Frases que soubessem tudo sobre mim | Duanne Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
75243 visitas/dia
2,2 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Conto HAYEK, de Maurício Limeira, é selecionado em coletânea da Editora Persona
>>> Os Três Mosqueteiros - Um por Todos e Todos por Um
>>> Sesc 24 de Maio recebe o projeto Parlavratório - Conversas sobre escrita na arte
>>> Cia Caravana Tapioca faz 10 anos e comemora com programação gratuita
>>> Eugênio Lima dirige Cia O GRITO em novas intervenções urbanas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
>>> A história de Chieko Aoki
>>> Uma história do Fogo de Chão
>>> BDRs, um guia
>>> Iggor Cavalera por André Barcinski
>>> Dave Brubeck Quartet 1964
>>> Conrado Hubner fala a Pedro Doria
Últimos Posts
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
>>> Indistinto
>>> Mais fácil? Talvez
>>> Riacho da cacimba
>>> Mimético
>>> Cinema: Curtíssimas terá estreia neste sábado (28)
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Literatura e cinema na obra de Skármeta
>>> Literatura e cinema na obra de Skármeta
>>> A todos que passem por aqui
>>> João Paulo Cuenca e seu Corpo Presente
>>> Neruda, oportunista fantasiado de santo
>>> VTEX e Black & Decker sobre transformação digital
>>> Apresentação
>>> Fetiches de segunda mão
>>> Em busca do vampiro de Curitiba
>>> Millennials
Mais Recentes
>>> Marcas de Nascença de Nancy Huston pela L&Pm (2007)
>>> A Reportagem de Danillo Nunes pela do Autor (1980)
>>> Eu Fico Loko de Christian Figueiredo de Caldas pela Novas Paginas (2015)
>>> A Cidade de Melanie Wallace pela Benvira (2012)
>>> As Belas Coisas, Que é do Céu Contê-las de Dinaw Mengestu pela Nova Fronteira (2008)
>>> O Beijo das Sombras de Richelle Mead pela Rocco (2021)
>>> O Beijo das Sombras de Richelle Mead pela Rocco (2021)
>>> Pesadelos e Paisagens Noturnas - Vol.I de Stephen King pela Objetiva (2011)
>>> Temas de Psicologia Juridica de Leila Maria Torraca de Brito pela Relume Dumará (2005)
>>> Evangelho por Emmanuel - Comentários ao Evangelho Segundo Mateus de Francisco Cândido Xavier pela Feb (2015)
>>> A Casa do Califa de Tahir Shah pela Roça Nova (2008)
>>> Personagens da Boa Nova de Federação Espírita do Paraná pela Fep (2010)
>>> Personagens da Boa Nova de Federação Espírita do Paraná pela Fep (2010)
>>> Francisco - o Sol de Assis de Divaldo Franco e Cezar Braga Said pela Leal (2014)
>>> Salomé - o Encanto das Mulheres Que Surgem do Céu de Sandra Carneiro pela Vivaluz (2014)
>>> Eight early tantras of the great perfection - elixir ambrosia de Christopher wilkinson pela Christopher wilkinson (2016)
>>> O Homem Que Amava os Cachorros de Leonardo Padura pela Boitempo (2014)
>>> O fogo invisível: O segredo mais importante da humanidade está prestes a ser revelado de Javier Sierra pela Planeta (2018)
>>> Moreira da Silva: O último dos malandros de Alexandre Augusto pela Sonora (2013)
>>> O Bairro: Viva a Nossa Turma - Geografia e História de Aracy do R. Antunes; Maria de L. de A. Trindade pela Access (2013)
>>> Antes de Nascer o Mundo de Mia Couto pela Companhia das Letras (2016)
>>> Teogonia: A Origem dos Deuses- edição revisada e acrescida do original grego de Hesíodo pela Iluminuras (1995)
>>> Bíblia de Jerusalém - Média Encadernada de Deus e Vários autores pela Paulus (2004)
>>> Madame Bovary de Gustave Flaubert pela Abril Cultural (1979)
>>> Gente pequena também tem direitos de Malô Carvalho pela Autêntica (2012)
COLUNAS >>> Especial Discoteca Básica

