Realismo fantástico | Digestivo Cultural

busca | avançada
78907 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Teatro Sérgio Cardoso recebe As Conchambranças de Quaderna de Ariano Suassuna
>>> “Meus bichos do sertão”, da artista mineira Maria Lira, em exposição na AM Galeria
>>> Maurício Limeira fará parte do DICIONÁRIO DO PROFUNDO, da Ao Vento Editorial
>>> Longa documental retrata música e territorialidade quilombola
>>> De Priscila Prade, Exposição Corpo em Quarentena abre dia 4/10
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
Últimos Posts
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Tem café?
>>> Dois anos de Cinema Independente
>>> O filme do Lula e os dois lados da arquibancada
>>> O comércio
>>> Isto é para quando você vier
>>> A vez dos veteranos
>>> A morte e a morte de jorge amado
>>> Solidão Moderna
>>> A santidade do pecado em Padre António Vieira
>>> In the Line of Fire
Mais Recentes
>>> The Secret / O Segredo Capa Dura de Rhonda Byrne pela Ediouro (2007)
>>> Calunga - Um dedinho de prosa de Luiz Antonio Gasparetto pela Vida e Consciência (1999)
>>> I Am Malala de Malala Yousafzai pela Litle Brown (2014)
>>> Waking Deas Happen de Scott Belsky pela Portfolio (2010)
>>> DONO de Marcelo Toledo pela Alta Books (2013)
>>> Administrando em Tempos de GrandesMudanças de Peter Drucker pela Pioneira (1999)
>>> Um Dia de David Nicholls pela Intrínseca (2011)
>>> Um Cuerpo Para Toda Uma Vida de Txumari Alfaro pela Ediciones B (2008)
>>> Insanely Simple The Obsession That Drives Apple's Sucess de Ken Segall pela Penguin (2012)
>>> Fogo Cruzado de James Patterson pela Arqueiro (2012)
>>> O Alemão Veio Nos Visitar de Rosana Leal pela Portal (2017)
>>> O Castelo das Almas Feridas de Herman Poliakoff pela Petit (2004)
>>> UNIX Systems Programing de David A. Curry pela Nutshell (1996)
>>> Fibrilação Atrial de Dalmo Antonio Ribeiro Moreira pela Lemos (2005)
>>> Fibrilação Atrial de Dalmo Antonio Ribeiro Moreira pela Lemos (2005)
>>> Incidente em Antares de Erico Verissimo pela Círculo do Livro (1975)
>>> Cinquenta Tons De Cinza de E L James pela Intrínseca (2012)
>>> Cinquenta Tons De Liberdade de E L James pela Intrínseca (2012)
>>> Cinquenta Tons Mais Escuros de E L James pela Intrínseca (2012)
>>> MINAS: Cidades Barrocas de Renée Lefère/Silvio de Vasconcelos pela CEN (1979)
>>> Design for Hackers de David Kadavy pela Wiley (2011)
>>> The Forces of Mars de Bruce Balfour pela ACE (2002)
>>> The Digital Dead de Bruce Balfour pela ACE (2003)
>>> Contemporary Marketing Research de Carl McDaniel/Roger Gates pela South Western (1999)
>>> Cozinhando com Yogurte de Elaine Hallgarten pela Marco Zero (1997)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Cinema

Sexta-feira, 28/3/2003
Realismo fantástico
Julio Daio Borges

+ de 3200 Acessos




Digestivo nº 127 >>> Embora tarde pelo menos dois anos (entre concepção, realização e contato com o público) e embora mobilize uma estrutura e uma quantidade de pessoas nem de perto comparável ao que acontece nas demais artes, o cinema brasileiro é o que parece estar mais próximo da realidade brasileira. Mesmo nas suas limitações e nos seus exageros. Pegue o caso de "Durval Discos", por exemplo: aquela abertura, flutuando pelas ruas de São Paulo, filmando calçadas esburacadas, realçando cartazes mal-ajambrados, enquadrando portas de padaria, é muito mais significativa, para o espectador médio, do que a música, a literatura e as artes plásticas que atualmente são produzidas. Beto Brant, Fernando Meirelles, Domingos de Oliveira e Hector Babenco encontraram uma voz, e uma ressonância (junto à audiência), que hoje em dia muito poucos artistas, nos mais diversos métiers, podem se gabar de ter. Neste princípio do século, no Brasil, a mensagem do nosso cinema tem sido a mais direta e a mais contundente. Por essa trilha, segue o longa de Anna Muylaert, ovacionado em Gramado (2002), com nada mais nada menos que sete kikitos. Conta a história, obviamente, de um dono de loja de discos (de vinil), o Durval (Ary França), e de sua mãe (Etty Fraser), que dividem um sobrado. Certo dia, resolvem contratar uma empregada (Letícia Sabatella), cuja suposta filha (Isabela Guasco) vai causar uma reviravolta em suas vidas. O centro das atenções, que no início parecia ser a própria Durval Discos, se desloca para a criança, Kiki, que passa docemente a tiranizar a existência daqueles que a paparicam. A adulação assume tons surreais, como quando a personagem de Etty Fraser adquire um cavalo, e instala-o no quintal, para agradar a menina. Já o personagem de Ary França enlouquece num outro sentido: quando percebe que a mãe começa a torrar as economias da família (por causa da "netinha"), mostrando-se disposta até a matar, para não se separar de Kiki. Como a primeira metade se concentra na música, a trilha sonora é um dos destaques de "Durval Discos". A crítica certamente se viu conquistada pelo final hiperbólico, misturando demência e lirismo. O filme termina então como uma experiência válida, ora se aproximando, ora se distanciando da platéia. Ideal para quem se interessa pelo absurdo e pelo bizarro, reafirmando que o nosso cinema também já preencheu essa lacuna.
>>> Durval Discos
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Hellbox (Literatura)
02. Os Deuses de Hoje (Cinema)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Nem Tudo São Flores... Quando o Assunto É Homem!
Tatiana Flores e José Roberto Cabral
Celebris
(2003)



Dicionário de Italiano - Português ( Edição Portuguesa ) Giuseppe Mea
Giuseppe Mea
Porto
(1996)



A Morte Tem Sete Herdeiros
Ganymédes José; Stella Carr; Pablo Mayer
Moderna
(2003)



Positivismo Jurídico – Lições de Filosofia do Direito - 1ª Edição
Norberto Bobbio
Ícone
(1995)



As 10 Regras de Ouro do Sucesso Pessoal
Robert Ambers
Vozes
(2007)



Para Tirar os Pés do Chão. Corrida e Associativismo
Nelson Carvalho Marcellino
Hucitec
(2010)



O menino que veio para ficar
Ganymédes José
Edijovem
(1977)



Terra Potiguar uma Viagem pela Beleza e pela Cultura do Rn
Nei Leandro de Castro
Cosern
(1999)



A Moreninha
Joaquim Manuel de Macedo
Moderna



Tiradentes
Edgard Luiz de Barros
moderna
(1987)





busca | avançada
78907 visitas/dia
2,2 milhões/mês