O Quiosque | Contubérnio Ideocrático, o Blog de Raul Almeida

busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> 2007 e os meus CDs ― Versão Internacional 1
>>> A felicidade, segundo Freud
>>> Memória das pornochanchadas
>>> Magia além do Photoshop
>>> Meu Telefunken
>>> Meu Telefunken
>>> Vida Virtual? Quase 10 anos de Digestivo
>>> Sombras Persas (X)
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Atmosphere
Mais Recentes
>>> Jogo Duro de Mario Garnero pela Best Seller (1988)
>>> Psicologia do Ajustamento de Maria Lúcia Hannas, Ana Eugênia Ferreira e Marysa Saboya pela Vozes (1988)
>>> Uma Mulher na Escuridão de Charlie Donlea pela Faro (2019)
>>> Pra discutir... e gerar boas conversas por aí de Donizete Soares pela Instituto GENS (2015)
>>> Educomunicação - o que é isto de Donizete Soares pela Projeto Cala-boca já morreu (2015)
>>> Ficções fraternas de Livia Garcia-Roza - organizadora pela Record (2003)
>>> Prisioneiras de Drauzio Varella pela Companhia das Letras (2017)
>>> O diário de Myriam de Myriam Rawick pela Dark Side Books (2018)
>>> Contos de Rubem Fonseca pela Nova Fronteira (2015)
>>> Notícias - Manual do usuário de Alain de Botton pela Intrínseca (2015)
>>> Um alfabeto para gourmets de MFK Fisher pela Companhia das Letrs (1996)
>>> Os Mitos Celtas de Pedro Paulo G. May pela Angra (2002)
>>> A vida que ninguém vê de Eliane Brum pela Arquipélago Editorial (2006)
>>> As Cem Melhores Crônicas Brasileiras de Joaquim Ferreira dos Santos - organizador pela Objetiva (2007)
>>> O tigre na sombra de Lya Luft pela Record (2012)
>>> Elza de Zeca Camargo pela Casa da Palavra (2018)
>>> Sexo no cativeiro de Esther Perel pela Objetiva (2007)
>>> O clube do filme de David Gilmour pela Intrínseca (2009)
>>> Coisa de Inglês de Geraldo Tollens Linck pela Nova Fronteira (1986)
>>> As mentiras que os mulheres contam de Luis Fernando Veríssimo pela Objetiva (2015)
>>> Equilíbrio e Recompensa de Lourenço Prado pela Pensamento
>>> Cadernos de História e Filosofia da Ciência de Fátima R. R. Évora (org.) pela Unicamp (2002)
>>> Revista Internacional de Filosofia de Jairo José da Silva (org.) pela Unicamp (2000)
>>> Dewey um gato entre livros de Vicki Myron pela Globo (2008)
>>> Ilha de calor nas metrópoles de Magda Adelaide Lombardo pela Hucitec (1985)
>>> Sua santidade o Dalai Lama de O mesmo pela Sextante (2000)
>>> Meninas da noite de Gilberto Dimenstein pela Ática (1992)
>>> Paulo de Bruno Seabra pela Três (1973)
>>> Grandes Enigmas da Humanidade de Luiz C. Lisboa e Roberto P. Andrade pela Círculo do livro (1969)
>>> A História de Fernão Capelo Gaivota de Jonathan Seagull pela Nórdica (1974)
>>> Os Enigmas da Sobrevivência de Jacques Alexander pela Edições 70 (1972)
>>> Mulheres visíveis, mães invisíveis de Laura Gutman pela Best Seller (2018)
>>> Construir o Homem e o Mundo de Michel Quoist pela Duas cidades (1960)
>>> Vida Positiva de Olavinho Drummond pela Olavinho Drummond (1985)
>>> Força para Viver de Jamie Buckingham pela Arthur S. DeMoss (1987)
>>> Consumidos de David Cronemberg pela Alfaguara (2014)
>>> Viver é a melhor opção de André Trigueiro pela Correio Fraterno (2015)
>>> O Caso da Borboleta Atíria de Lúcia Machado de Almeida pela Ática (1987)
>>> Cânticos de Cecília Meireles pela Moderna (1995)
>>> Caminho a Cristo de Ellen G. White pela Cpb - Casa Publicadora Brasileira (2019)
>>> Um Estranho no Espelho de Sidney Sheldon pela Nova Cultural (1986)
>>> Le Divorce de Diane Johnson pela Record (1999)
>>> Trajetória do Silêncio de Maria do Céu Formiga de Oliveira pela Massao Ohno-Roswitha Kempf (1986)
>>> Zezinho, o Dono da Porquinha Preta de Jair Vitória pela Ática (1992)
>>> Aconselhamento Psicológico de Ruth Scheeffer pela Atlas (1981)
>>> Razão e Revolução de Herbert Marcuse pela Paz e Terra (1978)
>>> A Doutrina de Buda de Bukkyo Dendo Kyokai pela Círculo do livro (1987)
>>> Somos Todos Inocentes de Zíbia Gasparetto pela Vida&consciência (1997)
>>> Luzia-Homem de Domingos Olímpio pela Escala (1980)
>>> Vida e Obra de Anália Franco de Maria Cândida Silveira Barros pela Copidart (1982)
BLOGS >>> Posts

