Os Jornais Acabam? II | Digestivo Cultural

busca | avançada
83267 visitas/dia
2,3 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Com 21 apresentações gratuitas, FLOW Literário aborda multi linguagens da literatura
>>> MASP, Osesp e B3 iniciam ciclo de concertos online e gratuitos
>>> Madeirite Rosa apresenta versão online de A Luta
>>> Zeca Camargo participa de webserie sobre produção sustentável de alimentos
>>> Valéria Chociai é uma das coautoras do novo livro Metamorfoses da Maturidade
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> Janelário
>>> A vida é
>>> (...!)
>>> Notívagos
>>> Sou rosa do deserto
>>> Os Doidivanas: temporada começa com “O Protesto”
>>> Zé ninguém
>>> Também no Rio - Ao Pe. Júlio Lancellotti
>>> Sementinas
>>> Lima nova da velha fome
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Estevão Azevedo e os homens em seus limites
>>> 15 de Junho #digestivo10anos
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> Auto-ajuda empresarial: reunite crônica
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Pesquisa e blog discutem "Marca Amazônia"
>>> Vida e morte do Correio da Manhã
>>> O site de Dorival Caymmi
>>> Entrevista à revista Capitu
>>> Figuras de linguagem e a escrita criativa
Mais Recentes
>>> Por Que os Homens Têm Medo de Compromisso? de Steven Carter / Julia Sokol pela Sextante (2009)
>>> Devoradores de Mortos: o manuscrito de Ibn Fadlan, relatando suas experiências com os nórdicos em 922 de Michael Crichton pela Rocco / L&PM (2009)
>>> O Caminho da Cura: despertando a sabedoria interior de Deepak Chopra, M. D. pela Rocco (1999)
>>> Os Exilados da Capela de Edgard Armond pela Aliança (1989)
>>> TERRA - O Jardim de Experiências de Rodrigo Romo pela Shanthar (2013)
>>> Contos de Cemitério - Amor Humor Terror de Aristides Leo Pardo pela KRK Editorial (2021)
>>> A COSMOGÊNESE DE SHANTAR - Códigos Voronandeck de Rodrigo Romo pela Shanthar (2008)
>>> Futebol Campista - 100 anos de glórias e histórias (1910 - 2010) de Aristides Leo Pardo pela KRK Editorial (2021)
>>> Conclave de Roberto Pazzi pela Alfaguara (2006)
>>> SUPRACONFEDERAÇÃO Ordem Lanonadeck - Os Criadores e Manipuladores da Vida de Rodrigo Romo pela Shanthar (2019)
>>> A Companheira de Viagem de Fernando Sabino pela Círculo do Livro
>>> O Advogado do Diabo de Morris West pela Círculo do Livro
>>> Fragmentos de Acrílico de Ronaldo Macedo pela Alvor (1987)
>>> Variações da Palavra Dor de Therezinha Russo pela Antares (1981)
>>> A EXPERIÊNCIA MORONTIAL - A Evolução Multidimensional Física de Rodrigo Romo pela Shanthar (2016)
>>> O Pensamento Vivo de Darwin de Eide M. Murta Carvalho Organização pela Martin Claret (1986)
>>> Poemas de Amor de William Shakespeare pela Pocket Ouro (2009)
>>> O Pensamento Vivo de Buda de José Geraldo Simões Jr Tradução e Pesquisa pela Martin Claret (1985)
>>> O Quarto Protocolo de Frederick Forsyth pela Record
>>> História de Sinais de Luzia Faraco Ramos pela Ática (2002)
>>> Guia Rápido para Lidar Com Pessoas Difíceis de Murray Oxman pela Gente (2008)
>>> Tai-pan - Volume 2 de James Clavell pela Record
>>> Fernão Capela Gaivota de Richard Bach pela Círculo do Livro
>>> D.Pedro II de Cristiane Costa pela VeraCruz (2005)
>>> O Santuário da Montanha - História Ilustrada do Retiro de Itamonte de Associação Oriente-ocidente pela Associação Oriente-ocidente (2013)
BLOG >>> Posts

Quinta-feira, 19/7/2007
Os Jornais Acabam? II

+ de 1100 Acessos

Quanto mais tecnologia se tem, mais se fica vulnerável. Assim são os jornais eletrônicos, a mídia televisiva. Creio que por mais que se avance nas formas de apresentação, o jornal de papel, manuseado, riscado e cortado para se prender na agenda é quem resistirá. Além do mais, como fazer com as palavras cruzadas no Metrô ou mesmo nos banheiros?
Marly Spacachieri
Taboão da Serra/São Paulo


O Jornal é um meio e não um fim. A informação está atingindo o seu público por outros meios, mais baratos, menos prejudiciais ao meio-ambiente, mais rápidos e mais difusos. Não concordo com a alta credibilidade do jornal impresso. Podem derrubar presidentes, mas também podem elegê-los. Nem sempre defendem os interesses da população e a dispersão de todo este poder por outros meios, outras mentes e outros pontos de vista, é muito salutar para a democracia e para a montagem deste quadro tão nebuloso chamado de realidade-verdade. Prefiro que a maioria aprenda a duvidar do que lê, do que crer em tudo que tal jornal publicou, como se fosse sempre a única e inquestionável verdade. O jornal impresso não acabará, tornar-se-á apenas um meio menos influente, como o rádio, o cinema e a própria literatura. Pois todos estes meios e outros, como TV e internet, estarão lutando pelo mesmo público consumidor.
Everton Lodetti de Oliveira
Tagutinga/DF


