Por Mares Nunca Dantes, de Geraldo Carneiro | Nanda Rovere | Digestivo Cultural

busca | avançada
28300 visitas/dia
957 mil/mês
Mais Recentes
>>> "A Falecida", de Nelson Rodrigues, estreia no Teatro Macunaíma
>>> Orlando Azevedo organiza evento com venda de obras e discussão sobre arte e fotografia
>>> Fotógrafo Marcelo Aniello lança livro fotografia inspirado nas cores de Trancoso
>>> Martie sobe ao palco ao lado do pianista Marcos Nimrichter
>>> Embaixador croata lança livro de poemas no Brasil
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Omissão
>>> Preparar Para o Impacto
>>> Fazendo a coisa certa
>>> Malcolm, jornalismo em quadrinhos
>>> Lembrança de Plínio Zalewski
>>> Que tal fingir-se de céu?
>>> As crianças do coração do Brasil
>>> Três filmes sobre juventude no novo século
>>> Poesia e Guerra: mundo sitiado (parte II)
>>> Notas confessionais de um angustiado (V)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Ebook gratuito
>>> Poesia para jovens
>>> Nirvana pra todos os gostos
>>> Diego Reeberg, do Catarse
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Lançamento e workshop em BH
>>> Reid Hoffman por Tim Ferriss
>>> Software Programs the World
>>> Daphne Koller do Coursera
>>> The Sharing Economy
Últimos Posts
>>> O santo e el-rei (série: sonetos)
>>> O sonho acabou?
>>> Marola
>>> Quando algo está para acabar, chove. Foi testado.
>>> Tem café?
>>> Ferreira Gullar (1930-2016)
>>> 4 de Dezembro de 2016
>>> Carta aberta ao povo brasileiro
>>> Que bela lição a Colômbia está dando ao mundo
>>> No rastro de Augusto dos Anjos (série: sonetos)
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Parangolé: anti-obra de Hélio Oiticica
>>> Sobre o show da Madonna
>>> A ideologia que faltava
>>> Preparar Para o Impacto
>>> Risos, maestro!
>>> O soldado absoluto
>>> Meu Marido, de Livia Garcia-Roza
>>> Flores Azuis, de Carola Saavedra
>>> 13 musas da literatura
>>> Palpites e Patentes
Mais Recentes
>>> Os Retratos De Oscar Wilde
>>> Futebol Ao Sol E À Sombra
>>> Prática Das Pequenas Construções - Volume 1
>>> A Condição Humana
>>> A Arte Brasileira Em 25 Quadros (1790-1930)
>>> Geográfica Universal - Jul/1994
>>> Men'sHealth - Jan/2015
>>> Men'sHealth - Nov/2014
>>> Men'sHealth - Dez/2014
>>> Scientific American Brasil 27 - Edição Especial
>>> Dás Um Banho: Roberto Alves o rádio, o futebol e a cidade
>>> Essa História Está Diferente
>>> Scientific American Brasil 8 - Edição especial fronteiras da física
>>> Scientific American Brasil - Edição Especial Física (1)
>>> História das Ideias Políticas
>>> Caim
>>> O Evangelho segundo Jesus Cristo
>>> This will make you smarter
>>> A Universe from nothing
>>> As Relaçoes diplomáticas da Ásia
>>> BRICS - As potências emergentes
>>> História da Sexualidade III - O cuidado de si
>>> A assustadora história do holocausto
>>> História das Crenças e das Ideias Religiosas - parte I: da idade da pedra aos mistérios de elêusis
>>> Microfísica do Poder
>>> A insustentável leveza do ser
>>> Os crimes do amor
>>> A ética protestante e o espirito do capitalismo
>>> A ordem do discurso
>>> Der Antichrist (Deutsch)
>>> Basic writings of Nietzsche
>>> Eu via Satanás cair como um relâmpago
>>> The greatest show on Earth
>>> O macaco e a essência
>>> Os dêmonios de Loudun
>>> Pedaços de um caderno manchado de vinho
>>> Pulp
>>> Delirios Cotidianos
>>> Factótum
>>> Super Interessante - Ago/2012 - Especial
>>> Super Interessante - Out/2010
>>> Super Interessante - Ago/2011
>>> O Elo Perdido: Classe e identidade de classe
>>> Série Reencontro: O Morro Dos Ventos Uivantes
>>> A Mulher V: Moderna, À Moda Antiga
>>> Super Interessante - Mai/2010 - Edição especial
>>> Casamento Blindado
>>> Numa fria
>>> O capitão saiu para o almoço e os marinheiros tomaram conta do navio
>>> Fabulário geral do delírio cotidiano: ereções, ejaculações e exibicionismos - Parte II
COLUNAS

