O grande ditador | Gian Danton | Digestivo Cultural

busca | avançada
64744 visitas/dia
1,7 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Evento de reinauguração da Praça do Centro de Convenções da Unicamp
>>> Oficina Som Entre Fronteiras está com inscrições abertas
>>> Projeto “Curtas de Animação” com estudantes da zona rural de Valinhos/SP
>>> Novos projetos do Festival de Dança de Joinville promovem atividades culturais para 120 alunos
>>> Toca do Morcego anuncia agenda primavera/verão 2022/2023
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
Colunistas
Últimos Posts
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
Últimos Posts
>>> Baby, a chuva deve cair. Blade Runner, 40 anos
>>> Conforme o combinado
>>> Primavera, teremos flores
>>> Além dos olhos
>>> Marocas e Hermengardas
>>> Que porcaria
>>> Singela flor
>>> O cerne sob a casca
>>> Assim é a vida
>>> Criança, minha melhor idade
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Nuvem Negra*
>>> Discurso de William Faulkner
>>> Os Incríveis
>>> Erik Satie
>>> Ronnie James Dio em 1983
>>> O Leão e o Unicórnio
>>> O outro Carpeaux
>>> Something that grows
>>> Façam suas apostas
>>> Tempo de aspargos
Mais Recentes
>>> Gestão Em Enfermagem : Ferramenta para Prática Segura de Vários pela Yendis (2011)
>>> Clt Universitária - 24ª Ed de Sergio Pinto Martins pela Saraiva (2018)
>>> Seres Proibidos de Marcélio Ávila pela Do Autor
>>> Crenças, Religiões, Igrejas e Seitas: Quem São? de Estevão Tavares Bettencourt pela Nc (1995)
>>> O Manuscrito de Missolonghi de Frederic Priokosch pela Siciliano (1995)
>>> A Ciência Médica de House de Andrew Holtz pela Best Seller (2007)
>>> Pedagogia: Reprodução Ou Transformação de Lauro de Oliveira Lima pela Brasiliense
>>> Introdução ao Mercado de Ações de Comissão Nacional de Bolsas de Valores pela Introdução ao Mercado de Ações (1986)
>>> Reféns no Paraíso de Giselda Laporta Nicolelis pela Quinteto Editorial (1999)
>>> Estrutura e Funcionamento do Ensino de 1ª Grau de Nelson Piletti pela Atica (1989)
>>> Qualidade e Segurança Em Anestesiologia de Fabiane Cardia e Luiz Antonio e Outros pela Sba (2012)
>>> A Viagem de uma Alma de Peter Richelieu pela Pensamento (1972)
>>> Chico Buarque de Regina Zappa pela Relume Dumará (1999)
>>> Como Prevenir e Tratar o Câncer Com Medicina Natural de Varios pela Best Seller (2005)
>>> Música Brasileira para Sopros (vol. 1) de Irmãos Vitale pela Irmãos Vitale (2002)
>>> Legislaçao Previdenciaria de Anfip pela Anfip (2000)
>>> Viva Você sem Peixes no Muro de Davi Urias Vidigal pela Nova Letra (2006)
>>> Os Meninos Que Viraram Estrelas de Sávia Dumont pela Companhia das Letrinhas (2011)
>>> Controle de Estímulos e Comportamento Operante - uma Introdução de Vários pela Educ (2002)
>>> Orações de Proteção de Carlos Magno Maia Dias pela Madras (2002)
>>> Matemática para o 2º Grau: Curso Completo de Antonio Nicolau Youssef e Outras pela Scipione (1998)
>>> Feng Shui - para Quem Mora Em Apartamento de Richard Webster pela Pensamento (1998)
>>> Renascendo da Dor Aids Principio Ou Fim de Sonia Tozzi Henriques Rodrigues pela Panorama
>>> Só para Gigantes de Gabí Martínez pela Rocco (2013)
>>> Mulher e Família: Diversos Dizeres de Maria Cristina Lopes de Almeida (org) e Outros pela Oficina do Livro (2006)
COLUNAS >>> Especial Guerra no Iraque

Sexta-feira, 21/3/2003
O grande ditador
Gian Danton

+ de 5000 Acessos

Quando morava em Curitiba, eu e os desenhistas da revista Manticore bolamos o roteiro de um filme para Silverster Stalone com participação especial de Charles Bronson. Chamava-se Brutalidade Total. No filme, Stalone era um policial que, para evitar gastos, matava os bandidos antes que eles cometessem um crime. Nós ríamos muito dessa ácida crítica ao filmes violentos de Hollywood, mas não podíamos imaginar que um dia esse mesmo estratagema seria usado como argumento não por um ator de segunda, mas pelo presidente dos EUA.

Esta guerra deveria ser chamada exatamente disso: Brutalidade Total: Vamos atacar o Iraque antes que ele nos ataque. Inverte-se a lógica da guerra. Antes um país que atacava primeiro era o opressor, e o outro, vítima. Bush inventou uma maneira de atacar primeiro e continuar sendo vítima.

