Da vitrola ao microchip | Rodolfo Felipe Neder | Digestivo Cultural

busca | avançada
64948 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Rodolpho Parigi participa de live da FAAP
>>> Para fugir de ex-companheiro brasileira dá volta ao mundo com pouco dinheiro
>>> Zé Guilherme encerra série EntreMeios com participação da cantora Vania Abreu
>>> Bricksave oferece vistos em troca de investimentos em Portugal
>>> Projeto ‘Benzedeiras, tradição milenar de cura pela fé’ é lançado em multiplataformas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Meu malvado favorito
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Breve História do Cinismo Ingênuo
>>> Minha cartomante não curte o Facebook
>>> Geza Vermes, biógrafo de Jesus Cristo
>>> Da Poesia Na Música de Vivaldi
>>> Os olhos brancos de Deus
>>> Alívios diamantinos
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Ser intelectual dói
>>> Simone de Beauvoir: da velhice e da morte
>>> Alice in Chains, Rainier Fog (2018)
Mais Recentes
>>> Cachaça artesanal. Do alambique à mesa de Atenéia Feijó & Engels Maciel pela Senac Nacional (2001)
>>> Pirâmides E Soberanos Do Egito de Sérgio Pereira Couto pela Escala (2015)
>>> O Velho Monge do Castelo de Lauro Trevisan pela Mente (2010)
>>> Dinâmica do Desejo de Frei Carmelo Surian pela Vozes (1982)
>>> Testemunho Sem Medo Como Partilhar sua Fé com Segurança de Bill Bright pela Candeia (1988)
>>> Cachaça. The Authentic Brazilian Drink de Diversos Autores pela Abrabe (2010)
>>> Natal a Humanidade e a Jovialidade de Nosso Deus de Leonardo Boff pela Vozes (2000)
>>> Blitzkrieg 1940 de Ward Rutherford pela Bison (1985)
>>> Cantores do Rádio. A trajetória de Nora Ney e Jorge Goulart e o meio artístico de seu tempo de Alcir Lenharo pela Unicamp (1995)
>>> Titeres y marionetas en alemania de Hans R. Purshke pela Neue Darmstädter Verlagsanstalt Darmstadt (1957)
>>> Aritmética da Emília de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Caçadas de Pedrinho de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Histórias Diversas de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Emilia no País da Gramática de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Histórias de tia Nastácia de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> O Saci de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> O Picapau amarelo de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Os 13 Porquês de Jay Asher pela Ática (2009)
>>> Só o Amor é Real de Brian Weiss pela Sextante (2012)
>>> Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis pela Ciranda Cultural (2017)
>>> O clamor do Mundo de Oswaldo Smith pela Vida (2009)
>>> DVD Coleção Mazzaropi Tristeza do Jeca vol. 3 de Direção, Amácio Mazzaropi / Milton Amaral pela Pam filmes (1961)
>>> A Cinco Passos de Você de Rachael Lippincott pela Alt (2019)
>>> O Poço do Visconde de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Peter Pan de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Memórias da Emília de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> O Minotauro de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> História do Mundo para Crianças de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Dom Quixote das Crianças de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> As Aventuras de Hans Staden de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> A chave do Tamanho de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> viagem ao Céu de Monteiro Lobato pela Ciranda Cultural (2019)
>>> Serões de dona Benta de Monteiro Lobato pela Ciranda cultural (2019)
>>> Go Down Together The true Untold story of Bonnie and Clyde de Jeff Guinn pela Simon & Schuster (2009)
>>> Fbi--43--o grande golpe--105--41--67 de Monterrey pela Monterrey
>>> Hh--epopeias de guerra--375--furia e odio--6--160--146--153--158-- 23--141 de Peter kapra pela Monterrey
>>> Rpg--29--anjos e demonios--58--temporada de caça. de Trama pela Trama
>>> Egw--100--call of duty--black ops de Tambor pela Tambor
>>> A Saga dos Cristãos Novos de Joseph Eskenazi Pernidji pela Imago (2005)
>>> Uma Técnica de Viver de Leonard A. Bullen pela Pensamento (1988)
>>> Avaliação de Programas - Concepções e Práticas de Blaine R. Worthen, James R. Sanders e Jody L. Fitzpatrick pela Gente (2004)
>>> Concentração de Mouni Sadhu pela Pensamento (1984)
>>> O Melhor Livro Sobre Nada de Jerry Seinfeld pela Frente (2000)
>>> A República de Platão pela Nova Cultural (2000)
>>> Condenados da Terra de Frantz Fanon pela Edição Popular (1961)
>>> Com Olhos de Criança de Francesco Tonucci pela Instituto Piaget (1988)
>>> Revista Neuro Educação – Nº 4 – Dormir Bem Para Aprender Melhor de Vários Autores pela Segmento (2015)
>>> de Jorge Carvalho do Nascimento pela Criação (2018)
>>> Revista Ciência & Vida Psique – Ano 1 – Nº 2 – Psicopedagogia Pra Que? de Vários Autores pela Escala
>>> Revista Crescer em Família – Ano 7 – Nº 74 - Primeiro Ano do Bebê de Vários Autores pela Globo (2000)
COLUNAS

