Mudanças I | Juliano Maesano | Digestivo Cultural

busca | avançada
64948 visitas/dia
2,1 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Rodolpho Parigi participa de live da FAAP
>>> Para fugir de ex-companheiro brasileira dá volta ao mundo com pouco dinheiro
>>> Zé Guilherme encerra série EntreMeios com participação da cantora Vania Abreu
>>> Bricksave oferece vistos em troca de investimentos em Portugal
>>> Projeto ‘Benzedeiras, tradição milenar de cura pela fé’ é lançado em multiplataformas
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
>>> Zuza Homem de Mello (1933-2020)
>>> Eddie Van Halen (1955-2020)
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Vandalizar e destituir uma imagem de estátua
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Meu malvado favorito
>>> A pintura do caos, de Kate Manhães
Colunistas
Últimos Posts
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
>>> Van Halen no Rock 'n' Roll Hall of Fame
>>> A última performance gravada de Jimmi Hendrix
Últimos Posts
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
>>> Perplexo!
>>> Orgulho da minha terra
>>> Assim ainda caminha a humanidade
>>> Três tempos
>>> Matéria subtil
>>> Poder & Tensão
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Carta de um jovem contestador
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Breve História do Cinismo Ingênuo
>>> Minha cartomante não curte o Facebook
>>> Geza Vermes, biógrafo de Jesus Cristo
>>> Da Poesia Na Música de Vivaldi
>>> Os olhos brancos de Deus
>>> Alívios diamantinos
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Ser intelectual dói
Mais Recentes
>>> Superação da Lógica Classificatória e Excludente da Avaliação 2ªed. de Celso Dos S. Vasconcellos pela Libertad (1998)
>>> A Prática Educativa Como Ensinar de Antoni Zabala pela Artmed (1998)
>>> Masculino e Feminino no Imaginário Católico de Zaíra Ary pela Annablume (2000)
>>> A Bíblia A História de Deus e de Todos Nós de Roma Downey / Mark Burnett pela Sextante (2014)
>>> O sujeito da educação - Estudos Foucaultianos de Tomaz Tadeu Da Silva pela Vozes (2002)
>>> A Reencarnação Segundo a Bíblia e a Ciência de José Reis Chaves pela Martin Claret (1998)
>>> Fundamentos de Filosofia de Manuel Garcia Morente pela Mestre Jou
>>> Fundamentos de Matemática Elementar Volume 2 Logaritmos de Gelson Iezzi / Osvaldo Dolce / Carlos Murakami pela Atual (2004)
>>> As Estruturas da História de Christopher Lloyd pela Jorge Zahar (1995)
>>> Introdução à Filosofia História e Sistemas de Roberto Rossi pela Loyola (1996)
>>> A Felicidade Paradoxal de Gilles Lipovetsky pela Companhia das Letras (2007)
>>> Consiência e Cosmos de Menas Kafatos / Thalia Kafatou pela Teosófica (1994)
>>> Matemática Temas e Metas Volume 3 Sistemas Lineares e Combinatória de Antonio dos Santos Machado pela Atual (1986)
>>> Matemática Temas e Metas Volume 2 Trigonometria e Progressões de Antonio dos Santos Machado pela Atual (1986)
