Abraços Partidos, de Pedro Almodóvar | Digestivo Cultural

busca | avançada
51839 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Livro beneficente ensina concurseiros a superar desafios e conquistar sonhos
>>> Cia Triptal celebra a obra de Jorge Andrade no centenário do autor
>>> Sesc Santana apresenta SCinestesia com a Companhia de Danças de Diadema
>>> “É Hora de Arte” realiza oficinas gratuitas de circo, grafite, teatro e dança
>>> MOSTRA DO MAB FAAP GANHA NOVAS OBRAS A PARTIR DE JUNHO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
>>> A compra do Twitter por Elon Musk
>>> Epitáfio do que não partiu
>>> Efeitos periféricos da tempestade de areia do Sara
>>> Mamãe falhei
>>> Sobre a literatura de Evando Nascimento
>>> Velha amiga, ainda tão menina em minha cabeça...
Colunistas
Últimos Posts
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
>>> Trader, investidor ou buy and hold?
>>> Slayer no Monsters of Rock (1998)
>>> Por que investir no Twitter (TWTR34)
Últimos Posts
>>> Parei de fumar
>>> Asas de Ícaro
>>> Auto estima
>>> Jazz: 10 músicas para começar
>>> THE END
>>> Somos todos venturosos
>>> Por que eu?
>>> Dizer, não é ser
>>> A Caixa de Brinquedos
>>> Nosferatu 100 anos e o infamiliar em nós*
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Queen na pandemia
>>> A história do Olist
>>> Kubrick, o iluminado
>>> Mr. Sandman
>>> Unchained by Sophie Burrell
>>> Reflexões na fila
>>> Papo com Alessandro Martins
>>> Epitáfio do que não partiu
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> O Conselheiro também come (e bebe)
Mais Recentes
>>> A Ciência Médica de House de Andrew Holtz pela Best Seller (2008)
>>> Três Mistérios de Lelis; Telma Guimarães Castro Andrade pela Atual Didáticos (2009)
>>> Cure Seu Corpo as Causas Mentais dos Males Físicos... de Louise L. Hay pela Best Seller (1988)
>>> Vinho Tinto para Leigos de Ed Maccarthy pela Mandarim (1998)
>>> Os Direitos Humanos na Sala de Aula - a Ética Como Tema Transversal de Ulisses F. Araújo e Júlio Groppa Aquino pela Moderna (2001)
>>> Radiologia Odontologica de Aguinaldo de Freitas e Outros pela Arte Medicas (1984)
>>> Infinity da Scorlatti de John Mcnally pela Irado (2014)
>>> Quero Viver de Fernando Carraro; Lima pela Ftd (2007)
>>> Vale a Pena Esperar de Tim Stafford pela Vida (1992)
>>> Além dos Marimbus de Herberto Sales pela Aché
>>> Conecte Matematica - 1 - Primeira Parte de Osvaldo Dolce; David Degenszajn; Nilze de Almeida pela Atual Didáticos (2014)
>>> Jack Sparrow - a Espada de Cortés Vol 4 de Rob Kidd pela Melhoramentos (2007)
>>> Mwninas e Meninos de Domingos Pellegrini pela Ática (2011)
>>> Out of This Century: Confessions of An Art Addict de Peggy Guggenheim pela Anchor Books (1980)
>>> Padre Germano- Memórias de Amalia Domingo Soler; Germano; Eudaldo Pages pela Instituto Lachatre (2011)
>>> Reflexoes politica-poeticas de Jose Olinto pela marx (2000)
>>> As Mil e uma Noites - as Paixões Viajantes de Rene Khawam pela Brasiliense (1991)
>>> Infância de Graciliano Ramos pela Folha de São Paulo (2008)
>>> Shanghai Girls de Lisa See pela Random House (2010)
>>> Larousse Ortografia de Reglas y 4ejercicios pela Larousse (1996)
>>> O Colecionador de Crespúsculos de Anna Maria cascudo Barreto pela Do Autor (2003)
>>> Law of Attraction de Allison Leotta pela Touchstone Books (2010)
>>> Truques, Trotes, Brincadeiras de Robert Nyberg; Lasse Rade pela Callis (1996)
>>> Sociedade dos Pais Mortos de Matt Haig pela Record (2011)
>>> Biologia para um Planeta Sustentável (em Portuguese do Brasil) de Armênio Uzunian pela Harbra (2016)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Cinema

Quarta-feira, 22/6/2011
Abraços Partidos, de Pedro Almodóvar
Julio Daio Borges

+ de 7100 Acessos
+ 1 Comentário(s)