Todo o discurso de guerra é apenas um amontoado de mentiras. Os discursos oficiais dizem que o objetivo desta guerra, além de proteger os EUA é livrar a população iraquiana de um truculento ditador. Curiosamente, quando o pai de Bush era presidente, Saddam era amigo dos EUA, assim como Bin Laden. E, já que o Bushinho não suporta ditadores, por que o pai dele não tirou do poder o chileno Augusto Pinochet, um dos mais sangrentos déspotas do século XX? Além disso, há um bom punhado de ditadores espalhados pelo mundo. Bushinho vai tirá-los todos do poder? Ou vai deixar quietinhos os que fazem o jogo dos EUA? O que há por trás dessas mentiras de guerra?

George Orwell, autor de 1984, dizia que o objetivo de todas as guerras é evitar a distribuição de renda. Gasta-se com a guerra o excedente que poderia ser usado para alimentar ou instruir os mais pobres. Com isso, tem-se a garantia de uma população ignorante e subserviente.

Cada míssel lançado sobre o Iraque custa a bagatela de 1 milhão de dólares. Como disse o presidente Lula, com esse dinheiro dava para alimentar muitos nordestinos. Os próprios americanos já estão sentindo isso na pele. Todas as bibliotecas do país tiveram um corte drástico de orçamento e não têm dinheiro sequer para comprar o novo livro de Harry Potter. Se não há dinheiro para comprar os livros de Rowling, imagine-se para comprar obras que esclareçam o povo americano...

Em conformidade com a desinformação, há uma caça às bruxas que lembra muito o Marchatismo, a fase mais negra da história norte-americana. Só que agora o inimigo não são mais os comunistas, mas sim os islâmicos. Relatos sobre brasileiros que foram agredidos porque foram confundidos com árabes estão se tornando cada vez mais constantes. Até advogados que defendem pessoas acusadas de terrorismo estão sendo presas. Pacifistas estão sendo perseguidos pelo governo. É essa democracia que Bush quer para o mundo?

Além de evitar a distribuição de renda, há um outro objetivo claro. Os EUA querem marcar sua posição como líder hegemônico do século XXI. Com a queda da União Soviética, os EUA podem mandar sozinhos nos destinos do mundo. Não há mais necessidade de fazer alianças ou de pedir autorização da ONU.

Bushinho está mandando um recado bem claro para os países do globo: agora quem não fizer os jogo do Tio Sam terá seu país invadido e será tirado do poder.

Muitos devem se lembrar da época do imperialismo britânico, quando a China resolveu acabar com o tráfico de ópio, que era praticado pela Inglaterra. Os ingleses invadiram a China e forçaram o Imperador a mudar de idéia. O mesmo fará Bushinho com qualquer país que não faça o que ele quer.

Saddam controlava as maiores reservas de petróleo do mundo e isso era um problema econômico para os EUA. Agora não é mais. Da mesma forma, o Brasil tem a maior reserva de água potável do mundo. Quando Businho achar necessário, vai incrementar a operação "Liberdade para o Brasil", e vai cuidar de nossa água para nós. O mesmo fará ele com qualquer país que tenha interesse estratégico para o Tio Sam.

Fica a pergunta: quem realmente é o grande ditador? Saddam ou Bush?


Gian Danton
Goiânia, 21/3/2003


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes de Jardel Dias Cavalcanti
02. A desgraça de ser escritor de Luís Fernando Amâncio
03. Lançamentos de literatura fantástica (1) de Luís Fernando Amâncio
04. estar onde eu não estou de Luís Fernando Amâncio
05. 40 anos sem Carpeaux de Celso A. Uequed Pitol


Mais Gian Danton
Mais Acessadas de Gian Danton em 2003
01. A teoria do jornalismo e a seleção de notícias - 28/2/2003
02. A análise da narrativa - 24/1/2003
03. Os X-men e o fim da infância - 31/1/2003
04. Experiências e Livros - 7/10/2003
05. Demônio maniqueu e demônio agostiniano - 11/4/2003


Mais Especial Guerra no Iraque
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A Ursinha e as Borboletas
Susan Quinn, Caroline Pedler
Ciranda Cultural
(2013)



Just in Time! All-new - 30 Minute Meals...
Rachael Ray
Crow Publishers
(2007)



Segredos de Família -
Lisa Wingate
Globo Livros
(2018)



Sabor de Sonho
Claudio Feldman, Claudia Scatamacchia
Moderna
(1994)



Alice no País das Maravilhas
Não Consta
Dcl
(1980)



Sentinelas da Alma
Francisco Cândido Xavier
ideal
(1982)



Centro de Estudos da Antiguidade Greco-romana Ceag - Hypnos Vol 6
Palas Athena
Triom e Educ
(2000)



O Que e Sociologia
Carlos Benedito Martins
Brasiliense
(1994)



Dom Casmurro - Série Bom Livro
Machado de Assis
Atica
(2012)



Qual é a Tua Obra?
Mario Sergio Cortella
Vozes
(2012)





busca | avançada
64744 visitas/dia
1,7 milhão/mês