Entrevista a Juliana Dias | Digestivo Cultural

busca | avançada
41731 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
>>> Steve Jobs em 1997
>>> Jeff Bezos em 2003
>>> Jack Ma e Elon Musk
>>> Marco Lisboa na Globonews
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Marco Lisboa na Globonews
>>> Bibliotecas públicas, escolares e particulares
>>> O Vendedor de Passados
>>> Entre a crise e o espectro do humor a favor
>>> Dicas para a criação de personagens na ficção
>>> Tiros, Pedras e Ocupação na USP
>>> Oficina de conto na AIC
>>> Crônica em sustenido
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> O julgamento do mensalão à sombra do caso Dreyfus
Mais Recentes
>>> O Papa e o Concílio de Janus pela Elos
>>> Cristianismo Rosacruz ( Em 02 volumes) de Max Heindel pela Kier (1913)
>>> A Grande pirâmide revela seu segredo de Roselis Von Sass pela Ordem do Graal na Terra (1972)
>>> Obras Interpretação Sintética do Apocalipse de Cairbar Schutel pela O Clarim (1943)
>>> Poesias Completas de Mário de Andrade pela Martins (1974)
>>> As Cruzadas - Livro 1 - a Caminho de Jerusalém de Jan Guillou pela Berttrand Brasil (2006)
>>> O Romance da Astrologia ( Em 03 volumes) de Omar Cardoso pela Iracema
>>> A Grande Caçada de Robert Jordan pela Intrinseca (2014)
>>> Livro Vermelho dos Pensamentos de Millôr de Millôr Fernandes pela Nordica (1974)
>>> Outra Você de Newton Tornaghi pela Rio de Janeiro (1977)
>>> Emagreça Comendo de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva (1993)
>>> Rosa e Lotus Invocações Espirituais de Molinero Yogakrisnanda pela Mandala
>>> Fim dos Tempos de Omar Cardoso pela Artenova (1975)
>>> magia y Sacrificio en la historia de las Religiones de H. Hubert y M. Mauss pela Lautaro (1946)
>>> Apenas uma Sombra de Mulher de Fernando do Ó pela Federação Espírita Brasileira (1950)
>>> Quando tudo falha de Rodolpho Belz pela Casa Publicadora Brasileira (1984)
>>> O Capataz de Salema / Antônio Conselheiro / Marechal, Boi de Carro de Joaquim Cardozo pela Agir/MEC (1975)
>>> La Isla Magia de W.B. Seabrook pela Cenit S.A. (1930)
>>> Un Nuevo Modelo Del Universo de Pedro Ouspensky pela Sol (1950)
>>> La Puerta ( Egipto) de Vários pela Obelisco (1990)
>>> Arpas Eternas (Em 03 volumes) de Hilarion de Monte Nebo pela Fraternidad Cristiana (1952)
>>> Muitas vidas muitos Mestres de Brian L. Weiss M.D. pela Salamandra (1991)
>>> O Sentido da Vida de Valfredo Tepe pela Mensageiro da Fé Ltda (1971)
>>> A aurora cósmica de Eric Chaisson pela Francisco Alves (1984)
>>> Deus Fala a seus Filhos de Elenore Beck pela Verbo Divino (1993)
>>> Encontro com a Alma Gêmea de Paulo Kronemberger pela Novo Milênio (1993)
>>> The Reincarnation Workbook de J.H. Brennan pela The Aquarian Press (1989)
>>> A Granja do Silêncio de Paul Bodier pela Federação Espírita Brasileira
>>> Os Astros Governam nossa Vida de Perpétuo Horário pela Pensamento
>>> La vida de Buda de A. Ferdinand Herold pela Lautaro (1944)
>>> Viagem no Tempo Expansão da Consciência Temporal de Colin Bennett pela Ediouro (1987)
>>> Fraternidade Rosacruz ( O enigma da vida e da morte) de Max Heindel pela Edição do Autor
>>> A L'Ombre des Monastères Thibétains de Jean M. Riviére pela Victor Attinger (1956)
>>> O Espirito Consolador de Padre V. Marchal pela Pensamento (1930)
>>> Los Misterios Rosacruces de Max Heindel pela Kier (1955)
>>> Rosa Cruz de Krumm Heller pela Kier (1944)
>>> Los Raja y Hatha Yogas de Ernesto Wood pela Schapire (1949)
>>> Autodefensa Psiquica de Dion Fortune pela Luiz Cárcamo (1979)
>>> Filosofia Elementar da Rosacruz Moderna de J. Van Rijckenborgh pela Lectorium Rosicrucianum (1975)
>>> Jesus (La Mision de Cristo) de Eduardo Schuré pela Victor Hugo (1944)
>>> Amor e Sabedoria de Emmanuel de Clovis Tavares pela Calvário (1970)
>>> Rosa Esoterica de Krumm Heller pela Kier (1938)
>>> Manual Informativo do Membro da Sociedade Teosófica de Armando Sales pela Sociedade Teosófica (1951)
>>> Cartas da prisão de Frei Betto pela Civilização Brasileira (1977)
>>> Los Antiguos Simbolos Sagrados de Ralph M. Lewis F.R.C. pela Suprema Gran Logica de Amorc (1950)
>>> El Hijo de Zanoni de Sévaka pela Mexicana (1975)
>>> Em Busca da Verdade de Ruth Montgomery pela Record (1967)
>>> Recolecciones de un Místico ( La Fraternidad Rosacruz) de Max Heindel pela Kier (1944)
>>> Enseñanzas de un Iniciado de Max Heindel pela Kier (1955)
>>> Principios Rosacruces de H. Hogar y los Negocios pela Gran Logica Suprema de Amorc (1929)
BLOG >>> Posts