>>> Aventuras no marxismo de Marshall Berman pela Companhia Das Letras (2001)
>>> Cartas do Cárcere 4ªed. de Antonio Gramsci pela Civilização Brasileira (1991)
>>> Resumo dos cursos do collège de france 1970-1982 de Michel Foucault pela Jorge Zahar (1997)
>>> Socialismo - Impasses e Perspectivas de César Benjamin e outros pela Scrita (1992)
>>> Revolting Rymes N1 - de Roald Dahl pela Puffin Books (2015)
>>> O Avesso do Trabalho de Ricardo Antunes/ Maria A. Moraes Silva (Orgs.) pela Expressão Popular (2004)
>>> Odisseia de Homero de Ana Maria Machado pela Atica (2015)
>>> Iracema -Lenda do Ceara de Jose de Alencar pela Sol-no final do livro traz questionario e respostas - coleção vestibular (2010)
>>> Divinas desventuras outras historias da Mitologia Grega de Heloisa Prieto pela Companhia das letrinhas (2009)
>>> Aurelio Mirim -Dicionario ilustrado da letra N a R- de Aurelio Buarque pela Positivo (2015)
>>> Dubliners de James Joyce pela Penguin (1996)
>>> As Chaves Perdidas da Maçonaria de Manly P. Hale pela Madras (2006)
>>> Metamorphosis and Other Stories - de Franz Kafka pela Penguim (1996)
>>> O Homem em busca de Deus de Varios editores internacionais pela Watch tower (2010)
>>> Os Irmãos Sagrados - de R.Waingarten pela Lubavitch (2012)
>>> Almanaque Ilustrado Símbolos de Mark O'Connell & Raje Airey pela Escala (2017)
>>> Francisco Valdomiro Lorenz - Uma Obra com Vida de Waldomiro Lorenz pela Parma (2000)
>>> O Retorno à Origem de Lex Hixon pela Cultrix (1992)
>>> Episódio da Vida de Tibério de Wera Krijanowsky pela Lake (1999)
>>> Uma Breve História do Mundo de Geoffrey Blainey pela Fundamento (2011)
>>> Férias Pagãs - Na Trilha dos Antigos Turistas Romanos de Tony Perrottet pela Rocco (2006)
>>> A Luz que Cura Oração Pelos Doentes de Agnes Sanford pela Loyola (1985)
>>> Doze Passos Para os Cristãos Jornada Espiritual Com Amor-Exigente de Pe Haroldo J Rahm pela Loyola (2000)
>>> A Águia e a Galinha de Leonardo Boff pela Vozes (1997)
>>> Ele andou entre nós Evidências do Jesus Histórico de Josh Mcdowell pela Candeia (1998)
>>> Contabilidade de Custos de Osni Moura Ribeiro pela Saraiva (2013)
>>> Cachaça artesanal. Do alambique à mesa de Atenéia Feijó & Engels Maciel pela Senac Nacional (2001)
>>> Pirâmides E Soberanos Do Egito de Sérgio Pereira Couto pela Escala (2015)
>>> O Velho Monge do Castelo de Lauro Trevisan pela Mente (2010)
>>> Dinâmica do Desejo de Frei Carmelo Surian pela Vozes (1982)
>>> Testemunho Sem Medo Como Partilhar sua Fé com Segurança de Bill Bright pela Candeia (1988)
>>> Cachaça. The Authentic Brazilian Drink de Diversos Autores pela Abrabe (2010)
>>> Natal a Humanidade e a Jovialidade de Nosso Deus de Leonardo Boff pela Vozes (2000)
>>> Blitzkrieg 1940 de Ward Rutherford pela Bison (1985)
>>> Cantores do Rádio. A trajetória de Nora Ney e Jorge Goulart e o meio artístico de seu tempo de Alcir Lenharo pela Unicamp (1995)
>>> Titeres y marionetas en alemania de Hans R. Purshke pela Neue Darmstädter Verlagsanstalt Darmstadt (1957)
COLUNAS

