Maior abandonado | Digestivo Cultural

busca | avançada
51839 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Livro beneficente ensina concurseiros a superar desafios e conquistar sonhos
>>> Cia Triptal celebra a obra de Jorge Andrade no centenário do autor
>>> Sesc Santana apresenta SCinestesia com a Companhia de Danças de Diadema
>>> “É Hora de Arte” realiza oficinas gratuitas de circo, grafite, teatro e dança
>>> MOSTRA DO MAB FAAP GANHA NOVAS OBRAS A PARTIR DE JUNHO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
>>> A compra do Twitter por Elon Musk
>>> Epitáfio do que não partiu
>>> Efeitos periféricos da tempestade de areia do Sara
>>> Mamãe falhei
>>> Sobre a literatura de Evando Nascimento
>>> Velha amiga, ainda tão menina em minha cabeça...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
>>> Trader, investidor ou buy and hold?
>>> Slayer no Monsters of Rock (1998)
>>> Por que investir no Twitter (TWTR34)
Últimos Posts
>>> Parei de fumar
>>> Asas de Ícaro
>>> Auto estima
>>> Jazz: 10 músicas para começar
>>> THE END
>>> Somos todos venturosos
>>> Por que eu?
>>> Dizer, não é ser
>>> A Caixa de Brinquedos
>>> Nosferatu 100 anos e o infamiliar em nós*
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Queen na pandemia
>>> A história do Olist
>>> Kubrick, o iluminado
>>> Mr. Sandman
>>> Unchained by Sophie Burrell
>>> Reflexões na fila
>>> Papo com Alessandro Martins
>>> Epitáfio do que não partiu
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> O Conselheiro também come (e bebe)
Mais Recentes
>>> A Ciência Médica de House de Andrew Holtz pela Best Seller (2008)
>>> Três Mistérios de Lelis; Telma Guimarães Castro Andrade pela Atual Didáticos (2009)
>>> Cure Seu Corpo as Causas Mentais dos Males Físicos... de Louise L. Hay pela Best Seller (1988)
>>> Vinho Tinto para Leigos de Ed Maccarthy pela Mandarim (1998)
>>> Os Direitos Humanos na Sala de Aula - a Ética Como Tema Transversal de Ulisses F. Araújo e Júlio Groppa Aquino pela Moderna (2001)
>>> Radiologia Odontologica de Aguinaldo de Freitas e Outros pela Arte Medicas (1984)
>>> Infinity da Scorlatti de John Mcnally pela Irado (2014)
>>> Quero Viver de Fernando Carraro; Lima pela Ftd (2007)
>>> Vale a Pena Esperar de Tim Stafford pela Vida (1992)
>>> Além dos Marimbus de Herberto Sales pela Aché
>>> Conecte Matematica - 1 - Primeira Parte de Osvaldo Dolce; David Degenszajn; Nilze de Almeida pela Atual Didáticos (2014)
>>> Jack Sparrow - a Espada de Cortés Vol 4 de Rob Kidd pela Melhoramentos (2007)
>>> Mwninas e Meninos de Domingos Pellegrini pela Ática (2011)
>>> Out of This Century: Confessions of An Art Addict de Peggy Guggenheim pela Anchor Books (1980)
>>> Padre Germano- Memórias de Amalia Domingo Soler; Germano; Eudaldo Pages pela Instituto Lachatre (2011)
>>> Reflexoes politica-poeticas de Jose Olinto pela marx (2000)
>>> As Mil e uma Noites - as Paixões Viajantes de Rene Khawam pela Brasiliense (1991)
>>> Infância de Graciliano Ramos pela Folha de São Paulo (2008)
>>> Shanghai Girls de Lisa See pela Random House (2010)
>>> Larousse Ortografia de Reglas y 4ejercicios pela Larousse (1996)
>>> O Colecionador de Crespúsculos de Anna Maria cascudo Barreto pela Do Autor (2003)
>>> Law of Attraction de Allison Leotta pela Touchstone Books (2010)
>>> Truques, Trotes, Brincadeiras de Robert Nyberg; Lasse Rade pela Callis (1996)
>>> Sociedade dos Pais Mortos de Matt Haig pela Record (2011)
>>> Biologia para um Planeta Sustentável (em Portuguese do Brasil) de Armênio Uzunian pela Harbra (2016)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Imprensa

