Olga e o comunismo BR | silmara

busca | avançada
58188 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Unil oferece abordagem diferenciada da gramática a preparadores e revisores de texto
>>> Conversas no MAB com Sergio Vidal e Ana Paula Lopes
>>> Escola francesa de Design, Artes e Comunicação Visual inaugura campus em São Paulo
>>> TEATRO & PODCAST_'Acervo e Memória', do Célia Helena, relembra entrevista com Nydia Licia_
>>> Projeto Cultural Samba do Caxinha cria arrecadação virtual para gravação de seu primeiro EP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Aos nossos olhos (e aos de Ernesto)
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
Colunistas
Últimos Posts
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
Últimos Posts
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Delicado, vulnerável, sensível
>>> De Kooning em retrospectiva
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> Aquele apoio
>>> A forca de cascavel — Angústia (Fuvest)
>>> Pouca gente sabe
>>> O chilique do cabeleireiro diante da modelo
>>> Paradiso por Metheny
Mais Recentes
>>> Homens e cousas do Império de Visconde de Taunay pela Melhoramentos (1924)
>>> Servidores Illustres do Brasil de Visconde de Taunay pela Melhoramentos (1930)
>>> A Guerra do Pacífico de Visconde de Taunay pela Melhoramentos (1925)
>>> Mallet: o Patrono da Artilharia de Joaquim Victorino Portella Ferreira Alves pela Biblioteca do Exército (1979)
>>> Os Patronos das Forças Armadas de General Olyntho Pillar pela Biblioteca do Exército (1981)
>>> História Diplomática do Brasil de Hélio Vianna pela Biblioteca do Exército (1958)
>>> História Militar do Brasil de Leopoldo de Freitas pela Livraria Magalhães (1911)
>>> Presença de Alberto Torres (Sua vida e Pensamento) de Barbosa Lima Sobrinho pela Civilização Brasileira (1968)
>>> Alberto Torres e sua obra de A. Saboia Lima pela Companhia Ed. Nacional (1935)
>>> A Internacional do Dinheiro de Adolfo Coelho pela Livraria Clássica (1935)
>>> Anatomia Humana -tomo 3 [ idioma espanhol]Angiologia -Neurologia - Estesiologia de M.Prive N. Lisenkov V.Bushkovich pela Mir Moscou (1986)
>>> Servidão Humana de W. Somerset Maugham pela Círculo do Livro (1986)
>>> 4. A Ditadura Encurralada: O Sacerdote e o Feiticeiro de Elio Gaspari pela Intrínseca (2014)
>>> 1001 Filmes para Ver Antes de Morrer de Steven Jay Schneider pela Sextante (2010)
>>> Bush na Babilônia: A Recolonização do Iraque de Tariq Ali pela Record (2003)
>>> Espionologia: O Livro Completo da Espionagem de Ian Andrew; Anne Yvonne Gilbert; Outros pela Brinque Book (2010)
>>> Barão de Mauá: O Empreendedor de Gilberto Maringoni pela Aori (2007)
>>> El Mejor Medicamento Eres Tú: La Salud Está En Tus Manos de Frédéric Saldmann pela Aguilar (2014)
>>> O presidente Campos Salles na Europa de Tobias Monteiro pela F. Briguiet & Cia. (1928)
>>> As ideias de Alberto Torres de Alcides Gentil pela Companhia Ed. Nacional (1932)
>>> Recueil de discours prononcés au Parlement d'Angleterre de William Pitt & Charles James Fox pela Chez Le Normant (1819)
>>> Antidepresivos Naturales: Una Solución Alternativa al Gran Problema de Este Tiempo de Lucía Oliveira pela Ediciones Lea (2008)
>>> A Verdadeira Dieta Anticâncer de David Khayat pela Lua de Papel (2012)
>>> En Un Abrir y Cerrar de Boca: Historias de Problemas Gordos de Máximo Ravenna pela Ediciones B (2010)
>>> Grandes Católicos de Rev. Pe. Claude Williamson pela Globo (1943)
>>> Curso Básico de Teologia de Antônio Mesquita Galvão pela Pão e Vinho (2003)
>>> Guia politicamente incorreto da História do Mundo de Leandro Narloch pela Leya (2013)
>>> Síndrome do Estrangeiro de Málu Balona pela Editares (2006)
>>> Geographia Sentimental de Plínio Salgado pela José Olympio (1937)
>>> Chama Crística de Norberto Peixoto pela Do Conhecimento (2001)
>>> Obra Escolhida de Descartes pela Difusão Europeia do Livro (1962)
>>> O Lado Difícil Das Situações Difíceis de Ben Horowitz pela WMF Martins Fontes (2020)
>>> Medida provisória 1 6 1 de Ademir Antonio Bacca pela Toazza (1990)
>>> Autenticidade Consciencial de Tony Musskopf pela Editares (2012)
>>> Perdão: Opção Cosmoética de Seguir em Frente de Vera Tanuri pela Editares (2016)
>>> Criação de Delores Pires pela Do autor (1989)
>>> O castelo nos Pirineus de Jostein Gaarder pela Companhia das Letras (2010)
>>> Um Caso Muito Sujo de Shirley Souza pela Paulus (2011)
>>> Astronauta de Brinquedo de Marcelo Miguel pela Paulista (1995)
>>> A Vida Cética de Pirro de Gabriela G. Gazzinelli pela Loyola (2009)
>>> Karl Marx - Biografia de P. N. Fedosseiev (e outros) pela Avante (Lisboa) e Progresso (Moscou) (1983)
>>> Meus devaneios poéticos de Darcy Arruda Miranda pela Do Autor (1984)
>>> Poeta, mostra a tua cara de Berecil Garay pela Toazza (1992)
>>> Nós Nus de Ione França pela Do autor (1989)
>>> Evolução de Alejandro Roldán pela Editorial Atlântida S. A. (1958)
>>> O bom filho a casa torra de Leila Miccolis pela Edicon (1992)
>>> Grandes Frases (Pocket) de Zibia Gasparetto pela Evd/ Vida e Consciência (2017)
>>> Sexo das Flores de Pedro Jofre Marodin pela Ermitagem (1989)
>>> O Brazil em face do Prata de Gustavo Barroso pela Imprensa Nacional (1930)
>>> Coreto de papel de Noel Nascimento pela Vicentina (2003)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 19/11/2008
Comentários
Leitores


