Porque ela pode, de Bridie Clark | Rafael Rodrigues | Digestivo Cultural

busca | avançada
31843 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
Colunistas
Últimos Posts
>>> 100 nomes da edição no Brasil
>>> Eu ganhei tanta coisa perdendo
>>> Toda forma de amor
>>> Harvard: o que não se aprende
>>> Pedro Cardoso em #Provocações
>>> Homenagem a Paulo Francis
>>> Arte, cultura e democracia
>>> Mirage, um livro gratuito
>>> Lançamento de livro
>>> Jornada Escrita por Mulheres
Últimos Posts
>>> João Gilberto: o mito
>>> Alma em flor
>>> A mão & a luva
>>> Pesos & Contra-pesos
>>> Grito primal II
>>> Calcanhar de Aquiles
>>> O encanto literário da poesia
>>> Expressão básica II
>>> Expressão básica
>>> Minha terra, a natureza viva.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Os 60
>>> Tico-Tico de Lucía
>>> Abdominal terceirizado - a fronteira
>>> Cinema é filosofia
>>> Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges
>>> Mulher no comando do país! E agora?
>>> YouTube, lá vou eu
>>> YouTube, lá vou eu
>>> Bar azul - a fotografia de Luiz Braga
>>> Eu + Você = ?
Mais Recentes
>>> Da Ação direta de declaração de Inconstitucionalidade no Direito Brasileiro de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1958)
>>> Ações Cominatórias no Direito Brasileiro de Moacyr Amarral Santos pela Max Limonad (1962)
>>> Do Mandado de Segurança e de Outros meios de Defesa Contra atos do poder público de Castro Nunes pela José Aguiar Dias (1967)
>>> Estudos e pareceres de direito processual Civil de Alfredo Buzaid pela Revista dos Tribunais (2002)
>>> Corinthians é preto no branco de Washington Olivetto e Nirlando Beirão pela Dba (2002)
>>> Do Mandado de Segurança Volume 1 de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1989)
>>> Estudos de Direito de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1972)
>>> Da Ação Renovatória de Alfredo Buzaid pela Saraiva (1981)
>>> Projeção do Corpo Astral de Sylvan J. Muldoon e Hereward Carrington pela Pensamento
>>> Atribuições dos juízes municipaes de Orphãos e Ausentes na Republica de José Tavares Bastos pela Livraria Garnier (1914)
>>> Novo Dicionário de Processo Civil de Eliézer Rosa pela Livraria Freitas Bastos S.A (1986)
>>> O Novo processo Civil Brasileiro de José Carlos Barbosa Moreira pela Forense (2005)
>>> Manual do Advogado de Valdemar P. da Luz pela Sagra (1999)
>>> Teoria e prática do Despacho Saneador de Jônatas Milhomens pela Forense (1952)
>>> Código de processo Civil Anotado de Sálvio de Figueiredo Teixeira pela Saraiva (1993)
>>> Novo processo Civil Brasileiro de José Carlos Barbosa Moreira pela Forense (1998)
>>> A Prova Civil de José Mendonça pela Livraria Jacintho (1940)
>>> A Morte de Rimbaud de Leandro Konder pela Companhia das Letras/SP. (2000)
>>> Prova Civil Legislação Doutrina Jurisprudência de Raphael Cirigliano pela Forense (1939)
