Tudo o que os homens não entendem, Dr. Herb Golberg | Digestivo Cultural

busca | avançada
72073 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> OSC Usina da Imaginação, de SC, apresenta obras de crianças e jovens produzidas na pandemia
>>> Poeta paulista lança “O que habita inabitáveis lugares” abordando as relações humanas durante a pand
>>> Biografias e Microrroteiros do Parque
>>> MONUMENTOS NA ARTE: O OBJETO ESCULTÓRICO E A CRISE ESTÉTICA DA REPRESENTAÇÃO
>>> Cia Triptal faz ensaios abertos para Pedreira das Almas, de Jorge Andrade
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
Últimos Posts
>>> Mundo Brasil
>>> Anônimos
>>> Eu tu eles
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O lado A e o lado B de Durval Discos
>>> Stabat Mater, de Giovanni Battista Pergolesi
>>> Açaí com jabá - curta-metragem
>>> End User: We read the manuals
>>> Vivo
>>> Águas de Março
>>> Quando o virtual cai na real
>>> Um Amor Anarquista
>>> ego shots fazem bem à saúde
>>> Curso de Criação Literária
Mais Recentes
>>> O Espetacular Homem-Aranha: Homem-Aranha Nunca Mais! de Stan Lee / John Romita pela Panini Comics (2016)
>>> Imaginários - Volume 1 de Alex Mir pela Draco (2013)
>>> RexMundi : o rio subterrâneo - Livro Dois de Arvid Nelson pela Dark Horse (2008)
>>> Em Chamas - Jogos Vorazes de Suzanne Collins pela Rocco (2011)
>>> A Esperança - Jogos Vorazes de Suzanne Collins pela Rocco (2011)
>>> Livro de receitas para mulheres tristes de Héctor Abad pela Companhia Das Letras (2012)
>>> Bestiarius 1 2 e 3 de Masasumi Kakizaki pela Planet Manga
>>> O labirinto dos ossos 1 de Rick Riordan pela Ática (2009)
>>> Obras Completas de Fiodor Dostoiévski pela José Olympio (1960)
>>> Uma nota errada 2 de Gordon Korman pela Ática (2010)
>>> Dos delitos e das penas de Cesare Beccaria pela Martin Claret (2014)
>>> Não me abandone jamais de Kazuo Ishiguro pela Companhia Das Letras (2016)
>>> O livro dos abraços de Eduardo Galeano pela L&Pm Pocket (2018)
>>> Kyoto de Yasunari Kawabata pela Estação Liberdade (2006)
>>> Minha Luta 1 e 2 de Karl Ove Knausgard pela Companhia Das Letras
>>> Um novo dia para amar de Célia Xavier De Camargo pela Petit (2016)
>>> Nascida à meia-noite de C.C. Hunter pela Jangada (2011)
>>> Levada ao Entardecer de C.C. Hunter pela Jangada (2012)
>>> 10 Obras de Machado de Assis pela Edigraf
>>> Super interessante: nazismo-como ele pôde acontecer de Eduardo Szklarz pela Abril (2014)
>>> O livro secreto da maçonaria de Otávio Cohen pela Abril (2015)
>>> Box o Diário da Princesa de Meg Cabot pela Record
>>> Se eu morrer antes de você de Allison Brennan pela Universo Dos Livros (2011)
>>> A ditadura da beleza e a revolução das mulheres de Augusto Cury pela Sextante (2005)
>>> Poemas de alberto caeiro de Fernando Pessoa pela L&Pm Pocket (2015)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Além do Mais

Terça-feira, 6/4/2010
Tudo o que os homens não entendem, Dr. Herb Golberg
Julio Daio Borges

+ de 6400 Acessos
+ 2 Comentário(s)




