Comentários de Dennis | Digestivo Cultural

busca | avançada
39929 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Quinta-feira, 21/11/2002
Comentários
Dennis


Auf Wiedersehen!
Digestivo Cultural, Auf Wiedersehen!

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Dennis
21/11/2002 à
00h56 200.158.234.38
 
"ato falho"
Ops! Errata: "incontáveis lágrimas de emoção rolarão..." Claro, claro, nem sei como fui colocar no passado a cerimônia de coroação do messias. Sorry, deve ter sido ato falho.

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Dennis
20/11/2002 às
15h22 200.204.143.186
 
Alice Inácio da Silva
Jorge Hernández Fonseca, cubano radicado no Brasil, escreveu um artigo interessantíssimo, publicado na seção “Tribuna Abierta”, do site “cubanuestra” (fácil de pesquisar). No primeiro parágrafo ele escreve (tradução minha): “A esquerda latinoamericana atual já não luta contra o “capitalismo explorador” como o fazia antes; a derrota do socialismo, em escala planetária - e a adoção do capitalismo de estado pela China comunista e por uma Cuba de Fidel Castro - ao deixá-los sem bandeiras, fez com que eles [todos da esquerda latinoamericana] redirecionassem seus ataques; agora materializam seus esforços contra o que eles denominam “o modelo neoliberal.” A observação de Jorge Hernández Fonseca não é novidade, mas – ainda assim - merece ser analisada com atenção. Antes, a ameaça vinha do capitalismo explorador, hoje vem do modelo neoliberal, amanhã virá das “forças ocultas”, as mesmas que foram responsáveis pela renúncia de Jânio Quadros (outro líder populista que admirava o pulso de ferro de Fidel). Curioso (ao menos para mim, que sou um pobre ignorante) é o fato de que a esquerda não sobrevive senão à sombra de um grande inimigo, e que este é sempre muito mais abstrato do que concreto, muito mais de natureza simbólica do que objetiva. O mundo só não é perfeito por culpa dos abjetos capitalistas, dos sórdidos neoliberais, do Armínio Fraga, etc... Agora teremos um governo brasileiro de esquerda, não teremos? Portanto, os esquerdistas deveriam estar imersos em tépida serenidade, vocês não acham? Afinal eles terão a chance de demonstrar sua competência, a eficácia de seus ideários socialistas. Entretanto... o pessoal de esquerda não me parece tão feliz quanto deveria estar. Por que será? Será aquele maldito cacoete, aquele sestro renitente de sempre apontar o dedo indicador para um pretenso culpado? Será que, mesmo estando na situação, no poder, eles ainda não conseguirão um só dia de paz? Helion, Irã, Marcelo e seus confrades parecem ser pessoas inteligentes, perseverantes, com um tipo de humor (ora voluntário, ora involuntário) que faz sucesso; então eu me pergunto: “Por que eles estão assim nervosos?” Por quê? Relaxem, criaturas! O Brasil é de vocês! Todinho de vocês! Aproveitem para reformar e dar uma mão de tinta látex nas suas fortalezas ideológicas! Sim, claro que Lula fará um governo honesto, progressista, justo e redentor! Claro que todos os loucos que duvidam da capacidade do PT ficarão rubros de vergonha e consumidos pelo remorso. Lula é o primeiro presidente cujo governo já está sendo considerado “ótimo” antes mesmo de iniciar. Diante disso, por favor (eu suplico), sejam mais serenos e tenham um pouco de compaixão. Apenas os loucos, os ignorantes e os cegos de espírito... ainda teimam em não acreditar na Wonderland de Alice Inácio da Silva. Tenham compaixão! Tenham grandeza d’alma! A estrela há de guiar os pastores e os reis ao lugar luminoso onde o messias será coroado. Carlinhos Brown e seus refinados músicos tocarão o hino nacional... incontáveis lágrimas de emoção rolaram... tudo é festa! Tudo é alegria! “Chegou a horaaaaa, chegou, chegooooou!” (Lembram dessa musiquinha?).