Domingo, 9/8/2015
O Quiosque
Raul Almeida

+ de 600 Acessos

Hoje foi um dia de surpresas. Chegando ao terminal reparei numa barca enorme para os padrões até então encontrados naquele local.
Dei uma olhada e era ela! A nova barca chinesa, que transporta duas mil pessoas. Fiquei impressionado. Lembrei das tentativas feitas com os mais diversos tipos de embarcações, para o transporte entre as cidades do Rio de Janeiro e Niterói. O aerobarco italiano, o hovercraft, acho que era inglês e que, ao contrario do italiano, nunca chegou a entrar em operação. Apenas demonstrações e nunca mais.

Entrei pela catraca dos idosos, esperei um pouco e me aboletei numa cadeira do corredor, ali pelo meio, com a cara voltada para frente. Explico, do meio para trás você olha para trás. Um dia dei conta que as barcas tem duas proas... Dependendo do sentido, a numero um ou a numero dois estará fazendo o papel de popa. A cultura inútil é pródiga , quando a gente tem pouco a fazer.

Travessia feita, o mesmo caminho de sempre. Hoje dei um pulo até a travessa do Ouvidor. Fui ate a Casa Moreira, uma das mais antigas sapatarias do centro, em busca de um par dos seus tradicionais mocassins feitos a mão, do mesmo modelo que uso desde o século passado. Continuam ótimos. Então tomei o rumo da rua São Jose, em busca do meu caríssimo amigo , síndico de uma das mesas de calçada do mesmo bar de sempre. Lá estava ele, seu isqueiro Zippo, seu maço de cigarros e copo sobre um guardanapo de papel. Estranhei o guardanapo, mas não disse nada.

- Ora, ora quem eu vejo! Você desapareceu. Olha, dessa vez eu pensei que você tinha...
- Morrido.
- Não! Voltado para São Paulo. Sempre que nos encontramos você faz alguma menção à paulicéia.
- Estive visitando a família lá no hemisfério norte.
- Teu filho,né?
- É. Filho, nora, netos. Matando saudades.
- Então quais são as novidades?
- Bem, eu comprei um quiosque.
- Vais vender o que? Não é hora de sossegar o facho? Vai arrumar dor de cabeça depois de velho?
- Bem, o caso é que você ainda nem me deixou falar do meu quiosque e já jogou um monte de pedras encima... Estou surpreso. Não vou dizer mais nada. A vez é sua.
- Não se aborreça. Estou brincando. Não tenho a menor vontade nem razão para tirar o teu entusiasmo e garra pra tocar um negocio, mesmo estando com a etiqueta vencida.
Meu amigo caiu na risada, enquanto olhava minha cara de surpreso quase indignado com tamanha intromissão no meu mais recente projeto. Assim ficou por um instante, enquanto o atendente colocava o chope com colarinho de dois dedos bem à minha frente.
- Pois é, você acabou caindo na armadilha do conselho fácil. Eu não comprei nada, não tenho mais paciência para administrar nada, muito menos um quiosque, onde você tem que lidar diretamente com a clientela, ou melhor, freguesia, já que quiosque é coisa pra freguês e não clientes.
- Tem razão... Um quiosque. Mas que armadilha é esta? Qual é o mote, qual é a provocação?
- Pois bem, lembra quando você falou da velharada na fila da loja de loterias? Aquela historia de que estão querendo ganhar um prêmio enorme para nada, para edificar um mausoléu de mármore, etc?
- Ah, então você pensou em fazer concorrência aos lotéricos? Antigamente eram chamados de bilheteiros, lembra?
- Lembro. Na rua da Alfândega havia uma loja, bem vistosa. Na frente bilhetes de loteria, nos fundos uma agência com vários guichês, para o bom e tradicional jogo do Barão de Drumond e corridas de cavalos... Eu mesmo acertei num dia a centena, no outro logo em seguida, o milhar e a centena... Foi uma beleza. Na hora de receber, no segundo dia, o pagador, que se vestia todo de branco no mais rigoroso figurino de bicheiro forte, me olhou bem nos olhos e perguntou:
- Você de novo? Ontem foi a cobra (936) hoje o elefante ... Tá com sorte né?
Eu sorri, não disse nada, peguei o dinheiro e fui embora comprar uma "vitrola estereofônica" que já namorava, fazia tempo.
- Então você era chegado na fezinha?
- Eventualmente. Até hoje mando um troco miúdo. Claro, se encontrar uma banca confiável, manteremos a tradição.
- E o fato de ser contravenção, crime, algo fora da lei, não te incomoda? Estar financiando uma atividade ilegal não dá nenhum desconforto, mal estar, etc?
- Olha, em fevereiro tem carnaval. E aquele carnaval que você vê até de manhã pela Tv. desfilando na avenida, cheio de celebridades, autoridades, artistas anônimos, raiz, tradição, samba etc. e tal é produzido por quem, com que dinheiro?
Quem transformou e bancou os mais deslumbrantes desfiles do carnaval carioca?
Quem é que botava, e ainda bota, "o bloco na avenida"? Ora, ora... Todo mundo sabe.

