O que é crítica, afinal? | Digestivo Cultural

busca | avançada
82631 visitas/dia
2,6 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Curitiba On-line: atividades culturais disponíveis para fazer em casa
>>> Luis Stuhlberger, um dos maiores gestores de fundos do país, participa do próximo Dilemas Éticos
>>> Cia. Palhadiaço faz temporada online de Depósito acompanhada por oficinas grátis
>>> GRUPO MORPHEUS TEATRO leva obra audiovisual “BERENICES” para teatros públicos do munícipio de São Pa
>>> II Bibliofest debate Agenda 2030 da ONU/IFLA em bate-papos literários e oficinas culturais
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
>>> Forças idênticas para sentidos opostos
>>> Entristecer
>>> Na pele: relação Brasil e Portugal é tema de obra
>>> Single de Natasha Sahar retrata vida de jovem gay
>>> A melancolia dos dias (uma vida sem cinema)
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Caindo de paraquedas na escrita
>>> Inteligência artificial
>>> Rimbaud, biografia do poeta maldito
>>> 7 de Setembro
>>> Deixa se manifestar
>>> Auctoritas
>>> A arte do cinema imita o caos. Ou vice-versa
>>> Toca Raul!
>>> Seu Mauro
>>> Mamãe
Mais Recentes
>>> 9788522443987 de Michael Porter ( pela Campus (1999)
>>> Renunciando por Amor de Izoldino Rezende pela Cristo Consolador (2012)
>>> Linguagem de Sinais de Vários Autores pela Soc. Torre de Vigilia (1992)
>>> O Golpe de 64 e a Ditadura Militar (colecao Polemica) 5ª de Júlio José Chiavenato pela Moderna (1994)
>>> Guia Ilustrado de Peixes da Bacia do Rio Grande de Org Monica Maria Vaz pela Cetec (2000)
>>> Almas Que Voltam de Fernando do ó pela Feb (1988)
>>> Inculta e Bela V. 2 de Pasquale Cipro Neto pela Publifolha (2001)
>>> Licitações e Contratos Lei Nº 8666/93 de Varios pela Forum
>>> Livro House Of Night -Coleção Completa V.2 (7 ao 12) Ver Desc. Literatura de P.C. Cast e Kristin Cast pela Novo Seculo (2010)
>>> Luz na Penumbra de Aureliano Alves Neto e Outros pela Do Lar (1986)
>>> Quando Setembro Chegar de Fatima Arnolde pela Lumen (2013)
>>> Educação Pre-escolar de Gilda Rizzo pela Francisco Alves (1988)
>>> Dinamica de Grupo: Jogo da Vida e Didatica do Futuro de Balduino a Andreola pela Vozes (1985)
>>> Pronto Socorro de Plantas-bolso de Yone Fukusima pela Nobel (1989)
>>> O Avesso de Saulo Marden pela Do Autor (2005)
>>> Revista 58-ano I Numero 01-da União Brasileira de Escritores de Vários pela Cepe (1991)
>>> Lei de Licitações e Contratos Administrativos de Renato Geraldo Mendes pela Zenite (2006)
>>> Por Que Não o Melhor? de Jimmy Carter pela José Olympio (1976)
>>> O Branco da Maçã e Outros Lapsos de Luiz Ayrton Santos Junior pela Avant Garde (2015)
>>> Mulheres Em Terapia de Harriet Lerner pela Artes Médicas (1990)
>>> Be-a-bá da Cozinha- o Livro Que Ensina a Cozinhar de Vovó Sinhá pela Nagycolor
>>> Pregão Presencial e Eletronico de Joel de Menezes Niebuhr pela Zenite (2005)
>>> Recordações do Escrivão Isaias Caminha de Lima Barreto pela Folha (1997)
>>> Pensamentos e Emoçoes-bolso de Ana Maria Braga pela Nova Cultural (1998)
>>> Reliquias da Casa Velha de Machado de Assis pela Globo
BLOG >>> Posts

Quinta-feira, 23/8/2007
O que é crítica, afinal?

+ de 42900 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Quem não gosta de opinar e de criticar alguém ou alguma coisa? Quantas foram as críticas que já não lemos e discordamos, quantos artistas já não reclamaram dos críticos e quanta polêmica as críticas já não produziram? No entanto, esses textos, que causam tanta discórdia e despertam paixões, que mexem com os ânimos de artistas e que circulam por aí, em revistas, jornais, sites, entre outros veículos de comunicação, nem sempre podem ser considerados, a rigor, críticas. O jornalista Arthur Nestrovski acredita que cerca de 90% desses mesmos textos são simplesmente "de opinião", muito diferente do que a verdadeira crítica deveria ser. Articulista da Folha de S. Paulo desde 1992, autor de Notas musicais - Do Barroco ao Jazz (2000) e organizador de Música Popular Brasileira hoje (2002), Nestrovski discorreu sobre o assunto na última terça-feira no curso de MPB promovido pelo Espaço da Revista Cult.

