sobre os atos terroristas | regina mas

busca | avançada
76535 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Centro em Concerto - Palestras
>>> Crônicas do Não Tempo – lançamento de livro sobre jovem que vê o passado ao tocar nos objetos
>>> 10º FRAPA divulga primeiras atrações
>>> Concerto cênico Realejo de vida e morte, de Jocy de Oliveira, estreia no teatro do Sesc Pompeia
>>> Seminário Trajetórias do Ambientalismo Brasileiro, parceria entre Sesc e Unifesp, no Sesc Belenzinho
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> O Apocalipse segundo Seu Tião
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
>>> Para não dizer que eu não disse
>>> Espírito criança
>>> Poeta é aquele que cala
Blogueiros
Mais Recentes
>>> As pessoas estão revoltadas
>>> As duas facetas da eternidade
>>> Ilustres convidados
>>> PETITE FLEUR
>>> The Book of Souls
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> Escrevendo um currículo
>>> Leitura vertical e leitura horizontal
>>> A mentira crítica e literária de Umberto Eco
>>> A redescoberta da(s) leitura(s)
Mais Recentes
>>> Estrela da Noite de Alyson Noël pela Intrinseca (2011)
>>> Consenso Brasileiro Em Videoendoscopia Ginecológica de Nilson Donadio; Luiz Cavalcanti Albuquerque Neto pela Ache / Febrasco (2001)
>>> 2 Vols. Noiva de Lindorf - Coleção Raridades do Conto Gótico de Letita Elisabeth Landon / / Carlos Primati - Tradu pela Sebo Clepsidra (2021)
>>> Vendendo a Amigos de Carlos Icarahy Gonçalves pela Senac Sp (2001)
>>> Matemática e realidade de Gelson Iezzi Osvaldo Dolce Antonio Machado pela Atual (2018)
>>> Comer, Rezar, Amar de Elizabeth Gilbert pela Objetiva (2008)
>>> Sociedade e Estado Superando Fronteiras de Laerco F. Betiol; Plinio Lucchesi Pimenta pela Fundap (1998)
>>> Primeiro Coloco o Tenis de Jose Umberto Pereira pela Reino Editorial (2015)
>>> Hells Angel - a Vida e a Época de Sonny Barger e do Hells Angels de Ralph Sonny Barger; Kent Zimmerman pela Ideal (2015)
>>> A Metamorfose de Franz Kafka; Christina Maria Wolfensberger - Trad. pela Via Leitura / Edipro (2017)
>>> Na Encruzilhada da Vida de Rodolfo Belz pela Casa Publicadora Brasileira
>>> Satiricon de Petrônio pela Escala
>>> Lênin, Stálin e Hitler - a era da Catástrofe Social de Robert Gellately pela Record (2010)
>>> Cinquenta Tons de Liberdade de E L James pela Intrinseca (2012)
>>> Pra Quem já Mordeu um Cachorro por Comida, Até Que Eu Cheguei Longe... de Emicida pela Lab Fantasma (2019)
>>> Schindlers List: a Novel de Keneally Thomas pela Simon e Schuster
>>> Malala e seu lápis mágico de Malala Yousafzai pela Companhia das letras (2018)
>>> Travessuras da Menina Má de Mário Vargas Llosa pela Alfaguara Brasil (2006)
>>> Guia de Ações Complementares a Escola para Criancas e Adolescente de Vários Autores pela Cenpec (2002)
>>> História do Pensamento Ocidental de Bertrand Russell pela Ediouro (2004)
>>> Casamento de Verão, Um Capricho do Destino e Mais que Amor de Sally Wentworth, Helen Bianchin e Stella Bagwell pela Nova Cultural (1990)
>>> O Segredo da Rainha de Sabá de Arão Henrique Xavier pela Ministério Prospere (2012)
>>> A Mão e a Luva de Machado de Assis pela L&pm Pocket (2013)
>>> Paz e Guerra Entre as Nações de Raymond Aron pela Martins Fontes (2018)
>>> A Planta do Mundo de Stefano Mancuso pela Ubu (2019)
COMENTÁRIOS

Sábado, 23/7/2005
Comentários
Leitores


sobre os atos terroristas
Nenhum evento pode ou deve ser analisado pontualmente, como algo isolado, solto no espaço e no tempo. Os ataques terroristas que têm abalado o mundo, causando a morte de crianças e de pessoas inocentes, nos enchem de horror e nos causam repugnância. Entretanto, como bem mostrou seu artigo, eles não passam de uma reação de quem não possui outras armas a não ser o terror. Costumo comparar os atuais atos terroristas com o que aconteceu na segunda guerra mundial, quando civis organizaram-se formando a resistência francesa, comandados pelo general De Gaule desde a Inglaterra. Os atos dos resistentes eram de sabotagem explodindo trens, pontes e fosse lá o que fosse, para impedir o avanço das tropas alemães. Por nós, aliados, eram considerados heróis - os heróis da resistência. Será que pelos alemães foram também considerados heróis ou meros terroristas? Ridícula e descabida é a "guerra" contra o terror pois ele não se origina em um país, mas em uma ideologia ou reivindicação. A batalha contra o terror só pode ser vencida ao redor de uma mesa, ou seja, de forma política, através de discussões e acordos. Ainda assim, não será fácil, como não é fácil a solução de qualquer problema onde esteja envolvido poder econômico e fanatismo religioso e, pior que tudo, a hipocrisia e a ambição inerentes aos humanos. A situação é escabrosa e a curto prazo não vejo solução satisfatória. Infelizmente os humanos tornam-se a cada dia piores. A evolução científica não corre paralelamente à evolução espiritual. A última está muito aquém do desejado, especialmente em termos coletivos. Individualmente o homem quer a paz, mas, coletivamente, não trabalha para alcançá-la. Parece mesmo que quanto mais avança na tecnologia, mais engatinha e cai na escala espiritual de homo sapiens. Afinal de que adiantou a postura ereta se não sabemos andar? Na mente não passamos de quadrúpedes!

[Sobre "A longa noite do Irã"]

por regina mas
23/7/2005 às
16h51 200.179.216.220
(+) regina mas no Digestivo...
 
Podcast
Tema muito bom!!!

[Sobre "O fenômeno mundial dos podcasts"]

por Osni Lopes
22/7/2005 às
16h54 200.207.150.34
(+) Osni Lopes no Digestivo...
 
Parabéns
Peça, texto, entrevista - tudo ótimo.

[Sobre "O difícil diálogo"]

por Kelly
20/7/2005 às
14h13 200.157.1.161
(+) Kelly no Digestivo...
 
parabens mesmo
muito show

[Sobre "A teoria do caos"]

por Dark Steybow
20/7/2005 às
13h19 200.216.216.196
(+) Dark Steybow no Digestivo...
 
Por que não saio de São Paulo?
Edu, parabéns pelo texto. Como disse o leitor de Macapá, faltam reflexões mais "sociológicas" voltadas especificamente para onde vivivemos. Você praticamente dá a receita do bolo, de como viver em São Paulo (que concordo plenamente), mas há algo que ainda não perdi desde que entrei na faculdade; a minha sensibilidade para as aberrações daqui. Sem dúvida passo longe de desenvolver uma gastride aguda pela overdose de arquiteturas neoclássicas, papeis no chão, assaltos sofisticados, pessoas individualistas, e etc, etc e etc. Mas nesse ponto, como você disse, o "provinciano", tem muito a contribuir com nós, os "cosmopolitas". Infelizmente tenho percebido uma certa fuga generalizada de nós, os cosmopolitas, para com os problemas modernos. Não há mais reflexões. O ritmo é intenso, todos são muito cobrados, seja no trabalho, em casa, fora as novas contingências como segurança, falta de acesso a qualidade de vida e etc. Um grande medo parece pairar no ar, lançando uma nuvem congelante até mesmo nos moradores mais ilustres e capacitados dessa cidade. Esse indicador me parece ao menos alarmante. Será que estamos retrocedendo? Isso me lembra a sociedade medieval onde as famílias construiam seu castelos e fortes a espera de uma "visita" hostil, ou de um novo vizinho de maus hábitos. Óbvio que há excelentes movimentos por aí, mas confesso ainda não me sentir a vontade para colocar, por exemplo, um filho no mundo. Você pode me perguntar: por que não saio de São Paulo? E eu te respondo: vou trocar 6 por meia dúzia. Acho que o problema tem raiz profunda. O que vamos fazer? Acho que para começar, parar e refletir mais. E já que há medo em se pronúciar, vale a máxima: a união faz a força. Denuncie anonimamente, seja voluntário, faça parte de uma ONG. Dá para contribuir um pouco mais sem aparecer. Não quero parecer nenhuma outra coisa, a não ser um cidadão que ainda acredita na sensibilidade das excelentes pessoas que vivem aqui. Um grande abraço.

[Sobre "Por que eu moro em São Paulo"]

por Ricardo Cabral Jahne
20/7/2005 às
08h43 200.162.212.252
(+) Ricardo Cabral Jahne no Digestivo...
 
A web é uma faca de dois gumes
Realmente os blogs citados são uma referência - nostálgica - da Internet antes da suposta "crise de conteúdo do século XXI". Essa interação que a Web proporciona nos redime do narcisismo de pensar que publicamos das núvens. Acredito que existam algumas pérolas pela rede, esperando um encontro com leitores de crítica honesta. Pois tanto quanto precisamos de pessoas que saibam o que escrever, precisamos de críticos que nos façam crescer. Grande abraço.

[Sobre "Melhores Blogs"]

por Leo Cabral
19/7/2005 às
11h05 200.177.113.15
(+) Leo Cabral no Digestivo...
 
boas intencoes
como disse um jornal aqui da Europa: "Idealismo sim, Simplismo nao". A África tem sido ajudada como poucas outras regioes do planeta nos ultimos anos ou décadas, mas padece tbém de um sistema corrupto que -a meu ver- nao desmerece nenhuma ajuda humanitária, mas a deve tornar cuidadosa...