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Dennis
20/11/2002 às
14h29 200.204.143.186
 
Deliciosa crueldade de Francis
Quem sabe, quaquer dia desses, algum cervejólogo de pés inchados e bronzeados (metidos em sandálias pestilentas) resolva se inspirar em Madame Tussaud e fundar o "Museu de Cera Hugo Bidê"? Claro que haverá uma eficiente refrigeração, a fim de que não se derretam as estátuas de ipanemenses famosos (e do Baixo Leblon, claro!), todas feitas com cera dos ouvidos do pessoal de esquerda (coletadas e doadas nas praias, pois ninguém é de ferro). Não duvide, meu caro! Ah, que falta nos faz o Francis!Principalmente agora, nestes tempos da "Sagração do Populacho", onde tudo o que for autenticamente retrógrado, simplório e demagógico será louvado, e com mística reverência. Francis almoçaria, jantaria e defecaria esses imbecis. Foi ele, o Francis, o primeiro cronista que vi realizar impiedosos e deliciosos desmontes do "politicamente correto". Ele era cruel, sim, mas sua crueldade jamais foi vã. Ele mostrava que lixo é lixo, não adianta tentar disfarçar, dar banho de ouro, enfeitar com penachos de faisão. Lixo é lixo e o lugar de lixo é na lata de lixo! Viva Francis! Viva Mozart! A escuridão dará lugar à luz... basta ter paciência e manter a despensa sob controle. Alexandre, obrigado pela referência ao meu blog. Tentarei não decair, prometo! Abração!

[Sobre "Filhos de Francis"]

por Dennis
15/11/2002 às
16h06 200.158.234.117
 
Quem são os chinesinhos mortos
Alexandre, meu caro, eu sei muito bem que a sua frase a respeito dos chinesinhos está com a centimetragem perfeita. Só que faltou especificar algo muito significativo. A verdade é que: "cada vez que se erra a ortografia, morre um chinesinho ANTI-MAOÍSTA no alto de um pagode." Quantas perdas irreparáveis! Quantas!

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Dennis
28/10/2002 às
14h47 200.204.143.186
 
Grossura e refinamento
Alexandre, Alexandre, cuidado com aquela turba maluca que invadiu o Palácio Bourbon. Eles estão afiando as foices e restaurando os martelos. Seu texto mostra claramente que o refinamento é um estado d'alma, não uma coisa fantasiosa e cara, que possa ser comprada na Daslu ou no Empório Armani. Noel Coward, com ou sem trema, foi uma dessas almas refinadas, sem qualquer dúvida. Refinado em tudo e por tudo. Sim, era gay, mas só dava o rabo para quem realmente fizesse por merecer. Não é o caso de uns e outros que andaram empinando o traseiro até para o abominável Garotinho Von Trappo, ou para o fétido Paulo Maluf, tudo por uns votinhos a mais. Enfim, Alexandre, vamos à opera bufa. O libreto não ficou pronto, claro, pois as bases ainda não entraram em acordo a respeito da cor da capa. Abração, amigo.

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Dennis
25/10/2002 às
20h51 200.158.234.253
 
Nem vem!!!
Nem vem! Eu escrevi pajem com "g" devido ao estado de intensa emoção no qual mergulhei, por obra dessa genial metáfora do leitor Feil. Não que eu seja burro, viu? Estou avisando antes que os inimigos venham com suas pedras e gritem que sou um ignorante. Eventuais erros encontrados devem ser atribuídos ao mesmo estado emocional, tá bom?

