Seis Sonetos Salvages | Douglas Diegues

busca | avançada
77507 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Coletivo Mani Carimbó é convidado do projeto Terreiros Nômades em escola da zona sul
>>> CCSP recebe Filó Machado e o concerto de pré-lançamento do álbum A Música Negra
>>> Premiado espetáculo ‘Flores Astrais’ pela primeira vez em Petrópolis no Teatro Imperial para homenag
>>> VerDe Perto, o Musical Ecológico tem sessões grátis em Santo Antônio do Pinhal e em São Paulo
>>> Projeto Sinos volta a Teresópolis para oferecer aulas gratuitas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Marcelo Mirisola e o açougue virtual do Tinder
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
Colunistas
Últimos Posts
>>> A melhor análise da Nucoin (2024)
>>> Dario Amodei da Anthropic no In Good Company
>>> A história do PyTorch
>>> Leif Ove Andsnes na casa de Mozart em Viena
>>> O passado e o futuro da inteligência artificial
>>> Marcio Appel no Stock Pickers (2024)
>>> Jensen Huang aos formandos do Caltech
>>> Jensen Huang, da Nvidia, na Computex
>>> André Barcinski no YouTube
>>> Inteligência Artificial Física
Últimos Posts
>>> Cortando despesas
>>> O mais longo dos dias, 80 anos do Dia D
>>> Paes Loureiro, poesia é quando a linguagem sonha
>>> O Cachorro e a maleta
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 2006, o ano que não aconteceu
>>> Com ventilador, mas sem educação
>>> Nem capitalismo, nem socialismo, nem morte
>>> O blog do Luiz Schwarcz
>>> Do Surrealismo
>>> Fórum das Letras 2007
>>> Um conto-resenha anacrônico
>>> Andaime, de Sérgio Roveri
>>> Um lugar para o tempo
>>> A nova queda da Bastilha
Mais Recentes
>>> Livro Ensino de Idiomas Italiano Para Viagem e Dicionário de Berlitz pela Berlitz (1998)
>>> Nemesis - The Battle for Japan, 1944-45 de Max Hastings pela Harper Press (2008)
>>> Como ser um herói de Lidia Maria Riba pela V&r (2010)
>>> Livro Infanto Juvenis Como Reconhecer Um Monstro de Gustavo Roldán pela Jujuba (2011)
>>> Livro História Do Brasil Breve História do Brasil 1500 1995 de Hernâni Donato pela Lisa (1995)
>>> Livro Literatura Estrangeira Vita The Life Of Vita Sackville West de Victori Glendinning pela Penguin (1983)
>>> Licence Renewed de John Gardner pela Jonathan Cape (1981)
>>> Andar... Andar... Andar de Adauto Barreto pela Ftd (1990)
>>> Kingdom Hearts II Volume 4 de Shiro Amano - História e Arte pela Abril (2014)
>>> A Lenda dos Guardiões : A Captura de Kathryn Lasky pela Fundamento (2010)
>>> Primavera Num Espelho Partido de Mario Benedetti pela Alfaguara (2018)
>>> Livro Infanto Juvenis Os Tatus-Bolinhas Coleção Pessoinhas Educação Infantil Volume 1 de Ruth Rocha pela Ftd (2010)
>>> Marie Antoinette - The Journey de Antonia Fraser pela Phoenix (2002)
>>> Livro Literatura Estrangeira A Idade da Razão de Jean Paul Sartre pela Difusão Européia do Livro (1963)
>>> Livro Psicologia O Infamiliar Das Unheimliche de Sigmund Freud pela Autentica (2020)
>>> Hitler's Pope - The Secret History of Pius XII de John Cornwell pela Penguin Books (2000)
>>> Livro Infanto Juvenis O Menino Que Queria Ser Celular de Marcelo Pires, Roberto Laurert pela Melhoramentos (2008)
>>> Bubba : Já consegue sozinho! de Carolina Micha pela V&r (2011)
>>> Bill Edrich - A Biography de Alan Hill pela Andre Deutsch (1994)
>>> Livro Literatura Estrangeira GänsebratenUnd Andere Geschichten de Jo Hanns Rösler pela Grafisk Forlag (1973)
>>> Livro Infanto Juvenis A Guerra De Troia Em Versos De Cordel de Fábio Sombra, Mauricio de Souza pela Melhoramentos (2015)
>>> Literatura Estrangeira The Last Tycoon de F. Scott Fitzgerald pela Penguin (1965)
>>> What If? - The World's Foremost Military Historians Imagine What Might Have Been de Edited by Robert Cowley pela Berkley (2000)
>>> Bubba, O Médico de Carolina Micha pela V&r (2011)
>>> Mahamudra - Como Descobrir A Nossa Verdadeira Natureza de Lama Thubten Yeshe pela Lúcida Letra (2020)
ENSAIOS

Segunda-feira, 24/11/2008
Seis Sonetos Salvages
Douglas Diegues
+ de 5500 Acessos
+ 1 Comentário(s)