Enquanto houver leitores, informação e análise crítica, existirão jornais, existirá a imprensa, não importa a mídia. É urgente que abandonemos este "romantismo" de "gostar de ler" jornais apenas impressos em papel e, por conseguinte, o mesmo ocorrerá com os livros. Papel é caro. A tinta, mais ainda. Assim como o CD sepultou o LP, o DVD sepultou a fita VHS, o jornal e o livro digital em breve farão parte de nossos eletrodomésticos. Já se consegue colocar imagens em 3D em lâminas flexíveis digitais, de modo que o ludismo de "pegar no jornal" será também possível, mesmo não sendo de papel. As operadoras de TV a cabo já comercializam telefonia. As operadoras de telecomunicações querem transmitir TV. Pela internet, as notícias são atualizadas dinamicamente. E, no dia seguinte, o jornal (de papel) de ontem continuará embrulhando peixe. Não tem volta. A minha geração (1963) pode até estranhar, mas a geração da minha filha (1992) não vê maiores problemas, até porque ela quer fazer Jornalismo e eu, que sou engenheiro, dou a maior força para ela seguir esta maravilhosa profissão de jornalista. Se queremos sobreviver profissionalmente, a regra não é apenas atender sua clientela atual... O segredo é antecipar o que sua clientela demandará nos próximos 10, 20 anos e, além disto, sua clientela consumidora será outra. A pergunta é: que leitor é esse? Que jornal é esse? Acredito que ambos estarão cada vez mais longe do papel.
AL-Chaer
Goiânia/GO


Avaliando no sentido das facilidades da internet em termos da enorme quantidade de informações disponíveis, e da velocidade de atualização deste veículo, penso que os jornais impressos podem realmente desaparecer, dando lugar a novos formatos, pois considerando o fator concentração de informações no mesmo espaço editorial, ou no mesmo site, aliado a entretenimento, a inovação, a responsabilidade, credibilidade, respeito, que constituem a qualidade e a possibilidade de influência de qualquer órgão ou profissional, acredito que os jornais continuarão existindo. A busca indiscriminada da internet, sem a garantia de qualidade, nos faz perder muito tempo, há a necessidade de retorno aos espaços considerados confiáveis, assim este órgão informativo pode permanecer, exigindo a formação de bons jornalistas, não apenas detentores de conhecimento, de criatividade, mas também de ética, responsabilidade social, por serem formadores de opinião e exercerem uma atividade de interesse público. Então a vida dos jornais está garantida, isso se estes conseguirem fazer com que os jovens se interessem mais pelo que ocorre aos seus semelhantes, em suas comunidades, em seus países, no mundo, largando um pouco os jogos e as conversas on-line que tanto lhes interessam.
Isabel Cristina Sampaio
Recife/PE


A geração "[email protected]" está chegando a maturidade, crianças que cresceram familiarizadas com o mouse ensinam hoje aos pais como montar uma rede doméstica. São mais de 12 anos de existência da internet, quem desenvolve (programadores) são jovens, e as análises de mercado e projeções de impacto sócio-demográfico vêm de pessoas que não cresceram com esta realidade. Por isso tantas informações infundadas, perspectivas de "achômetro" e queda de vendas de mídias consagradas. A verdade é que não deve existir competição entre a internet e qualquer outro tipo de veículo, uma vez que o material on-line deve ser complementar e não essencial. Muitas vezes as notas são curtas, com erros gramaticais e fontes duvidosas. Os jornais não podem acabar, os grátis (Metro, Metronews e Destak) estão provando que a credibilidade do papel é inquestionável. Com o tempo todos perceberemos que assim como a luz não substituiu o fogo (em funções distintas), os bits não substituirão a celulose.
Hamilton Ricardo Frausto
São Paulo/SP


[Feedbacks dos Leitores do Digestivo à Promoção]


Postado por Julio Daio Borges
Em 19/7/2007 às 13h53


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Tom Waits - Picture In A Frame de Yuri Vieira
02. Blogue e consiga um estágio de Julio Daio Borges


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Dez Anos do Processo de Kimberley
Antonio Augusto Martins Cesar
Fund Alexandre Gusmão
(2011)
R$ 26,00



Imagens de Minas: Juiz de Fora Manchester Mineira
Cristina Ávila
Adp
(2011)
R$ 40,00



Mercado y Politicas de Tierras
Bastiaan Philip Reydon e Pedro Ramos (orgs)
Unicamp
(1996)
R$ 28,82



As Minas do Rei Salomão
Henry Rider Haggard
Martin Claret
(2002)
R$ 9,20



Um Capitão de Quinze Anos
Júlio Verne
Hemus
R$ 11,00



Ensaio Sobre A Cegueira
José Saramago
Companhia da Letras
(2002)
R$ 33,00



The Replicant
Lia Neiva
Atica
(1993)
R$ 4,87



O Amor nos Anos 80
Flavio Gikovate
Mg
(1984)
R$ 5,00



Carolina e a Ostra
Júlio Emílio Braz
Scipione
R$ 15,00



Amor de Perdição (Literatura Portuguesa)
Camilo Castelo Branco
Orfeu
(1985)
R$ 14,00





busca | avançada
83267 visitas/dia
2,3 milhões/mês