The Daily, de Rupert Murdoch, no iPad | Digestivo Cultural

busca | avançada
72073 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Poeta paulista lança “O que habita inabitáveis lugares” abordando as relações humanas durante a pand
>>> Biografias e Microrroteiros do Parque
>>> MONUMENTOS NA ARTE: O OBJETO ESCULTÓRICO E A CRISE ESTÉTICA DA REPRESENTAÇÃO
>>> Cia Triptal faz ensaios abertos para Pedreira das Almas, de Jorge Andrade
>>> Integridade Garantida, peça de Alberto Santoz sobre violência urbana, estreia no Cacilda Becker
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eleições na quinta série
>>> Mãos de veludo: Toda terça, de Carola Saavedra
>>> A ostra, o Algarve e o vento
>>> O abalo sísmico de Luiz Vilela
>>> A poesia com outras palavras, Ana Martins Marques
>>> Lourival, Dorival, assim como você e eu
>>> O idiota do rebanho, romance de José Carlos Reis
>>> LSD 3 - uma entrevista com Bento Araujo
>>> Errando por Nomadland
>>> É um brinquedo inofensivo...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Max Chafkin sobre Peter Thiel
>>> Jimmy Page no Brasil
>>> Michael Dell on Play Nice But Win
>>> A história de José Galló
>>> Discoteca Básica por Ricardo Alexandre
>>> Marc Andreessen em 1995
>>> Cris Correa, empreendedores e empreendedorismo
>>> Uma história do Mosaic
>>> Uma história da Chilli Beans
>>> Depeche Mode no Kazagastão
Últimos Posts
>>> Mundo Brasil
>>> Anônimos
>>> Eu tu eles
>>> Brasileira muda paisagens de Veneza com exposição
>>> Os inocentes do crepúsculo
>>> Inação
>>> Fuga em concerto
>>> Unindo retalhos
>>> Gente sem direção
>>> Além do ontem
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Quando o virtual cai na real
>>> Um Amor Anarquista
>>> ego shots fazem bem à saúde
>>> Curso de Criação Literária
>>> O Sol é Para Todos
>>> Entrevista com Miguel Sanches Neto
>>> De volta às férias I
>>> Píramo e Tisbe
>>> A Última Ceia de Leonardo da Vinci
>>> O Desprezo de Alberto Moravia e Jean-Luc Godard
Mais Recentes
>>> Almas de lama e de aço de Gustavo Barroso pela Abc (2012)
>>> Civilização E Barbárie N'Os Sertões: Entre Domingo Faustino Sarmiento E Euclides Da Cunha de Miriam V Gárate pela Fapesp (2001)
>>> Herois E Bandidos - Os Cangaceiros Do Nordeste de Gustavo Barroso pela Abc (2012)
>>> O Cabeleira de Franklin Távora pela Abc (2021)
>>> Recados da Vida de Francisco Cândido Xavier - Autores Diversos pela Geem (1983)
>>> O Silêncio das Montanhas de Khaled Hosseini pela Globo Livros (2013)
>>> Novas Mensagens de Francisco Cândido Xavier pela Feb (1987)
>>> Bellini e o Demônio de Tony Bellotto pela Companhia das Letras (1997)
>>> O Problema do Ser, do Destino e da Dor de Léon Denis pela Feb (1999)
>>> Energia Elétrica e Integração na América do Sul de Ligia Maria Martins Cabral pela Centro da Memória da Eletric (2004)
>>> Sylvio Pinto. 55 anos de pintura de José Maria Carneiro pela Rbm (1993)
>>> Jornal Nacional - Modo de Fazer de William Bonner pela Globo (2008)
>>> Design sem Fronteiras: a Relação Entre o Nomadismo e a Sustentabilidade de Lara Leite Barbosa pela Edusp (2012)
>>> Dicionário de sociologia: Guia prático da linguagem sociológica de Allan Johnson pela Jorge Zahar (1997)
>>> Quando fui outro de Fernando Pessoa pela Alfaguara (2006)
>>> Neve de Orhan Pamuk pela Companhia das Letras (2006)
>>> Português Alemão Português Vocabulário Básico de Curso de Idiomas Globo pela Globo (1991)
>>> Os espiões de Luis Fernando Verissimo pela Alfaguara (2009)
>>> Minidicionário Alemão Português Portugues Alemão de Erich Ronald Zwickau pela Edelbra
>>> Dicionário Inglês Português - Português Inglês de Liege Maria de Souza Marucci pela Bicho Esperto (2012)
>>> Morrer de Prazer de Ruy Castro pela Foz (2013)
>>> Ponto de Impacto de Dan Brown pela Sextante (2005)
>>> Par Ou Ímpar - Vivendo a Matemática de José Jakubovic pela Scipione (1992)
>>> The Brothers Karamazov de Fyodor Dostoyevsky pela University of Chicago (1989)
>>> Capítulos de História Colonial 1500-1800 de J. Capistrano de Abreu pela Publifolha (2000)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Imprensa

Quarta-feira, 5/1/2011
The Daily, de Rupert Murdoch, no iPad
Julio Daio Borges

+ de 4000 Acessos
+ 1 Comentário(s)




