Contos Parisienses - Eiffel Segundo e Natasha | Blog de Hector Angelo - Arte Virtual

busca | avançada
51779 visitas/dia
2,3 milhões/mês
Mais Recentes
>>> DIADORIM | NONADA SP
>>> Porto Blue Sound, festival de música gratuito chega a Belo Horizonte em julho
>>> Projeto Memória leva legado de Lélia Gonzalez ao CCBB BH
>>> DJ Erick Jay participa de A Quebrada É Boa, evento realizado pelo Monarckas em Sapopemba
>>> Espetáculos gratuitos da São Paulo Escola de Dança acontecem na Pinacoteca e Teatro de Contêiner
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jensen Huang, da Nvidia, na Computex
>>> André Barcinski no YouTube
>>> Inteligência Artificial Física
>>> Rodrigão Campos e a dura realidade do mercado
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
>>> The Piper's Call de David Gilmour (2024)
Últimos Posts
>>> O mais longo dos dias, 80 anos do Dia D
>>> Paes Loureiro, poesia é quando a linguagem sonha
>>> O Cachorro e a maleta
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Lá vamos nós outra vez...
>>> Tempo vida poesia 5/5
>>> Nós, os escritores derrotados
>>> A Paris de Chico Buarque
>>> Muhammad Ana Maria Ali Braga
>>> Segundo, o primeiro de Maria Rita
>>> Os bigodes do senhor autor
>>> Jackie O., editora
>>> Morrer, na literatura
>>> Sobre Caramujos
Mais Recentes
>>> Panfletos Satíricos de Jonathan Swift (tradução de Leonardo Fróes) pela Topbooks (1999)
>>> Fique De Bem Com Seu Cerebro de Suzana Herculano-houzel pela Sextante (2007)
>>> Livro Ciências Exatas Debate Nacional Projeto Nacional Ciência e Tecnologia de Luiz Toledo Machado; Esdras Magalhães dos Santos pela Inep
>>> Dona formiga mestre tatu e o imposto de renda de Cecília Lopes da Rocha Bastos; Hugo Ribeiro pela Do autor (1970)
>>> Novo Guia Cartoplam-Rio de Janeiro de Paulo Roberto Houch pela Cartopi
>>> Livro Infantil O Grande Livro dos Grandes Planetas de Luciano Campelo, Emily Bone pela Usborne (2017)
>>> Figueirense x Avaí: O clássico de florianópolis de Jairo Roberto de Souza pela Tribo da ilha (2005)
>>> Interpretação sintética do apocalipse de Cairbar Schutel pela O Clarim (1977)
>>> Educação Fisica Na Terceira Idade- Teoria e Pratica - Esportes de Francine Cruz pela Icone (2013)
>>> Diccionario de Bolsillo de la Lengua Española de Aquilino Sánchez Pérez pela SGel (1998)
>>> Livro Infantil As Aventuras De Tom Sawyer de Mark Twain pela Panda Books (2011)
>>> Teoria geral do federalismo democrático de Augusto Zimmermann pela Lumen Juris (1999)
>>> Tratado De Fisiologia Médica de Arthur C. Guyton; Hall pela Elsevier (2011)
>>> Correio Sul - Voo Noturno de Antoine De Saint-Exupery pela Abril Cultural (1974)
>>> Livro Infantil Quanto Lixo - Desperdício, Reciclagem e Proteção do Planeta de Jess French pela Girassol (2020)
>>> Mantras Para O Dia A Dia - Esoterico de Sonia Novaes E Outros pela Atomo (2014)
>>> Crônicas e comentários de Aureliano Alves Netto pela Culturesp (1987)
>>> O Mapa dos Ossos de James Rollins pela Ediouro (2005)
>>> Soluções Caseiras para problemas do dia-a-dia de Marleine Cohen pela Globo (2009)
>>> Livro Infantil 20 Mentes Extraordinárias Que Mudaram o Mundo de Moon SRL pela TodoLivro (2019)
>>> Ivana - A mulher de duas vidas de J. Stefanini pela Edicel
>>> O Poder Da Autorresponsabilidade de Paulo Vieira pela Gente (2017)
>>> The Catcher In The Rye de J. D. Salinger pela Penguin (1994)
>>> Eu Sou Jack 0 Estripador - Biografia de James Carnac pela Seamon (2016)
>>> Um Estranho Numa Terra Estranha de Robert Heinlein pela Aleph (2017)
BLOGS >>> Posts

Segunda-feira, 27/4/2015
Contos Parisienses - Eiffel Segundo e Natasha
Hector Angelo - Arte Virtual
+ de 1700 Acessos

