Comentários do IP 200.153.112.215 | Digestivo Cultural

busca | avançada
56607 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> ENSINAR A FAZER - MARCENARIA
>>> O Peso do Pássaro Morto faz duas sessões online dias 30 e 31/10
>>> Exposição recupera a memória da ditadura brasileira
>>> Evoluir celebra o mês das crianças com contação de história
>>> Editora H1 chega com proposta de modelo híbrido de apresentação de conteúdo
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
>>> Uma história da Sambatech
>>> Uma história da Petz
Últimos Posts
>>> Mundo Brasil
>>> Anônimos
>>> Eu tu eles
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 12 de Junho #digestivo10anos
>>> crônica - ou ensaio - à la hatoum
>>> Prenda-me se for capaz
>>> Sobre futebol e hinos nacionais
>>> Zeitgeist
>>> Capacidade de expressão X capacidade linguística
>>> Silêncio e grito
>>> Sejam Bem-Vindos
>>> A alma boa de Setsuan e a bondade
>>> O samba de Donga na Festa da Penha
Mais Recentes
>>> Sem medo da tempestade de William Sanches pela Intelitera (2013)
>>> O poder do pensamento positivo de Norman Vincent Peale pela Cultrix
>>> Xamã de Noah Gordon pela Rocco (1993)
>>> A grande sacerdotisa de Nadir Gomes pela Girassol
>>> A grande sacerdotisa de Nadir Gomes pela Girassol
>>> Por que fazemos o que fazemos? de Mario Sergio Cortella pela Planeta (2016)
>>> Memórias de um toxicômano de Marcos alberto ferreira pela Mundo Maior (2005)
>>> Jornada dos anjos de Sandra Carneiro pela Vivaluz (2010)
>>> Almas gêmeas de Mauríco de Castro pela Intelitera (2016)
>>> A força da vida de Zibia Gasparetto pela Vida & Consciência (2019)
>>> A grande mudança de Floriano Serra pela Vida & Consciência (2015)
>>> Tambores de Angola de Robson Pinheiro pela Casa Dos Espíritos (2015)
>>> Lado a lado de Sérgio Chimatti pela Vida & Consciência (2013)
>>> Impulsos do coração de Mônica De Castro pela Vida & Consciência (2015)
>>> A atriz de Mônica De Castro pela Vida & Consciência (2015)
>>> A águia e a galinha de Leonardo Boff pela Vozes (1997)
>>> O patrimônio construído de Sybil bittencourt pela Capivara (2002)
>>> Giorgio Morandi de Giorgio Morandi pela Sem (1997)
>>> Uma Prova do Céu de Dr. Eben Alexander III pela Sextante (2014)
>>> Para além do bem e do mal de Friedrich Nietzsche pela Martin Claret (2011)
>>> Fustel de coulanges de A cidade antiga pela Martin Claret (2005)
>>> O livro dos chakras de C.W. Leadbeater pela Pensamento
>>> Intermédio logosófico de Carlos Bernardo González Pecotche pela Logosófica (2003)
>>> O livro de ouro da mitologia histórias de deuses e heróis de Thomas Bulfinch pela Agir (2014)
>>> Fale tudo em francês de Nancy Alves pela Disal (2010)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Quarta-feira, 27/11/2002
Comentários
200.153.112.215


Terminando.
DE VOLTA AO COMEÇO: Meu Caro, Rafa ou Frank, seja lá quem for. Em ÚLTIMO lugar, não precisa sair em defesa de Clarissa,pois ela me mandando um e-mail, o que achei muito gentil da parte dela e parece que tudo não passou de um mal- entendido.

[Sobre "Dirty Dancing - Ritmo Quente"]

por Jorge
27/11/2002 à
01h17 200.153.112.215
(+) Jorge no Digestivo...
 
Flores para los muertos.
Apesar do primitivismo de sua linguagem, ao usar gírias como “Manézão”, ‘babacas”e “super futuro pela frente” (sic), e contando com a vantagem de eu ser uma pessoa que não costuma bater em cachorro morto; mesmo assim sinto-me na necessidade de responder ao seu comentário. O seu comentário é um tanto quanto difícil de se entender, devido a falta de rumo que o norteia...mas seu categórico pedido de suicídio e ajuda, quem sabe um homicídio seu, coisa que não duvido...fico pensando no que seria das pessoas que discordam de você se ao invés de um teclado você tivesse uma metralhadora nas mãos. Seu eu me suicidasse, estaria provocando o imediato futuro e por isso transcendendo uma lei lógica, que diz que cada coisa deve ocorrer no seu devido tempo. A morte como fim à discussão nos lembra o Nazismo. Assim, o que eu tenho que ver com você? Conseguiu me entender? Estamos fora do mesmo circulo de discussão, deixo que os algozes e as atrocidades do mundo moderno, fique nas mãos de Adolf Hitler, e dos mais recentes fatos que pululam diante de nossos olhos quando ligamos a televisão ou abrimos os jornais. Digestivo Cultural: o que tem se por cultura? O enobrecimento da alma, a riqueza do espírito, a busca do conhecimento e isso só ocorre quando há discussão. Sem discussão só existe o primarismo; algo que me ocorreu ao ler suas mau traçadas letras. Você não evoluiu, não que eu esteja chamando-o de símio, mas sim que você é um ser primário, que tem por objetivo eliminar a discussão da sociedade; contudo você não está só, não, milhares de pessoas estão tentando em milhares de lugares no mundo terminar com a discussão, com a dialética e o debate. Talvez você se desse bem no Iraque. Ou em outro qualquer país onde a liberdade de expressão é proibida. Ainda bem que a juventude desistiu de tomar o poder. A nossa juventude, não generalizando obviamente, está atualmente preocupada em tomar o porrete e tirar da frente quem os incomoda. Como diria Machado de Assis, lembra-se dele? “Ao vencedor, as batatas” Sua voz ou e-mail, soa-me como um rádio fora de freqüência, não consigo te ouvir, te entender? Entendeu? ENTENDEU????E T N D U ?? N E N D ?? E N D. end. "There is no conversation more boring than the one where everybody agrees." - Michel de Montaigne

[Sobre "Dirty Dancing - Ritmo Quente"]

por Jorge
27/11/2002 à
01h13 200.153.112.215
(+) Jorge no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Capitalismo e Urbanização
Maria Encarnação B. Sposito
Contexto
(1991)



Singularidade na Inclusão - Estratégias e Resultados
Nívea Maria de Carvalho Fabrício; et Al
Pulso
(2007)



Tudo é linguagem 7º. Ano
Ana Trinconi Borgatto, Terezinha Bertin, Vera Marchezi
Atual
(2010)



Os Esbanjadores
Jonathan Black
Rio Gráfica
(1986)



A Gênese (Os Milagres e as Predições Segundo o Espiritismo)
Allan Kardec
Lake
(2003)



Zolar: Enciclopedia del Saber Antiguo y Prohibido
Sem Autor
Alianza Editorial
(1970)



Serena
Ron Rash
Intrínseca
(2015)



1 e 2 Autobiografia
Doris Lessing
Companhia das Letras
(2007)



A Memória Em Boa Forma: Como Ativá-la e Desenvolvê-la
Jocelyne de Rotrou
Ed Loyola
(1995)



História da Arte para Crianças
Lenita Miranda de Figueiredo
Pioneira





busca | avançada
56607 visitas/dia
1,8 milhão/mês