Agendas, papéis soltos e o dia-a-dia | Ana Elisa Ribeiro | Digestivo Cultural

busca | avançada
74501 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Péricles Cavalcanti - lançamento de SALTANDO COMPASSOS
>>> Espetáculo “Canções Para Pequenos Ouvidos” chega ao Teatro Clara Nunes, em Diadema
>>> (Abre 11/10) Mostra BAÚ DA DGT_curadores Francisco Gaspar,Tuna Dwek, Donny Correia e Diego da Costa
>>> Escrever outros Corpos - Criar outras Margens || BELIZARIO Galeria
>>> SESC 24 DE MAIO RECEBE EVENTO DE LANÇAMENTO DA COLEÇÃO ARQUITETOS DA CIDADE
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rodolfo Felipe Neder (1935-2022)
>>> A pior crônica do mundo
>>> O que lembro, tenho (Grande sertão: veredas)
>>> Neste Momento, poesia de André Dick
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
Colunistas
Últimos Posts
>>> Agnaldo Farias sobre Millôr Fernandes
>>> Marcelo Tripoli no TalksbyLeo
>>> Ivan Sant'Anna, o irmão de Sérgio Sant'Anna
>>> A Pathétique de Beethoven por Daniel Barenboim
>>> A história de Roberto Lee e da Avenue
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
Últimos Posts
>>> Universos paralelos
>>> Deseduquei
>>> Cuidado com a mentira!
>>> E agora? Vai ter pesquisa novamente?
>>> Cabelos brancos
>>> Liberdade
>>> Idênticos
>>> Bizarro ou sem noção
>>> Sete Belo
>>> Baby, a chuva deve cair. Blade Runner, 40 anos
Blogueiros
Mais Recentes
>>> perversão sexual
>>> Trailer do Fim do Mundo
>>> Uísque ruim, degustador incompetente
>>> O bom e velho jornalismo de sempre
>>> Apresentação
>>> Sabemos pensar o diferente?
>>> A fragilidade dos laços humanos
>>> Anomailas, por Gauguin
>>> Felicidade
>>> Ano novo, vida nova.
Mais Recentes
>>> A Jornada Para Casa Uma Parabola De Kryon - A Historia De Michael Thomas E Os Sete Anjos de Lee Carroll pela Madras (2011)
>>> No Vale Dos Suicidas - Madras de Evaristo Humbertto De Araujo pela Madras (2009)
>>> Os Segredos Do Karate Shotokan de Robin L Rielly pela Madras (2011)
>>> História social da criança e da família de Philippe Ariés pela Guanabara (1981)
>>> A revolução da palavra - Uma visão do homo loquens de Pedro Paulo Filho pela Siciliano (1987)
>>> A Sombra de uma Paixão de Tanya Oliveira pela Lúmen (2007)
>>> A evolução da consciência de Robert Ornstein pela Best Seller (1991)
>>> Iracema de José de Alencar pela L&Pm Pocket (2009)
>>> Ciência e fé: O reencontro pela- Física quântica de Bispo Rodovalho pela Lua de mel (2013)
>>> A ponte clandestina - Teorias de cinema na América Latina de José Carlos Avelar pela 34 (1995)
>>> As Fortunas do Cortesão de Peter Burke pela Unesp (1997)
>>> O barão das árvores de Italo Calvino pela Companhia Das Letras (1991)
>>> Cultura Brasileira - Temas e Situações de Alfredo Bosi pela Atica (1992)
>>> Poemas de Rainer Maria Rilke pela Companhia Das Letras (1993)
>>> A Feira das Vaidades - I e II Volume de William Makepeace Thackeray pela Civilização Brasileira (1963)
>>> Cinema marginal (1968/1973) - A representação em seu limite de Fernão Ramos pela Brasiliense (1987)
>>> O Circo da Noite de Erin Morgenstern pela Intrínseca (2012)
>>> A vida viaja na luz de Carlos A. Baccelli Inácio Ferreira pela Leepp (2011)
>>> Por que perdeu ?: Dez desfiles derrotados que fizeram história de Marcelo de Mello pela Record (2018)
>>> Cultura de Massa e Cultura Popular de Ecléa Bosi pela Vozes (1973)
>>> Antes de dormir de S. J. Watson pela Record (2012)
>>> História da Civilização - Idade Média, Moderna e Contemporânea de António G. Mattoso pela Lisboa - Livraria Sá da Costa (1956)
>>> Uma história da república de Lincoln de Abreu Penna pela Nova Fronteira (1989)
>>> Adestramento de Cães para Leigos de Jack Volhard / Wendy Volhard pela Alta Books (2005)
>>> Capitalismo, trabalho e educação de José Claudinei Lombardi pela Autores Associados (2004)
COLUNAS

Sexta-feira, 18/12/2009
Agendas, papéis soltos e o dia-a-dia
Ana Elisa Ribeiro

+ de 3100 Acessos

Última viagem do ano. São Paulo, com direito a hospedagem na casa do tio querido. Judeus pelas ruas, meninos de quipá (este chapeuzinho não está no Aurélio!), padarias imensas, trânsito insuportável. Poucas vezes tive a chance (dispensável) de experimentar esse famoso tráfego. Duas horas no carro do André, mais uma e meia no carro da Carla, sem contar as horas dentro dos táxis. E nem sempre com motoristas amigáveis. São Paulo vista de baixo. Minhocão, cracolândia e a USP, lá do outro lado. A USP é bonita e a chuva exacerba os verdes plantados lá. Para completar o cenário, uma feira de livros que me fez trazer uma mala a mais.