Terça-feira, 30/6/2009
Entrevista a Juliana Dias

+ de 3900 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Olá! Sou aluna de Jornalismo da Cásper Líbero/SP e para o meu trabalho da disciplina Jornalismo Especializado escolhi o site Digestivo. A atividade consiste na elaboração de um texto analítico, e entro em contato para que possamos conversar um pouco mais sobre a publicação. Vi que vocês já possuem muuuitas informações no site, então gostaria de saber coisas mais informais, como por exemplo: ambiente na redação, relacionamento, escolha, e um pouco de informações mais específicas (como escolhem as pautas, como se dão as reuniões com os correspondentes de outros estados)...

1. Antes de lançar o Digestivo, você fez outro site. Poderia falar um pouco sobre ele (se era na mesma linha de cultura, possuía funcionários?)

Era um site pessoal, mas na linha das "homepages" de antes, ainda esta' no ar (dentro do proprio Digestivo).

Não era jornalistico como o Digestivo é. Eu estava descobrindo a publicação na internet (através de newsletters). Então era mais para distribuir meus textos e armazená-los. Durou de 1999 a 2000 (quando comecei o Digestivo).

2. Quais foram as maiores mudanças quando surgiu o Digestivo?

O Digestivo sempre quis ser uma revista, com mais vozes, além da minha. O Digestivo tinha a ambição de ser um veículo, enquanto meu site era apenas um espaço pessoal mesmo.

3. De onde veio o nome da publicação?

Eu sempre gostei muito de cultura e queria que as pessoas se interessassem mais pelo assunto. Logo, quis fazer da cultura um tema mais "digerível", digamos assim, mais "digestivo" mesmo. Daí o nome. No começo eram apenas as minhas notas, então o Digestivo era uma forma de a pessoa se atualizar, sobre o que estava acontecendo culturalmente, e se aprofundar se quisesse (através dos links).

4. E de onde vieram os colaboradores para o Digestivo?

No início, eram pessoas que eu conhecia e que escreviam como eu, sem ter onde publicar livremente (o Digestivo surgiu antes dos blogs e das ferramentas de autopublicação). As dez pessoas iniciais foram chamando outras e o proprio site foi atraindo novos colaboradores ao longo dos anos. Hoje os colaboradores atuais quase não têm mais relação com aquelas dez pessoas do início...

5. Como é a redação do Digestivo?

É virtual, porque as pessoas se relacionam através do e-mail. Aqui, no escritório, fico apenas eu (o Editor). Nem meu Editor-assistente fica aqui mais. Já tive um Editor-assistente aqui e uma estagiária, mas conseguimos automatizar os processos a ponto de fazer praticamente tudo pelo e-mail agora. E pelo site, é claro.