Olga e o comunismo BR
Gostei muito do filme pois retrata bem a história de Olga e do comunismo no Brasil, o resumo é esclarecedor e bem elaborado.

[Sobre "Olga e a história que não deve ser esquecida"]

por silmara
19/11/2008 às
14h33 201.24.157.152
(+) silmara no Digestivo...
 
Era o que faltava
Agora só falta a ditadura das mídias convencionais invadirem a então democracia da internet, com censura, repressão, afogamento, e tudo o que se faz hoje para tornar a sociedade o presídio que é.

[Sobre "E a blogosfera virou mainstream..."]

por pardal
http://nomedacousa.wordpress.com
19/11/2008 às
12h51 201.53.98.77
(+) pardal no Digestivo...
 
Deacon, Queen e Paul Rodgers
Bom... Não comentarei o seu artigo, pois discordo em quase tudo o que você escreveu. Apenas faço uma correção: John Deacon se aposentou em 92, depois do show Tributo ao Freddie Mercury, e fez isso pois a vida de Rock Star não combinava com ele. Desde então, ele não participou de nada relacionado à banda, e nem de nada relacionado a música. E outra: Deacon NUNCA, JAMAIS disse preferir George Michael! Me mostra onde ele disse isso, que só você leu. Concordo que a perfomance de George Michael no tributo foi primorosa, e é a minha interpretação de Somebody To Love favorita. Mas Deacon nunca disse isso. Ah! Só por informação, se Roger e Brian usam o nome Queen e tocam músicas do Queen nos shows atuais (inclusive o filho pródigo de John, Another One Bites The Dust), é porque John Deacon deu o seu aval pra que eles fizessem isso, assim como os retentores dos direitos de Freddie Mercury. Então, de uma certa forma, Deacon está SIM relacionado ao projeto Queen + Paul Rodgers.

[Sobre "Necrófilos da vanguarda roqueira"]

por Shirley Anizio
19/11/2008 às
11h40 189.46.134.209
(+) Shirley Anizio no Digestivo...
 
