Wikipedia: prós e contras | Digestivo Cultural

busca | avançada
45848 visitas/dia
1,4 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
BLOG >>> Posts

Sexta-feira, 27/4/2007
Wikipedia: prós e contras

+ de 5800 Acessos
+ 4 Comentário(s)

Minha primeira vontade ao me deparar com o tema da Wikipedia - a enciclopédia livre, ou Wiki para os íntimos, foi criticá-la. Questionar a validade de seus artigos/verbetes, a qualificação de seus editores (todos podem inserir textos na enciclopédia), e a capacidade técnica e os meios de captação de seus revisores.

Depois me veio à idéia de que a Wiki poderia ser uma boa primeira fonte de pesquisa. Nela qualquer estudante ou curioso poderia ter a oportunidade de saber as primeiras linhas da matéria desconhecida.

Se a informação era 100% confiável não importa. Em questão de segundos, você pode saber a definição de qualquer coisa, a história dos países, ou mais de três milhões de outras informações.

Ora, um mundo dinâmico como o nosso não pode querer outra coisa.

O problema começa a aparecer quando nos questionamos se as pessoas que acessam a maior enciclopédia do mundo têm senso crítico e cultura para avaliar e utilizar as informações absorvidas.

No Brasil, por exemplo, a questão é complicada. O IBGE informa que em 2002 o país tinha 32,1 milhões de analfabetos funcionais, ou seja, 26% da população de 15 anos ou mais de idade. Mas o que isso significa?

Segundo a UNESCO, analfabetos funcionais são as pessoas com menos de quatro anos de estudo. Para a organização, mesmo que essas pessoas saibam ler e escrever frases simples, elas não possuem as habilidades necessárias para satisfazer as demandas do seu dia-a-dia e se desenvolver pessoal e profissionalmente.

Imaginem estas pessoas lendo uma informação errada. Como checariam a informação? Pior, na certa a transmitiriam como uma verdade indiscutível e absoluta, com o argumento que haviam lido em uma enciclopédia!

Estaríamos gerando uma pseudocultura, um falso conhecimento, modificando, assim, conceitos muitas vezes importantes para o desenvolvimento do ser humano e da sociedade.

Caro leitor, desculpe a interrupção na leitura do texto, mas quero fazer duas ressalvas, a primeira para o senhor não me taxar de ingênuo e a segunda para ver minha preocupação com a cultura no Brasil.

Coloco os dados do IBGE sobre analfabetismo funcional não porque considero que os leitores da Internet são, em geral, estes. Pelo contrário, até imagino que o analfabeto funcional pouco ou nunca acesse a rede mundial, mas se 26% da população pouco entende o que lê, imagino que, infelizmente, boa parte do restante da população não seja muito diferente.

A segunda justificativa é que o dado trazido pelo IBGE é muito triste. Analfabetos funcionais decaem o nível da mão-de-obra do Brasil, não vão ao cinema e ao teatro e, pior, mal conseguem pegar o ônibus certo para irem para casa.

Por outro lado, continuando o texto, poderíamos colocar uma dose de otimismo nisso tudo. Quem sabe estaríamos gerando uma sociedade crítica, capaz de analisar um texto e interpretá-lo. O que fosse ruim seria automaticamente descartado pelo nosso imenso e perspicaz cérebro.

Outro problema se instala: quantos sabem que as informações colocadas na Wiki não são 100% confiáveis? Em conversas informais com amigos, alguns universitários, outros até já formados, muitos não sabiam desta característica da enciclopédia, confiando irrestritamente nas informações provindas do site.

Talvez a solução para este problema fosse a obrigatoriedade de na tela deste monstruoso acervo humanista haver em letras garrafais "Cuidado, nem toda informação aqui é confiável - antes de utilizá-la, pense bem".

Bem que esta máxima deveria estar colada em outros lugares também, você não acha?


Postado por Daniel Bushatsky
Em 27/4/2007 às 11h14


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Pulga na praça de Ana Elisa Ribeiro
02. Ebook gratuito de Luís Fernando Amâncio
03. Petite Messe Solennelle de Julio Daio Borges
04. Grieg, Chopin e Saint-Saëns de Julio Daio Borges
05. Banalidade do Mal hoje de Julio Daio Borges