>>> Código do Processo Civil e Commercial para Districto Federal de J. Miranda Valverde pela Impresa Nacional (1927)
>>> De Pessoa a Pessoa - Psicoterapia Dialógica de Richard Hycner pela Summus (1995)
>>> Perfiles Juridicos los Hombre de Toga en El Proceso de D. Rodrigo Calderon de Angel Ossorio pela Rosario
>>> Audiência de Instrução e Julgamento de Athos Gusmão Carneiro pela Forense (1995)
>>> Todos os Homens do Presidente de Carl Bernstein & Bb Woodward pela Franvcisco Alves (1977)
>>> Histórias De Vida E Cozinha Exclusiva Para Você de Ana Maria Braga pela Agir (2012)
>>> Projet de Révision Du Code de Procédure Civile de M. Hector de Rolland pela Imprimerie de Manaco (1893)
>>> O Nosso Processo Civil Brasileiro de José Carlos Barbosa Moreira pela Forense (1994)
>>> Luto - Uma dor perdida no tempo - Princípios básicos para se enfrentar de Rubem Olinto pela Vinde Comunicações (1993)
>>> Vade Mecum acadêmico de direito de Organização; Anne Joyce Angher pela Rideel (2004)
>>> Processo de Execução e Cumprimento de Sentença/ Encad. de Humberto Theorodo Júnior pela Leud (2009)
>>> Processo Civil Commercial de Manoel Aureliano de Gusmão pela Livraria Academica (1924)
>>> Dieta Mediterrânea com sabor brasileiro de Dr. Fernando Lucchese e Anonymus Gourmet pela L&PM Pocket (2005)
>>> Derecho Procesal Civil de Eduardo Pallares pela Porrua S.A Argentina (1961)
>>> Topografia Prática: Tratado da Clotóide - Teoria, Fórmulas, Exemplos.. de Ruey- Chien Lin pela Hemus/ SP. (2019)
>>> La Reconvencion de M. Sanpons Salgado pela Coleccion Nereo (1962)
>>> Construcciones Metalicas (Encadernado) de Fernando Rodriguez- Avial Azcunaga pela Madrid/ Espanha (1958)
>>> tratado das ações (Tomo V ) Condenatórias de Pontes de Miranda pela Revista dos Tribunais (1974)
>>> Tratados das Ações Declarativas Tomo II de Pontes de Miranda pela Revista dos Tribunais (1971)
>>> Tratado das Ações Tomo III Ações Constitutivas de Pontes de Miranda pela Revista dos Tribunais (1972)
>>> Ação Discriminatória de Jacy de Assis pela Forense (1978)
>>> Dos recursos no Código de Processo Civil de João Claudino de Oliveira e Cruz pela Forense (1954)
>>> Petições contestações e recursos de Valdemar P. da Luz pela Forense (2000)
>>> Curso de processual Civil de Luiz Fux pela Forense (2001)
>>> Curso Didático de Direito Processual Civil de Elpídio Donizetti Nunes pela Atlas (2012)
>>> Código de processo Civil Anotado de Sálvio de Figueiredo Teixeira pela Saraiva (2003)
>>> Manual Execução de Araken de Assis pela Revista dos Tribunais (2004)
>>> As Concepções Antropológicas de Schelling de Fernando Rey Puente pela Loyola (1997)
>>> Manual do Processo de Execução de Araken de Assis pela Revista dos Tribunais (2002)
>>> Ministério público e Persecução Criminal de Marcellus Polastri Lima pela Lumen Juris (2002)
>>> Des Problèmes de Droit Judiciaire que Pose L'Union Économique Franco Sarroise de Eugéne Schaeffer pela Librairie Générale de Droit et de Jurisprudence (1953)
COLUNAS