Quinta-feira, 9/8/2001
Mudanças I
Juliano Maesano

+ de 2000 Acessos

Esta humilde coluna vem propor idéias aos governantes de todo o mundo. Isso mesmo: idéias que servirão aos vereadores, deputados, senadores, prefeitos, governadores e presidentes do mundo inteiro, não só do Brasil. Se o Kofi Annan também quiser usá-las, o pessoal da OTAN ou qualquer outro povo, que se sinta à vontade. Não cobraremos nada.

O título aparece como "Mudanças I", pois pretendo no futuro publicar a versão II, III, e assim por diante, inclusive com idéias da minha "meia dúzia" de leitores que quiser me escrever.

Um aviso: muitas das soluções aqui contidas são em tom de brincadeira. Não adianta vir me escrever dizendo que sou idiota, radical, trouxa ou nada disso. Se quiser, tome como uma coluna humorística. Mesmo que você não ache graça alguma.

Pena de Morte

Começaremos com o tema da pena de morte. Acho que o planeta Terra agradeceria se nos livrássemos de figuras indesejáveis. Convenhamos, é a coisa mais óbvia do mundo: matou, morreu. Nada mais simples. Em qualquer espécie de crime que resultasse de morte, a pena já estaria automaticamente resolvida. Tchau. Claro, usando de investigações e tudo mais.

Aí virão os alarmistas, dizendo que o julgamento pode condenar um inocente, que isso, que aquilo. Paciência. Quantos inocentes também não morrem por aí? Que culpa teria eu de estar dirigindo um carro e levar um tiro na cara? Paciência, repito. Foi azar. Azar também será o destino do inocente condenado à morte injustamente. A lei tem que estar lá. Se ela errar, o problema não é meu. Eles que matem também quem errou e incriminou o inocente, não é? É isso aí, vamos em frente.

Cadeia

Crimes como roubos, assaltos, seqüestros, corrupção e de tudo quanto é tipo devem dar cadeia. Quando falamos aqui de cadeia, esqueça o que você vê nos telejornais brasileiros. Pense naquelas cadeias que estão na sua imaginação, sem qualquer meio de fuga, brecha ou mordomia. O negócio é sério. Não é mais fácil construir presídios uma única vez, totalmente invioláveis, do que ter de reformar a cada rebelião?

E é claro, toda e qualquer rebelião seria seguida de um mês na solitária, aumento de pena e pena de morte, caso se faça necessário. Notem que não deve existir esse papo de redução de pena. Os anos de pena que o "figura" recebeu no julgamento deverão ser cumpridos e ponto final. A única exceção deveria ser a seguinte: a cada dois dias de trabalho forçado, o prisioneiro tem um dia reduzido na sua pena. Se trabalhar dois anos quebrando pedras e arando a terra, sai um ano antes. Muito justo. Ainda bem que vocês concordam.

Desabrigados

Esse negócio de morar na rua também não é legal, né? Então acho que cada um deveria ficar na sua casa e só se mudar de lá com um emprego garantido em outro bairro, cidade, estado ou país. Óbvio que os governos deverão dar as melhores condições para todos, mas como fazer o governo cumprir seu papel? Ah, isso veremos em um capítulo futuro.

Então está falado: morar na rua e pedir ou vender qualquer coisa em faróis é terminantemente proibido. Isso inclui entregar panfletos de lançamentos imobiliários. Quem quiser comprar apartamento saberá onde procurar, muito obrigado.

Não comecem a reclamar que os moradores de rua não têm condições, patati, patatá.... Temos que começar por algum lugar. O que é errado, é errado! Não adianta fingir uma solução besta, como essa de ter pessoas atacando seu carro para limpar seus vidros. Assim que pusermos em prática o que é necessário, os outros detalhes irão se acertando aos poucos. Não estou dizendo que devemos aplicar as mudanças nessa ou naquela ordem, só que devemos aplicá-las ou, pelo menos, tê-las em mente.

Camelôs

Bom, camelôs também são proibidos, infelizmente. Acho que deveriam ser cadastrados (de verdade) e liberados para trabalhar em locais demarcados e bem espaçados, como um por rua, ou um a cada dez quarteirões. Claro que não em tudo quanto é rua, mas apenas naquelas viáveis, de acordo com o plano de urbanismo estabelecido. Não tem essa de armar barraca em qualquer lugar. Além de poluir a cidade visualmente, os camelôs prejudicam as empresas e as lojas, que suam para pagar impostos prediais e territoriais.

