Por dentro do Joost: o suco da internet com a TV | Tati de Roterdã | Digestivo Cultural

busca | avançada
74889 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Festival Halleluya em São Paulo realizará ação solidária para auxiliar as famílias no RS
>>> Povo Fulni-ô Encontra Ponto BR
>>> QUEÑUAL
>>> Amilton Godoy Show 70 anos. Participação especial de Proveta
>>> Bacco’s promove evento ao ar livre na Lagoa dos Ingleses, em Alphaville
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
Colunistas
Últimos Posts
>>> Rodrigão Campos e a dura realidade do mercado
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
>>> The Piper's Call de David Gilmour (2024)
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
Últimos Posts
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Florbela Espanca, poeta
>>> Mamãe falhei
>>> À procura de barranco
>>> As armas e os barões
>>> 11 de Setembro e a Era do Terror
>>> Sobre as ilusões perdidas
>>> Mistérios Literários
>>> Vendem-se explicações do Planeta dos Macacos
>>> Caminho para a Saúde
>>> Romance breve
Mais Recentes
>>> O Herói Perdido de Rick Riordan pela IntrÍnseca (2011)
>>> Sem Folego de Brian Selznick pela Sm (2012)
>>> Manual De Metodos E Tecnicas De Pesquisa Cientifica de Izequias Estevam Dos Santos pela Impetus (2016)
>>> A Droga Da Obediência de Pedro Bandeira pela Moderna (2014)
>>> Compliance: Como Implementar de Marcos Assi pela Trevisan (2018)
>>> Nate Está Na Área de Lincoln Peirce pela Sextante (2014)
>>> Nós de Mauricio Negro pela Companhia Das Letrinhas (2019)
>>> Análise Técnica Clássica de Flávio Lemos, Celso Cardoso pela Saraiva (2010)
>>> Zumbizito: Descubra Seu Segredo de Kevin Bolger pela Novo Século (2012)
>>> Entrevista de Clarice Lispector pela Rocco (2007)
>>> Drogas: sua Liberdade Por um Fio de Denise Ortega pela Nova (2008)
>>> A Droga Do Amor de Pedro Bandeira pela Moderna (2014)
>>> O pulo da Carpa! de André Gravatá pela Sm (2022)
>>> Desmontando A Arara de Renata Bueno pela Ftd (2010)
>>> É Possível Superar A Violência Na Escola? de Luciene Regina Paulino Tognetta pela Do Brasil (2012)
>>> Sentidos De Milicia: Entre A Lei E O Crime de Greciely Cristina Da Costa pela Unicamp (2014)
>>> Odisseia Em Quadrinhos de Silvana Salerno pela Ftd (2022)
>>> Passaro Amarelo de Olga de Dios pela Boitatá (2016)
>>> Implantação De Inovações Curriculares Na Escola: A Perspectiva Da Gestão de Esther Carvalho pela Cla (2019)
>>> Metodologia OPEE: 20 Anos Inspirando Projetos de Vida de Leo Fraiman pela Ftd (2023)
>>> A Mala Maluca de Donaldo Buchweitz pela Ciranda Cultural (2021)
>>> O Sangue Do Olimpo: Os Herois Do Olimpo de Rick Riordan pela Intrínseca (2014)
>>> O Sonho Transdisciplinar E As Razões Da Filosofia de Hilton Japiassu pela Imago (2006)
>>> A Importância De Ser Prudente, Um Marido Ideal E Outras Peças de Oscar Wilde pela Veríssimo (2024)
>>> O Sucesso Jamais Será Perdoado - A Autobiografia Do Barão De Mauá de Irineu Evangelista De Souza pela Avis Rara (2024)
COLUNAS

Terça-feira, 19/2/2008
Por dentro do Joost: o suco da internet com a TV
Tati de Roterdã
+ de 4400 Acessos

Que companhia senão uma inovadora, ponta de lança, colocaria uma artista de mídia, ex-psicóloga, em um departamento tradicionalmente ocupado apenas por engenheiros, teria dezessete nacionalidades diferentes em um escritório com cinqüenta pessoas e o diretor de engenharia... uma mulher linda e elegantérrima? Em quantas empresas você pode chamar o presidente pelo primeiro nome e mandar e-mails como se ele fosse um amigo qualquer?

Pego freezbee no ar a qualquer momento do dia (literalmente), estou aprendendo a jogar futebol de mesa e pensando em virar maratonista (tem três maratonistas no escritório de Leiden). Os engenheiros que trabalham no Joost, a companhia de televisão pela internet, são daquele tipo que trabalham porque amam o que fazem, e isso já é motivação suficiente para dar tudo o que têm. São, por exemplo, como os que programaram o Linux e os aplicativos chamados de open source. Os engenheiros que começaram a trabalhar aqui desde o começo da empresa vieram dessas companhias-chave do mundo internacional dos aplicativos: para os insiders, Mozilla, Apache etc.

Hoje, um fabricante de móveis apareceu com muitos sofás, um para cada departamento. Como o colega que me ajudou a escolher o sofá, para o departamento onde eu trabalho, é da Austrália, escolhemos um sofá colorido e florido. Uma tentativa de dar um ar de natureza mais quente e ensinar aos dois finlandeses do departamento que nem só de gelo vive o homem.

O outro colega na mesma sala, um francês, assiste constantemente um programa que para mim virou o símbolo do que eu imagino que seja uma televisão global, transmitida pela internet: uma plataforma onde pequenos produtores de filme e televisão possam mostrar o que fazem e ganhar dinheiro com isso. Uma chance grande de ter mais diversidade no espaço dominado pelos sitcoms americanos e programas afins.