[Sobre "Maldita Ciência"]

por Dennis
30/9/2002 às
11h11 200.158.234.99
 
Desça a marreta, seu porreta!
Alexandre, a sua "Teoria da Gentinha" é tão cruel quanto realista. Claro que politicamente incorreta, o que só a dignifica ainda mais, porquanto o politicamente correto também é selecionado e vigiado por "gentinhas". O seu leitor Cristóvão Feil abominou as malvadezas que você escreveu, Alexandre. Sua impiedade, caro colunista, foi justamente puxar o tapete vermelho sobre o qual desfilam todos os crentes do "pentecostalismo universitário" e desse pentecostalismo de intelectuais à la Marilena Chauí (arghhh)! Como você foi destrutivo e desestruturalista, caro "pequeno anão vestido de pagem". Será que você realmente aspira ser um intelectual pós-moderno, como afirma seu leitor Feil? A meu ver esse texto apenas pecou pela teimosa soberba do autor, ao citar Wellek, Bóris Schnaiderman e outros famosos "de quem se trata, hã?". Alexandre, será que você pensa estar no locutório gótico da Sorbonne, seu maluco? Este é o site do Digestivo Cultural. Perdeu o pé na piscina? Tome juízo e modere o fluxo do seu saber, ó caríssimo! Mas adorei o texto todo e você sabe disso! Desconstrua mais, mais, mais... adoro contemplar desmanches. Pode descer a marreta, seu porreta!

[Sobre "Maldita Ciência"]

por Dennis
30/9/2002 às
09h22 200.158.234.99
 
Texto inteligente e saboroso
Alexandre, você nos trouxe mais um texto delicioso, que já começa bem, mencionando meu querido detetive Nero Wolfe (ele e seu altivo assistente Goodwin são personagens pra lá de tridimensionais) e vai ficando melhor a cada linha. Concordo que o realismo literário nunca seja puro, a menos que você chame de obras literárias os compêndios de medicina. Mesmo a Medicina Legal não é 100% realista. O mundo não é realista, nem precisa de realismo literário puro, a meu ver. Alexandre, concordo que essa mania de desprezar adjetivos (aquilo que chamam de "cortar o desnecessário") é puro modismo, e muito imbecil! "Um pano roto e malcheiroso, com pontas esfiapadas" não é o mesmo que "um pano", simplesmente. Cortar adjetivos é cortar nuanças, seria como obrigar um pintor a usar apenas cores básicas, nunca tons intermediários. Sem adjetivos não haveria Marcel Proust, não acha? Essa guerra contra adjetivos sempre me revoltou. Isso é coisa de quem nunca leu pra valer! Abração, parabéns por mais esse texto inteligente e saboroso. Abraços!

[Sobre "Onze pontos sobre literatura"]

por Dennis
6/9/2002 às
21h17 200.158.234.200
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




HOTEL - CAPA DURA - 1ª EDIÇÃO BRASILEIRA
ARTHUR HAILEY
NOVA FRONTEIRA
(1965)
R$ 7,00



GOLDMINES PRICE GUIDE TO COLLECTIBLE JAZZ ALBUMS 1949-1969
NEAL UMPHRED
KRAUSE PUBLICATIONS
(1994)
R$ 130,00



DECIFRANDO O GENOMA
KEVIN DAVIES
CIA DAS LETRAS
(2001)
R$ 75,00



O MUNDO CONHECIDO
EDWARD P. JONES
JOSÉ OLYMPIO
(2009)
R$ 63,00



TURISMO, HOTELARIA E LAZER - 4
BEATRIZ HELENA GELAS LAGE (ORG.)
NÚCLEO DE TURISMO USP
R$ 14,00



GUIA DE PRONTO SOCORRO
JOHNSON JOHNSON
JOHNSON JOHNSON
R$ 15,00



ALEISTER CROWLEY
CHRISTIAN BOUCHET
HUGIN
(2000)
R$ 139,00



COELHOS INSTALAÇÕES E ACESSÓRIOS
MÁRCIO INFANTE VIEIRA
NOBEL
(1973)
R$ 12,00



NOSSA VIDA NOS SONHOS
TRIGUEIRINHO
PENSAMENTO
(1987)
R$ 15,00



VIVA COM ESPERANÇA
MARK FINLEY- PETER LANDLESS
CASA PUBLICADORA
(2014)
R$ 9,00





busca | avançada
39929 visitas/dia
1,1 milhão/mês