Terça-feira, 9/6/2009
Porque ela pode, de Bridie Clark
Rafael Rodrigues

+ de 2800 Acessos

À primeira vista, Porque ela pode (Record, 2009, 336 págs.), estreia da escritora norte-americana Bridie Clark na ficção, é um desses romances "para mulheres". Ainda mais quando vemos, na capa de cor vermelho vivo, o título em letras garrafais douradas e, "sentada nele", uma... mulher! Além disso, no canto superior direito, uma notinha dizendo: "O diabo veste Prada do mundo editorial." (Library Journal).

É fato que, por ter como protagonista uma mulher, o livro certamente atrairá mais leitoras do que leitores. Mas basta adaptar as situações vividas por Claire Truman, protagonista do romance, para o contexto masculino e temos uma obra que pode agradar a "gregas e troianos". Isso se deve, em grande parte, à prosa elegante e pontual de Bridie Clark. Não a ponto de ser comparada a escritoras fora de série como Virginia Woolf ou Clarice Lispector, mas a ponto de podermos dizer que ela é muito talentosa.

Claire é editora-assistente da Peters & Pomfret, uma boa editora de Nova York. Apesar de gostar muito de seu trabalho, sua situação na empresa não é das melhores. Além do salário relativamente baixo, Claire não consegue adquirir, por questões burocráticas, muitos dos títulos que deseja publicar. Ela bem que tenta, mas quase nunca consegue o aval do seu editor-chefe em tempo hábil.

(Uma observação: o mercado editorial norte-americano é um pouco diferente do brasileiro ― e bem mais agressivo. Tanto lá quanto aqui os escritores ainda inéditos enfrentam dificuldade para serem publicados, mas nos EUA existe algo que quase não temos: agentes literários que buscam os melhores contratos para seus escritores. Um exemplo: o agente literário "A" apresenta um livro do autor "B" a uma editora "X", que oferece determinada quantia pela obra. Mas esse agente não aceita de imediato a proposta. Ele apresentará o título a outras editoras; aquela que pagar mais, publica a obra. Se o livro em questão for bom, haverá concorrência ferrenha entre as casas editoriais dispostas a publicá-lo. No Brasil, além de os escritores iniciantes não terem agentes ― muitas vezes nem os experientes os têm ―, eles são obrigados a aceitar a primeira proposta que aparece, vendendo sua alma à editora, se for o caso.)

Mesmo um tanto descontente e frustrada com o emprego, Claire continua trabalhando. Isso porque ela tem como chefe imediato Jackson Mayville, seu "padrinho" na P&P, o homem que consegue fazer com que ela tenha algum acesso a Gordon Hass ― o ocupadíssimo editor-chefe ― e que também conseguiu alguns aumentos salariais para ela, além da promoção para o cargo de editora-assistente. Quando Claire toma conhecimento de que ele vai se aposentar, entra em pânico: como ficaria sua situação sem Jackson por perto?

É justamente nesse momento que ela reencontra, depois de alguns relacionamentos mal-sucedidos, Randall Cox, por quem fora apaixonada nos tempos de faculdade e com quem rapidamente se envolve. Randall, um cara bonito, rico, simpático, gentil etc., por coincidência, conhece a editora-chefe Vivian Grant, do selo Grant Books, que faz parte de outra grande casa editorial, a Mather-Hollinger. Vivian é famosa pela quantidade de títulos que consegue colocar no topo da lista de mais vendidos do New York Times, mas também pela alta rotatividade de seus funcionários: raros são os casos de pessoas que conseguem suportar a alta carga de estresse gerada pelas exigências que ela faz no trabalho. Mesmo sendo alertada por colegas e amigos ― e principalmente por Jackson ― dos eventuais riscos que ela correria se resolvesse trabalhar para Vivian, Claire aceita a proposta que lhe fora feita: um salário três vezes maior e o cargo de editora.

Depois de alguns meses em que tudo ia muito bem, obrigado ― tanto no trabalho quanto no namoro com Randall ―, Claire finalmente conhece o lado aterrorizante de Vivian Grant. Poucos meses mais tarde, começa também a ter dúvidas a respeito de seu futuro com Randall (nesse meio tempo eles ficam noivos). Claire então se dá conta de que sua vida está sendo controlada por um piloto automático, como se ela já não decidisse mais nada, como se apenas deixasse as coisas andarem por si sós.