Terça-feira, 5/7/2011
Frases que soubessem tudo sobre mim
Duanne Ribeiro

+ de 7600 Acessos

O que acima de tudo me marca nas músicas são as letras. Os versos me traduzem para mim mesmo, me deixam no limiar da palavra, como diria talvez Bachelard. O estilo está um grau abaixo disso - se tenho preferências por certo uso de instrumental ou outro, se desgosto de algum gênero, essas distâncias podem ser abolidas por uma única frase que me atinja. Foi sem querer que eu pensei ser capaz de atravessar o céu em frases que soubessem tudo sobre mim, cantam - foi sem querer, continuo, intersubjetivo.

Embora hoje isso tudo não seja mesmo verdade, um dia foi. Partindo desse recorte - músicos cujas letras têm uma qualidade particular - selecionei quatro álbuns, fortes não só pelos versos, mas pela música e parentesco com outros discos tão bons quanto. Imagino que poderiam ser outros discos, poderiam ser outros artistas, de todo modo, eis uma lista de gente que ouvi vezes demais, de quem percorri a discografia. Adicionei os links para ouvir em streaming em quase tudo que citei. Pula o texto que é melhor, clica, ouve sem ler!

Leonard Cohen, Songs of Love and Hate

A frieza, o orgulho amargo de Avalanche são tais que sinto, sob o crescente do violino e um dedilhado tenso, que é o próprio demônio que fala: you who wish to conquer pain, you must learn, learn to serve me well. A tristeza calma, a resignação, uma saudade que mistura traição e perdão sincero, história de vidas que se fragmentam, em Famous Blue Raincoat. O desespero, o escárnio de Dress Rehearsal Rag: I've said to myself - where are you, golden prince, with your golden touch? As músicas de Leonard Cohen interpretam de forma vívida sentimentos, histórias e personagens; são romance, poesia e canção.

Dentre tantos excelentes letristas do folk, Cohen se destaca. O primeiro Bob Dylan é menos poético e mais criador de imagens políticas ou proféticas. Nick Drake está como que preso a seu próprio mundo subjetivo, aos limites dele. Joni Mitchell conta histórias, mas, pelo que conheço, só em uma delas teve o alcance das letras de Songs of Love and Hate. Cohen fala de ódio, como notamos; fala de saudade, nessa alegria nostálgica de Last Year's Man ou de Joan of Arc; fala do do amor que nasce inesperado, em Love Calls You By Your Name; por fim, fala do tempo que torna mais e mais acre o gosto dos dias - da necessidade de deixá-lo para trás num ímpeto: let's sing another song, boys, this one has grown old and bitter!

Racionais MCs, Nada Como um Dia Após o Outro (CD1 e CD2)

As letras do Racionais misturam crime, esperança, violência, abandono, euforia e fé em um discurso que se dirige só aos seus iguais - não a você, não a mim, que, se nunca fui rico, do mesmo jeito nunca fui pobre. O mais incomôdo aqui é que esses versos não ignoram os abismos que afastam a sociedade: são consequência deles. São manifesto da agressividade, são vivência da agressividade. E, principalmente: ninguém está pedindo ajuda, ou expondo problemas à consideração sociológica. Há uma situação e há sobrevivência. Contra-ataque.

O fascínio do crime em Eu Sou 157. A ambição de Um Por Amor, Dois Por Dinheiro, que é possivelmente a mesma que esmaga uma classe. A descrição de um contexto social que frustra o crescimento pessoal, em Negro Drama. Um grito que se diz que ultrapassará todo desafio, em Vida Loca - Parte 1. O estado de guerra, o isolamento doído de Jesus Chorou. Um desejo de paz - talvez o mesmo que há em No Surprises, do Radiohead - em Vida Loca - Parte 2.

