A LEI DE MURPHY | Blog de Gilberto Antunes Godoi

busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> FESTIVAL DE ORQUESTRAS JUVENIS
>>> XIII Festival de Cinema da Fronteira divulga Programação
>>> Centro em Concerto: ¡Navidad Nuestra!
>>> Edital Retomada Cultural apresenta Conexão Brasil-Portugal: podcast produzido pelo Coletivo Corpos p
>>> CANTORA E ATRIZ SANDRA PÊRA NO SESC BELENZINHO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Colunismo em 2004
>>> Frases de Drummond
>>> Luciano do Valle (1947-2014)
>>> 28 de Junho #digestivo10anos
>>> 19 de Julho #digestivo10anos
>>> Citizen Kane
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> Vida conjugal
>>> Querem acabar com as livrarias
>>> Cisne Negro
Mais Recentes
>>> Para onde Peregrinamos?: Velhos Caminhos e Novas Metas de Notker Wolf pela Vozes (2012)
>>> Fundamentos de Ilustração de Lawrence Zeegan Crush pela Bookman (2009)
>>> O Pai Minuto de Spencer Johnson pela Record (1994)
>>> Madalena sem filtro de Rodrigo Alvarez pela Leya (2018)
>>> Le droit et les droits de l'homme de Louis lachance D7 pela Universitaires de france (1959)
>>> Como Encontrar Deus: ...e por que nem é Necessário Procurá-lo de Zacharias Heyes pela Vozes (2019)
>>> Guia do Autor - O Caminho das Pedras Facilitado de Ufsc pela Ufsc (2001)
>>> A Construção de uma Identidade Inacabada: Nipo-brasileiros no Interior do Estado de São Paulo de Marcelo Alario Ennes pela Unesp (2001)
>>> It a Coisa de Stephen King pela : Suma das Letras (2019)
>>> Três décadas de economia gaúcha : a evolução social de Octavio Augusto Camargo Conceição, Marinês Zandavali Grando, Sônia Unikowsky Teruchkin e Luiz augusto Estrella Faria (org.) pela Fee (2010)
>>> O Ladrão de Sonhos e Outras Historias de Ivan Ângelo pela Ática (1994)
>>> Matemáticas Para Científicos Volumen 1: Vectores, Tensores Y Grupos de Thor A. Bak, Jonas Lichtenberg pela Revert (2022)
>>> Como Domar seu Gremlin Interior de Richard D. Carson pela Vértice (1991)
>>> O Vaticano II Contado aos que não o Vivenciaram de Daniel Moulinet pela Paulus (2012)
>>> Será que Ele me Ama? de Gregory Berns pela Citadel (2020)
>>> Revolução Francesa 1 de Max Gallo pela LPM Pocket (2012)
>>> Catecismo da Igreja Católica de Conferência Nacional dos Bispos do Brasil CNBB; Conferência Nacional dos Bispos do Brasil pela Loyola (2000)
>>> O Melhor de Vinicius de Moraes de Vinicius de Moraes pela Folha de São Paulo (1994)
>>> Santo Guerreiro: Roma Invicta (Com autógrafo) de Eduardo Spohr pela Verus (2020)
>>> Meta-história: a Imaginação Histórica do Século XIX de Hayden White pela Edusp (2008)
>>> Memorias Inventadas de Manoel de Barros pela Planeta (2010)
>>> Trustália uma quase distopia de Magno Mello pela Chiado (2016)
>>> O Poder de Mau Humor de Ruy Castro pela Cia das Letras (1993)
>>> One-Punch Man Vol. 09 de One pela Panini (2017)
>>> Valor, força de trabalho e acumulação monopolista de Maria da Conceição Tavares, Francisco Paulo Cipolla e outros pela Vozes
BLOGS >>> Posts

