A morte do professor de literatura | Blog de Renato Alessandro dos Santos

busca | avançada
56914 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> EcoPonte apresenta exposição Conexões a partir de 16 de julho em Niterói
>>> Centro em Concerto - Palestras
>>> Crônicas do Não Tempo – lançamento de livro sobre jovem que vê o passado ao tocar nos objetos
>>> 10º FRAPA divulga primeiras atrações
>>> Concerto cênico Realejo de vida e morte, de Jocy de Oliveira, estreia no teatro do Sesc Pompeia
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> PANFLETO AMAZÔNICO
>>> Coruja de papel
>>> Sou feliz, sou Samuel
>>> Andarilhos
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> O Apocalipse segundo Seu Tião
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O problema do escritor
>>> Cadáveres
>>> A teoria do caos
>>> Ainda o mesmo assunto...
>>> Contradições da 30ª Mostra
>>> Chinese Democracy: grande disco
>>> 50 Anos de Preguiça e Insubmissão
>>> Dos Passos: duplamente grande
>>> 1992 e hoje
>>> 26 de Outubro #digestivo10anos
Mais Recentes
>>> Fragmentos de Flávio Freitas pela Contemporâneo
>>> Crime Improvavel de Luiz Carlos Cardoso pela Ficcoes (2010)
>>> Direito, Relações de Gênero e Orientação Sexual de Elida Séguin pela Letra da Lei (2009)
>>> Axé de Cremilda Medina - org. pela Usp Ed. (1996)
>>> Fome de liberdade de Gilney Amorim Viana pela Edufeb
>>> O Remanescente - no Limiar do Armagedom de Tim Lahayne; Jerry B. Jenkins pela United Press (2003)
>>> O Sabor do Mel - Trilogia Amores Possíveis - Vol 2 de Eileen Goudge pela Bertrand Brasil (2010)
>>> A Verdadeira História do Século 20 de Claudio Willer pela Córrego (2016)
>>> Benção Incondicional - a Felicidade é Possível de Howard Raphael Cushnir pela Nova Era (2003)
>>> A Garota Que Eu Quero de Markus Zusak pela Intrínseca (2013)
>>> História da Vida Privada no Brasil - Volume 1 de Fernando Novais; Laura de Mello e Souza (org.) pela Companhia das Letras (2002)
>>> Enciclopédia Filosófica de Roland Corbisier pela Civilização Brasileira (1987)
>>> Diário de um Yuppie de Louis Auchincloss pela Best Seller (1987)
>>> Contos Clássicos de Fantasma de Alexander M. da Silva; Bruno Costa (orgs) pela Sebo Clepsidra / Ex Machina (2020)
>>> Só o Amor Consegue de Zibia Gasparetto pela Vida e Consciência (2017)
>>> Paris de Patrick Jouin de Valerie Guillaume pela Instituto Tomie Ohta (2009)
>>> A Consciencia de Zeno de Italo Svevo pela Biblioteca Folha (2003)
>>> O Urubu e o Sapo/ O Velho e o Tesouro de Silvio Romero pela Paulus (2008)
>>> Novum Organum / Nova Atlântida (coleção os Pensadores) de Francis Bacon pela Abril Cultural (1979)
>>> O Que é Jazz, Rock e Música Sertaneja de Roberto Muggiati; Paulo Chacon; Waldenyr Caldas pela Circulo do Livro (1991)
>>> Medéia de Eurípedes pela Ateliê (2013)
>>> The Principles of the Internacional Phonetic Association de Varios Autores pela Phonetic Association (1979)
>>> O Cavaleiro Inexistente de Italo Calvino; Nilson Moulin pela Companhia de Bolso (2009)
>>> O Grande Cophta de Johann Wolfgang Von Goethe pela Aetia (2017)
>>> M. Teixeira Gomes: o Discurso do Desejo de Urbano Tavares Rodrigues pela Edições 70 (1982)
BLOGS >>> Posts

Sexta-feira, 14/8/2015
A morte do professor de literatura
Renato Alessandro dos Santos

+ de 4100 Acessos


"O Captain! My Captain". A morte de Robin Williams deixou o mundo todo comovido e estarrecido. Como pode morrer o palhaço mais triste de Hollywood? Da tragicomédia humana ninguém escapa, até porque os limites entre comédia e drama fazem parte de nossa vida diariamente. Williams sorria por fora, mas por dentro estava despedaçado. O diagnóstico de Mal de Parkinson talvez não tenha sido tão destruidor quanto a dor pela morte recente do amigo Jonathan Winters, comediante morto em abril de 2014 aos 87. E agora Robin Williams está morto. Morreu aquele que deu corpo, voz e alma a John Keating, o predileto e genial professor de literatura de muitos e muitos por aí; não de todos, certamente, mas de muitos. Muitos.