Cada colaborador cadastra suas matérias diretamente. O Editor-assistente revisa e agenda a publicação. O site se atualiza sozinho: quando muda a data, ele muda a capa automaticamente. Também, assim, seguem as newsletters, as atualizações dos feeds e, ainda, do Twitter. Conversamos praticamente todos os dias por e-mail. E temos grupos, tambem de e-mail, de acordo com o interesse (para distribuir os releases que chegam das assessorias de imprensa): literatura, musica, cinema etc.

6. Que características você aponta como mais importantes dos textos do site?

Um registro entre o jornalismo tradicional e a linguagem mais solta dos blogs. Digo que nos inspiramos nas publicações impressas de antes da internet mas que os blogs nos revelaram novos formatos e novas maneiras de trabalhar. Pessoalmente, acho que a sustentação, dos veículos do futuro, vai passar pelas experiências que os blogueiros estão fazendo hoje...

7. Já recebeu muitos textos que não foram publicados?

Já, claro. Na verdade, a seleção é mais da pessoa do que do texto. Lemos os textos primeiro, obviamente, mas, se a pessoa combina com o site (é publicada com frequência), acabamos dando-lhe um voto de confiança e ela pode publicar, livremente, o que quiser (vira Colunista).

8. E a nova ortografia? Como estão lidando com isso?

Estamos seguindo. O Rafael, nosso Editor-assistente, fez essa lição de casa melhor do que eu. Estudou as mudanças e vai revisando os textos dos Colaboradores, de acordo com as novas regras, e sugerindo alterações. Ele tambem me deu um dicionário (com a ortografia atualizada), de presente de aniversário; deixo-o aqui na minha frente. Consulto frequentemente e procuro absorver as mudanças.

9. Qual o perfil do leitor do Digestivo?

É um leitor jovem, mas não muito jovem, de nível universitário pra cima, porque tem de gostar de ler (os textos são longos para o "padrão" da internet). Há, tambem, uma geração acima da nossa, de meia-idade pra frente, mas que costuma se irritar quando lembramos que os meios físicos, que eles tanto prezam, vão acabar etc. Há, ainda, uma geração mais jovem que a de universitários, que chega através das discussões que travamos sobre o futuro da internet (Twitter etc.).

10. Como funcionam as reuniões de pauta para o site? E como é o contato com os colaboradores que moram em outros estados?

Não há reuniões de pauta. Uma vez que a pessoa se torna Colaboradora, ela é livre para enviar/cadastrar seus textos. Como eu disse, é mais uma questão de escolher a pessoa do que de escolher os textos. Confiamos muito nos nossos Colaboradores.

Também redistribuímos os releases que recebemos, como já contei, mas ninguem tem a obrigação de escrever textos a partir deles. Funcionam mais como uma sugestão. Se alguém quiser seguir, bem ― se não, continua valendo.

Talvez seja importante frisar que a nossa redação não é 100% de jornalistas, portanto existem pessoas, que publicam no Digestivo Cultural, que não estão acostumadas a seguir pautas (e que provavelmente nem querem ― como os blogueiros)...

A única pauta sugerida, por nós, é a dos Especiais, que acontecem mensalmente (mas são, novamente, sugestões, nunca são pautas obrigatórias...).

11. Por que mídia apenas on-line e não impressa?

Por "n" razões... Chegamos a estudar uma versão impressa (anos atrás) e até chegamos a fazer um encarte, com a FGV (dentro de uma revista deles). Mas as principais razões são (ou foram) os custos proibitivos dos impressos (que, com a queda da publicidade, e das vendas de exemplares, estão minando-os definitivamente). Fora que temos um alcance que seria impossível em papel. E, se tivéssemos começado em papel, provavelmente teríamos "entrado para a história", como tantas publicações culturais brasileiras...

12. Vi que você é engenheiro e rumou para a área digital, porém usando-a como base para a cultura. Você sempre teve interesse na área? E hoje ainda atua em Engenharia?