Última viagem do ano? Será? Parece que o finalzinho do calendário ainda me reserva um pulinho pelo interior do estado do Rio de Janeiro. Não é bem uma viagem a trabalho, mas não deixa de haver alguma obrigação aí. Meu filho já conta os dias. Férias com vovó. Dura pouco, mas criança tem umas eternidades na cabeça. Custa a chegar. Quando chega, custa a passar. Ao menos isso. E depois que passa, vira álbum de retratos, que ele vê o ano inteiro, com saudades nos olhos. Adultos deveriam cultivar essas saudadezinhas.

Viagem a trabalho. Parece que a gente vê os lugares, mas não vê. Conhecemos quase todas as universidades do país, mas elas não são exemplo e nem têm representatividade. A USP é bonita, até aconchegante. O engarrafamento chega lá dentro, especialmente na saída. A Unicamp é espalhada. Todas as vezes que visitei Campinas vi uma vegetação ressecada. Não dei sorte. Nem dei sorte quando fui a Brasília. A PUC Minas é um dos lugares mais bonitos que conheço, assim como a Universidade Federal de Viçosa, no interior de Minas.

Onde irei no ano que vem? Na viagem a São Paulo resolvi procurar minha agenda de papel para 2010. Sem essa de dispositivos digitais para guardar meus compromissos. Gosto mesmo é da agendinha em A5, de preferência com elástico, para segurar a papeladinha que se junta ao longo do ano. O que há de papelzinho solto na agenda de 2009? Um momento que vou conferir: boa surpresa! Trinta reais perdidos, guardados por algum motivo. Deixei de pagar alguém? Três ou quatro cartões de visita, as passagens de Campina Grande (PB), de Recife, comprovantes bancários de depósitos com envelopes, comprovante de entrega de imposto de renda, um guia de Niterói, uma guia de recolhimento da União, os mapas rabiscados, alguns números de telefone, o calendário todo marcado de vermelho ou com balões a caneta.

A agenda de 2010 ainda será construída, com essa espécie de furor colaborativo que os dias vão impingindo. Mais cartões de visita cujos donos jamais contactei; diversos números de telefone para os quais não liguei, aliás, sequer havia ali os nomes das pessoas; comprovantes bancários aos montes, já que isso ocorre amiúde; dinheiro perdido (antes isso, dentro da agenda); fotos três por quatro; e clipes. Muitos clipes. Alguns que seguram papéis, outros soltos, perdidos dentro das páginas, sem a menor lembrança do que poderiam ter firmado ali.

Minha mãe sempre diz que nas agendas não cabia o texto dos seus dias, ao menos enquanto ela trabalhava fora. Depois de aposentada, as agendas ficaram vazias, porque ela quis assim. Fico pensando se ela utilizava agendas como diários. Diários de bordo, de intimidades, de segredos, de relatos profissionais. Diários são perigosos. Não são blogs, são diários, daqueles em que apostamos quando somos cheios de pequenas ocorrências veladas. Minha agenda é um mero calendário com apontamentos para os futuros próximos. Ir aqui ou ali, pôr no Correio, almoçar com, jantar sem, convidar para, obedecer, fazer reunião, escrever e ler, viajar, São Paulo, Recife, Niterói, Argentina. Pequenas amarrações entre os dias, as semanas, os meses. Filho fica com a vovó, alarme na casa, alerta. Mamãe voando pelos ares. Agenda cheia. Mãos vazias, mas sempre vem um carrinho dentro da mala.

A gente viaja, anota na agenda, visita os amigos, almoça muitas calorias por ano em terra estrangeira, mas não conhece direito as cidades e as pessoas que moram lá. A gente sabe do museu, passa pela avenida, atravessa diante do monumento, mas mal olha para cima. E quem disse que essas coisas são mesmo a alma da cidade? O trânsito de São Paulo não é turístico. Recife quase não dá praia fora de temporada. Campina Grande sem festa junina. Belo Horizonte às segundas tem bares fechados. Ouro Preto sem igreja. Universidades sem alunos. A alma fake das cidades. As agendas são os hodômetros dos dias vividos com pequenez. E não é assim mesmo? É triste quando alguém acredita na promessa da vida agitada de artista. Os dias são medíocres, sem demérito.


Ana Elisa Ribeiro
Belo Horizonte, 18/12/2009


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Teatro anárquico-dionisíaco de Zé Celso M. Corrêa de Jardel Dias Cavalcanti
02. Micronarrativa e pornografia de Marcelo Spalding
03. Absurdos jurídicos de Rafael Azevedo


Mais Ana Elisa Ribeiro
Mais Acessadas de Ana Elisa Ribeiro em 2009
01. Amor platônico - 10/4/2009
02. Aconselhamentos aos casais ― módulo I - 13/3/2009
03. Aconselhamentos aos casais ― módulo II - 27/3/2009
04. Cupido era o nickname dele - 1/5/2009
05. Eu + Você = ? - 27/2/2009


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Encontro com o Mestre
DeRose
matrix
(2002)



Iluminação Interior
John White. Org
Cultrix
(1998)



O Sonhador a Fábrica de Sonhos
João Berbel
Farol das Três Colinas
(2014)



O Melhor da Cronica
Lindolfo Paoliello
Del Rey
(2003)



A Teia do Homem Aranha - Vol. 5
Marvel
Panini Comics
(2011)



Simpatias e Segredos Populares - 4ª Edição
Nivio Ramos Sales
Pallas
(2008)



Histórias "Animais" que as Pessoas Contam
Marcel Benedeti
mundo maior
(2006)



Brincando Com Colagens, Recortes e Dobraduras
Rosangela P. Nascimento
Global
(2002)



Livro - Série Bom Livro - o Alienista
Machado de Assis
Ática
(2002)



Sangue e Esplendor
Daniel Myerson
ediouro
(2003)





busca | avançada
74501 visitas/dia
2,0 milhão/mês