Mais Daniel Bushatsky no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
27/4/2007
22h40min
Não acredito que pessoas informadas validem inquestionavelmente quaisquer informações, a própria busca já traz em si um desejo elucidativo. Absorver determinados conceitos ou conhecimentos, geralmente ocorre do cruzamento de fontes e complementação ou ratificação de mais de um formulador. A aceitação passiva de uma única fonte é uma quase negligência que está aquém do desejo de esclarecer. Quanto aos analfabetos funcionais, o IBGE serve-se de dados e números, esta é a sua razão, enquanto o senso comum se abriga unicamente no preconceito. Temos analfabetos funcionais, em um número muito maior, com diplomas de terceiro grau, dirigindo importantes negócios ou até acreditando que fazem parte de uma elite cultural. Crianças acreditam em fábulas que é também matéria cognitiva; carentes trocam mentiras por atenção; excluídos trocam qualquer coisa por mais um minuto de vida; cada qual acredita no que quiser à medida que seja possível situar seu desejo na realidade. O mundo não é mau e nem somos ingênuos...
[Leia outros Comentários de Carlos E. F. Oliveir]
1/5/2007
18h12min
Mr. Bushatsky, adorei o seu texto. Estamos vivendo numa epoca onde a historia esta' sendo criada, escrita e apresentada ao mundo com a mesma velocidade. Existe enciclopedias boas alem da Wikipedia e, por falar nisso, as informacoes la' escritas necessitam de nossa verificacao pessoal, sim, e' por isso que a gente deve surfar na Net em busca de mais informacoes sempre, mas cabe lembrar que e' muito gratificante a gente poder pesquizar sobre um tema e ler varias coisas a respeito; coisas que se contradizem, entao, nem se fala. Nao quero perder a liberdade de me expressar, mesmo tendo um ponto de vista totalmente diferente. Sei que havera' alguem que debatera' minha opiniao. Se encontrares alguma coisa errada na wikepedia, ha' maneiras de alerta'-los sobre o erro em datas ou coisas provaveis. O resto sera' sempre uma opiniao de alguem. Devemos tomar cuidado com as receitas, pois fiz um bolo sem farinha, pois a autora esqueceu e eu nem me liguei. Um abraco!
[Leia outros Comentários de Milton Laene Araujo]
2/5/2007
09h31min
Daniel, parabéns pelo texto! Precisamos de informações úteis como as elucidadas por seus textos. Defendendo seus argumentos, discordo do comentário do leitor Carlos E. F. Oliveira, pois, infelizmente, a maioria dos leitores não possui discernimento, nem tampouco tempo, para checar todas as informações lançadas ao seu conhecimento. Na era em que vivemos, é necessária a maior celeridade possível na obtenção de informações, o que leva até “pessoas informadas” (ressalte-se ainda que nenhuma pessoa pode ter conhecimento de tudo) a não só acreditarem, como divulgarem, informações obtidas em sites ou quaisquer outros tipos de fontes de pesquisa. Vale aqui citar o velho ditado: “A pressa é inimiga da perfeição”.
[Leia outros Comentários de Vanessa Braz]
16/5/2007
12h45min
Excelente ponto de vista!!! Também não sabia que os textos postados ali não passavam por uma revisão ou validação da informação. Ficarei mais atento nas próximas vezes. Em tempo, quando apelamos para esta ferramenta estamos atrás de agilidade e praticidade. Aí deve-se levar em conta a questão da relevância e prazo para obter uma resposta. Sendo assim, a utilização do resultado da consulta deve ser por conta e risco.
[Leia outros Comentários de Santiago Troyano]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




FAGULHAS
PAULO LUDMER
REALEJO LIVROS
R$ 30,00



GEOMETRIA DESCRITIVA
ARDEVAN MACHADO
CIA. NACIONAL
(1969)
R$ 9,50



ESPAÑA BAJO LOS AUSTRIAS
PROF. EDUARDO IBARRA
LABOR
(1927)
R$ 95,00



A PEQUENA GRANDE FAMÍLIA
MARIA NAZARETH R. FERREIRA (ZARINHA)
KROART
(2003)
R$ 50,00



FORDLÂNDIA
EDUARDO SGUIGLIA
ILUMINURAS
(1997)
R$ 16,90



ENQUANTO O PAPA SILENCIAVA
ALEXANDER RAMATI
CLUBE DO LIVRO
(1985)
R$ 5,90



LEGISLAÇÃO AMBIENTAL
JOSÉ GERALDO BRITO FILOMENO. ORGANIZAÇÃO
IMPRENSA OFICIAL DO ESTADO SP
(2000)
R$ 30,00



PESQUISA JURIDICA NA COMPLEXIDADE: E TRANSDICIPLINARIEDADE
MARIA FRANCISCA CARNEIRO (4ª EDIÇÃO)
JURUA
(2014)
R$ 25,28



LA MÍNIMA EM CENA
NÃO INFORMADO
SESI SP
(2012)
R$ 50,00



O DOM SUPREMO - COLEÇÃO PAULO COELHO
HENRY DRUMOND ADAP. PAULO COELHO
GOLD
(2008)
R$ 10,00





busca | avançada
45848 visitas/dia
1,4 milhão/mês