ática (1991)
>>> O Patinho Feio - Col. Meus Contos de Fadas Favoritos de Editora Todolivro pela Todolivro (2012)
>>> O Caçador de Pipas de Khaled Hosseini pela Nova Fronteira (2005)
>>> A Mão e a Luva de Machado de Assis pela Garnier (1988)
>>> Minidicionário Rideel - Espanhol - Português - Espanhol de Rideel pela Rideel (2003)
>>> Caminho - Os passos que damos nos levam a abundancia que merecemos - Lucia Pacheco de Lucia Pacheco pela Enepress
>>> Um Certo Jaques Netan de Carlos Nejar pela Aché (1991)
>>> A Lei da Conexão - Como Melhorar sua Capacidade de se Comunicar na Vida Pessoal e no Trabalho de Michael J. Losier pela Ediouro (2010)
>>> The City Experiment de Theo Walker pela Cambridge (2014)
>>> Nosso amigo Chico Xavier -Luciano da Costa e Silva de Luciano da Costa e Silva pela EME
>>> Conan Doyle - Memórias e Aventuras - Autobiografia de Sir Arthur Conan Doyle pela Marco Zero (1993)
>>> A Lei da Conexão - Como Melhorar sua Capacidade de se Comunicar na Vida Pessoal e no Trabalho de Michael J. Losier pela Ediouro (2010)
>>> Conan Doyle - Memórias e Aventuras - Autobiografia de Sir Arthur Conan Doyle pela Marco Zero (1993)
BLOG >>> Posts

Domingo, 8/12/2002
Máfia do Dendê

+ de 23300 Acessos

Ditadura invertida

Paulo Francis chamava de Máfia do Dendê "os baianos que gostam de cantar na televisão". É a turma encabeçada por Caetano, disfarçada de liberal e intelectual, que controla a produção de música brasileira e apóia Antonio Carlos Magalhães. Ninguém ousa desafiá-los: não tem espaço, se for músico; e perde o emprego, se for jornalista. É um esquema canalha e corrupto, mas nunca discutido. Um método grotesco de promoção da mediocridade, que afoga a criatividade e cala a resistência. Isso é, em bom português, ditadura. Imposta exatamente pelos metidos a bacanas que, há poucas décadas, brincavam de oposição. E, hoje, lucram com isso, colecionando elogios de celebridades, de Sontag a Almodóvar, e dinheiro fácil, incorporando estilos e reciclando fórmulas. Uma moleza.

Mas não é, na verdade, só de moleza que eles gostam. Caetano, por exemplo. Em 1993, quando um jornalista foi procurá-lo em Londres para uma entrevista, quando comemorava 25 anos de exílio, foi curto e grosso: só concederia em troca de uma coisa. E vocês sabem qual é. O homem saiu correndo. E quase perdeu o emprego por causa disso. É assim que funciona: a Máfia do Dendê também tem os seus métodos próprios de tortura. Que são indiscutivelmente piores do que muitos aplicados pela Ditadura Militar. Uma aplicação de Caetano Veloso é talvez o pior massacre a que um homem pode se submeter. Esta é - reparem no trocadilho - uma ditadura invertida.

Quem conta essa história, com todas as letras, é o premiado jornalista investigativo Cláudio Tognolli, em imperdível conversa com, entre outros, Roberto Freire e Sérgio Martins. E aponta, ainda, os membros da Máfia, que todo mundo sabe qual é: além de Caetano, Gilberto Gil, Maria Betânia, e Gal Costa. Não precisava nem dizer: exatamente os mesmos que, ontem, no Ibirapuera, reuniram mais de cem mil pessoas, embaixo de chuva. E por quê? Porque ninguém resiste à persistente propaganda, há semanas em cadernos culturais, da volta dos Doces Bárbaros. Muito mais bárbaros do que doces, ao que parece.

Essa patrulha nojenta encontra, na imprensa brasileira, um único opositor, segundo Tognolli: Luís Antônio Giron, "o homem que mais entende de música". Mas seu empenho solitário dificilmente será suficiente. A Máfia do Dendê abafa com facilidade ruídos dissonantes. E, com insistente promoção, cativa novas gerações, que mereceriam, em 2002, coisa melhor ou, no mínimo, diferente do que seus pais, há três décadas, tiveram. A doutrinação, que começa na escola - com Caetano elevado a poeta erudito - e passa pela imprensa - como se fossem eles expoentes do bom gosto -, está na hora de acabar. Esta ditadura está longa demais. Cansou.


Postado por Eduardo Carvalho
Em 8/12/2002 às 17h03


Mais Eduardo Carvalho no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Prestes Lutas e Autocríticas
Dênis de Moraes - Francisco Viana
Vozes
(1982)
R$ 5,00



Os Maias - Série Ouro
Eça de Queirós
Martin Claret
(2006)
R$ 12,00



Mitologia Cubana
Samuel Feijoo
Letras Cubanas
(1996)
R$ 15,00



Breakable - Contornos do Coração 2
Tammara Webber
Verus
(2014)
R$ 9,80



Seda (Em espanhol)
Alessandro Baricco
Norma
(1998)
R$ 48,00



Psicologia General Desde El Punto de Vista Personalistico 2 Vols
William Stern
Paidos
R$ 172,50



Mais Com Mais Dá Menos
Bartolomeu Campos de Queirós
Rhj
(2011)
R$ 6,00



Abertura Ruy Lopez
Danilo Soares Marques
Clube de Autores
(2020)
R$ 44,04



As Memórias de Cleópatra 3 - o Beijo da Serpente
Margaret George
Geração Ed
(2001)
R$ 15,00



Desgarrados
Eda Nagayama
Cosac Naify
(2015)
R$ 30,00





busca | avançada
82505 visitas/dia
2,1 milhões/mês