Segunda-feira, 8/3/2004
Por Mares Nunca Dantes, de Geraldo Carneiro
Nanda Rovere

+ de 8100 Acessos
+ 1 Comentário(s)

O escritor Geraldo Carneiro lançou no ano passado um CD denominado Por Mares Nunca Dantes, título obviamente inspirado no poema "Por Mares Nunca Dantes Navegados", de Luís Vaz de Camões.

Literatura e música se unem para narrar a fictícia vinda - acidental - de Camões para o Rio de Janeiro.

O CD é, na verdade, a versão do livro, de mesmo nome, lançado por Geraldo Carneiro em 2000, livro que também deu origem a uma montagem teatral, encenada no Rio de Janeiro em 2002.

A obra, um poema épico-burlesco, é uma homenagem-crítica aos 500 anos do Brasil. Ao atravessar o Cabo das Tormentas, a caravela de Camões cai numa espécie de buraco negro e acaba chegando ao Rio de Janeiro, mais de quatro séculos depois.

O CD possui 12 faixas que vão narrando as andanças do poeta português pela "cidade maravilhosa".

Um certo realismo fantástico acompanha a história, pois Camões se depara com um engenho que navega pelos ares, é atropelado por uma Besta (que na verdade é um carro), se encanta com a TV, entra em contato com o submundo carioca (traficantes, travestis, prostitutas...), com um pai (de santo) e acaba se apaixonando por Aurora Boreal, uma garota de programa. Um mundo que deve soar muito estranho para uma pessoa que viaja mais de quinhentos anos no tempo!

Um dos momentos interessantes do poema é quando Camões descobre no Real Gabinete Português de Leitura livros de sua autoria. Neste momento, ele percebe que as previsões do babalorixá Pai Creuzo Caveirinha (de que as suas obras seriam reconhecidas) estavam corretas. É o próprio Pai Creuzo que consegue enviar Camões novamente para o seu tempo. Outro momento interessante é quando ele é atropelado pela Besta e confundido com um indigente.

Há uma intrigante mistura entre a linguagem coloquial e o modo de falar, mais simples, das pessoas. O encontro de Camões com o traficante é um exemplo. A nossa herança cultural afro também está muito bem representada na figura do orixá. A junção entre a instigante obra poética de Geraldo Carneiro e as criativas músicas compostas por Lenine teve como resultado um trabalho de qualidade que merece ser prestigiado.

É uma crítica bem humorada ao Rio de Janeiro, à nossa História e à pouca valorização da nossa Língua Portuguesa. No poema, isso fica evidente num momento em que Camões reclama da falta de conhecimento de poesia por parte dos brasileiros ("Carta a Lisboa").

O elenco é um destaque à parte. Cantores e atores dão vida a ricos personagens. Pedro Paulo Rangel interpreta Luis de Camões; Daniel Dantas, o Executivo e o Traficante; Mariana de Moraes, Aurora Boreal; Jards Macalé, o office-boy Bode Preto; Olívia Byington, o Canto da Sereia; Tonico Pereira, Pai Creuzo Caveirinha, o Babalorixá de Belford Roxo; e Geraldo Carneiro, o Narrador.

Foi acertada a idéia de utilizar a figura de Camões como metáfora do embate entre o novo e o velho. Afinal, Camões é considerado o maior poeta lírico português e seus poemas ora são inovadores, ora revelam uma linguagem tradicional portuguesa.