Desert Wild Flowers (Andreas Feininger)

colapsos disputas krak cálculos krok falsos
incertezas krek juros desempleos krik desesperos
dólar cruel ilusión krok krok de papel dinero
impuestos chantagens kruk kruk kruk impactos

costos repassados krak krik reajustes confirmados
dólar arriba de 86 meses krek krok para pagar
no hay mais tiempo para tanto krak krek kruk masturbar
valores obligatórios krok reajustes krik diferenciados

queda nos alimentos kric milhones kroc negociaciones krec kroc sucesso
impasse kruc desesperança
hipótese krak krok mudança
reflexo krik nos preços

movimiento inesperado de noviembro, krek, uivos, kruk, fecundación, krok, gemidos
está naciendo krek kruk el mundo sin fins lucrativos

* * *

antes mismo de comenzar a dizerem
que farão — façam las couzas acontecerem.
depois vengan a discursar
ninguém aguanta mais esse entediante blablablá

ninguém mais aguanta tantos bellos dircusos
propagandas caras e inútiles
idiotas que se vendem facilmente — idiotas útiles
discursos inteligentes siempre tan burros

en el país del carnabal
en el país del tango — en el país de la polka
la razón ficô meio loca
ninguém mais sabe distinguir el bem del bien — el mal del mal

non hay mais — ni tempo — para se jogar fora
hasta el agora ya passou de la hora
* * *

belleza pública bersus belleza íntima
belleza bisíble bersus belleza que ninguém bê
belleza dolarizada bersus belleza gratuita
belleza cozida bersus belleza frita

belleza antigua bersus belleza nova
belleza viva bersus belleza morta
belleza magra bersus belleza gorda
belleza en berso y en prosa

belleza salbaje bersus belleza civilizada
belleza di dentro bersus belleza di fora
belleza rápida bersus belleza que demora
belleza simples bersus belleza complicada

este mundo está ficando cada vez mais horrible
quase ninguém consegue mais ver la belleza invisible

* * *


Desert Wild Flowers (Andreas Feininger)

ellos preparam el defunto
como si preparassem a un artista
ou a una ensalada mista
después penteiam pra que o mesmo non fique com ar de presunto

y comezan a encher u caixón de flores
como dos jardineros — o dois atores
profissionales, espontâneos, y u presunto
parece agora un ready-made, jardim, instalazione, menos defunto

y também, parece, o presunto, sentir-se legal
deitado en aquele mar de flores
pronto para partir para além du bem y du mal
deixando para trás este paraíso de horrores

ellos preparam u presunto
como se estibessem preparando um omelete — non um defunto

* * *

el rio passa feliz
porque no passa para él
el azul está siempre alegre
porque no azula para si

mismo feo o mar está siempre bello
pero no se engambela ni se meleca por ser tan bello
las flores de este mundo sin fim ni começo
cagam y andam para el sucesso

cosas que no existem para si próprias
cosas que existem para que otras cosas possam existir
cosas que bocê no puede ver mas puede sentir
todas las cosas son muito locas

la magia simpática de la vida
vá a curar tu paranóia mal resolvida

* * *

con las manos en la massa
como aprender el arte en los jardines de la cidade
escriba con bosta de elefante y liberdade
solo no sea más un covarde

tiempo de rebelião
máfias de los cementérios — formación de instabilidades
apaga con gasolina la fogueira de las vaidades
solo no sea más um covarde

quiebra el tabu
aprende lo que hay para aprender com los urubus
mesmo habiendo llegado tarde
solo no sea más um covarde

aproveite bién esta semana de crimenes y empates
solo no sea más um covarde

Nota do Editor
Textos gentilmente cedidos pelo autor, a maior expressão do Portunhol Selvagem. O primeiro, o quinto e o sexto sonetos foram originalmente publicados em Dá gusto andar desnudo por estas selvas (Travessa dos Editores, 2002); o segundo, o terceiro e o quarto, em Uma Flor na Solapa da Miséria (Yiyi Jambo, 2007). (Leia também "Portunhol Selvagem Reloaded".)


Douglas Diegues
Ponta Porã, 24/11/2008
Quem leu este, também leu esse(s):
01. Aquarela de um Brasil sem cor de Túlio Henrique Pereira
02. Do tamanho dos textos de Sérgio Rodrigues
03. Inventário de Horácio Costa
04. Oiticica e a Tropicalondon de Paula Góes
05. Volpi, Beckett e Mendes da Rocha de Daniel Piza


Mais Douglas Diegues
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
24/11/2008
11h10min
um espanhol verdadeiramente selvagem. um abraço no douglas diegues. romério
[Leia outros Comentários de romério rômulo]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Guia Completo de Fotografia
John Hedgecoe
Martins Fontes
(1996)



Uma noite em Lisboa
Erich Maria Remarque
Record
(1964)



Dom Casmurro - Uma passeio pelo tempo machadiano
Machado de Assis
Rovelle
(2008)



Tempo E Memoria [ Pocket ]
Katia Canton
Wmf Martins Fontes
(2009)



Minha Vida
Charles Chaplin
José Olympio
(2005)



Contos De Princesas
Su blackwell
Wmf Martins Fontes
(2015)



Preconceito e autoconceito: Identidade e interação na Sala de aula
Ivone Martins De Oliveira
Papirus
(1994)



A Morgadinha dos Canaviaes (a Morgadinha dos Canaviais - 1906)
Julio Diniz
Casa E. Brazil
(1906)



Mentiras Que Confortam
Randy Susan Meyers
Novo Conceito
(2015)



Enquadro Capitulo 1: Domingas
Casa da Lapa
Casa da Lapa





busca | avançada
77507 visitas/dia
2,1 milhões/mês