Novo Editor-assistente: Duanne Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
41731 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
>>> Steve Jobs em 1997
>>> Jeff Bezos em 2003
>>> Jack Ma e Elon Musk
>>> Marco Lisboa na Globonews
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Marco Lisboa na Globonews
>>> Bibliotecas públicas, escolares e particulares
>>> O Vendedor de Passados
>>> Entre a crise e o espectro do humor a favor
>>> Dicas para a criação de personagens na ficção
>>> Tiros, Pedras e Ocupação na USP
>>> Oficina de conto na AIC
>>> Crônica em sustenido
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> O julgamento do mensalão à sombra do caso Dreyfus
Mais Recentes
>>> Apenas uma Sombra de Mulher de Fernando do Ó pela Federação Espírita Brasileira (1950)
>>> Quando tudo falha de Rodolpho Belz pela Casa Publicadora Brasileira (1984)
>>> O Capataz de Salema / Antônio Conselheiro / Marechal, Boi de Carro de Joaquim Cardozo pela Agir/MEC (1975)
>>> La Isla Magia de W.B. Seabrook pela Cenit S.A. (1930)
>>> Un Nuevo Modelo Del Universo de Pedro Ouspensky pela Sol (1950)
>>> La Puerta ( Egipto) de Vários pela Obelisco (1990)
>>> Arpas Eternas (Em 03 volumes) de Hilarion de Monte Nebo pela Fraternidad Cristiana (1952)
>>> Muitas vidas muitos Mestres de Brian L. Weiss M.D. pela Salamandra (1991)
>>> O Sentido da Vida de Valfredo Tepe pela Mensageiro da Fé Ltda (1971)
>>> A aurora cósmica de Eric Chaisson pela Francisco Alves (1984)
>>> Deus Fala a seus Filhos de Elenore Beck pela Verbo Divino (1993)
>>> Encontro com a Alma Gêmea de Paulo Kronemberger pela Novo Milênio (1993)
>>> The Reincarnation Workbook de J.H. Brennan pela The Aquarian Press (1989)
>>> A Granja do Silêncio de Paul Bodier pela Federação Espírita Brasileira
>>> Os Astros Governam nossa Vida de Perpétuo Horário pela Pensamento
>>> La vida de Buda de A. Ferdinand Herold pela Lautaro (1944)
>>> Viagem no Tempo Expansão da Consciência Temporal de Colin Bennett pela Ediouro (1987)
>>> Fraternidade Rosacruz ( O enigma da vida e da morte) de Max Heindel pela Edição do Autor
>>> A L'Ombre des Monastères Thibétains de Jean M. Riviére pela Victor Attinger (1956)
>>> O Espirito Consolador de Padre V. Marchal pela Pensamento (1930)
>>> Los Misterios Rosacruces de Max Heindel pela Kier (1955)
>>> Rosa Cruz de Krumm Heller pela Kier (1944)
>>> Los Raja y Hatha Yogas de Ernesto Wood pela Schapire (1949)
>>> Autodefensa Psiquica de Dion Fortune pela Luiz Cárcamo (1979)
>>> Filosofia Elementar da Rosacruz Moderna de J. Van Rijckenborgh pela Lectorium Rosicrucianum (1975)
>>> Jesus (La Mision de Cristo) de Eduardo Schuré pela Victor Hugo (1944)
>>> Amor e Sabedoria de Emmanuel de Clovis Tavares pela Calvário (1970)
>>> Rosa Esoterica de Krumm Heller pela Kier (1938)
>>> Manual Informativo do Membro da Sociedade Teosófica de Armando Sales pela Sociedade Teosófica (1951)
>>> Cartas da prisão de Frei Betto pela Civilização Brasileira (1977)
>>> Los Antiguos Simbolos Sagrados de Ralph M. Lewis F.R.C. pela Suprema Gran Logica de Amorc (1950)
>>> El Hijo de Zanoni de Sévaka pela Mexicana (1975)
>>> Em Busca da Verdade de Ruth Montgomery pela Record (1967)
>>> Recolecciones de un Místico ( La Fraternidad Rosacruz) de Max Heindel pela Kier (1944)
>>> Enseñanzas de un Iniciado de Max Heindel pela Kier (1955)
>>> Principios Rosacruces de H. Hogar y los Negocios pela Gran Logica Suprema de Amorc (1929)
>>> Cristificacion Lecciones de Cultura Superior del Alma de R. Swinburne Clymer pela Kier (1946)
>>> Astrodiagnosis guia para la Curacion de Max Heindel pela Kier (1946)
>>> Misterios de las Grandes Operas de Max Heindel pela Kier (1944)
>>> Libertadores da América a Maçonaria e a Emancipação dos povos Americanos de A. Tenório D'Albuquereque pela O Malhete (1959)
>>> Filosofia Rosacruz en perguntas y Respuestas de Max Heindel pela The Rosicrucian
>>> Mensagens de vida de Carlos Augusto pela Celd (1995)
>>> O Espírito de Cornélio Pires de Francisco Cândido Xavier pela Federação Espírita Brasileira (1966)
>>> Filigranas de Luz de Divaldo P. Franco pela Alvorada (1986)
>>> Gabriel Delame sua vida seu apostolado e sua obra de Paul Bodier pela União Espírita Francesa (2001)
>>> O Espiritismo Aplicado de Eliseu Rigonatti pela Pensamento (2006)
>>> Luz no lar de Francisco Cândido Xavier pela Federação Espírita Brasileira (1968)
>>> O Evangelho segundo o espiritismo de Allan Kardec pela Federação Espírita Brasileira (1997)
>>> Sobrevivência E comunicabilidade dos Espíritos de Hermínio C. Miranda pela Federação Espírita Brasileira (1975)
>>> O Livro dos Espíritos de Allan Kardec pela Federação Espírita Brasileira (1944)
EDITORIAIS >>> 40 mil seguidores no Twitter