- Mas o que é que está acontecendo?
- Hoje é você que está , digamos, meio fermentado, azedo... Começou com um quiosque que não existe, passou pelo centro velho da cidade, jogou no bicho, e saiu desfilando no carnaval de luxo e ostentação... Eu não sei o que dizer. Estava pensando em contar uma historia que ouvi recentemente, mas acho que vou deixar para outro dia... Ficarei aqui escutando seus argumentos lotéricos...
- Desculpe, foi mal.
A gente vê tanta patifaria praticada por quem deveria ser exemplo, tanta falcatrua, números absolutamente inimagináveis, fortunas ciclópicas sendo, parcialmente é claro, devolvidas e repatriadas de lugares distantes, pobretões que se transformam em milionários, carroceiros que se transformam em empresários, enfim, bandidos que viram autoridades tudo através da politicagem, do tal voto "democrático" onde um monte de oportunistas é eleito com as sobras de alguns "puxadores de voto", onde a mentira é recorrente em promessas e falácias que iludem a choudra com título eleitoral. A que vota por dentadura, um empreguinho numa prefeiturinha qualquer, uma boquinha, um favor, enfim você lê o noticiário, escuta o radio, assiste a Tv.... O resultado é esse aí. Mau humor, tristeza, desconfiança, irracionalidade.
Vamos, passar a borracha, e começar tudo de novo. Vou levantar, dar dez passos para trás, voltar, puxar a cadeira, e...
- Tudo bem, vou pedir dois chopes de colarinho curto, uma porção de pastéis de carne, e você chega, aquelas coisas. Tá?
- Combinado. Até já.


Postado por Raul Almeida
Em 9/8/2015 às 10h08


Mais Contubérnio Ideocrático, o Blog de Raul Almeida
Mais Digestivo Blogs
Ative seu Blog no Digestivo Cultural!

* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ORDEM
HUGH HOWEY
INTRÍNSECA
(2015)
R$ 21,00



CATEGORIAS CONCEITUAIS DA SUBJETIVIDADE
FABIO THÁ
ANNABLUME
(2007)
R$ 18,00



A EQUAÇAO DOS SONHOS
GISELE CHABOUDEZ
CIA DE FREUD
(2000)
R$ 15,00



AJUDE SEU FILHO A CONVERSAR COM VOCÊ - TEORIA E CLÍNICA FONOAUDIOLÓGICA E PSICOMOTORA
HELENA MARINHO
REVINTER
(2012)
R$ 24,90



ENCONTRO COM OS DEUSES
JAIME GUEDES
MANDÁLIA
(1978)
R$ 10,00



A QUEDA PARA O ALTO - HERZER (LITERATURA BRASILEIRA - MEMÓRIAS)
HERZER
VOZES
(1987)
R$ 7,00



PALAVRAS DE UM PROFESSOR
SAN TIAGO DANTAS
FORENSE
(2001)
R$ 130,00



VARIANDO O CARDÁPIO VOL. 1
VÁRIOS AUTORES
NESTLÉ
(1991)
R$ 15,00



INTRODUÇÃO À HISTÓRIA DA FILOSOFIA VOL. 1 DOS PRÉ-SOCRÁTICOS
MARILENA CHAUI
COMPANHIA DAS LETRAS
(2002)
R$ 60,00



MASTERS OF CINEMA: ALFRED HITCHCOCK
ALFRED HITCHCOCK; BILL KROHN
PHAIDON PRESS
(1972)
R$ 30,00





busca | avançada
47273 visitas/dia
1,3 milhão/mês