Todo aluno de Letras e todo professor de literatura têm de ver Sociedade dos poetas mortos. Parece incrível, mas nem todos que pertencem à geração que nasceu nos 1990 viu o filme ainda. Precisam ver. O que Robin Williams faz é mostrar que, num colégio tradicional norte-americano de meados dos anos 1950, conservador, elitista, burocrático, é possível ser Dionísio em um mundo cercado de Apolos. O professor John Keating é poesia, liberdade, alma, enquanto a sociedade daquele tempo é certinha e previsível. John Keating não; John Keating é aquela vela acesa lá do início do filme; aquele que anseia pela vida soprando forte nas madeixas, balançando as franjas freneticamente, conforme a direção do vento aponta. John Keating é o biruta, e seus alunos passam por ele, absorvendo-o. É o que vemos em Sociedade dos poetas mortos, quando aqueles meninos resolvem adotar o estilo de vida libertário contido na expressão latina carpe diem. Aproveitar a vida, eis o porquê de tudo. Estamos aqui para ficar amarrados a uma árvore de nosso jardim ou devemos pôr o pé na rua e sentir o sol bater no rosto, correndo o risco de sermos atropelados, abduzidos ou flechados pelo Cupido? Muitos ficam em casa e não se arrependem. Mas têm dificuldade para descobrir o que é ser razoavelmente livre. De espírito. É o que faz Keating: como professor, abre o caminho, como os birutas que, nos aeroportos, apontam a quem estiver interessado a direção do vento.

Keating é quem liberta o espírito de seus alunos. Com poesia. Com literatura. Com literatura de gente como Walt Whitman e Henry David Thoreau, dois clássicos rebeldes norte-americanos. Vem de Thoreau a constatação de que sorrimos por fora, enquanto por dentro estamos despedaçados. Ninguém pensou que Robin Williams estivesse tão despedaçado. Mas estava. A notícia de sua morte coloca um ponto-final à vida do homem que representou o professor de literatura mais querido do mundo. E assim, com Sociedade dos poetas mortos, por meio da etérea e flamejante escuridão da qual o cinema se serve, a literatura sempre estará presente; já o ser humano que morreu asfixiado e que deu vida àquele professor inesquecível, paradoxalmente como o corvo de Poe, nos lembrará de que a vida é triste, cheia de dor e sofrimento, enquanto grita "Carpe Diem" a si mesmo, mas agora sem acreditar que, ao final, tudo dará certo. Infelizmente.

Texto publicado originalmente no Blog do curso de Letras do Moura Lacerda.

Renato Alessandro dos Santos é professor e editor do site Tertúlia.


Postado por Renato Alessandro dos Santos
Em 14/8/2015 às 16h23


Mais Blog de Renato Alessandro dos Santos
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Poder Nu - Confira!
Albert Einstein
Rotterdan
(1994)



Viagens de Gulliver
Jonathan Swift
Atica
(2008)



Agaguk - Grandes Clássicos da Literatura Em Quadrinhos
Yves Theriault
Del Prado
(2015)



Carmem de Sevilha
Caroline de Ávila
Correio Fraterno
(2016)



Logística Transporte e Desenvolvimento Econômico Vol I
Josef Barat
Cla
(2007)



Life Styles Students Book 3
Francisco Lozano, Jane Sturtevant
Longman
(1989)



Iracema
José de Alencar
Solidez



Saint Andrew For Beginners
Saint Andrew For Beginners - Rennie Mc Owan
Rennie Mcowan
(1996)



A Inserção da Saúde Mental no Hospital
Leila Damasio Lopes
Ciência Moderna
(2000)



Queremos Natal Com Papai Noel
Ana Maria Bohrer
Atica
(2002)





busca | avançada
56914 visitas/dia
1,8 milhão/mês