[Sobre "Tomara que eu esteja errado sobre o Live 8, Bob"]

por daniella z.
19/7/2005 às
07h49 84.154.12.85
(+) daniella z. no Digestivo...
 
Apenas como acréscimo
Li um texto do Salman Rushdie que mostra um ângulo inusitado, para mim, do assunto e que imagino poderá contribuir para clareza desse tema. "A indústria da cultura, nas décadas seguintes, tomaria o lugar da ideologia, passando a ser 'primária' no sentido em que a economia costumava ser, gerando toda uma nova 'nomenklatura' de comissários culturais, uma nova raça de burocratas em grandes ministérios de definição, exclusão, revisão e perseguição, e uma dialética baseada no novo dualismo de defesa e ofensa. E se a cultura era o novo secularismo do mundo, a nova religião era a fama, e a indústria, ou melhor, a seita, da celebridade atribuiria função significativa a uma nova 'ecclesia', uma missão proselitista projetada para conquistar essa nova fronteira, construindo seus resplandecentes veículos de celulóide e seus foguetes de raios catódicos, desenvolvendo novos combustíveis a partir de fofoca, fazendo voarem os Escolhidos até as estrelas. E para preencher os requisitos mais sombrios da nova fé, havia sacrifícios humanos ocasionais e vertiginosas quedas de asas queimadas."

[Sobre "Sobre nossas ambições (equivocadas) de mass media"]

por Erwin
18/7/2005 às
17h18 200.207.119.199
(+) Erwin no Digestivo...
 
Sobre o Digestivo
Tenho procurado divulgar o Digestivo nas reuniões do Grupo de Poetas Livres, do qual sou presidente, já no terceiro mandato... O texto do Marcelo Maroldi, sobre como escrever bem, está muito bom!

[Sobre "Digestivo nº 235"]

por Maura Soares
18/7/2005 às
14h26 201.24.66.158
(+) Maura Soares no Digestivo...
 
Escrever, escrever, escrever
Assim como o Alessandro, também passei por um inferno daqueles, que também me fez parar de ler até placa de ônibus durante um longo tempo. De qualquer forma, o Digestivo, depois que você começa a ler, não se pára mais. Sempre comentei uns artigos do Julio, mas o seu é a primeira vez, embora já me tenha dado vontade de comentar da Adriana, do Maroldi, do LEM, da Ana Elisa, enfim, os que acho interessante comentar (e quase todos são), mas me bate a tirícia (termo regional para preguiça) que me tira as forças. Já tive um blog - que não valhe a pena citar - e, sim, esperava que aparecessem uns comentários; mas eu mesmo não o divulgava e só uns 2 ou 3 amigos do peito lá apareciam tipo cometa de Halley. E, sim, também parei de escrever nesse meio tempo, assim como parei de ler também. Não sei se isso é parar de viver, mas se bem me conheço, posso dizer que se não parei, quase o fiz. Mas, passado é passado e estou aqui e de amor novo (oi, linda) e não tão infeliz porque também comecei a ler o Ulysses trocentas vezes e não avancei mais do que da segunda página. Achava que eu tinha mais um problema, entre os tantos que me perseguem. Agora que achei doentes terminais como eu que começaram a lê-lo e não entenderam bulhufas, sinto-me mais reconfortado. Talvez algum dia quando ficar mais inteligente eu finalmente sente à sombra de uma jaqueira e ponha-me a tentar ler, na esperança de que uma jaca me caia na cabeça e me abra os horizontes joyceanos.

[Sobre "Sobre Parar de Escrever Para Sempre"]

por Pepê Mattos
18/7/2005 às
10h55 200.252.140.6
(+) Pepê Mattos no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A cura da raça : eugenia e higienismo no discurso médico sul-rio-grandense nas primeiras décadas do século XX
Éder Silveira
Upf
(2005)



Luluzinha Teen e Sua Turma N° 7 - Segunda Temporada
N/d
Pixel
(2009)



Indicadores de Desertificação: Histórico e Perspectivas
Heitor Matallo Júnior
Unesco
(2001)



Políticas Migratórias. Fronteiras dos Direitos Humanos no Século XXI
Carlos Eduardo de Abreu Boucault e Teresa Malatian Org
Renovar
(2003)



Eu Mereço Ter Dinheiro! Como Ser Feliz Para Sempre Na Vida Financeira
Reinaldo Domingos
Dsop
(2013)



Nem que a Vaca Tussa Hora de Agir!
James Magon
Caramelo
(2004)



Comunicação e Organização
Marlene Marchiori
Difusão
(2010)



Livro Mágico - Cléo e os Encantados - para Colorir
Faber Castell
Faber Castell
(2013)



Análise de Custos
Joel J. Santos
Atlas
(2005)



O Dono do Morro - um Homem e a Batalha pelo Rio
Misha Glenny
Companhia das Letras
(2016)





busca | avançada
76535 visitas/dia
1,8 milhão/mês