Como é o seu dia normal? | Digestivo Cultural

busca | avançada
70300 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> João Trevisan: Corpo e Alma || Museu de Arte Sacra
>>> Samir Yazbek e Marici Salomão estão à frente do ciclo on-line “Pensando a dramaturgia hoje”
>>> Chá das Cinco com Literatura recebe Luís Fernando Amâncio
>>> Shopping Granja Vianna de portas abertas
>>> Teatro do Incêndio lança Ave, Bixiga! com chamamento público para grupos artistas e crianças
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
>>> Da fatalidade do desejo
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Isto é para quando você vier
>>> 2021, o ano da inveja
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
Blogueiros
Mais Recentes
>>> I do not want this
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> La Guerra del Fin del Mundo
>>> Parangolé: anti-obra de Hélio Oiticica
>>> Alfredo Bosi e a dignidade da crítica
>>> Pi, o [fi]lme, e o infinito no alfa
>>> Sábia, rubra, gorda (e gentil)
>>> Sol sem luz
>>> Letícia Sabatella #EuMaior
Mais Recentes
>>> A Filha da Tempestade de H. Rider Haggard pela Nacional (1984)
>>> Por uma Semente de Paz de Ganymédes José pela Do Brasil (1990)
>>> A Loja De Tudo Jeff Bezos e A Era Da Amazon de Brad Stone pela Intrinseca (2014)
>>> Ressurreição e Vida de Yvonne A. Pereira pela Feb (2021)
>>> A Desintegração da Morte de Origenes Lessa pela Moderna (1983)
>>> Eles Morrem , Você Mata! de Stella Carr pela Moderna (1987)
>>> Algodao Doce de Carla Denise pela Cubzac (2015)
>>> Casais Trocados de John Updike pela Circulo do Livro (1973)
>>> A Herdeira de Henry James pela Abril Cultural (1984)
>>> As cinco pessoas que você encontra no céu de Mitch Albom pela Sextante (2004)
>>> Novelas Exemplares de Miguel de Cervantes pela Abril Cultural (1971)
>>> Literatura Brasileira das Origens aos Nossos Dias. de José de Nicola pela Scipione
>>> O Menino e o Presidente de Wilson Rio Apa pela Brasiliense (1983)
>>> Matemática Contexto & Aplicações Vol. 3 de Luiz Roberto Dante pela Ática (2011)
>>> Queda Livre de Renato Tapajós pela Atica (1998)
>>> Detetives por Acaso de Carlos de Marigny pela Brasiliense (1983)
>>> Senhor Vento e Dona Chuva de Sylvia Orthof pela Melhoramentos (1986)
>>> A Montanha dos Lagartos de Ouro de Renato Chagas pela Ftd (1993)
>>> O Caso Colombo de Maqui pela Scipione (1995)
>>> O Falsário Ou a Vida Extraordinária de Fernand Legro de Roger Peyrefitte pela Record (1976)
>>> A Menina que Roubava Livros - Volume 1 de Markus Zusak pela Intrinseca (2013)
>>> Cabelos ao Vento de Salwa Salem pela Best Seller (1993)
>>> O Segredo Azul de Pedro Bloch pela Ediouro
>>> O Quarto Protocolo de Frederick Forsyth pela Record (1984)
>>> Os Desafios do Rebeldes de Assis Brasil pela Saraiva (1996)
BLOG >>> Posts

Sexta-feira, 29/6/2007
Como é o seu dia normal?

+ de 4000 Acessos
+ 2 Comentário(s)

Começando pelo fim, a Carol me "acusa", às vezes, de misturar trabalho com lazer e, de certa forma, de gostar excessivamente do meu trabalhado. Isso é, realmente, um problema para as pessoas que estão próximas a mim, porque, mentalmente, eu nunca paro de trabalhar. Em certas fases, como agora, fico literalmente "tomado" pelo meu trabalho. Aprecio uma frase do Carpinejar, numa Entrevista que ele concedeu a mim: "Como gosto [muito do que faço], posso me esgotar fisicamente sem perceber."