Digestivo nº 480 >>> Se Quentin Tarantino dá um passo maior que a perna como realizador, Pedro Almodóvar continua em sua trilha de obras-primas. Abraços Partidos, como A Má Educação, é um "filme dentro do filme". E Abraços Partidos, como Volver, é um acerto de contas com o passado, até então relegado ao esquecimento. Se Pedro Almodóvar inicialmente colecionava mulheres feias, como Rossy de Palma, depois apostava em mulheres loucas, como Victoria Abril, agora reconfirma sua musa ― também musa de Woody Allen ―, Penélope Cruz. Ao contrário da voluptuosidade da atriz em Volver, Almodóvar realça sua fragilidade, sua submissão, sua rebeldia e sua fatalidade. Personagem num acidente, que igualmente cega seu amante, Almodóvar talvez quisesse evocar, mais uma vez (sem querer), o nosso Nélson Rodrigues ― para quem "é impossível amar e ser feliz ao mesmo tempo"... Garota de programa que deseja pagar o tratamento de seu pai convalescente num hospital, Lena se submete aos caprichos de Martel, um cliente milionário ― que, além de custear tudo, acaba casando-se com ela. Dona de casa enfastiada anos depois, procura se realizar como atriz e conhece o diretor de cinema Mateo Blanco, por quem se apaixona. Martel, o marido, financia o longa de ambos, mas, desconfiado da traição, encomenda um making-of a seu filho, enquanto contrata uma "leitora labial" para reconstituir todos os diálogos da produção... Confrontada pelo traído, Lena foge com Mateo, para um idílio em Lanzarote, que termina em tragédia, num acidente automobilístico... O espectador médio de Pedro Almodóvar se espantou com o final dramático, que não tem válvula de escape. Não percebeu, talvez, que o realizador espanhol vem se fazendo cada vez mais grave, cada vez menos engraçado, e cada vez mais mestre de sua arte. Desde Carne Trêmula, na verdade, que Almodóvar vem, progressivamente, apostando na tragédia sem, necessariamente, redenção. Quem foi ao cinema para rir de um travesti desbocado, de uma velha senil ou de tiradas engraçadas proferidas em tom sóbrio, se decepcionou. Abraços Partidos só consegue ser divertido nos "extras" que, justamente, foram deixados "de fora" (para não contaminar a atmosfera do longa). A caracterização de Penelope Cruz como Audrey Hepburn, no "filme dentro do filme", a evocação do clima noir (ou neo-noir), ainda que as cores sejam "de Almodóvar", e a reconstituição de Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos (novamente "o filme dentro do filme") são um prazer à parte. Como Tarantino, Almodóvar tem uma vastíssima cultura cinematográfica, mas, melhor que o diretor de Jackie Brown, sabe dialogar com a tradição da sétima arte, ora rendendo-lhe homenagens, ora plasmando estéticas, ora humilhando o que restou do cinema "adulto" contemporâneo. Almodóvar sabe que cabe a ele, e só a ele, levar a história do cinema europeu adiante. E cabe a nós, cinéfilos, apoiar sua empreitada.
>>> Los Abrazos Rotos
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Reflexões sobre um século esquecido (1901-2000), por Tony Judt (Imprensa)
02. Coco antes de Chanel, com Audrey Tautou (Cinema)
03. Edmund Wilson e os chatos da literatura (Literatura)
04. Jason Calacanis matando o Yahoo (Internet)
05. A Grande História da Evolução, de Richard Dawkins (Além do Mais)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
19/8/2011
08h02min
Pura verdade. "Abraços partidos" foi mal compreendido, porque sempre se espera exotismo e humor escrachado, além de toques pornográficos, em Almodóvar, enquanto ele foge cada vez mais de qualquer vulgaridade rumo ao refinamento e à poesia.
[Leia outros Comentários de francisco lopes]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Para Gostar de Ler, Contos Brasileiros 2
Clarice Lispector; Outros
Atica
(2006)



O Segredo do Genesis
Tom Knox; Angela Pessoa
Suma de Letras Brasi
(2010)



O Gatinho Fofo Gueiro
Elaine de Prá
Paulinas
(2017)



Help! Sistema de Consulta Interativa - Língua Portuguesa
Estadão
Klick



Cândido Ou o Otimismo - Série Reencontro
Voltaire / José Arrabal
Scipione
(1991)



Nietzsche para Estressados
Allan Percy
Sextante
(2011)



O Livro de Jó - Saga O Turno da Noite Vol.3
Andre Vianco
Novo Seculo
(2007)



Tudo por um Feriado
Thalita Rebouças
Rocco
(2007)



Elis 1977
Folha de São Paulo
Folha de São Paulo



O Valor Terapêutico do Perdão
Francisco Cajazeiras
Eme
(2010)





busca | avançada
51839 visitas/dia
1,8 milhão/mês