Contos Parisienses - Mona e Da Vinci | Blog de Hector Angelo - Arte Virtual

busca | avançada
63075 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
BLOGS >>> Posts

Domingo, 31/5/2015
Contos Parisienses - Mona e Da Vinci
Hector Angelo - Arte Virtual

+ de 900 Acessos

Os contos parisienses serão histórias de amor e tragédia vividas por cinco casais em Paris - A Cidade do Amor. No segundo conto da série vou contar a "verdadeira" história sobre o quadro de Monalisa e desvendar um mistério que há anos vem atormentando a mente de muita gente.

Em um lindo campo de lavanda próximo à Paris....

Leonardo um jovem e promissor pintor observava cada detalhe da paisagem e com seu pincel retratava com pinceladas mágicas a beleza que estava diante de seus olhos.
De repente surgiu na sua frente uma mulher bonita, de cabelos longos e negros, usando uma capa azul, montada em um cavalo branco com manchas pretas.
Mulher - Que bela pintura senhor!! Tão jovem e com tanto talento!
Leonardo - Obrigado! Sua imagem diante de meus olhos é que parece uma bela pintura. Mora por perto? Qual seu nome linda mulher?
A mulher encabulada com os elogios responde envergonhada.
- Com tantos elogios me deixa envergonhada. Sim moro na fazenda ao lado. Chamo-me Monalisa. E você jovem pintor, qual o seu nome?
Leonardo - Meu nome é Leonardo Da Vinci, acabei de me mudar para uma casa logo ali atrás daquela colina.
Monalisa- Sua pintura me encantou, tenho muita vontade de ser retrata em uma tela. Como descobrimos que somos vizinhos, será que um dia pintaria meu retrato?
Leonardo- Perdão, mas não faço pintura por encomenda. Para me inspirar preciso que algo me toque. Apesar de estar encantado com sua beleza, necessito que toque o meu coração para que minhas pinceladas sejam perfeitas.
Monalisa - Entendo. Todo artista precisa de uma inspiração. Desculpe pelo meu incômodo. Mas se mudou recentemente para a região gostaria de oferecer um jantar em minha casa para você conhecer minha família, alguns vizinho e quem sabe conseguir um trabalho na fazenda do meu pai. Sei que não consegue ainda viver de arte.
Leonardo - Agradeço o convite, tem razão minhas pinturas ainda não garantem uma renda. Encontramos-nos em sua casa ao pôr do sol.
Monalisa segue cavalgando pelo campo de lavanda e Leornardo continua pintando sua tela.
Conforme combinado, Leonardo chegou à casa da família de Monalisa ao pôr do sol, teve uma noite agradável, conquistou a confiança dos pais da mulher e conseguiu um emprego na fazenda de Monalisa.
Tempos depois.....

Monalisa e Da Vinci foram se aproximando e a amizade se transformou em uma grande paixão. Leonardo conseguiu por fim uma exposição em Paris. Alegre com a notícia o rapaz reuniu a família de Monalisa em sua casa para jantar e contar a novidade.
Leonardo - Reuni vocês esta noite porque recebi uma notícia que me alegrou muito. Um amigo meu, mostrou meus quadros para uma galeria em Paris e eles gostaram e vão fazer uma exposição do meu trabalho.
Pai de Monalisa - Você vai para Paris? Vai deixar minha filha aqui? Dei-te um emprego! Arte não sustenta ninguém!
Leonardo - Nunca escondi de ninguém que a arte é minha paixão e que estava trabalhando com o senhor enquanto esperava uma oportunidade de viver da minha arte. Não posso deixar esta oportunidade de lado.
Mãe da Monalisa - Você vai, mas terá que esquecer a nossa filha!!É um ingrato. Não pode fazer isso conosco.
Leonardo se levanta enfurecido e sai da mesa sem dizer uma palavra. Monalisa abraça sua mãe em prantos.
Meses se passaram....
Leonardo estava realizando uma exposição num museu recém inaugurado na capital francesa. A fortaleza que protegia Paris dos Vikings tinha se tornado o museu Central das Artes (atualmente Museu do Louvre), a população estava em festa com a novidade da cidade.
Era dia 20 de agosto de 1793, último dia da exposição de Leonardo Da Vinci no museu Central das Artes. Leonardo estava preste a ir embora quando uma mulher se aproximou e beijou sua boca. Neste momento Monalisa que tinha vindo à cidade para reencontrar seu amor entrou na sala de exposição e se deparou com a cena romântica.
Monalisa - Leonardo, você já me esqueceu! Briguei com meus pais para estar aqui hoje. Vim para resgatar nosso amor.
Monalisa desesperada com que viu saiu correndo em direção ao quadro que Leonardo pintava quando se conheceram. Uma força puxou a mulher para a tela, sem poder se livrar, Monalisa foi sugada pelo quadro. A mulher apaixonada foi aprisionada pela obra de seu amado e sua imagem ficou eternizada.
Hoje, em 2015, centenas de pessoas visitam o quadro da Monalisa no Museu do Louvre e ninguém entendia até agora porque aquela pintura emociona tanto.


Postado por Hector Angelo - Arte Virtual
Em 31/5/2015 às 20h22


Mais Blog de Hector Angelo - Arte Virtual
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




MONOGRAFIA E APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIÊNTÍFICOS
DOMINGOS PARRA FILHO E JOÃO ALMEIDA SANTOS
TERRA
(1993)
R$ 7,00



SAÚDE: EXERCÍCIO DA VIDA
FRANCISCO BICUDO
SALESIANA
(2013)
R$ 5,00



VOZES DO GOLPE 4 VOLUMES
CARLOS HEITOR CONY E OUTROS
CIA DAS LETRAS
(2004)
R$ 5,00



ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
LEWIS CARROLL; MONTEIRO LOBATO
L&PM EDITORES
(2003)
R$ 57,13



ADMINISTRAÇÃO DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO- TEORIA E PRÁTICA
EFRAIM TURBAN- R. KELLY RAINER- RICHARD E. POTTER
CAMPUS
(2005)
R$ 59,90



NÚMEROS E AROMAS DO AMOR
APARECIDA LIBERATO E BETO JUNQUEIRA
BEST SELLER
(2000)
R$ 25,00



CAMINHOS DE DEUS CAMINHOS DOS HOMENS
RUIZ DE GOPEGUI
LOYOLA
(1971)
R$ 7,99



VIREI EMPRESÁRIO. E AGORA?
BETH MARTINS
LITERARE BOOKS INTERNATIONAL
(2017)
R$ 24,90



MANUAL DE CONTABILIDADE DAS SOCIEDADES POR AÇÕES
SERGIO DE LUDÍCIBUS
ATLAS
(1995)
R$ 6,90



EM BUSCA DA VERDADE
JOÃO JOSÉ RICHA
MAX
(1982)
R$ 18,90





busca | avançada
63075 visitas/dia
1,8 milhão/mês