A imponderável leveza do ser | Blog de Marco Garcia

busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês
Mais Recentes
>>> FESTIVAL DE ORQUESTRAS JUVENIS
>>> XIII Festival de Cinema da Fronteira divulga Programação
>>> Centro em Concerto: ¡Navidad Nuestra!
>>> Edital Retomada Cultural apresenta Conexão Brasil-Portugal: podcast produzido pelo Coletivo Corpos p
>>> CANTORA E ATRIZ SANDRA PÊRA NO SESC BELENZINHO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Home sweet... O retorno, de Dulce Maria Cardoso
>>> Menos que um, novo romance de Patrícia Melo
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> O segredo para não brigar por política
>>> Endereços antigos, enganos atuais
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Lula de óculos ou Lula sem óculos?
>>> Uma história do Elo7
>>> Um convite a Xavier Zubiri
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
Últimos Posts
>>> Nosotros
>>> Berço de lembranças
>>> Não sou eterno, meus atos são
>>> Meu orgulho, brava gente
>>> Sem chance
>>> Imcomparável
>>> Saudade indomável
>>> Às avessas
>>> Amigo do tempo
>>> Desapega, só um pouquinho.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Frases de Drummond
>>> Luciano do Valle (1947-2014)
>>> 28 de Junho #digestivo10anos
>>> 19 de Julho #digestivo10anos
>>> Citizen Kane
>>> Gal Costa (1945-2022)
>>> Vida conjugal
>>> Querem acabar com as livrarias
>>> Cisne Negro
>>> Avassalador
Mais Recentes
>>> Cantos do Rio de Roberto Acízelo de Souza (org) pela Ponteio (2019)
>>> Joana d'Arc: Jovem, Líder, Bruxa, Santa - A Surpreendente História da Heroína que Comandou o Exército Francês de Helen Castor pela Gutenberg (2018)
>>> Brunner & Suddarth Tratado de Enfermagem Médico-Cirúrgica Nº 4 de Suzanne C. Smeltzer e Brenda G. Bare pela Guanabara (1996)
>>> Exclusão Social e Questões de Gênero de Valdir Pretto pela Educs (2015)
>>> Corpos secos: um romance de Luisa Geisler/ Marcelo Ferroni e outros pela Alfaguara (2020)
>>> Triste fim de Policarpo Quaresma de Lima Barreto pela Ftd (2013)
>>> Investimento privado e desenvolvimento : balanço e desafios de Marta Porto (org.) pela Senac Rio (2005)
>>> Sherlock Holmes o Vale do Terror de Arthur Conan Doyle pela Martin Claret (2018)
>>> ABC da Palavra Fácil 346 de Sharon Bower pela Círculo do Livro
>>> O Colapso do Universo 346 de Isaac Asimov pela Círculo do Livro
>>> Crime, Drogas e Políticas de Paulo Cesar Pontes Fraga pela Editus (2010)
>>> 2666 de Roberto Bolaño pela Companhia Das Letras (2010)
>>> Livro - O Livro de Kristine Oconnell George pela Paulinas (2007)
>>> Genocídio Americano: A Guerra do Paraguai 346 de Julio José Chiavenatto pela Círculo do Livro
>>> Teresa de Ávila de Marcelle Auclair pela Quadrante (1995)
>>> Livro - Juca Brasileiro e o Hino Nacional de Patricia Angel Secco pela Fund. Educar Dpaschoal
>>> Fernão Capelo Gaivota 346 de Richard Bach pela Círculo do Livro
>>> Livro - Aprendendo com os Animais: Campeão Tem Dor de Dentes de Vani Mehra pela Edic (2013)
>>> O Livro Tibetano dos Mortos de W. Y. Evans Wentz pela Pensamento (1993)
>>> Quincas Borba de Machado de Assis pela Ftd (2011)
>>> Livro - Mundo de Coisas de Marcelo Xavier pela Formato (2009)
>>> O Holograma Humano: O Paradigma Holográfico e suas Aplicações na Medicina, na Psicologia e na Vida Diária de Dr. Robin Kelly pela Cultrix (2015)
>>> Livro - A Organização do Trabalho no Século 20 de Geraldo Augusto Pinto pela Expressão Popular (2010)
>>> O Naufrágio do Titanic de Hans Magnus e Enzens Berger pela Companhia das Letras (2000)
>>> Livro - O Menino Que Espiava pra Dentro de Ana Maria Machado; Alê Abreu pela Global (2008)
BLOGS >>> Posts

Quinta-feira, 15/12/2016
A imponderável leveza do ser
Marco Garcia

+ de 3300 Acessos

Charles nasceu num lugar distante. Uma pequena vila de casas simples, separadas por extensos terrenos de terra batida, no interior de Alagoas.

Tudo que viveu até os 14 anos foi dificuldade. Seu pai era marchante, a mãe, de casa. As condições familiares haviam lhe privado de muitas coisas que um dia sonhou ter.

Por exemplo, sempre quis ter uma bicicleta, para desbravar as ruas de terra até o pé do Morro do Pneu – nunca soube a razão deste nome.