Sexta-feira, 10/5/2013
Novo Editor-assistente: Duanne Ribeiro
Julio Daio Borges

+ de 2200 Acessos

Seguindo a tradição desde Fabio Silvestre Cardoso (2005) e Rafael Rodrigues (2007), apresentamos a você, Duanne Ribeiro, o novo Editor-assistente do Digestivo Cultural! Duanne já vem editando o Digestivo desde dezembro de 2012. Segue uma entrevista com ele, para que você, Leitor, possa conhecê-lo melhor ;-) Boa sorte, mais uma vez, Duanne, e vida longa na função! ― JDB

1. Duanne, fale um pouco da sua formação (estudos, trabalhos etc).
Sou formado em Jornalismo pela Unisanta, graduando em Filosofia pela FFLCH/USP e pós-graduando em Gestão Cultural pelo Celacc/USP. Trabalho no Itaú Cultural junto a equipe do site, que lida com todos os produtos digitais do instituto. Além disso, edito de acordo com meu tempo livre a revista Capitu, que originalmente foi meu trabalho de conclusão de curso e hoje segue sendo tocada em companhia de vários colaboradores, com um perfil que mudou uma porção de vezes e talvez tenha encontrado agora seu ideal.

2. Como foi cair nessa história de jornalismo cultural?
Um marco certamente foi o trabalho de conclusão de curso, que foi quando estudei por mim mesmo a bibliografia básica, entrevistei ou assisti a palestras de editores e jornalistas da área etc. Mas isso provavelmente vem de muito mais longe, do fato de que eu sempre gostei de ler e escrever, desde criança.

3. Quais são suas principais referências (na área)?
Crítica Cultural ― Teoria e Prática, de Marcelo Coelho, que propõe uma análise fina das obras de cultura; os textos da New York Review of Books, que conheci por conta de Paulo Francis, como aparentemente toda a geração anterior a mim ― uma crítica contextualizada, que vai além dos textos, que faz reportagem. Embora não leia Isabela Boscov, uso como guia uma ideia dela, de um curso: o texto crítico pode ser o único contato com um universo, com tais experiências, com tais contextos ― ele precisa portanto se bastar, ser para o leitor um ensaio em pé de igualdade com a obra. E, para não me alongar muito, as entrevistas da Paris Review ― bem elaboradas, pensadas e repensadas, desvelando um processo de trabalho e uma personalidade.