Sexta-feira, 8/5/2015
A LEI DE MURPHY
Gilberto Antunes Godoi

+ de 2400 Acessos

A Lei de MurPhy titulo deste artigo nada tem a ver com o Joseph Murphy autor de varios livros sobre o Poder da Mente.Grande sucesso de vendas.E,vez por outra ressuscitamos como algo misterioso e insondavel do poder do infinito ou cósmico,se preferir Pai celestial. A Lei de Murphy surgiu do engenheiro da Força Aérea americana.Edward Murphy.Ele tinha como opinão se alguma coisa pode dar dar errado dará.Vocês já estando dentro da banheira toca o telefone,o pão cai e lado da manteiga virado para o chão.(risos)Se você tem uma informação rapida é porque tem algo errado.Um chaveiro é sempre a última chave que serve.Esse texto estava pronto e por um erro perdi tive que escrever tudo de novo.E ,isso não tem graça. Seria ele um mal-humorado, meio depressivo,vendo tudo pelo avesso descontando sua frustrações pessoais, talvez até uma desilusão amorosa?Podemos adiantar que ele, com sua Lei de Murphy evitou muitos acidentes com sua desconfiança, e provavelmente irritante parecendo neura.Partindo, digamos do principio que nada é compacto e harmônico, e tende forçosamente a desvios.Como a natureza e a própria vida tivesse o mocinho e o vilão,o bem e o mal se intercalando espontâneamente,e assim precisamos ficar prevenidos...como uma sintese da Lei de Murphy. Um contraponto ao celebrado e sucesso comercial chamado pensamento positivo?Este como slogan e como intenção na tem nada de errado.O problema começa quando encarado sistematicamente ou metodologia e a exploração em massa por um número de espertalhões.Consequentemente,a frustração e alienação. Se verificarmos bem. apesar da primeira vista antipático a Lei de Murphy confere com os nossos contratempos diários e experiência da nossa própria vida.Seria a tática de ver o lado precário ou triste da vida?Sim,mas a principio sem ser uma filosofia sombria da existência (a Lei de Murphy mais como um método do que discutir que a vida não é um sonho e também não um mar de rosas).Pode ser polêmico.Parece que a Lei de Murphy se assemelha aqueles nossos momentos de raiva ou resmungos e dizemos que tudo dá errado...somos uns azarões.Mas logo vem algúem ou de nós mesmos um pensamento clérical que temos que encarar com otimismo e como uma atitude de arrependimento, como fosse uma penitência pelo pecadilho.Conflitos da cultura.A Lei de Murphy,poderia apartir desse reconhecimente que forçosamente os percalços acontecem,nos deixar mais organizados como menos perturbados.O pessimismo bem utilizado?Esse assunto otimismo/pessimismo parece sempre ser encarado como retórica...(Risos).Mais semântica do que conteúdo.Por um momento podemos dizer que o otimista e o pessimista são dois chatos e o realista é primo irmão do pessimista.(Risos).E, como se sai disso?O Edward Murphy que origino este artigo disse que quando um vento ataca o barco o otimista espera o vento passar, o pessimista reclama e o realista ajusta as velas para enfrentar esse vento. Não te parece que esse assunto não é tratado com seriedade?O mercado editorial explora como um filão onde o importante não é trzer algo que frutifique mas ganhar em cima do próprio apelo do genêro.Vendo o leitor disso como alguém fantasioso,como que vivendo no mundo da Lua.Que ficou tão desgastado o tal de autoajuda que alguns autores renegam que fazem isso.Mas se preparem.Um novo ciclo deve estar a caminho.E, por ser novo pode ser uma armadilha.Lei de Murphy neles?(Risos). Enquato escrevo percebo como o tema pode ser complexo e não tão especifico como inicialmente planejava.Envolve a existência humana e independente de alguém ser mais compenetrado ou desligado mexe com seus anseios... Seria muito simplista dizer que a Lei de Murphy mais que uma contraposição das filosofias baratas de almanaque seria mentalmente ver o lado ruim das coisas ou para ser mais exato, temporáriamente,ter sensações desagradáveis,visando o bem.Ou seja,o sucesso,o sonho e por que não a felicidade?Apenas um caminho diferente. Nesse receituário dos populares livros de autoajuda não se pode pensar no lado negativo da situação que está enfrentando e não pensar no problema e sim na solução.Chega a ser irresponsável.Somos tão sensiveis que um simples e inofensivo observação de um amigo pode nos estragar o dia...e assim por hábito não experimentar os sentimentos que doem para não sofrermos, mesmo isso já acontecendo...a droga atualmente pode ser uma tentativa de não sofrer a qulaquer preço.Voc~e já deve ter ouvido falar de dois autores.Edgar Alan Poe e Franz Kafka?Dois escritores do horror.Nas suas histórias carregadas de imagens que podem paralisar pelo pavor.E, os leitores sentem alivio por voltar ao mundo da realidade mesmo com todos seus defeitos...Se as pessoas fazem isso não obrigadas,e sim por prazer, por que não fazer com seus problemas,inquietações,angústias pessoais,e nas contingências que a vida lhe envolveu com frustrações,dor e perdas? Tenho a sensação de que não acertei bem os pontos na minha exposição sobre a polêmica e estranha(será)Lei de Murphy ou não desamarrei os nós...e se fizesse não seria a Lei de Murphy(Risos).Pois, assim é a vida, um desafio que não obedece a um manualzinho idiota de respostas prontas... Uma curiosidade sobre Edward Murphy. Ele morreu em 1990,sem conhecer a fama.O termo a Lei de Murphy foi espalhada para o mundo após sua morte.Mais uma lição da Lei de Murphy?Espero que não...(Risos).

Postado por Gilberto Antunes Godoi
Em 8/5/2015 às 20h06


Mais Blog de Gilberto Antunes Godoi
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Da Tirania: Incluindo a Correspondência Strauss-kojéve
Leo Strauss
É Realizações
(2017)



A Aventura Urbana
Lucia Rabello de Castro
7letras
(2004)



Moda Moldes Ano 3 Nº 25
Escala
Escala



Rafa, Bom de Bola
Pedro Bloch
Ediouro
(1983)



Talento Nova Linguagem do Dinheiro para Realização Pessoal
Glória Maria Garcia Pereira
Futura
(2002)



Vender bem é mais fácil
Alberto Couto
Gente
(1995)



Além das Crianças Índigo - A Consciência da Nova Geração
P. M. H. Atwater
prolibera
(2008)



Livro Físico - Aconteceu Naquele Verão
Stephanie Perkins
Intrinseca
(2017)



Sempre aos Domingos
João Ubaldo Ribeiro
Nova Fronteira
(1988)



Livro - Arosados Ventos - Coleção Jovens do Mundo Todo
Odette B. Mott
Brasiliense
(1986)





busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês