Fim dos blogs (#comofas) | Digestivo Cultural

busca | avançada
72475 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> ZapMusic, primeiro streaming de músicos brasileiros, abre inscrições para violonistas
>>> Espetáculo de dança em homenagem à Villa-Lobos estreia nesta sexta
>>> Filó Machado comemora 70 anos de vida e 60 de carreira em show inédito com sexteto
>>> Série 8X HILDA tem sessões com leitura das peças As Aves da Noite e O Novo Sistema
>>> Festival Digital Curta Campos do Jordão chega a todo o território nacional com 564 filmes inscritos
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
Colunistas
Últimos Posts
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
Últimos Posts
>>> A TETRALOGIA BUARQUEANA
>>> Bom de bico
>>> Diário oxigenado
>>> Canção corações separados
>>> Relógio de pulso
>>> Centopéia perambulante
>>> Fio desemcapado
>>> Verbo a(fiado)
>>> Janelário
>>> A vida é
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nós, os afogados, de Carsten Jensen
>>> Dias de Luta, de Ricardo Alexandre
>>> O Frankenstein de Mary Shelley
>>> Quando o cotidiano vira espetáculo
>>> Ivan Lessa no Observatório
>>> Instantes: a história do poema que não é de Borges
>>> Instantes: a história do poema que não é de Borges
>>> Instantes: a história do poema que não é de Borges
>>> O Presépio e o Artesanato Figureiro de Taubaté
>>> Ler, investir, gestar
Mais Recentes
>>> Fullmetal Alchemist volume 5 de Hiromu Arakawa pela Jbc (2007)
>>> Fullmetal Alchemist volume 27 de Hiromu Arakawa pela Jbc (2008)
>>> Negroesia EAN: 9788571605220 de Cuti pela Mazza (2010)
>>> Fullmetal Alchemist volume 28 de Hiromu Arakawa pela Jbc (2008)
>>> Démocratie citoyenneté et héritage gréco-romain de Peirre Vidal-naquet; Jean-Pierre Vernant; Jean-Paul Brisson; Élisabeth Brisson pela Liris (2004)
>>> Death note volume 2 de Tsugumi Ohba/ Takeshi Obata pela Jbc (2008)
>>> Naruto volume 18 de Masashi Kishimoto pela Panini Comics /Planet Mangá (2008)
>>> Les arts de gouverner: du regimen médiéval au concept de gouvernement de Michel Senellart pela Éditions du Seuil (1995)
>>> Tenjho Tenge volume 1 de Oh! Great pela Jbc (2009)
>>> Kill la Kill volume 3 de Ryo Akizuki/ Trigger/ Kazuki Nakashima pela Jbc (2015)
>>> Linguistique Générale: introction à la linguistique théorique de John Lyons pela Larousse (1970)
>>> Lampião - O Capitão do Cangaço de Gonçalo Ferreira da Silva pela Não informado
>>> Estructuras Sintácticas de Noam Chomsky pela Siglo Veintiuno Editores (1974)
>>> The New Simplified Grammar + Cd de Amos - Prescher pela Richmond (2007)
>>> Educação Especial em direção à Educação Inclusiva de Juan José Mouriño Mosquera e Claus Dieter Stobäus pela Edipucrs (2006)
>>> Educação Especial em direção à Educação Inclusiva de Juan José Mouriño Mosquera e Claus Dieter Stobäus pela Edipucrs (2006)
>>> Paradise Kiss de Ai Yazawa pela Conrad (2007)
>>> MPD - Psycho volume 2 de Sho- U Tajima/ Eiji Otsuka pela Panini Comics /Planet Mangá (2008)
>>> Em nome do pai de Pedro Cavalcanti pela Codex
>>> Structures syntaxiques de Noam Chomsky pela Éditions du Seuil (2021)
>>> Modelos de Contabilidade de Osmar Reis de Azevedo pela IOB
>>> Comentários a lei n. 12.973/2014 de Osmar Reis de Azevedo pela IOB
>>> Os forasteiros de Michaelle Paver pela Intrinseca
>>> O enigma da adolescência de Maria Goreti Abreu de Almeida pela RR
>>> Seres Fantástica realidade de Marcos Malvezzi Leal pela 21
BLOG >>> Posts

Sábado, 26/9/2009
Fim dos blogs (#comofas)

+ de 2600 Acessos

Quero aqui avisar aos meus leitores ― se é que tenho algum, além de minha noiva ― que estou me despedindo do mundo literário/jornalístico. Decidi que vou mudar o rumo da minha vida. Em vez de continuar trilhando o caminho do jornalismo, vou abrir uma funerária. Já tenho até o slogan: "Funerária Rodrigues: sua morte em bom caixão". Afinal, o rádio já morreu, a televisão está morrendo, os jornais e os livros impressos também. É tanta coisa pra ser enterrada que vai faltar gente pra organizar a situação. É aí que eu entro e ganho uma baita grana.

Ainda mais agora, com a morte dos blogs sendo decretada por aí. Ora, existem quinzilhões de blogs no mundo todo. Se eu conseguir enterrar só os daqui da Bahia, já faço meu primeiro milhão antes de 2011.

Falando sério: qual o problema com esse povo? Não se pode mais inventar nada sem matar algo que veio antes?

Os blogs não estão morrendo, nem vão morrer. Como é que a maior revolução dos últimos anos pode acabar assim, de uma hora para a outra? A internet em si é uma revolução, mas os blogs é como uma revolução dentro de outra. Talvez até maior do que a primeira.

Fala-se muito do Twitter como uma nova revolução e tal, mas não chega a tanto. O pessoal é que é deslumbrado demais. Muita gente já fazia, em seus próprios blogs, o que muita gente faz via Twitter. Ou seja: posts curtos, links para matérias/ textos/ posts/ vídeos/ fotos, essas coisas. E é natural que alguém sem muito tempo para cuidar de um blog passe a ficar mais presente no Twitter. É o que está acontecendo comigo, por exemplo. E isso me deixa um tanto triste, até, porque gosto do meu blog ― mantenho um há 7 anos (não no mesmo endereço), é algo que gosto de fazer. Isso não significa, de forma alguma, que os blogs deixarão de desempenhar o papel importantíssimo que desempenham hoje. Talvez eles finalmente fiquem mais relevantes. Acho até que isso já está acontecendo, inclusive.

Além do que, pensar no fim dos blogs é admitir que a comunicação e a expressão humanas vão ser reduzidas a 140 caracteres (como disse o bom e velho Saramago, "Os tais 140 caracteres refletem algo que já conhecíamos: a tendência para o monossílabo como forma de comunicação. De degrau em degrau, vamos descendo até o grunhido."). E isso não vai acontecer. Se acontecer, não quero estar aqui para ver.


Postado por Rafael Rodrigues
Em 26/9/2009 às 02h05


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Tocalivros de Julio Daio Borges
02. The Making of A Kind of Blue de Julio Daio Borges
03. O que é isso, companheiro? de Julio Daio Borges
04. Nick Drake by Brad Pitt de Julio Daio Borges
05. Scorsese e Glauber de Yuri Vieira


Mais Rafael Rodrigues no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Mickey em Inglês Nº 01
Walt Disney
Abril Cultural
(1989)
R$ 25,40



Dez Formas de Fazer Um Coração se Derreter
Sarah MacLean
Arqueiro
(2016)
R$ 39,00



Laventure Philosophique
Micheline Sauvage
Buchet; Chastel
(1966)
R$ 28,28



Revista Exame Edição 987. Por Um Brasil Sem Amarras.
Vários
Abril
(2011)
R$ 10,00



All Set! 3 Teachers Resource Book
Adriana Weigel
Collins
(2008)
R$ 12,00



Revolução Em Mim
Marcia Kupstas
Atica
(2013)
R$ 23,00



Primal
Robin Baker
Record
(2012)
R$ 33,00



Rudimentos de Quimica
Pedro A. Pinto
Cidade do Rio
R$ 43,19



Sept Philippiques de Demosthene
M. L. Lemain
Eugene Belin
R$ 100,68



Os Cavalos de Tróia
António Borges de Carvalho
Publicações Europa - América
(2000)
R$ 24,56





busca | avançada
72475 visitas/dia
2,1 milhões/mês