Comunistas brazucas | Lenine Leal

busca | avançada
60446 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Nasi e Scandurra apresentam clássicos do IRA! no Sesc Santo André
>>> Douglas Germano apresenta 'Umas e Outras'
>>> Mostra de Cinemas Africanos acontece em São Paulo e Curitiba a partir de 6 julho
>>> Iecine abre inscrições para a Oficina de Crítica e Fruição Cinematográfica
>>> Orquestra Modesta retorna ao Sesc Santo Amaro com 'Canções Para Pequenos Ouvidos 2'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
>>> A compra do Twitter por Elon Musk
>>> Epitáfio do que não partiu
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> O Apocalipse segundo Seu Tião
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
>>> Para não dizer que eu não disse
>>> Espírito criança
>>> Poeta é aquele que cala
>>> A dor
>>> Parei de fumar
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Longa vida à fotografia
>>> iPad pra todo mundo
>>> Minha pátria é a língua portuguesa
>>> Minha pátria é a língua portuguesa
>>> Wikipedia e a informação livre
>>> Público, massa e multidão
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> Os Clássicos e a Educação Sentimental
>>> O youtuber é um novo dândi?
>>> Silêncio e grito
Mais Recentes
>>> Eu Como Assim Ou Assado? - Conhecendo Melhor o Que Você Come de Michele Iacocca pela Ática (2007)
>>> Onde Está Elizabeth? Como Resolver um Mistério sem Se Lembrar... de Emma Healey / 1ª Ed pela Record (2016)
>>> Ver!ssimo - Diálogos Impossíveis - 1 Edição de Luis Fernando pela Objetiva (2012)
>>> A Linguagem Falada Culta na Cidade de São Paulo - Vol. IV - Estudos de Dino Preti, Hudinilson Urbano pela T. A. Queiroz (1990)
>>> Acenos e Afagos - Confira! de João Gilberto Noll pela Record (2008)
>>> Urupês e Outros Contos - Confira! de Monteiro Lobato pela Principis (2019)
>>> Stopwatch 1 Students Book & Workbook Com Cd de Simon Brewster pela Richmond (2016)
>>> Princesa da Inocência (príncipes Di Castellani) / 1ª Ed - Confira !!! de Lani Queiroz pela 3dea (2019)
>>> Sangue no Inverno - Confira !!! de Mons Kallentoft pela Benvirá (2011)
>>> Robin Hood - Starter - Confira !!! de John Scott pela Oxford Bookworms (2008)
>>> Álvares de Azevedo : o Poeta Que Não Conheceu o Amor foi Noivo da Mort de Luciana Fátima da Silva/ Livro Assinado!! pela Annablume (2009)
>>> William Tell and Other Stories - Confira! de John Excott pela Oxford (2010)
>>> Engenharia Ambiental - Conceitos Tecnologia E Gestao de Maria Do Carmo Calijuri / Davi Gasparini Fernandes Cunha pela Elsevier (2013)
>>> Como Ficar Rico sem Cortar os Cartões de Crédito de Robert T. Kiyosaki / Sharon L. Lechter pela Elsevier / Campus (2004)
>>> Modern British Short Stories de Malcolm Bradbury pela Penguin Books (1988)
>>> Cultura do Medo - Confira! de Barry Glassner pela Francis (2003)
>>> A Mitopoese da Psique - Mito e Individuação (confira Agora!) de Walter Boechat pela Vozes (2008)
>>> High Up 2 Student´S Book de Vários Autores pela Macmillan (2013)
>>> Os Pensadores - Sócrates / Capa Dura de Nova Cultural pela Nova Cultural (1999)
>>> Maluca por Você de Rachel Gibson; Cassia Zanon pela Jardim dos Livros (2014)
>>> Sonho Grande: Como Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Beto Sircupira de Cristiane Correa pela Primeira Pessoa (2013)
>>> Tutancâmon de T. G. Henry James pela Folio (2005)
>>> Um Holograma para o Rei de Dave Eggers pela Companhia das Letras (2015)
>>> Morrendo de Vergonha - um Guia para Tímidos e Ansiosos de Barbara G. Markway; Cheryl N. Carmin; Teresa Flynn pela Summus (1999)
>>> Uma Vida para Seu Filho de Bruno Bettelheim pela Campus (2022)
COMENTÁRIOS

Domingo, 15/9/2002
Comentários
Leitores


Comunistas brazucas
Não liga pra essa avalanche boçal, Eduardo. Um desses idiotas escreveu "Charlles de Goule" - só isso já diz tudo sobre o nível dos estudantes da FFLCH. Parabéns pelo excelente artigo.