Por Mares Nunca Dantes pode ser um interessante complemento didático. Obviamente, com a orientação do professor, pois a chamada "licença de criação do autor", acaba suprimindo fatos importantes. Não que essa liberdade seja ruim, mas exige um cuidado do educador na hora de utilizar esse tipo de obra.

O projeto de transportar a poesia para o CD, concretizada pela gravadora Biscoito Fino, merece aplausos. Além de ganhar força com interpretações competentes e com a música de Lenine, facilita o acesso das pessoas portadoras de deficiência visual à obra.

Compreender o conteúdo de Por Mares Nunca Dantes não é muito fácil em virtude da utilização de um português arcaico, mas está aí uma das delícias do trabalho de Geraldo Carneiro: produzir literatura de boa qualidade e oferecer ao público a chance de entrar em contato com a diversidade da nossa língua e com as modificações que ela foi sofrendo nestes 500 anos.

Para ir além






Nanda Rovere
São Paulo, 8/3/2004


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Breve resenha sobre um livro hediondo de Cassionei Niches Petry
02. Srta Peregrine e suas crianças peculiares de Ricardo de Mattos
03. Wanda Louca Liberal de Marta Barcellos
04. Notas confessionais de um angustiado (III) de Cassionei Niches Petry
05. Primavera ao ar livre de Elisa Andrade Buzzo


Mais Nanda Rovere
Mais Acessadas de Nanda Rovere em 2004
01. As 16 Datas que Mudaram o Mundo - 12/1/2004
02. Por Mares Nunca Dantes, de Geraldo Carneiro - 8/3/2004
03. Com Ela presta homenagem à Cássia Eller - 2/2/2004
04. União entre música e poesia - 16/2/2004
05. Impressões sobre São Paulo - 26/1/2004


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
4/4/2004
10h17min
Nanda Rovere, grato pela indicação desse projeto Geraldo Carneiro. Cabe fazer, entretanto, uma pequena ressalva: ao contrário do que vocë afirma, Camões jamais escreveu um poema denominado "Por mares nunca dantes navegados". Este texto é o terceiro verso da primeira estrofe de "Os Lusíadas": "As armas e os barões assinalados/ que da ocidental praia lusitana/ por mares nunca dantes navegados/ passaram ainda além da Taprobana etc."
[Leia outros Comentários de Elso]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A CHAVE DO SEGREDO
JERRY E ESTHER HICKS
EDIOURO
(2007)



OS ÚLTIMOS PASSOS DE UM VENCEDOR - ENTRE A VIDA E A MORTE, O JOSÉ...
JOSÉ ROBERTO BURNIER
GLOBO
(2011)



O FUTURO DA HUMANIDADE
J KRISHNAMURTI/ DAVID BOHM
CULTRIX
(1986)



A CONQUISTA DO PARAÍSO + CRISTÓVÃO COLOMBO E SEU LEGADO
KIRKPATRICK SALE
JORGE ZAHAR
(1992)



LIMA BARRETO
CLARA DOS ANJOS
ESCALA
(1999)



A WOMANS WORLD
CLYDE M. NARRAMORE
ZONDERVAN
(1969)
+ frete grátis



CLARO ENIGMA
CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE
COMPANHIA DAS LETRAS
(2012)
+ frete grátis



OS ANIMAIS VÃO SALVAR A SUA PELE OU MELHOR: O SEU EMPREGO
GILBERTO MIRANDA
LANDSCAPE
(2004)
+ frete grátis



PURSUIT OF EXCELLENCE THE OLYMPIC STORY
THE ASSOCIATED PRESS AND GROLIER
GROLIER ENTERPRISES
(1979)
+ frete grátis



EL TEATRO JESUÍTICO EN EL BRASIL
JOSÉ CARLOS DE MACEDO SOARES
SNT/MEC
(1956)
+ frete grátis





busca | avançada
28300 visitas/dia
957 mil/mês