Em Paris há muitos e muitos anos atrás...
Eiffel Segundo, mais conhecido como Segundo, ainda era um jovem, porém não tinha a alegria dos outros rapazes da sua idade, era solitário e triste. Tinha uma única amiga, a Natasha, diferente dele a garota era feliz e sonhadora.
Todas as tardes os garotos da escola subiam numa árvore, no quintal da casa de Segundo para ficarem observando a construção da Torre Eiffel, que como até hoje, despertavam muita curiosidade e encanto.
Segundo- Sabe Natasha, quando a torre que meu pai projetou estiver pronta nós subiremos no último andar.
Natasha- Você vai me levar até lá em cima? O que vamos fazer lá?
Segundo - Para vermos Paris inteira. Deve ser linda a vista lá de cima!!!
Natasha- Mas nós subiremos á noite, pois a torre ficará da altura do céu e eu quero pegar uma estrela.
Segundo - Boa ideia Natasha! Esta estrela será o simbolo de nossa amizade.
No ano seguinte...
A Torre Eiffel já estava quase pronta e todos os moradores da cidade estavam ansiosos pela inauguração do grande monumento.
Senhor Eiffel pai de Segundo, ficaria em Paris somente até o dia da inauguração, ele e sua família iriam se mudar para Londres, pois o engenheiro foi convidado para projetar um grande monumento para a capital londrina.
Infelizmente para Segundo o dia da mudança chegou rápido e sua família já estava com tudo organizado para a mudança, logo após a grande festa de inauguração da Torre Eiffel.
Quando os Eiffel estavam partindo, Natasha surgiu no portão da casa da família. Segundo que já estava na carruagem pula ao encontro da amiga.
Natasha- Você não pode partir!! E a nossa amizade? Não subimos na torre como me prometeu! Não temos uma estrela para representar nossa amizade.
Senhor Eiffel gritava da carruagem:
- Filho, vamos temos que partir! Não podemos viajar à noite!
Segundo- Natasha, tenho que ir! Não podemos conversar agora. Mas tenho um presente para você!
Eiffel Segundo entregou para a amiga Natasha um lindo colar com um pingente de estrela.
Natasha- Uma estrela para representar nossa amizade. Obrigada meu querido!!
Os olhos da garota se enchem de lágrimas. Segundo carinhosamente limpa as lágrimas de Natasha.
Segundo- Natasha queria ser mais que um amigo. Nunca tive coragem de te dizer antes mas, eu te amo!!!
Senhor Eiffel chama o filho mais uma vez. Segundo se vira entra na carruagem e deixa sua amada na calçada de sua antiga casa.
Os anos passaram...
Natasha também amava Segundo e nunca havia esquecido a história dos dois e snunca tirou do pescoço o colar que Segundo havia lhe dado na sua partida para Londres. Seu grande sonho era reencontrar seu grande amor.
Eiffel Segundo se tornou como seu pai um engenheiro muito conceituado e foi convidado para trabalhar em Paris.
Por uma grande coincidência do destino Segundo ao chegar na estação de trem em Paris se esbarra com sua velha amiga e o amor de sua vida Natasha.
Segundo- Perdão senhora! Estava andando muito apressado.
Ao olhar de novo para a moça, Eiffel Segundo percebeu que ela usava o colar com o pingente de estrela que ele havia dado de presente para Natasha.
Segundo - Perdão, qual o seu nome?
Natasha - Meu nome é Natasha. Porque?
Segundo - Você não está lembranda de mim?
Natasha percebe que é Eiffel o grande amor de sua vida e o abraça fortemente.
Natasha- Desculpe-me pelo entusiasmo do meu abraço, mas foram anos sonhando com este momento.
Segundo- Acho que agora podemos subir na Torre Eiffel e capturar a nossa estrela! Fiquei te devendo isso! Lembra?
Natasha - Claro!!! Será uma grande alegria pra mim.
Segundo - Nos encontramos amanhã à noite no topo da torre. Pode ser?
Natasha - Estarei lá!
Na noite seguinte...
Natasha usada um lindo vestido de veludo vermelho. Quando a mulher estava quase aos pés da Torre Eiffel sentiu uma forte dor de cabeça. Natasha colaca a mão na cabeça, a dor é muito forte em seu pensamento vem todos os momentos que viveu com Eiffel Segundo. A mulher desmaia e cai no chão, seu nariz sangra.
Muitas pessoas se reúnem em volta de Natasha. Algumas tentam salvá-la mas já é tarde. O sangue de Natasha se mistura ao vermelho de seu vestido. A amada de Eiffel Segundo tinha um aneurisma e não sabia.
Enquanto isso, Segundo esperava seu grande amor no topo da torre. Horas se passaram e Natasha não chegou ao encontro, o homem desce triste da torre e vai embora.


Postado por Hector Angelo - Arte Virtual
Em 27/4/2015 às 15h40

Mais Blog de Hector Angelo - Arte Virtual
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Dona Lua e Donzelinha
Carmela Carminatti
A Fábrica De Desenhos
(2015)



Livro Literatura Brasileira Para Não Esquecer
Clarice Lispector
Rocco
(1999)



Livro Infanto Juvenis Homem Não Chora
Flávio de Souza
Formato
(1994)



Águas Turvas
Helder Caldeira
Quatro Cantos
(2014)



Secrets of Stylists
Sasha Charnin Morrison Grace Mirabella
Chronicle Books
(2011)



Criando Meninas - Raising Girls - Portuguese Edition
Gisela Preuschoff
Fundamento
(2003)



A Esperança 574
André Malraux
Record
(2000)



Como e por que se faz arte
Elizabeth Newbery
Ática
(2004)



Livro Literatura Estrangeira A Cabana
William P. Young
Sextante
(2008)



Infierno Grande
Guillermo Martínez
Planeta
(2006)





busca | avançada
51779 visitas/dia
2,3 milhões/mês