A série que o meu colega assiste o dia inteiro é um seriado policial feito em Burkina Faso (já pensou em seguir fielmente uma série policial de Burkina Faso?). A série é uma graça! Muito mais ingênua do que os policiais americanos que estamos cansados de conhecer. Feita com tão pouco recurso que um só ator encena todos os bandidos, e retrata um mundo que eu não conhecia. A África não é só fome e guerra. A série abre com uma música simples, mas tão legal que faz o meu dia. Quem quiser (e souber falar francês), pode usar este link para abrir os programas no Joost.

Vocês acham que o fato de essa e várias outras séries, filmes e programas serem em outra língua é um empecilho? Isso vai mudar rapidinho. Um grupo de programadores da Romênia desenvolveu um programa que pode ser acoplado ao Joost e possibilita que sejam colocadas legendas. Por as legendas em português no Commissariat de Tampy, ou em qualquer língua, é só alguém se voluntariar. Ninguém no Joost tem problema com o fato de que quem fez esse programa foi um grupo de desconhecidos da Romênia. Essa é que é a idéia: existe a possibilidade de programar pequenos plugins, os widgets, para o aplicativo. Qualquer um que saiba programar um pouco pode fazer esses widgets.

No Joost tem engenheiro que anda descalço, como se estivesse indo para a praia, ou de meia, como se estivesse em casa; e tem gente que aparece no trabalho só depois das onze. Eu tenho colegas com os quais eu me comunico todos os dias sem nunca tê-los encontrado pessoalmente. Eu trabalho, fofoco e sei das coisas pelo Skype.

Com tudo isso, nunca vi gente produzir tanto e com tanta rapidez como aqui. Nunca trabalhei com tanta gente inteligente. Fiquei com o maior orgulho quando vi que a inglezinha simpática com cara de adolescente ― que de quando em quando vem para reuniões em Leiden ―, tem PhD em econometria pela Harvard (e só tem 27 anos de idade).

Com um time dessa qualidade, é possível inovar a todo o momento, mudar de rumo, pôr o mundo e a empresa de cabeça pra baixo. Coisa que eles fazem com bastante freqüência. O presidente é ex-surfista e diz, nas próprias palavras, que sabe muito bem o que significa procurar a onda certa e pegá-la no momento em que ela chega. E que, se a onda passar, sabe esperar pela próxima.

O diretor de arquivos foi guitarrista numa banda punk de alguma fama na Inglaterra dos anos 80. Dizem as más línguas que os punks daquele tempo eram garotos e meninas que, sabendo tocar apenas três acordes, não queriam fazer música, queriam é mudar o mundo. O Joost quer, de certa forma, isso também. Só que eles conhecem todos os acordes! No mais, precisa-se de uma "mentalidade punk" idealista e irreverente para poder pegar essa onda. Existem dois mercados que estão às portas de uma mudança radical por causa da internet e do constante aumento do potencial dela: um é a indústria da música e o outro é a televisão.

Um sintoma da mudança na indústria da música é o iPod e a venda de música por unidade. Isto é, se você gosta de uma música, dá para comprar só ela e não o CD inteiro por causa dela. Esse fato muda a maneira como o dinheiro é distribuído nesse mercado.

Sobre a outra indústria, a da televisão, estamos todos sendo testemunhas de uma mudança que ninguém sabe ainda exatamente onde vai dar. É como o presidente do Joost diz: estamos, todos os envolvidos na indústria da televisão, trabalhando para ver para onde ela vai, e ninguém tem a fórmula ainda. O que estamos vivendo se pode comparar ao começo da televisão, quando não existiam ainda programas feitos para aquela mídia recém-inventada.

(Joost se pronuncia "djust" porque o nome é uma brincadeira com a palavra "juice" que significa suco, em inglês. Uma dica: acompanhem o site do Joost, as surpresas ainda não terminaram!)

Nota do Editor
Tati assina também o blog sobre mídia.


Tati de Roterdã
Roterdã, 19/2/2008

Quem leu este, também leu esse(s):
01. Vinicius de Julio Daio Borges


Mais Tati de Roterdã
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Livro Psicologia A Síndrome da Supermulher
Marjorie Hansen Shaevitz
Record
(1986)



Gothic Station 2 - a Diversidade do Gótico Brasileiro (com Cd)
Henrique Kipper; Luciana Fátima; Alex Twin
Gothic Station
(2017)



Lençois do Poseidon
Alvaro Basile Portughesi
Clareon
(2014)



Direito do Trabalho Esquematizado
Carla Teresa Martins Romar
Saraiva
(2013)



Vale das Vertentes - coleção veredas 14ª edição.
Giselda Laporta Nicolelis
Moderna
(1988)



A Igreja na Cultura Emergente - Cinco Pontos de Vista
Leonard Sweet
Vida
(2009)



Estratégias Logísticas Viáveis para Empresas Industriais de Confecções
Roberto Ednisio Vasconcelos Rocha
Blucher Acadêmico
(2008)



Saneamento Básico - Estudos E Pareceres A Luz Da Lei Nº 11.445-2007
Juliana Picinin e Cristiana Fortini
Fórum
(2009)



Best-seller o Melhor da Literatura
Diversos Autores
Litteris
(1996)



Caminhos da Paz
Eliane Montenegro e Outros
Aliança do Divino pastor
(2006)





busca | avançada
74889 visitas/dia
2,4 milhões/mês