4. Como foi seu trabalho à frente da Capitu (até agora)?
No TCC, um projeto de revista impressa, escrevi as reportagens, fiz as fotos, diagramei e editei (junto ao meu orientador Marcio Calafiori). Também montei um site bem básico para a revista. Logo após a formatura, implementei um site melhor e comecei a produzir edições mensais. Era um layout mais funcional, ainda assim rudimentar: o que sei de webdesign é muito pouco. Com a parceria com meu amigo Rafael Henrique, finalmente Capitu recebeu um formato melhor, que se aperfeiçoou até a versão de hoje.

O trabalho ao longo desse tempo é o mesmo: receber as colaborações, discutir a qualidade do texto, editá-lo (foto, distribuição, chamadas), depois cuidar das redes sociais. O perfil no twitter tem além disso um caráter de curadoria da informação, pois indico conteúdo de várias fontes.

5. Como vê o atual momento do jornalismo (como um todo) na internet?
O jornalismo na internet hoje dá perspectivas de possibilidades profissionais que não poderiam ser exploradas do mesmo jeito por nenhuma outra época. A curadoria de informação, a gestão de comunidades, o jornalismo de dados, os newsgames, a crescente diferenciação possível de públicos, de maneira que se pode informar uma pessoa específica em um lugar específico do que ela possa querer saber. Tudo isso é o mesmo trabalho de transmissão de informação, mas expandido, mais complexo.

6. E o momento do jornalismo cultural na imprensa?
É bastante rico. O Estadão tinha o Sabático, sobre literatura, mercado editorial, e tem o Aliás, com debates, reportagens e jornalismo de ideias; a Folha tem a Ilustríssima, com ensaios sem o medo do texto longo ou da referência menos leve ― o que tem uma equivalente na Serrote. A Bravo!, agora sob comando de Armando Antenore, me parece trazer mais textos escritos por artistas e também mais críticas ― sem perder o foco na reportagem (o problema de Antenore ter se tornado redator-chefe é que perdemos a coluna Confessionário, que possuía um texto e método de entrevista brilhantes...).

Tomando jornalismo de cultura em um sentido mais antropológico, quero incluir as reportagens e os perfis de Piauí, assim como citar as críticas e trechos de livro publicados.

Isso, é claro, algumas poucas citações ― e, com internet, quem está reduzido a isso? Há muito mais em português ou língua estrangeira, para ler e interagir.

7. Quais acha que serão seus principais desafios editando comigo o Digestivo?
Editar o trabalho alheio é sempre um desafio, e lidar com a especificidade de cada colaborador é acima disso algo que só se aprende pela tentativa e erro, na prática cotidiana. Outro desafio é compreender o público do site, sentir como reagem aos textos, de maneira a saber como levar a linha editorial, onde melhorar, onde mudar de rumo, onde surpreender o público.

Isso além da responsabilidade do trabalho em si ― o Digestivo tem mais de 1,5 milhão de visitas mensais e um banco de mais de 10.000 textos, fora os mais de 16.000 Comentários e os mais de dez anos de história. É preciso fazer jus a esse percurso, e ajudar para que chegue ainda mais longe.

8.E qual acha que pode ser sua contribuição para o site?
Zelar pela qualidade dos textos, sem atacar a liberdade de criação. Começar mais conversas com o público. Abrir mais canais para que se descubra o acervo do site.

Também me interesso por participar da construção do novo layout. Há experiências em design on-line que privilegiam o texto ― o forte do Digestivo ― colocando-o em destaque, permitem leituras de engajamento variáveis, facilitam o compartilhamento. Gostaria de ajudar a por isso em prática.