Sim, eu sempre tive interesse por cultura. Era leitor do Paulo Francis. Do Nélson Rodrigues. E do Rubem Fonseca. E escrevia desde a época do vestibular, fui redação nota dez da Fuvest.

Sempre tive interesse por tecnologia também. Ganhei meu primeiro computador aos 11 anos. Um Apple II+. E, com um livro de Basic, aprendi a programá-lo sozinho. A engenharia foi metade influência do meu pai (também engenheiro), metade desejo que continuar mexendo com tecnologia (fiz Engenharia de Computação).

Digamos que nunca exerci a Engenharia diretamente, embora tenha sempre trabalhado com tecnologia, e com programação. Trabalhei primeiro em bancos; com o pessoal da mesa de operações e, depois, com o pessoal da controladoria (que consolida os resultados). E, no Digestivo, sigo usando a "engenharia", digamos assim, porque toda a programação do site (que não acaba nunca) é minha...

13. No seu Twitter você fala muito sobre mídias sociais. Qual a importância delas para você e para o seu trabalho?

As mídias sociais são a vedete do momento. Na verdade, se voce está na internet (e todo mundo vai estar, não tem jeito), você tem de estar por dentro do que está acontecendo. Não vamos mais ter uma mídia que dure um século sem quase nenhuma alteração (como os jornais). A internet é muito fluida e se você não acompanhar o que está acontecendo, fica para trás. Hoje, graças a essa atenção que dou às midias sociais, digamos assim, o Twitter já é a nossa terceira fonte visitação, depois do Google e depois da "visitação direta" (que vem espontaneamente). Felizmente, tenho prazer em acompanhar os avanços da internet, então quase não é trabalho para mim...!

Para ir além
"Histórico"


Postado por Julio Daio Borges
Em 30/6/2009 à 00h05


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Entrevista a Fernanda Munhão de Julio Daio Borges
02. No Tungcast reloaded de Julio Daio Borges
03. Digestivo na UFRJ de Julio Daio Borges
04. E-book Novos Jornalistas de Julio Daio Borges
05. Autores & Ideias no Sesc-PR I de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
1/7/2009
11h26min
Pois é, eu também conheci o Digestivo pelo Twitter - alguém que me seguia ou que eu seguia seguia o Digestivo... entrei no site e adorei!
[Leia outros Comentários de Débora Carvalho]
1/7/2009
19h01min
Conheci o Digestivo em 2003/04 cursando Jornalismo, quando fiz uma entrevista para uma rádio com o Julio, e desde lá sou assídua leitora deste site. Obrigada, Julio, pelo seu empreendedorismo que conquistou um público amplo que precisava de um canal como este.
[Leia outros Comentários de Ivete Rocha]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




NUEVO LISTO - VOLUME ÚNICO - COM CADERNO DE EXAMES
ROBERTA AMENDOLA
SANTILLANA
(2012)
R$ 64,90



ASTROLOGIA: CIÊNCIA OU SUPERSTIÇÃO?
LINNEU HOFFMANN
MUSEU DA ASTRONOMIA
(1994)
R$ 31,28



SOMOS DA QUARTA COLÔNIA
RAFAELA VENDRUSCOLO
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 419,00



QUAL É A TUA OBRA?
MARIO SERGIO CORTELLA
VOZES
(2007)
R$ 20,00



VIVER É CRISTO
R. W. GLEASON
VOZES
(1967)
R$ 10,00



PREVISÃO E CONTROLE DAS FUNDAÇÕES
URBANO RODRIGUEZ ALONSO
EDGARD BLUCHER
(1991)
R$ 43,00



JUCA JABUTI, DONA LEÔNCIA E A SUPERONÇA
ORIGENES LESSA
MODERNA
(1982)
R$ 8,00



A ÉTICA
ANGÈLE KREMER-MARIETTI
PAPIRUS
(1989)
R$ 18,00



BÓRGIA 2 VOLUMES
MICHEL ZEVACO
MINERVA
R$ 20,00



POLIEDRO ROMA 1965/66
MURILO MENDES
JOSÉ OLYMPIO
(1972)
R$ 50,00





busca | avançada
41731 visitas/dia
1,1 milhão/mês