"Essa classificação de estrelinhas e bonequinhos, que vemos por aí, não pode ser considerada crítica, é apenas o que eu chamo de 'bate-papo da esquina glorificado'. É mais uma avaliação de mercado do que, efetivamente, um texto crítico", bombardeia logo de início. O chamado "texto de opinião", a que o jornalista se refere, pertence a outro tipo de gênero, mais semelhante talvez a uma crônica, pois nele não há fundamentos que, por exemplo, provem que determinado CD é bom ou ruim. É apenas uma opinião, reflexo de um gosto pessoal, que não contextualiza a obra e nem compreende plenamente o trabalho do autor.

A etimologia de "crítica" vem da palavra grega krimein, que significa "quebrar" e também influenciou na formação da palavra "crise". "A idéia da crítica é 'quebrar' uma obra em pedaços para se pôr 'em crise' a idéia que antes se fazia daquele objeto, através de uma análise", explica Nestrovski. Para tanto, é necessário entender as partes do objeto que será analisado para justamente descrevê-lo. A partir daí, o crítico faz sua própria interpretação de acordo com o contexto em que se encaixa o artista e sua obra.

O articulista frisou, durante a aula, uma idéia básica: crítica não tem a ver necessariamente com gosto. "Tem de compreender e esclarecer o que o artista quis fazer. O critico não é, digamos, o professor do artista", explica, referindo-se a críticos que põem no texto um certo toque de prepotência e arrogância. Seria preciso pesquisar o artista antes, conhecer suas influências e entendê-las, analisando o resultado - a obra - dentro das possibilidades de seu autor. Para Nestrovski, mesmo tendo o crítico uma boa bagagem, ele nunca pode se basear, apenas, em seu conhecimento, ao analisar e, principalmente, julgar uma obra - afinal não foi com as mesmas referências que, por exemplo, o artista trabalhou.

Contudo, para adquirir, digamos, "repertório", são necessários anos de estrada ou, ao menos, um bom tempo de pesquisa antes de realizar a crítica. E aí entram as dificuldades que os jornalistas de cultura hoje enfrentam: os limites de tempo e de espaço no jornal. Segundo o jornalista, o texto que vem sendo produzido por jornais e revistas é cada vez mais objetivo e cada vez menos articulado. "Nas pesquisas sobre o fim do jornal impresso, o que os leitores mais falam é que esperavam textos mais reflexivos, interpretativos etc. - mas ninguém atualmente parece ter coragem de mudar", assinala.

Além das limitações do dia-a-dia de uma redação, Arthur Nestrovski alerta para outro grave problema, que é a própria pauta. "Hoje só reportam, criticam e opinam sobre um determinado grupo, que, em termos numéricos, vai de encontro ao mercado. Para falar de um show, tem que ter mais de 50 mil pessoas na platéia, mas existem outras coisas mais interessantes acontecendo por aí", avalia. A perspectiva que o articulista tem deste cenário não é muito animadora: "A diminuição do espaço dedicado à critica verdadeira implica num rebaixamento da própria arte. Quanto menor espaço para as críticas, menor o espaço proporcionalmente se concede às obras de arte."

Para ir além
Espaço da Revista Cult


Postado por Débora Costa e Silva
Em 23/8/2007 às 18h30


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Um post vazio de Rafael Rodrigues


Mais Débora Costa e Silva no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
9/4/2008
15h48min
achei muito interessante o que aprendi neste comentário: sobre a crítica e seus pricínpios, na abordagem dos assuntos.
[Leia outros Comentários de wanderley ]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Frommers - Guia Completo de Viagem - Orlando
Rena Bulkin
Julio Louzada
(1995)



A Última Conversão
Art Ayris - Danny Buladani e Outros
100%cristão
(2012)



Gente Catarina Origens e Raízes
Werner Zotz
Letras Brasileiras
(2002)



Bichinho de Estimação - Coleção Eu Gosto Mais Leitura
Alina Perlman
Ibep Geral
(2012)



Le Dernier Jour Dun Condamné
Victor Hugo; Lecture Accompagnée Par Alain T
Gallimard
(2000)



A Lenda do Centauro
Antonio Santos
Record
(1999)



Transformando Suor Em Ouro
Bernardo Rocha de Rezende
Sextante
(2006)



Língua e Estilo Ironia e Humor Nas Crônicas de Veríssimo
Roberto Carlos Borges
Velocípide
(2002)



Und Jetzt Ihr! Basisgrammatik Fur Jugendliche
Christine Schmidte * Marion Kerner
Hueber
(2002)



Nada Melhor Que um Beijo
Carmen Martins
Difusão Cultural do Livro
(2006)





busca | avançada
82631 visitas/dia
2,6 milhões/mês