Por mais que implorasse, seu pai sempre lhe dissuadia da ideia de ganhar seu objeto de desejo sobre duas rodas. Mesmo quando o borracheiro do lugar, de tempos em tempos, lhe avisasse de uma bicicleta usada para vender.

Seus brinquedos se resumiam a coisas banais. Era uma caixa de sapatos com tampas de garrafas, bolinhas de frascos de desodorante e bumerangues de caixas de ovos.

Certo dia pela manhã, quando foi à venda comprar pão, viu um casal bem arrumado tentando se fazer entender com o dono da bodega. O velho comerciante, nervoso e suado, gesticulava, avisando que não entendia nada do que eles diziam.

Charles esqueceu que seus pais o aguardavam com o café na mesa e se encantou com aquelas frases enigmáticas. Parecia o homem de bigodinho engraçado do filme que havia assistido na casa do vizinho.

Quando, finalmente, o casal saiu da mercearia, ouviu o dono dizer:

- Sei pouco do Português, que dirá o Alemão, ora bolas?

Alemão.

Essa língua estranha passaria a ser a nova obsessão de Charles. Queria entender e falar bonito igual aos ‘loiros’ da bodega. Mas como, se nem uma bicicleta seu pai podia lhe dar?

Conversando com um amigo, soube de uma professora que dominava algumas palavras daquele idioma. Mas o lugar onde ela ensinava era longe e jamais seus pais permitiriam que se distanciasse mais que um quilômetro de casa.

E não adiantava resmungar.

Mesmo assim, bolou uma estratégia para chegar até a professora, que lhe incutiria na mente umas lindas frases da Alemanha.

Havia uma possível saída. Tinha o caminhão de entrega que passava sempre às quartas-feiras pela vila. Poderia pedir carona. Mas o motorista, certeza, recusaria. O mandaria ir para casa. Sem calcular os riscos que correria, Charles resolveu ir escondido.

Assim que os entregadores deixaram a última caixa de bebida na bodega, ele subiu e se acomodou entre os engradados. Ficou feliz e ao mesmo tempo amedrontado quando o motor roncou e o veículo arrancou. Quis descer, mas já era tarde.

Agora vou, pensou.

No caminho, foi imaginando como se apresentaria à professora e de que maneira tentaria convencê-la a lhe dar aulas de Alemão, já que não possuía nem uma moeda. Ia dizer que o Padre o enviara. Por certo ela não rejeitaria tão religioso pedido.

Quando avistou as primeiras casas, sentiu ser o momento ideal para desembarcar. De que jeito? O caminhão por certo não iria parar antes de chegar à fábrica, e ele precisava descer e rápido.

Se levantou e, no momento em que iria se apoiar na carroceria, o veículo deu um solavanco e Charles, desequilibrado, foi arremessado para fora. Caiu. Acidente feio. Bateu a cabeça no meio fio. Desacordou.

Uma ambulância o socorreu para o hospital e ele teve que ser operado às pressas. O estado era grave. Na queda, o impacto abriu-lhe uma fenda na testa, que fez escorrer parte da massa encefálica.

Operou. Foram horas e horas de cirurgias para salvar sua vida. Todas no cérebro. Poucos dias depois nova operação. Os médicos o reoperaram seguidas vezes. Tudo minucioso para restar o mínimo de sequelas. E tudo saiu dentro do esperado.

Da UTI, Charles partiu para uma área Semi-Intensiva e, dali, para o quarto. 15 dias após o acidente, chegou a vez das visitas. Seus pais, emocionados, entraram e sua mãe foi logo lhe dizendo:

- Meu filho, que bom que você está vivo!

Charles olhou para o pai, observou o semblante feliz da mãe, puxou a enfermeira pelo braço e perguntou:

Mädchen, die diese beiden Menschen und was soll ich in diesem Krankenhaus zu tun?

*Marco Garcia é jornalista paulistano. Mora em Fortaleza.


Postado por Marco Garcia
Em 15/12/2016 às 16h05


Mais Blog de Marco Garcia
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Citologia e Histologia Em Pratica
Danielle de Moura Cordeiro
Universa
(2002)



David Copperfield (vol. 16)
Editora Folha de S. Paulo
Folha de Spaulo
(2016)



Vínculos
Doris Mortman
Best Seller
(1984)



O Santo Graal e a Linhagem Sagrada
Michael Baigent
nova fronteira
(1993)



A voz da fé - O segredo para uma vida bem-sucedida
Bispo Macedo
unipro
(2009)



Os Dois Lados da Historia
Laura Spindola
Cop
(2011)



1822
Laurentino Gomes
Nova Fronteira
(2010)



De Olho na Saúde
Heloisa Bernardes
HLB
(2005)



Sinais de Esperança
Alejandro Bullon
Casa Publicadora Brasileira
(2008)



Foucault, Simplesmente: Textos Reunidos
Salma Tannus Muchail
loyola
(2004)





busca | avançada
62220 visitas/dia
1,6 milhão/mês