Porque ela pode nos dá uma ideia de como é o mercado editorial norte-americano (o romance é, inclusive, inspirado em fatos reais; a personagem Vivian Grant é uma espécie de caricatura da editora Judith Reagan, que já foi chefe de Bridie Clark; Reagan, além de ter se envolvido em várias polêmicas, foi demitida do grupo editorial HarperCollins sob acusação de antissemitismo), mas, no fundo, trata dos dilemas enfrentados por milhares de pessoas. "Devo continuar neste emprego razoável ou arriscar uma mudança de rumo?" "Quero mesmo passar o resto de minha vida com esta pessoa ou ainda não conheci minha cara-metade?" "Devo priorizar minha carreira profissional em detrimento da minha vida pessoal?" Cada um sabe de si, mas, em momentos de dúvida, a literatura certamente abre caminhos para as respostas.

Com uma prosa requintada mas ao mesmo tempo de fácil leitura, Bridie Clark realiza uma obra valorosa, mesclando entretenimento e boa literatura, mostrando que, para ser bom, um livro não precisa ser denso, sombrio, nebuloso, cheio de peripécias estilísticas. Pode ser divertido, mesmo ao apresentar problemas. E deve ter humor, mesmo em momentos tristes.

Talvez prevendo um certo preconceito em relação a seu romance, Clark dá aos capítulos do livro títulos de algumas obras monumentais da literatura, como Grandes esperanças e Um conto de duas cidades, de Charles Dickens; Este lado do paraíso, de F. Scott Fitzgerald; O amor nos tempos do cólera, de Gabriel García Márquez, entre outras, numa espécie de amostragem de sua bagagem literária. Algo que chega a ser desnecessário, levando-se em conta a qualidade de Porque ela pode.

Para ir além






Rafael Rodrigues
Feira de Santana, 9/6/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. O Brasil que eu quero de Luís Fernando Amâncio
02. O pai da menina morta, romance de Tiago Ferro de Jardel Dias Cavalcanti
03. Sobre mais duas novelas de Lúcio Cardoso de Cassionei Niches Petry
04. Redescobrir as palavras, reinventar a vivência de Duanne Ribeiro
05. Nós, os afogados, de Carsten Jensen de Ricardo de Mattos


Mais Rafael Rodrigues
Mais Acessadas de Rafael Rodrigues em 2009
01. Meus melhores livros de 2008 - 6/1/2009
02. Sociedade dos Poetas Mortos - 10/11/2009
03. Indignação, de Philip Roth - 27/10/2009
04. No line on the horizon, do U2 - 24/2/2009
05. Gênios e loucos - 10/2/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




EM BUSCA DA EMPRESA QUÂNTICA
CLEMENTE NOBREGA
EDIOURO
(1996)
R$ 17,00



ABORDAGEM DA DOENÇA CORONARIANA: ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS, DIAGNÓ
GLÁUCIA MARIA MORAES DE OLIVEIRA (ORGANIZADOR
SOCERJ
(2003)
R$ 25,28



BLUE ANGEL THE LIFE OF MARLENE DIETRICH
DONALD SPOTO
DOUBLEDAY
(1992)
R$ 65,00
+ frete grátis



A CANÇÃO BRASILEIRA. ERUDITA, FOLCLÓRICA, POPULAR
VASCO MARIZ
CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA/MEC
(1977)
R$ 20,00



ESTA ÁRVORE DOURADA QUE SUPOMOS
NEI LOPES
BABEL
(2011)
R$ 25,90
+ frete grátis



BÚFALO (ROMANCE BRASILEIRO)
BOTIKA
LÍNGUA GERAL
(2010)
R$ 5,00



A MULHER DO APOCALIPSE
FELIPE RINALDO QUEIROZ DE AQUINO
LOYOLA
(1995)
R$ 10,00



MINHA FORMAÇÃO
JOAQUIM NABUCO
UNB
(1981)
R$ 18,00



A DIETA MARAVILHOSA DE 4 DIAS
MARGARET DANBROT
RECORD
(1985)
R$ 9,72



CONSTITUIÇÃO E DIRETO DO TRABALHO
EDUARDO GABRIEL SAAD (CAPA DURA)
LTR
(1989)
R$ 13,28





busca | avançada
31843 visitas/dia
1,0 milhão/mês