Digestivo nº 475 >>> Com o advento da internet, a imprensa mundial passou de crítica de Rupert Murdoch a entusiasta do bilionário da Austrália. Se antes da Web, ele era pior que Kane, depois dela, ele passou a ser elogiado por (ainda) comprar jornais impressos e, ao enfrentar o Google, terminou apontado como redentor da velha mídia. A jornalistas de papel, desesperados por um salvador, simplesmente não ocorre que Murdoch tem duração finita, seu império não tem sucessor claro e, nas suas atitudes contra a nova mídia, ele pode estar sendo apenas senil. É verdade, Murdoch comprou o MySpace, numa tentativa de se estabelecer na internet, mas, desde então, a empresa perdeu sua liderança para o Facebook, afastou seus fundadores e deixou de ter interesse (até para o próprio Rupert). Como todo bom jornalista de papel, cego para as inovações e arraigado em seus velhos princípios, Murdoch não é capaz de conceber um mundo sem jornais e, aproveitando o modismo do iPad, quer fazer mais uma tentativa. Seu "jornal", se é que podemos intitulá-lo assim, já tem nome: The Daily, ou "O Diário" (merecendo, no nascedouro, um prêmio de originalidade). A ideia de Murdoch é "fechar" The Daily toda a noite e dispará-lo, na madrugada, para seus assinantes via iPad. O leitor amanheceria e, em vez de pegar o impresso (se é que ainda tem esse hábito), devoraria The Daily, no iPad, durante o café da manhã. Mudorch, como tantos outros jornalistas, ainda não percebeu que, no mundo digital, "fechar uma edição" não faz mais sentido. O mundo continua girando, o Twitter continua sendo atualizado (e até as homepages do portais), só The Daily chegaria com notícias envelhecidas. Outra coisa: como uma app (aplicação) fechada dentro do iPad, The Daily poderia talvez "lincar" para fora, mas nunca seria "lincado" na Web, pois não teria URLs, perdendo um dos maiores canais de divulgação agora, o boca a boca on-line. Para completar, alguém precisaria avisar a Murdoch, e aos jornalistas de papel, que o modelo, generalizante, de trabalhar com muitos "cadernos", perdeu seu apelo. Como tem de ser genérico, o jornal não se aprofunda em nada; mas a internet, como trabalha com nichos hiperespecializados, dá um banho na cobertura impressa, em várias "editorias", todos os dias. Ryan Tate, no Valleywag, enumerou essas e outras questões, que apontam para o fracasso de The Daily, desde novembro. Tate acrescenta que esse sonho de ser resgatado pelo iPad — como uma aplicação paga —, que todos os veículos impressos nutriram, nos EUA não se concretizou. A Wired, uma publicação supostamente antenada, partiu de 100 mil aplicações vendidas, na primeira semana, para menos de 30 mil, na última contagem (estamos falando de uma revista que costumava vender, impressa, 750 mil exemplares). Como se não bastasse, a conta não fecha: Murdoch quer, com sua antiga cabeça de "redação", contratar 100 jornalistas; mesmo que venda quase 20 vezes mais que a Wired no iPad, alcançaria pouco mais da metade dos milhões que sua redação consumiria (pelas contas de Ryan Tate). Para terminar, mesmo com o apoio de Steve Jobs (ele apoia qualquer coisa que venda mais iPads), a News Corp, como tantas empresas jornalísticas, não tem nenhum cérebro especializado em tecnologia. Talvez porque — como observaram Jay Rosen e Dave Winer, no melhor podcast sobre mídia atualmente — nenhum programador vai trocar ações do Google ou do Facebook por participações em mortos vivos como a Newsweek e o The Independent. Mas os jornalistas de papel, naturalmente, preferem morrer abraçados a Murdoch e a seu Titanic do que reconhecer a hegemonia da Web.
>>> Why the iPad Newspaper is Doomed
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Colin Powell sobre liderança (Além do Mais)
02. Cadernos de Literatura Brasileira: Mario Quintana (Literatura)
03. Casa do Saber no Primeiro Semestre de 2009 (Além do Mais)
04. Dot.com, de Luís Galvão Teles (Cinema)
05. O túmulo do fanatismo (Imprensa)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
2/2/2011
15h35min
A vida é um conjunto de contradições que somente a dialética pode interpretar, virando-se do avesso. E essa questão dos novos trabalhos, os novos focos, é interessante, o caráter é mesmo informar. O que morre é a resistência do não transformar, embora a morte de uma forma de trabalho gere o nascimento de outra, mais criativa. Portanto, até a morte, neste caso, é dialética.
[Leia outros Comentários de Manoel Messias Perei]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Aprendiz do Futuro Cidadania Hoje e Amanha
Gilberto Dimenstein
Ática
(1997)



Sonata ao Luar
Álvaro Cardoso Gomes
Quinteto
(1995)



Liberte-se das Velhas Ideias
Patrick Lencioni
Elsevier
(2010)



O Vento e a tempestade - Volume I
Francisco Dirceu Barros
Consullex
(2021)
+ frete grátis



A Questão Nacional em Porto Rico: o Partido Nacionalista 1922-1954
Kátia Gerab Baggio
Anna Blume
(1998)



Não Existe Vitória sem Sacrifício
Diego Hypolito
Benvirá
(2019)



Português e Literatura
Aires da Mata Machado Filho
Santa Maria S/a
(1955)



Francisco de Asís (em Espanhol) - 3 Ex.
João Nunes Maia / pelo Espírito Miramez
Fonte Viva
(1998)



Tenho Diabetes Tipo 1, E Agora
Mark Barone
All Print
(2010)



Conexões: de George Washington a Compadre Washington
George Washington a Compadre / Superinteressante
Abril
(2016)





busca | avançada
72073 visitas/dia
1,8 milhão/mês