Foi a glória!
Na verdade, faz pouco tempo que vim compreender o que são situações-limite. Foi quando busquei saber o que é a superação. Essa palavra, assim escrita, diz pouco. Não nos conscientizamos de que ela envolve algo grandioso, além, em princípio, da nossa capacidade: é uma super-ação. Penso que situações-limite são as que exigem superação. Me lembro de um momento particularmente terrí­vel. Eu era soldado e estava fazendo curso para cabo. Era uma pista de aplicação militar e o obstáculo era o temido "comando crawl". Atravessar de uma torre a outra, sobre uma corda, totalmente equipado e armado de FAL. O sargento comandou: "Vou subir na torre 'A' e vou dar um apito. A cada apito que eu der, sobe um de vocês, aborda a corda e faz a travessia para a torre 'B'". Falou e subiu. Mais de 20 metros de altura. Entre as torres, um riacho lá embaixo, cheio de pedras. Eu olhei para a cara de meus companheiros e vi o medo de cada um. Quando soou o apito eu fui o primeiro. Caminhei para a torre. Alguma força dentro de mim fez com que eu superasse o medo e caminhasse na direção daquela torre, daqueles degraus que me levariam para cima. Subi a escada segurando dos lados, quase sem sentir os braços e as mãos. Sentia meu coração bater forte, não estava disparado, apenas batia forte. Cheguei ao topo, olhei para o sargento e ele: "Tá me olhando por quê, animal? Vá em frente..." Lembrei-me da técnica, abordei a corda, soltei a perna esquerda para equilibrar-me e dei duas puxadas firmes, uma com cada braço. Foi a glória! Quando me vi equilibrado, só pensei na chegada à torre "B". Devo ter levado um minuto no percurso. Cheguei ao outro lado e percebi no outro sargento um olhar de admiração. Desci a escada, vi­ o segundo companheiro subindo. Peguei meu cantil e bebi um bom gole de água. Essa foi uma situação-limite porque eu não podia me recusar a fazer o exercício e, ao fazer, não podia errar. Enfim, primeiro vencer o medo e, segundo, controlar os nervos para aplicar a técnica. E sair vitorioso. Inesquecí­vel! [Nova Iguaçu - RJ]

[Sobre "Promoção André de Leones"]

por José Accacio
19/11/2008 às
10h39 189.106.73.209
(+) José Accacio no Digestivo...
 
Situação insustentável
Eu estou vivendo uma situação-limite. Sou aposentado e, mesmo com uma complementação de aposentadoria, devido ao fator previdenciário e à politica da empresa em que trabalhei, para reajuste dos inativos, recebo hoje quatro vezes menos que o salário que recebia logo após me aposentar. Estou vivendo numa situação insustentável. [Nova Friburgo - RJ]

[Sobre "Promoção André de Leones"]

por Carlos Siqueira
19/11/2008 às
10h36 189.1.56.113
(+) Carlos Siqueira no Digestivo...
 
Schopenhauer e Borges
Não de se desprezar o fato de ele ser admiradíssimo pela forma de escrever, e pelas suas reflexões, por ninguém menos que Jorge Luis Borges. Que o coloca como indispensável. E este parece ser um dos homens que leu tudo...

[Sobre "Arthur Schopenhauer, por Oswaldo Giacóia Júnior"]

por Djabal
http://havesometea.net/nonliquet/
19/11/2008 às
08h03 201.27.130.236
(+) Djabal no Digestivo...
 
Saber quando calar
Exatamente, Diogo. Se o artista não tem mais nada a dizer, melhor que se cale e pressinta com isto a dignidade do silêncio em hora precisa. É o gesto majestoso do homem que conhece seu limite, de um servidor sem senhores que sai de cena antevendo o desejo do público, evitando o constrangimento de ser retirado pelo gancho. Saber quando falar é quase tão importante quanto saber quando calar.

[Sobre "Necrófilos da vanguarda roqueira"]

por mauro judice
http://www.gizeditorial.com.br/maurojudice
18/11/2008 às
21h51 201.69.68.205
(+) mauro judice no Digestivo...
 
menos incenso e mais senso
Também fiquei com a mesma impressão do filme. O filósofo do samba, como ele é chamado, foi injustiçado. A obra musical dele é magnífica. Bem-humorada e com requintes fantásticos. Conseguiu cantar o prepúcio... Com leveza e picardia. Ele e o Cartola precisam de menos incenso e mais senso.

[Sobre "Noel — Poeta da Vila"]

por Djabal
http://havesometea.net/nonliquet/
18/11/2008 às
15h22 201.27.130.236
(+) Djabal no Digestivo...
 