Digestivo nº 460 >>> É clássica, e até piegas, a frase de que "os homens não entendem as mulheres". Acontece que, desde meados do século passado, os homens andaram meio "fora de moda". Quer dizer, a revolução, na vida profissional (e na sexual), era das mulheres, e ninguém dava muita trela para os problemas psicológicos deles. As mulheres, segundo as históricas reivindicações, tinham sido oprimidas durante séculos - era, simplesmente, a vez delas. (Os homens que se adaptassem ao novo modelo.) Como se sabe, não funcionou 100% a contento. A teoria do Dr. Golberg é que, embora tenham conquistado posições no mercado de trabalho, as mulheres ainda esperam dos homens que tomem a maioria das iniciativas, no que diz respeito a relacionamentos homem-mulher, e, quando acontecem problemas, quem tomou a iniciativa, geralmente, assume a responsabilidade pelos erros. Os homens, ultimamente, reclamam que são mais cobrados - pelas mulheres, agora, "independentes" -, mas que continuam assumindo, sozinhos, as responsabilidades pelo sucesso no relacionamento. Dr. Herb Golberg pensa que os homens estão numa encruzilhada e que é preciso resgatá-los com urgência. E os prejuízos, para o gênero masculino, incluem, ainda, problemas nos relacionamentos com os filhos e dificuldade para estabelecer (e manter) laços de amizade. Com a "competição" profissional das mulheres, os homens se voltaram cada vez mais "para fora" - para a posição que ocupam na sociedade -, abdicando progressivamente de sua intimidade, do seu "self", que foi sempre um domínio mais naturalmente governado pelas mulheres. Em resumo: se tudo falhar, as mulheres têm sempre a esfera da vida privada, para se resguardar (um porto seguro há séculos); enquanto que os homens - além de não poderem falhar socialmente -, estão perdendo a última ligação com a sua intimidade e com o seu "eu". O livro do Dr. Golberg é mais interessante, e bombástico, logo no começo; e talvez seja, na parte técnica, mais indicado a psicólogos do que a leigos - mas conhecê-lo é uma grande oportunidade de reconhecer que a revolução dos anos 60 teve sérias consequências.
>>> Tudo o que os homens não entendem: mulheres, relacionamento, amor
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. O Crítico, em Exercício Findo, de Décio de Almeida Prado (Imprensa)
02. Prólogo, com um Prólogo dos Prólogos, de Jorge Luis Borges (Literatura)
03. Otto Lara Resende sobre Vinicius de Moraes (Literatura)
04. Viva e deixe morrer(em)... os jornais (Imprensa)
05. Talking Portraits, de Tom Parish (Internet)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
10/4/2010
00h56min
Será mesmo? Fiquei curioso e temeroso. Porque pode ser de fato que isso esteja acontecendo...
[Leia outros Comentários de jose]
23/4/2010
13h30min
Na verdade, não creio que seja tão difícil assim entender nós, mulheres. Acredito que a confusão paira num outro âmbito, ou seja, o ciúme e a inveja por parte da maioria dos homens (rsrs) a despeito da fecunda atuação que desempenhamos hoje na sociedade, fruto de lutas homéricas em busca de reconhecimento, de respeito e, principalmente, da efetivação dos nossos direitos, tendo como meta a participação no processo de conscientização da humanidade diante de tantas arbitrariedades praticadas contra seres discriminados, como o negro, o índio, o gay, o velho e a mulher propriamente dita, nesse sentido, surge um novo cenário, inaugurando um novo o propósito, de iluminar cabeças retrógradas, de mudar paradigmas de contagiar... Com efeito, nos dias atuais, a mulher tem plena consciência do seu poder, dos seus direitos, do seu papel na sociedade, na política, enfim, mas o que ela quer mesmo, é ser vista através do romantismo...
[Leia outros Comentários de Wanda Fortunato]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Pingos de Oração
Pe. Lambert Noben
Paulinas
(1981)



A última música
Nicholas Sparks
Novo Conceito



A Filha da Noite
Marion Zimmer Bradley
Círculo de Livro
(1985)



Complexo de Cinderela
Colette Dowling
Melhoramentos
(1981)



Quero Construir a Minha História
Fernando Dolabela
Sextante
(2009)



Inside Windows 95
Adrian King
Microsoft Press



Casos e Coisas, Daqui e Daí...
Heitor Luz Filho
Petit
(2003)



Em Busca das Coordenadas
Ernesto Rosa Neto
Ática
(1994)



O Noviço
Martins Pena
Folha



Direito Romano
Vicente Sobrino Porto
Freitas Bastos
(1962)





busca | avançada
72073 visitas/dia
1,8 milhão/mês