[Sobre "Festa na floresta"]

por Lenine Leal
15/9/2002 às
16h38 200.162.253.205
(+) Lenine Leal no Digestivo...
 
Jornaleca
(texto enviado para o e-mail do CAHIS) Vemos logo que esse tal de Eduardo não é historiador mesmo... Coitado, fez um artigo, discutindo uma festa e seus motivos, mediante a análise de três ou quatro "cartas" de um grupo de discussão da internet. Ele não se interessou em perscrutar sobre os fatos, ou saber os motivos reais da associação com o terrorista Bin Laden, ou qualquer coisa. Na verdade, sinto que a grande conveniência desse sujeito, foi, a partir de uma discussão, a qual ele deturpou completamente (porque ele não publicou o primeiro e-mail - do Pedro - que explicava a discussão e os motivos da associação com o terrorista?), enumerar suas inúmeras (peço uma pequena licença aos poetas) mazelas contra a FFLCH, contra a greve, contra a Marilena Chauí, contra a menina que ele chama de "analfabeta sei lá o que", enfim. Acho que esse sujeito deve ter uma grande frustração não resolvida; Freud diria que é de cunho sexual: talvez esse sujeito seja homofóbico, ou talvez seja homossexual e, não tendo coragem de se assumir, veja na menina (e até mesmo na Marilena) uma possível inimiga... O que ele é mesmo? - Jornalista!!!! - jornalista? - É, jornalista... - Ah, então esqueça tudo o que eu disse... o cara é jornalista. Ps1: Havia, na festa, além de outras, quatro faixas grandes: numa delas estava escrito "VALEU", na outra "OSAMA", na outra "MELFI" (que, pra quem não sabe, é o reitor da USP) e, na última, "BUSH". Acho que não é necessário explicar... Ps2: Segue, abaixo, o primeiro e-mail mandado para o grupo do cahis: "E ai galera. Ontem rolou a primeira reunião oficial para organização da festa do dia 13. Nós discutimos sobre o "porquê" da festa, deixando claro que nossa intenção é principalmente indagar sobre o que e quem criou condições (ou motivos) para os atentados. Tb fazer a discussão na festa sobre a mitificação do Osama, e não "brincar" com as mortes. Deixamos claro que não queremos nem Bush nem Osama, mas este último conseguiu abalar a hegemonia mais que escrota norte americana. No dia da festa vamos fazer diversas "intervenções" no prédio: faixas, pintura, textos, etc. tudo para dar sentido ao evento e não nos caracterizarmos pró (cegamente) Osama. O som já esta agendado (equipamento) Cerveja já se sabe onde vai comprar: Makro comida já estão vendo: Cachorro quente da História, Pastel do Sintusp, Pipoca da Sociais (se pá junto com churras), Yaksoba do André. Destilados: A Rádio Livre da USP vai cuidar. Bandas: Até agora são 3: Maraca Manca, Libertadores do Côco, e uma terceira que esqueci o nome. Se alguém conhecer uma banda de reggea boa por favor entre em contato comigo. O Aquário estará fechado durante a Festa. Bem acho que é mais ou menos isso, a próxima reunião é sexta agora na salinha do fundo do aquário, aquela que a Zilda quer transformar em banheiro... Se esqueci alguma coisa por favor escrevam. Abraço, Pedro. " Ps3: Explico a sátira do texto (o meu), em relação aos jornalistas: a máxima "liberdade de imprensa" precede todas as outras; ou seja, fica difícil perceber aquilo que é ético ou não. Um exemplo: o jornalista Elio Gaspari, tempos atrás, escreveu artigos com sérias críticas contra a Profª. Zilda Iokoi (não quero entrar nesta questão, que já foi muito discutida), no entanto, antes de publicá-los, telefonou para esta professora, avisando-a sobre tal publicação. Aí fica a questão: Elio avisou a Profª. Zilda porque "achou" que era necessário, não que ele precisasse. Ou seja, como a máxima supracitada precede todas as outras, de um jornalista (ou de alguém que use tal alcunha) espera-se tudo (coisas que nem Freud explicaria). Até o artigo do Eduardo.

[Sobre "Festa na floresta"]

por Pablo - FFLCH
15/9/2002 às
13h52 200.148.9.111
(+) Pablo - FFLCH no Digestivo...
 
Que Medíocre!
Eduardo Carvalho, li seu artigo e achei extremamente preconceituoso. Realmente me espanta que um "colunista" não tenha conseguido acompanhar uma palestra da Prof. Marilena Chauí. Recomendo que da próxima vez você preste atenção no que ela tem a dizer, não na platéia. Pra mim isso cheira a inveja, e é de se entender (basta observar o conhecimento produzido pela professora e observar a triste realidade de seu artigo e dos frequentadores deste site) Aquele tapinha nas costas Eduardo Portela

[Sobre "Festa na floresta"]

por Eduardo Portela
15/9/2002 às
09h38 200.158.52.154
(+) Eduardo Portela no Digestivo...
 
Engulam essa Marginais!
Engulam essa pseudo comunas revolucionarios! Agora, cade os intelectuais da FFLCH para rebaterem as criticas contundentes de meu amigo Eduardo? Escondidos, provavelmente. Caro Henrique, notavelmente, o "cara que estuda administração na GV" escreve bem melhor do que voce... Nao desista, estude muito, que um dia, quem sabe, vc consegue escrever um texto argumentativo, nao apelativo! Saudacoes Luiz FFLCH USP

[Sobre "Festa na floresta"]

por Luiz
15/9/2002 à
01h31 200.204.40.166
(+) Luiz no Digestivo...
 
Parabéns de um aluno da FFLCH
Gostaria de congratular o Eduardo pelo texto magnífico que expressa com precisão a realidade na FFLCH. Como aluno de Ciências Sociais dessa faculdade, convivo diariamente com besteiras sem tamanho ditas e repetidas ininterruptamente por "mentes brilhantes e revolucionárias" que procuram mudar o mundo sem muitas vezes sequer saber empregar uma vírgula corretamente - repetindo a idéia no texto do Eduardo. Gostaria apenas de deixar registrado que, embora esses fatos sejam reais e desesperadores, nem todos os alunos da FFLCH se enquadram nessa categoria perniciosa à própria sociedade. Pelo contrário, basicamente temos 4 tipos de alunos por lá: 1. os pseudo-revolucionários (que organizaram a festa com esse nome e estão sempre envolvidos em baixarias); 2. os "ovelhinhas" (que seguem quem gritar mais alto); 3. os elucidados (que são ideologicamente autônomos, independente de suas preferências); 4. os "anti-modelo-FFLCH" (que procuram mudar essa imagem bisonha da faculdade, uma espécie de "militantes oposicionistas"). Infelizmente a grande maioria dos estudantes enquadra-se nos tipos 1 e 2, contribuindo para a manutenção da situação da faculdade. Em relação aos professores, estes já são, normalmente, mais autônomos, mas nem por isso deixam de contribuir em maior ou menor grau para a histeria generalizada. Não se impõem, deixam levar-se pelos gritos de alunos, enfim, acabam tornando-se "ovelhinhas", muitas vezes. É lamentável, porém estou certo que quem se dispor a estudar por lá, como eu fiz essa opção, tem de tudo para receber uma formação universitária de primeiríssima qualidade. É só saber "ligar o filtro". Um grande abraço a todos, Alexandre - FFLCH - Ciências Sociais

[Sobre "Festa na floresta"]

por Alexandre
14/9/2002 às
16h21 200.158.64.7
(+) Alexandre no Digestivo...
 
A intensidade do amor
Nao importa qual eh a sua angulacao, se eh sob a visao de Reich com a sua proposta de prazer ou mesmo aquele tipo de amor piegas, ridiculamente sentimental, o que nao se pode eh deixar simplesmente passar em branco isso em nossas vidas. Amar sempre, seja la com que intensidade for. Fernanda.

[Sobre "3,2,1: O Amor está no ar "]

por Fernanda
14/9/2002 às
12h10 204.191.83.106
(+) Fernanda no Digestivo...
 
Agradecimentos
Obrigado, Evandro, pela divulgação do blog..

[Sobre "O underground e o Estado"]

por Padawan
14/9/2002 às
12h13 200.227.179.103
(+) Padawan no Digestivo...
 
Osama, os EUA e o achismo!!
Festa do pijama, festa do cabide, entre outras, são nomes muito honrosos para festas. Acredito que você seja um assombro... A sua criatividade me espanta!!! Em relação ao 11/09: minha esposa trabalha com pessoas que tiveram parentes envolvidos diretamente no ataque contra os americanos. Eu mesmo tenho primos em Nova Jersey, que fica pertinho da ilha de Manhatan. Foi chocante. Ficamos todos apreensivos. Graças a Deus, todos se salvaram. Infelizmente, como ocorre em todas as guerras: civis morrem....(quando os EUA acertaram hospitais e a própria cruz vermelha localizada no Afeganistão, alguém se levantou para fazer um "caça as bruxas" contra o presidente dos EUA? Será que o povo americano vale mais do que os outros povos da terra? Em relação a festa bombástica, o nome Osama, no máximo significaria dizer a aos quatro cantos, que estamos descontentes com a atual conjuntura deste planetinha e principalmente da nossa FFLCH, que esta a deriva. Estamos descontentes com a política internacional e nacional que prefere fazer bombas nucleares, misseis teleguiados, comprar novos porta aviões a produzir vacinas contra a malaria ou dar educação ao povo. A saciar a fome do povo, que morre de fome um pouco por dia, todos os dias. Significa dizer que não concordamos com a carnificina que os Estados Unidos estão empreendendo contra os países contrários ao seu imperialismo, sob o nome de lutar contra o narcotráfico ou o terrorismo. Terrorismo, aliás patrocinado pelos EU, que deram apoio financeiro e material bélico a Osama, a Sadam, a Pinochet e a tantos outros genocidas. Até Adolf Hitler recebeu ajuda da IBM americana para poder identificar o povo judeu com mais facilidade.... Enfim, um brasileiro defender os EUA é no mínimo, falta de conhecimento sobre a vida. É preferir a guerra, a paz.... Dá próxima vez, em vez de achar, tenha certeza do que está dizendo....ou se contenha em escrever ao seu grupo de amigos..... Achar, eu também posso achar muita coisa, não é mesmo? De quantas ONGs você participa? Quantas vezes já douou sangue na vida, a não ser para parentes? Você deveria era tomar um belo processo por calunia e difamação, mas como disse Charlles de Goule, "o Brasil não é um país sério". Eduardo FFLCH - Letras

[Sobre "Festa na floresta"]

por Eduardo G. Antunes
13/9/2002 às
18h45 143.107.26.3
(+) Eduardo G. Antunes no Digestivo...
 
Comparação oportunista
Alexandre você foi grandiosamente infeliz. Não sei que joguete de raciocínio é esse , mas tenho certeza que o aplicou. Usar de todos os seus conhecimentos para classificar , igualmente até, Ferrez , Giberto Vasconcellos e Fernandinho Beira-mar é mais uma prova do serviço que a intelectualidade brasileira tem prestado a valorização da cultura nacional.Todos sabemos que o Beira-mar, por ser traficante é um idiota.Não irei seguir este raciocínio para sua tentativa oportunista e injusta de classificar o mano Ferrez. Enquanto o Sr. visita as suas "cabanas" o mano Ferrez segue na luta por um povo sofrido , sedento de informação, e vítima da exclusão social. Acima da Agatha Christie e seus personagens está o real , que você aqui ignorou, chamado: Capão Redondo

[Sobre "Três Idiotas"]

por Leandro Pessoa
13/9/2002 às
18h46 200.223.70.172
(+) Leandro Pessoa no Digestivo...
 

Sim AMAR, verbo intransitivo, apenas como é passageiro, e nossa relação com os tempos atuais flui como energia rápida, que passa vummmmmm,passou. pena!!! quem amou amou, quam n amou, n ama mais...

[Sobre "3,2,1: O Amor está no ar "]

por Elisabete39
13/9/2002 às
16h05 200.204.141.17
(+) Elisabete39 no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Em Nome da Segurança Nacional
Maria Helena Simões Paes
Atual
(1995)



Crianças sem problemas
Eduardo Goldenstein Luiz A. S. Freitas
Clinch
(1992)



Divórcio Em Buda - Confira!
Sándor Márai
Companhia das Letras
(2003)



Lá Vem História: Contos do Folclore Mundial
Heloisa Prieto
Companhia das Letrinhas
(1997)



O Livro das Virtudes para Crianças
William J. Bennett
Nova Fronteira
(1997)



Não Leve a Vida tão a Sério
Hugh Prather
Sextante
(2003)



Um minuto para mim
Spencer Johnson
Record
(2008)



Ser Protagonista - Matematica - 1º Ano
Felipe Fugita e Outros
Sm
(2015)



O ônus da Prova
Scott Turow
Supersellers
(1990)



Terminal
Robin Cook
Record
(1997)





busca | avançada
60446 visitas/dia
1,8 milhão/mês