Segunda-feira, 2/1/2006
Da vitrola ao microchip
Rodolfo Felipe Neder

+ de 9500 Acessos

Farmacêutico de uma pequena cidade com uma vocação nata de bom ouvinte musical, ele não tocava instrumento algum, mas ouvia música como ninguém. Com ele, conheci Begnamino Gigli, Renata Tebaldi e Arturo Toscanini. Verdi e Puccini. Ele ouvia com reverência e concentração a música clássica e sentia um verdadeiro fastio e desagrado por músicas popularescas ou da moda. Conheci com ele, também, meu primeiro aparelho de som. De lá até hoje não parei de viajar pelo mundo dos diversos modelos e sistemas de som.

Um dia, quando o inverno se aproximava, lá pelo final dos anos 40, meu pai comprou um aparelho RCA Victor à manivela que se ligava por dois fios ao rádio da família. Na época, era um modelo modesto, pois já existia o que se chamava combinado, um móvel enorme e do qual faziam parte um rádio, um toca-discos e um som. Nosso rádio, um Philips à válvula com olho mágico, era um luxo, e eu podia, com meus dez anos, ter o direito ao comando e a troca de emissoras - claro, quando meu pai não estava em casa.

Junto com o aparelho RCA Victor, vieram os primeiros discos de pasta e de 78 rpm - Cuidado, dizia ele, podem quebrar. Foi nesse dia de 1948 que ouvi pela primeira vez a "Marcha Triunfal", de Aída. É muito difícil alguém imaginar o que significou para mim. Nesse dia, abriram-se as portas da minha curiosidade infinita pela música e comecei a bombardear com perguntas encadeadas. Arturo Toscanini regia a Orquestra Sinfônica da NBC, de Nova York, Renata Tebaldi era Aída, Gigli era o Radamés. Contou-me a história da Aída, de Verdi, e que foi uma ópera escrita por encomenda pelo governo Egípcio para a inauguração do Canal de Suez e que Reis, Príncipes e Governantes assistiram a estréia em Alexandria, me contou pacientemente a história de Radamés e Aída, uma história de amor e de guerra do povo escravo, nesse dia também conheci, pelo seu relato uma biografia de Verdi e que, mas tarde, confirmei e a enriqueci no famoso Tesouro da Juventude. Contou-me, também, da magnitude dos teatros líricos como o Metropolitam de NY, a Escala de Milão e o Colón.

Meu pai sentia um enorme respeito pela música que ouvia e exigia silêncio de todos. Sua paixão era a ópera Italiana.

Essa noite fui a dormir com um acúmulo de informações e conhecimentos fora do comum. Tudo era novo para mim: música, ópera, Verdi, cantantes e as histórias dos teatros líricos, há também a vitrola a manivela. Esse dia nunca esqueci. Foi maravilhoso, foi o ponto de partida do longo caminho do meu gosto musical.

Uma, entre as tantas curiosidades que ficaram sem satisfazer, foi saber o que o cachorro fazia aí no rótulo da RCA Victor, sentado atento ao lado da vitrola. Como era um novo dia de trabalho e não havia mais tempo para a longas histórias, acompanhei meu pai até a farmácia. Ele andava a passos rápidos e eu, a seu lado, tinha que dar pequenas corridas para ir ouvindo a história do atento cachorro que reconhecia a voz de seu patrão gravada num disco pela primeira vez. Era a voz de Thomas Edison, que tinha inventado o aparelho de reprodução conhecido com o nome de "vitrola" da marca RCA VICTOR.

Meu Deus, como foram tempos felizes esses dias, nem parecia que o inverno tinha chegado. A vitrola à manivela, que estava na sala, durou pouco dias, ela não quebrou, não.