9. Num momento de supremacia das redes sociais, o que (ainda) devemos esperar de sites e blogs?
Em relação aos sites, as mídias sociais são hoje sua integração mais poderosa com a rede, muitas vezes rendendo mais visibilidade do que os mecanismos de busca.

Em relação a blogs, as redes sociais remanejaram sua função na Web. Na década de 2000, os posts "diarinho", os posts "conteúdo" e os posts "literários" conviviam na mesma comunidade, junto fotos e mais fotos, e o relacionamento pelos comentários, nos blogs e flogs. Hoje, isso trocou de lugar, tornando blogs mais do que apenas plataformas de publicação de conteúdo. Há dez anos, o mantra "blogs iniciam conversações" era completamente legítimo; atualmente a conversação é feita nas redes sociais e percorre os blogs, sem se fechar no seu espaço.

As redes, assim, são o fluxo dessa conversação, mas além do conteúdo eventual ou produzido pelo mero burburinho, elas também necessitam daquele que é elaborado por esses meios de comunicação não tão intensamente conectados. Uma matéria, um vídeo, etc. ― é isso o que lhes dá a substância.

Cabe então a blogs e sites reconhecerem sua posição, digamos, mais estática; e perceber que ganharam uma nova necessidade: o de administrar uma rede no seu entorno, não só gerir os debates e as trocas, como participar deles. User-centered, como se diz, "seja lá onde o usuário estiver". E produzir ótimos produtos.

10. O que você diria para quem está nos lendo e gostaria de participar do Digestivo Cultural (o que você ― como Editor-assistente ― espera dos Colaboradores (novos ou não).
Escreva! Trabalhe suas ideias, pense nos modos que o leitor terá de acessar e entender o que você está transmitindo. Escreva! Tente formas com as quais não está acostumado ― vá ao conto, à crônica, ao perfil. Tom Wolfe afirmou em um prefácio que o que lhe agradava era saber que, pelos seus textos, o leitor abria a revista e encontrava sempre uma variedade inesperada. E, mais importante: talvez nada disso, ou mais que isso. Como diz Haroldo, "que deus te guie, porque eu não posso guiar".


Julio Daio Borges
Sexta-feira, 10/5/2013


Mais 40 mil seguidores no Twitter
Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TUTELA CAUTELAR E TUTELA ANTECIPADA:TUTELAS SUMÁRIAS DE URGÊNCIA 8599
JOSE ROBERTO DOS SANTOS BEDAQUE
MALHEIROS
(2003)
R$ 60,00



ATLAS GEOGRÁFICO MUNDIAL - VOL. 7 - ÁSIA E OCEANIA 1
EDITORIAL SOL 90
SOL 90
R$ 11,00



EM FAVOR DO HOMEM
PAULO EVARISTO, CARDEAL ARNS
AVENIR (RJ)
(1979)
R$ 22,82



FRANKLIN DÓRIA
PEDRO CALMON
BARÃO DE LORETO
(1981)
R$ 4,01



BAHÚ VELHO (ATENÇÃO A DESCRIÇÃO) - 1019
VIRIATO CORRÊA
COMPANHIA NACIONAL
(1927)
R$ 20,00



JUNG E A INTERPRETAÇÃO DOS SONHOS
JAMES A HALL
CULTRIX
(1993)
R$ 32,31
+ frete grátis



ATRAVESSANDO A RUA
RICHARD SIMONETTI
IDE
(1987)
R$ 9,20



RESPONSABILIDADE CIVIL FACE AOS DANOS AMBIENTAIS NO SÉCULO XXI
MÁRCIA NOGUEIRA PIEMONTE
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 454,00



FORA DE ORBITA
THOMAS BLOCK
RECORD
R$ 6,00



MODELOS FIAT GUIAS DE INJECÇÃO A GASOLINA
MIGUEL DE CASTRO
PLÁTANO
(1994)
R$ 51,70





busca | avançada
41731 visitas/dia
1,1 milhão/mês