Dance of Days, A Valsa das Águas Vivas

Nenê Altro, vocalista do Dance of Days, é o melhor letrista do rock brasileiro de meados de 1990 para cá. Apesar de alguns lugares comuns e de momentos melodramáticos, compôs de uma forma desconhecida pela maioria das bandas do gênero. As letras se ramificam em intertexto (mito e literatura são relidos); desconstroem toda a suposta rebeldia do que se usa chamar movimento alternativo; descrevem experiências e sentimentos tão cotidianos de modo tão contundente que nos shows não era incomum a identificação imediata.

Acompanham o vocal duas linhas melódicas independentes - o baixo de um lado, guitarra solo de outro. A voz une os vocais berrados, rasgados, do screamo, e melodias para cantar (compare Quando o Dia Aquece Sementes Mortas e A Vitória ou Coisa que o Valha. Neste álbum, surge um tema que será preponderante: a vida comum, um esforço por viver o melhor possível - porque é só o que podemos fazer, não? Parece tão regular voltar pra jantar todos os dias, mesmo que eu sinta a mesa se equilibrar nos fios de alta tensão...

The Smiths, Hathful of Hollow

Alegria e tristeza se confundem nas músicas dos Smiths, tanto nas bases quanto nas letras. São talvez o par fundamental de uma dança contínua que inclui desejo e vergonha, solidão e multidão, esperança e arrependimento. Os letras de Morrissey partem dessa ambiguidade, descrevem com cinismo e minimalismo o que sente. It's so easy to love, it's easy to hate, it takes strenght to be gentle and kind. Somos tendência instável. Por isso uma necessidade de entrega, uma vontade de certeza e ao mesmo tempo de abandono de certeza.

O vocal se desgarra do instrumental, canta em sua própria melodia, tempo e intensidade. As guitarras trabalham acorde, dedilhado e riff, de um modo muito particular, pelo menos entre as bandas mais conhecidas dos 1980. A bateria imprime velocidade e força às músicas, se destaca em sua forma própria (repare por exemplo em These Things Take Time). São então três linhas de força, ao mesmo tempo. Mas não ouça só esse álbum. The Queen is Dead, Strangeways, here we come, Meat is Murder, todos são excelentes.


Duanne Ribeiro
São Paulo, 5/7/2011


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Tiros, Pedras e Ocupação na USP de Duanne Ribeiro
02. O comerciante abissínio II de Guilherme Pontes Coelho
03. Crônica da Mostra e as 10 lições de Kiarostami de Lucas Rodrigues Pires
04. O Calígrafo de Voltaire de Daniel Aurelio
05. Não chore por nós, Argentina! de Félix Maier


Mais Duanne Ribeiro
Mais Acessadas de Duanne Ribeiro em 2011
01. Manual para o leitor de transporte público - 29/3/2011
02. Bailarina salta à morte, ou: Cisne Negro - 15/2/2011
03. Frases que soubessem tudo sobre mim - 5/7/2011
04. A Serbian Film: Indefensável? - 30/8/2011
05. Dexter Versus House - 4/10/2011


Mais Especial Discoteca Básica
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Schmidt Libertado
Louis Begley
Companhia das Letras
(2002)



Através do Tempo
Francisco Cândido Xavier
Lake
(1972)



Contos de Aventuras e Magia das Mil e uma Noites
Leontina Barca
Principio
(2007)



Triste Fim de Policarpo Quaresma
Lima Barreto
Ática
(1993)



Andrea Salgado
Andrea Salgado
Rio
(2005)



Árvores e Madeiras Úteis no Brasil - Manual de Dendrologia Brasileira
Carlos Toledo Rizzini
Edgard Blücher
(1995)



The New Tycoons
Jason Kelly
Bloomberg Press
(2012)
+ frete grátis



Museu Pelé
Gino Caldatto Barbosa; Ney Caldatto Barbosa
Magma Cultural
(2014)



Como Ser Feliz o Tempo Todo - 1ª Edição
Paramahansa Yogananda
Pensamento
(2008)



Os Melhores Contos
Rubem Braga
Global
(1999)





busca | avançada
75243 visitas/dia
2,2 milhões/mês