Sexta-feira, 9/9/2005
Maior abandonado
Julio Daio Borges

+ de 1100 Acessos




Digestivo nº 243 >>> O slogan da “responsabilidade social”, como mais um entre tantos, já cansou, e desperta a preguiça de quem o ouve associado a um projeto qual for... Então o que você pensaria de uma revista para moradores de rua, cujo maior objetivo é justamente sua “inclusão social”, por meio da própria venda, e de ações outras, contaminando a esfera editorial e, às vezes, transcendendo-a? Parece discurso de “responsabilidade social”, não parece? Parece. É; na verdade. É o discurso da revista Ocas. A Ocas, que deveria ser chata, depois de todo esse palavreado, – na verdade – é muito legal. Despojada do velho discurso de esquerda (que, muitas vezes, fica só no discurso, como estamos vendo), desprovida daquela carga de chavões que remontam a 1968, a Ocas parte para a ação: e reporta a vida dos que vivem na rua, dos que saíram, dos que superaram, dos que estão melhor. Não é uma revista denuncista, planejando uma revolução ou a tomada do poder (até porque esses planos ficam só nisso, não é verdade?), a Ocas “trabalha” a situação atual, e procura agir sobre ela, antes que venha um milagre ou um presidente sebastianista anacrônico. E o bom da Ocas é que ela é uma revista simples e bonita, leve e arejada, barata mas sofisticada na diagramação – e o melhor: é legível. Mesmo quando escrita por seus vendedores, os moradores de rua; mesmo quando composta por depoimentos costurados deles; mesmo quando feita por “gente normal” e, não, por jornalistas stricto sensu. Funciona assim: a revista custa R$ 3 para você e para mim, mas custa R$ 1 para o vendedor ambulante. Ou seja: quando você e eu compramos a Ocas, não estamos simplesmente dando R$ 2 para alguém que veio pedir na janela do carro; estamos adquirindo uma revista boa e estamos devolvendo àquela pessoa, àquele vendedor, sua “função social”. Parece uma bobagem: o que alguém faz com R$ 2? Mas já tem gente vivendo disso; e já tem gente mudando sua vida por isso. É o que mostra a Ocas de aniversário, de três anos de publicação, recheada com testemunhos emocionantes... Deve ser o que chamam “responsabilidade social”; deve ser o que chamam responsabilidade social quando não ficam só no discurso e partem para a ação.
>>> Ocas
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Abraços Partidos, de Pedro Almodóvar (Cinema)
02. Reflexões sobre um século esquecido (1901-2000), por Tony Judt (Imprensa)
03. Coco antes de Chanel, com Audrey Tautou (Cinema)
04. Edmund Wilson e os chatos da literatura (Literatura)
05. Jason Calacanis matando o Yahoo (Internet)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Diário da Corte - Crônicas do Maior Polemista da Imprensa ...
Paulo Francis
Três Estrelas
(2012)



Pato Donald N 2143
Editora Abril
Abril



Como Se Preparar para o Exame de Ordem - 11 Ambiental
Fernanda Luiza e Marcelo Hugo
Método
(2015)



Au Arquitetura & Urbanismo Nº 214
Pini
Pini



Devaneios Sobre a Atualidade do Capital
Clóvis de Barros Filho, Gustavo F. Dainezi
Sanskrito
(2014)



O que é psicologia
Maria Luiza S. Teles
Brasiliense
(1994)



A Profecia Celestina
James Redfield
Fontanar
(2009)



Dicionário do Antiquariato
Codex
Codex
(1968)



O Sócio
John Grisham
Rocco
(1997)



O Que São Direitos Humanos
João Ricardo W. Dornelles
Brasiliense
(2013)





busca | avançada
51839 visitas/dia
1,8 milhão/mês