Já sei que vocês vão dizer que isso já existe, que o problema é que ninguém cumpre, e que a prefeitura vende os pontos a seus parentes ou que pratica sei lá mais que tipo de fraude ou comportamento ilícito. Mas não tem essa, quem for pego com propina vai para a cadeia acima citada. E os figuras que queiram se candidatar a camelôs deverão se inscrever para serem sorteados ou escolhidos por uma banca examinadora, que encontrará o camelô ideal para cada bairro. Tudo na justiça, sem sacanagem.

Nossa, lendo os parágrafos acima, noto que pareço querer viver num mundo de sonhos. Uma fantasia utópica que nunca alcançaremos. Pode ser, mas devemos continuar tentando.

Feiras

Pra acabar essa primeira fase, vamos declarar encerradas as atividades das feiras livres que atuam em ruas, assim como carros de frutas ou qualquer outro produto que se divulgue por meio de alto falantes. Quem leu minha coluna anterior sabe do que eu estou falando.

Aos que me escreveram dizendo que adoram comprar nas feiras, eu aviso: acho ótimo, mas deviam dar preferência às feiras que acontecem em galpões. Existem muitas e são muito boas. É legal ir a uma feira de rua, mas normalmente você não sabe o que o morador do local está passando. Pense nos outros.

Conclusão

Falando nisso, "Pense nos outros" será o lema e o subtítulo das colunas de "Mudanças". E não venha me dizer que eu quebro esse lema ao falar sobre a pena de morte. A pena de morte é para aqueles que "não pensaram nos outros." Não são eles, portanto, dos nossos.

Se você concorda com algo ou discorda totalmente de tudo o que viu aqui, escreva contando o que achou.


Juliano Maesano
São Paulo, 9/8/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Pantanal de Marilia Mota Silva
02. Tarifa de ônibus: estamos prontos p/ pagar menos? de Adriana Baggio
03. 2011 e meus álbuns de Rafael Fernandes
04. Doces bárbaros de Elisa Andrade Buzzo
05. Melhores exposições de 2010 de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Juliano Maesano
Mais Acessadas de Juliano Maesano em 2001
01. Anos Incríveis - 21/6/2001
02. Filmes de Natal - 13/12/2001
03. Harry, Rony e Hermione - 22/11/2001
04. O Papel do Produtor - 5/2/2001
05. Paraguai - 10/5/2001


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




LÓZ : A EVOLUÇÃO
PAULO SINIGAGLIA
PANDORGA
(2014)
R$ 25,71



O MESTRE E MARGARITA
MIKHAIL BULGAKOV
ED, NOVA FRONTEIRA
R$ 38,90



REVISTA RUMO. ED.10 KILDARE
VÁRIOS
PALLOTTI
(2020)
R$ 24,00



OS AMANTES
MORRIS WEST
CIRCULO DO LIVRO
R$ 7,50



PRONTUARIO DE ORTOGRAFIA
ANTONIO DA COSTA LEITÃO
EMPRESA NACIONAL DE PUBLICI
(1939)
R$ 46,69



ARTE EM PORCELANA Nº 32
UNIÃO BRASILEIRA DE ARTE EM PORCELANA
UNIÃO BRASILEIRA DE ARTE EM PORCELANA
(1996)
R$ 50,00
+ frete grátis



VOLUME 2 - REDAÇÃO EM GRUPO
HILDEBRANDO A. DE ANDRÉ, FLÁVIO AFONSO DE ANDRÉ
MODERNA
(1988)
R$ 8,86



COISAS DA COSA NOSTRA: A MÁFIA SICILIANA VISTA POR SEU PIOR INIMIGO
GIOVANNI FALCONE; MARCELLE PADOVANI
ROCCO
(2012)
R$ 25,00



JORGE, UM BRASILEIRO
OSWALDO FRANÇA JR.
NOVA FRONTEIRA
(1988)
R$ 6,90



"... E ENTÃO VIRÁ O FIM"
RODOLPHO BELZ
CASA PUBLICADORA BRASILEIRA
(1967)
R$ 12,00





busca | avançada
64948 visitas/dia
2,1 milhões/mês