O tempo das histórias | Domingos Pellegrini | Digestivo Cultural

busca | avançada
44867 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 18/4/2002
O tempo das histórias
Domingos Pellegrini

+ de 2400 Acessos
+ 2 Comentário(s)

O tempo das histórias se anuncia antes da gente entender qualquer palavra. Já viu como nenê fica olhando-ouvindo gente que está falando? Ele sabe que a boca é fonte, então fica de boca aberta, querendo "beber" a linguagem...

Nenê dorme feliz ouvindo a mãe a conversar com a visita. Aí é levado para o berço, onde continua a dormir, dorminhoco que nenê é, até que acorda irritado, bravo, traído: cadê aquela conversa que embalava o sono e garantia segurança? Então a mãe compensa com uma cantiga de ninar...

Depois, quando a criança já fala, o tempo das histórias pode começar. Mas antes é preciso criar o clima, o ambiente mágico.

Abra a janela, para o velho vento poder dar o ar da sua graça.

Coloque um incenso para queimar, ou coloque no criado umas flores num copo com água, para o perfume despertar no cérebro da criança os tempos em que nossos ancestrais dormiam pelos bosques.

Apague a luz, acenda o abajur, uma luz indireta qualquer, mesmo uma vela - para lembrar as fogueiras onde a linguagem nasceu, entre homens e mulheres a contar o que fizeram do seu dia, seus temores e alegrias.

Então conte uma boa história para seu filho, ou para qualquer criança, e estará fazendo o que de melhor pode fazer pelo seu país e pela humanidade. Você estará investindo num ser humano emocionalmente equilibrado, criativo e comunicativo - desde, claro, que sua história também seja criativa e comunicativa.

Se você não consegue criar as próprias histórias, é só lembrar de tantas de Esopo, dos Irmãos Grimm, de La Fontaine, do folclore... Você pode até ler, e já estará plantando na criança a noção de que livro também é fonte, o que resultará num leitor e num ser civilizado.

Mas é preciso contar boas histórias, né. Nada de assombrações e monstros tão pavorosos que, mesmo depois de mortos pelo herói, voltam a espantar o sono e criar o medo em vez do encanto.

Claro também que, para haver encanto, o adulto deve tornar-se criança ao contar ou ler histórias. Nunca em postura reta, em pé ou sentado, mas em postura curva, no chão, na cama, ou na indiana posição de flor de lótus, desde que voltado para a criança e acreditando no que conta. Criança detesta fingimento, então o contador precisa viver o que conta.

A voz pode engrossar, afinar, esganiçar, estridular, ranger, atolar-se, lerdear ou ligeirar, entre inflexões e modulações, sotaques e formas próprias de falar de cada personagem. Aí você olha a criança e vê que, transportada pela sua voz, ela está no mundo da história, os olhos parados, olhando longe-dentro, piscando nas falas e ações e mudanças de cena de uma boa história.

Mas não confunda boa história com história boa. Uma história boa é aquela que se dirige para o bem, e o melhor é quando uma boa história é também uma história boa. E uma boa história é aquela que tem ação envolvente, fantasia, personagens cativantes, até mesmo lições embutidas, desde que isso não transpareça, ou a criança rejeitará as lições como deixa no prato as cebolas e rabanetes.

Durante décadas contei a meus filhos, no tempo de histórias de cada um, a história do cavalinho que não gostava de comer cenoura. Uma noite, aventurando-se pelo campo longe da mãe, o cavalinho caiu num buraco grande, "porque quem não come cenoura fica sem visão noturna, não enxerga nada de noite". De manhã, a égua procura pelo cavalinho, e consegue tirar o bichinho do buraco jogando uma corda que puxa com os dentes, "porque quem come bastante cereais têm dentes fortes", claro. Bem, contei para os quatro filhos esta história, que foi uma das preferidas de todos eles, pediam toda noite, até porque eu sempre contava com algum detalhe diferente, envolvendo outros legumes e verduras...

Agora o Ministério da Educação convida para teleconferência sobre leitura compartilhada. Hoje a caçula já passou da fase das histórias, de modo que vou falar sobre uma prática antiga mas desativada.

Então, até para captar impressões deles, pergunto a Leo e Analu, os mais novos, se lembram da história do cavalinho. Que história do cavalinho? Conto a história, não lembram. Lembram muito da história do gato xadrez, que fazia viagens malucas pelo mundo, em versos e ao sabor das rimas e da música diferente a cada noite.

Analu continua sem comer cenouras nem cereais. Leo passou a comer especialmente arroz integral e cenouras, mas só depois dos dezoito anos, e garante que não foi por lembrar da história do cavalinho. São jovens alegres, afetivos, respeitosos, criativos, comunicativos. Gosto de pensar que, se não é por causa do cavalinho, só pode ser por causa do gato xadrez.


Domingos Pellegrini
Londrina, 18/4/2002


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Como será a literatura na internet? de Marcelo Spalding
02. Autores novos de Julio Daio Borges
03. Papai Noel Existe de Alexandre Soares Silva
04. O Sol e Louis Armstrong de Arcano9
05. Busca ao Santo Graal de Juliano Maesano


Mais Domingos Pellegrini
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
18/4/2002
21h45min
Caro domingos, se você contava estórias para seus filhos com a mesma graça e leveza com que escreve, eu não me admiro que eles sejam hoje pessoas muito especiais. Hoje à noite com certeza vou sonhar com um cavalinho que não gosta de cenoura e um gato xadrez. e que sonho bom este vai ser! :o)
[Leia outros Comentários de Assunção Medeiros]
19/4/2002
10h33min
Caro Domingos: Este teu "O Tempo das Histórias" é muito bonito! Fiquei muito emocionado, ainda mais porque estou com mais de 40 anos e vou ser pai pela primeira vez. E é claro que desejo que o meu filho seja muito alegre, afetivo, respeitoso, criativo e comunicativo. Obrigado pela linda história!
[Leia outros Comentários de Sérgio Karam]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A NINFA
ILDASIO TAVARES
NÓRDICA
(1993)
R$ 4,00



AUDITORIA JURÍDICA - APONTAMENTO PARA O MODERNO EXERCÍCIO DA ADVOCACIA
JAYME VITA ROSO - AUTOGRAFADO
STS
(2003)
R$ 50,00



SOCIOLOGIA DE MARX, A - COLECAO SOCIOLOGIA: PONTOS DE REFERENCIA
JEAN-PIERRE DURAND
VOZES
(2016)
R$ 38,95



GRAMATOLOGIA
JACQUES DERRIDA
PERSPECTIVA
(1973)
R$ 28,00



HISTÓRIAS DO NÃO VER
CAO GUIMARÃES
COBOGO
(2013)
R$ 40,00



CLANDESTINOS NA AMÉRICA
DAU BASTOS
RELUME DUMARÁ
(2005)
R$ 7,90



SELEÇÕES DO READERS DIGEST DE OUTUBRO DE 1966
TITO LEITE (REDATOR CHEFE)
YPIRANGA
(1966)
R$ 7,00



CLARISSA
ÉRICO VERÍSSIMO
ABRIL CULTURAL
(1974)
R$ 7,90



INTRODUÇÃO À SOCIOLOGIA
FERNANDO BASTOS DE ÁVILA S. J.
AGIR
(1967)
R$ 13,00



A FILHA DE MISTRAL
JUDITH KRANTZ
CIRCULO DO LIVRO
(1982)
R$ 17,00





busca | avançada
44867 visitas/dia
1,2 milhão/mês