A música tinha crescido em nossas vidas e ocupava um espaço na família e exigia um aparelho melhor. O rádio Philips voltou para seu lugar original na cozinha. Essa foi a primeira troca. Veio um aparelho maior e mais potente e que não precisava mais do auxílio do rádio nem da manivela, era totalmente elétrico, mas como todo aparelho da época requeria a troca da agulha que percorria os sulcos, a cada dois discos. Ouvir música exigia muita atenção e uma boa mão-de-obra.

O inverno estava no fim. Senti isso não porque o frio tinha diminuído, e, sim, pelos pessegueiros que via da minha janela do meu quarto, que começavam a brotar flores. Nunca deram um pêssego que valesse a pena, mas as flores eram muito bonitas e marcavam a entrada primavera na minha casa. Quanta coisa tinha aprendido e gostado nesse inverno, quanta coisa meu pai tinha me ensinado, até a história do cachorro e a voz do seu patrão. Foi assim que junto com Gigli, Tebaldi, Toscanini e Verdi, descobri, também, a primeira logomarca com uma história.

Um ano mais tarde, creio, demos as boas-vindas ao primeiro "combinado" montado especialmente para nossa família, era enorme e ocupava um grande espaço na sala, foi montado por dois engenheiros eletrônicos com o que havia de melhor na época: válvulas enormes de marca RCA, alto-falantes pesados de 14 polegadas e o toca-discos automático marca Webster. A sensação era um circuito especial que permitia ouvir em outros rádios da casa a música que saia do "combinado". Esse aparelho ficou muitos anos na minha casa e cresci a seu lado.

Por esses tempos o disco long play (LP) já era uma realidade e me tornei rapidamente um colecionador, formando a minha própria coleção musical. Nunca mais parei.

Hoje, depois de muitas décadas e de muitas historias passadas, passeio, pelas manhãs de São Paulo, acompanhado por Haydn, Beethoven, Villa-Lobos, Benny Goodman, Nelson Freire, a Cultura FM levando comigo a música e as recordações e todo o que mais deseje armazenar no meu pequeno aparelho de MP3, um belo presente, que penduro no meu pescoço enquanto a ciência não me permite, ainda, um microchip que possa inserir embaixo da minha pele com as duzentas melhores músicas da minha vida. Em matéria musical não preciso mais que isso.

Nota do Editor
Rodolfo Felipe Neder é diretor do site Millôr Online.


Rodolfo Felipe Neder
São Paulo, 2/1/2006


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Eu me pergunto para onde vai a imprensa... de Adriana Carvalho
02. Como não comprar livros de Lisandro Gaertner
03. Luz no breu: entrevista com poeta Donizete Galvão de Jardel Dias Cavalcanti
04. Juventude alquebrada de Bruno Garschagen
05. Desintegração de Paulo Salles


Mais Rodolfo Felipe Neder
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A CONSTRUÇÃO DA ESTRUTURA CONCEITUAL DA FÍSICA CLÁSSICA
POLITO, ANTONY M. M.
LIVRARIA DA FÍSICA
(2016)
R$ 50,00



PENSAMENTO ATLÂNTICO, ESTUDOS E ENSAIOS DE PENSAMENTO LUSO-BRASILEIRO
PAULO A. E. BORGES
IMPRENSA NACIONAL
(2002)
R$ 81,58



ARARIBÁ PLUS HISTÓRIA 9º ANO
MARIA RAQUEL APOLINARIO
MODERNA
(2017)
R$ 9,00



AS PARÁBOLAS
IVETE RIBEIRO
VOZES
(1974)
R$ 10,00



CAUSAÇÃO EM PSIQUIATRIA: O ENDOGENO
MARCO AURÉLIO BAGGIO
FOGLIO
(2000)
R$ 5,00



O MAPA DO TESOURO
WALMIR AYALA
FDT
(1988)
R$ 10,00



INTERFACES: LITERATURA, MITO, INCONSCIENTE, COGNIÇÃO
MARIA LUIZA RAMOS
UFMG
(2000)
R$ 33,28



SLANG AND EUPHEMISM: OATHS - CURSES - INSULTS - RACIAL SLURS - SE
RICHARD A. SPEARS
SIGNET
(1981)
R$ 32,28



GUIDE DU MUSÉE RODIN: A L'HÔTEL BIRON
MONIQUE LAURENT
HAZAN
(1992)
R$ 14,00



A ANÁLISE E O ARQUIVO
ELISABETH ROUDINESCO
JORGE ZAHAR
(2006)
R$ 33,00





busca | avançada
64948 visitas/dia
2,1 milhões/mês