Professor vs. Escritor
A entrevista é um primor. Sou leitor do Miguel desde o princípio. Ele tem uma característica particular na escrita. Aquela que grava em nossa memória determinadas cenas. E assim tornadas inesquecíveis, nos aproximam nosso desejo ao último lançamento. Tornando essa corrente de muito proveito para a literatura e o gosto do leitor. Suas idéias são sensatas, de professor, mas é como escritor que ele se mostra 'ibérico' e apaixonado. Assim, apaixonante. Parabéns.

[Sobre "Miguel Sanches Neto"]

por Djabal
http://havesometea.net/nonliquet/
18/11/2008 às
15h13 201.27.130.236
(+) Djabal no Digestivo...
 
Eu tive medo de morrer
Estávamos, eu e meu companheiro, atravessando a Ilha de Marajó, meados dos anos 90. Ficamos retidos por uns 17 dias na Ilha do Nascimento por falta de barcos para pedir carona. Quando surgiu um barco boieiro (carregador de búfalos) para sairmos daquele isolamento, era noite e havia morrido um búfalo a bordo e os navegantes decidiram salgá-lo na mesma hora. Estávamos hospedados na mercearia local onde o capitão foi buscar umas 5 sacas de sal grosso. Decidimos viajar de barco para a costa do Pará. Eu estava carregando nossa bagagem e Sérgio carregou uma saca de sal. A aventura e a situação-limite foi a ida até o barco, a maré havia enchido e os troncos que serviam de caminho estavam já cobertos de água. Estava escuro e havia somente duas lanternas. Os homens caminhavam muito rápido com suas sacas pesadas e eu fiquei para trás. No mais absoluto escuro da Floresta Amazônica eu tive medo de morrer e não conseguir atravessar os caminhos da água e pisar fora dos exí­guos troncos de apoio. Havia andado por ali em horários de maré baixa, mas nunca havia ido tão longe. Lembro-me de que na hora não conseguia ouvir nada, os homens caminhavam em silêncio e já bem adiantados no caminho cheio de curvas e eu fiquei no mais absoluto escuro sem saber nadar. Equilibrei-me desajeitadamente e parei, respirei e cogitei largar minha carga para me salvar. Não larguei minhas três mochilas e continuei. Desliguei e me senti nas mãos de Deus, me conduzindo por pura intuição. Vi clarões e bichos tentando me derrubar e comecei depois de uma eternidade a ouvir o vozerio do barco, quando cheguei próxima das lanternas vi o enorme búfalo pendurado e já começando a ser estripado. Me sentei no chão do barco e comecei a chorar, não acreditando ainda que estava viva e naquela cena insólita... [Santo André - SP]

[Sobre "Promoção André de Leones"]

por Regina Miguel
18/11/2008 às
11h30 200.226.11.100
(+) Regina Miguel no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




CURAS ANGÉLICAS / TRABALHANDO COM SEUS ANJOS PARA CURAR SUA VIDA
EILEEN ELIAS FREEMAN
RECORD
(1995)
R$ 8,00



O NOVIÇO COLEÇÃO ESTADÃO
MARTINS PENA
KLICK
(1997)
R$ 8,00



CRIANDO MENINAS
GISELA PREUSCHOFF
FUNDAMENTO
(2003)
R$ 26,84



NATUREZA HUMANA E LEI NATURAL CONCILIUM
LISA SOWLE CAHILL E OUTROS
VOZES
(2008)
R$ 80,00



SERINGUEIRA COL. INSPIRADA NO PROGRMA DE TV DE REGINA CASÉ E ESTEVÃO C
FABIANA WERNECK BARCINSKI ADAPTAÇÃO E GUAZZELLI...
MARTINS FONTES
(2010)
R$ 15,40



CORAGEM E DETERMINAÇÃO - UM INFINITO AINDA POR FAZER
YEDA CRUSIUS
AGE
(2014)
R$ 32,00



PANDORA UM POEMA FESCENINO
MAGGIAR VILLAR
DO AUTOR
(1991)
R$ 12,00



LOBO LOBÃO LOBISOMEN
LUIZ ROBERTO GUEDES
SARAIVA
(1997)
R$ 5,90



NA DUVIDA,ULTRAPASSE-ORIENTAÇAO VOCACIONAL.
CAVO
CAVO
R$ 16,00



MAPS AND MAPMAKERS OF THE CIVIL WAR
EARL B. MCELFRESH (CAPA DURA)
HARRY N ABRAMS
(1999)
R$ 210,28





busca | avançada
58188 visitas/dia
2,0 milhões/mês