Minha rotina muda sempre. E eu lembro também de uma declaração dos dois do Google, "imagine sua vida mudando a cada duas semanas". A minha não muda tanto, claro, mas estou sempre tendo de reeestruturar o trabalho, porque preciso render mais, colocar mais gente no processo, desenvolver melhor o negocio. O Leonardo (da Vinci) dizia que a grande competição não é contra os outros, é contra você mesmo.

Respondendo: chego aqui umas nove, depois de tomar café com a Carol e passear com o Dinko (nosso cachorro). Mais ou menos pela ordem (porque, às vezes, é tudo ao mesmo tempo): abro o Digestivo, checo os comentários, abro o Gmail do Digestivo, checo a visitação, checo as Parcerias, repasso os releases das assessorias, respondo a duvidas enviadas ao e-mail central do site. Abro meu e-mail, checo as menções ao Digestivo no Technorati, checo o grupo do Digestivo no Orkut (sempre tem gente entrando), checo as contas de banco (minhas e da empresa), pago outras contas. Fico nessas até uma dez e meia, quando não tem muita coisa, e até o meio-dia, quando tem. Estruturo minhas ações depois desse "follow-up". Parece que preciso, diariamente, "me situar" antes de começar.

Quando posso, escrevo à tarde. Ou passo coisas à limpo. Às vezes demoro mais para levar ao ar, com imagens, links, formatação... do que para escrever (também demoro para revisar/ler os textos dos Colaboradores do Digestivo). Tento fechar a Newsletter três vezes por semana, alternando os Banners e as Vitrines dos Parceiros. Fecho Parcerias ao longo do dia. Levo pecas ao ar em todos os horários, também. Visito Parceiros. Marco almoços, ou reuniões aqui, com potenciais Parceiros/Anunciantes. Não tenho tido tempo para projetos extra-Digestivo, como você bem sabe. Faço matérias "pra fora". Quando dá, vou à academia (ultimamente não tenho conseguido). E, num dia bom, chego às 20 em casa, para jantar com a Carol, ver o Dinko, às vezes ler à noite. Às vezes ir a um evento do Digestivo... Durmo entre meia-noite e uma hora da manha.

Eu Mesmo, em entrevista ao Edu Carvalho (sempre ele), porque tem outros trechos, para quem quiser ler...


Postado por Julio Daio Borges
Em 29/6/2007 à 00h00


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Quem é esse cabra? de Julio Daio Borges
02. As influências imorais de Andréa Trompczynski


Mais Julio Daio Borges no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
23/6/2007
11h55min
Amigo Julio, sua rotina de trabalho fica leve quando você gosta do que faz. Realmente é um grande prazer estarmos ocupados com tarefas criativas e nosso tempo parece distante dos ponteiros normais dos relógios...tempo estático... tempo fantástico... tempo de viver e fazer tudo que nos dá alegria!!!
[Leia outros Comentários de Clovis Ribeiro]
23/6/2007
21h55min
Julio: Li e me lembrei de uma entrevista dada pelo autor de Ócio Criativo, na TVE. Ele diz que quando se gosta muito de fazer um trabalho, há uma mistura entre o trabalho e o lazer...
[Leia outros Comentários de Anna]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Princípio
Nanda Pertile
Chiado
(2019)



Guia Addresses da 3ª Idadde
Denise Pinheiro e Luiza Pinheiro
Addresses
(2009)



A Forma Custa Caro
Rodolfo Mesquita
Cepe
(2017)



Introdução a Ciencia do Direito
Roberto Thomas Arruda (capa Dura)
Juriscredi (sp)
(1972)



La Batalla Contra las Bacterias
Peter Baldry
Reverté (barcelona)
(1981)



Um Dia no Passado
Pedro Santiago
Eme
(2006)



Otelo - Coleção L&pm Pocket
William Shakespeare
L&pm
(2002)



Normas de Auditoria Governamental
Vários
Irb
(2011)



Os Subterrâneos da Liberdade II - Agonia da Noite
Jorge Amado
Martins
(1974)



Literatura Comentada Oswald de Andrade
Jorge Schwartz
Nova Cultural
(1988)





busca | avançada
70300 visitas/dia
2,6 milhões/mês