Propostas para o nosso milenio (II) | Marcelo Spalding | Digestivo Cultural

busca | avançada
75735 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Oficina de Objetos de Cena nas redes do Sesc 24 de Maio
>>> Lançamento: livro “A Cultura nos Livros Didáticos”, de Lara Marin
>>> Exposição coletiva 'Encorpadas - Grandes, largos, políticos: corpos gordos'
>>> Clássicos da Literatura Unesp ganha mais cinco títulos
>>> Bertolt Brecht inspira ÉPICO
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
>>> A Velhice
>>> Casa, poemas de Mário Alex Rosa
>>> Doutor Eugênio (1949-2020)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
Últimos Posts
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
>>> Clownstico de Antonio Ginco no YouTube
>>> A Ceia de Natal de Os Doidivanas
>>> Drag Queen Natasha Sahar interpreta Albertina
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Itinerário de leituras on-line
>>> Sobre caramujos e Omolu
>>> Partilha do Enigma: poesia de Rodrigo Garcia Lopes
>>> Comum como uma tela perfeita
>>> Revista Meio Digital
>>> Do jornalismo como performance
>>> A Nova Revista da Cultura
>>> Aos nossos olhos (e aos de Ernesto)
>>> A Teoria Hipodérmica da Mídia
>>> Os prédios mais feios de SP
Mais Recentes
>>> Valsa Negra de Patrícia Melo pela Companhia das Letras (2003)
>>> Um Fio de Esperança de Nancy Guthrie pela Mundo Cristão (2008)
>>> Oblomov de Ivan Alexandrovitch Gotcharov pela Germinal (2001)
>>> O Apanhador no campo de centeio de Jorio Dauster; Antonio Rocha; Alvaro Alencar pela Do Autor (2012)
>>> Auto-sentimento de Norberto R. Keppe pela Proton (1977)
>>> A Nova Dieta Revolucionária do Dr. Atkins de Roberto Atkins pela Círculo do Livro (1972)
>>> Fé e Liberdade - O Pensamento Eco. da Escolástica de Alejandro A. Chafuen pela Lvm (2019)
>>> Serenidade e Paz pela Oração de Rafael Llano Cifuentes pela Do Autor (2002)
>>> Trilogia de Cinquenta tons de cinza. Vol.1 , Vol. 2 e Vol. 3 de E L James; E L James; Maria Carmelita Padua Dias pela Intrinseca (2012)
>>> Quando Tudo Não é o Bastante de Harold S. Kushner pela Nobel (1999)
>>> Febre de Enxofre de Bruno Ribeiro pela Penalux (2016)
>>> Grandes e novas Invenções de Não informado pela Knorr
>>> No Início - Contos de Adriana Griner pela Biblioteca Pública do Paraná (2014)
>>> Parâmetros Curriculares Nacionais - Vol 6 de Não informado pela Arte (1997)
>>> O Alquimista de Paulo Coelho pela Rocco (1988)
>>> Namoro blindado: O Seu Relacionamento à Prova De Coração Parido EAN: 9788578607654 de Renato & Cristiane Cardoso pela Thomas Nelson (2016)
>>> Navegar é preciso de Anaína Amado; Ledonias Franco Garcia pela Atual Didáticos (1989)
>>> Conte-me seus sonhos de Sidney Sheldon pela Record (2000)
>>> Memórias Póstumas de Brás Cubas de Machado de Assis pela Globo/Klick (1997)
>>> O poder das afirmações positivas - Coleção Autoestima EAN: 9788575421680 de Louise Hay pela Sextante (2005)
>>> As Melhores Histórias de Princesas de Monica Rodrigues da Costa e Lidia Chaib Adaptação pela Publifolha (2000)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 24. Crônicas 3º Volume (1871 - 1878) de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 23. Crônicas 2º Volume (1864 - 1867) de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> A Viola Enluarada De Zequinha Piriri EAN: 9788526231771 de Rosana Rios pela Scipione (1997)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 22. Crônicas 1º Volume (1859 - 1863) de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 21. Contos Fluminenses II de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 20. Contos Fluminenses I de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 19. Teatro de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 18. Poesias de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 17. Relíquias Da Casa Velha 2º Volume de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 16. Relíquias Da Casa Velha 1º Volume de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 15. Páginas Recolhidas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> O melhor de Hagar o horrível – vol. 3: 441 EAN: 9788525412195 de Dik Browne pela L&PM Pocket (2007)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 14. Várias Histórias de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Dicionário Ilustrado da Língua Portuguesa 7 volumes de Antenor Nascentes pela Bloch (1972)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 13. Histórias sem Datas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 12. Papeis avulsos de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 11. Histórias Românticas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 10. Histórias da Meia Noite de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 09. Memorial de Ayres de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 08. Esaú e Jacó de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Um Maço de Cordéis: Lições de Gente e de Bichos EAN: 9788594980922 de Gilberto Cardoso pela C j a (2019)
>>> Um Maço de Cordéis: Lições de Gente e de Bichos EAN: 9788594980922 de Gilberto Cardoso pela C j a (2019)
>>> Crise Do Marxismo E Irracionalismo Pós-Morderno EAN: 9788524904677 de João E Evangelista pela Cortez (2002)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 07. Dom Casmurro de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 06. Quincas Borba de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 05. Memórias Póstumas de Braz Cubas de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
>>> Meditacoes Para A Manha E Para A Noite de Louise L Hay pela Sextante (1999)
>>> Geração Geek Pokemon Go de Carlos Kataoka pela Geek (2016)
>>> Obras Completas De Machado De Assis - Vol 04. Yayá Garcia de Machado de Assis pela W. M. Jackson Inc. (1957)
COLUNAS

Quinta-feira, 13/5/2010
Propostas para o nosso milênio (II)
Marcelo Spalding

+ de 4600 Acessos


LIANA TIMM© (http://timm.art.br/)

Na coluna anterior iniciei uma abordagem dos cinco conceitos trazidos por Italo Calvino no livro Seis propostas para o próximo milênio sob o prisma da literatura digital, projetando o que os artistas em geral, e os escritores em particular, poderão fazer a partir das novas ferramentas tecnológicas em suas obras. Inicialmente comentei sobre a multiplicidade e visibilidade, e agora abordarei a exatidão, a rapidez e a leveza.

A exatidão, terceira conferência de Calvino, é definida pelo autor de três formas: "1) projeto de obra bem definido e acabado; 2) evocação de imagens nítidas, incisivas, memoráveis; 3) uma linguagem que seja a mais precisa possível com um léxico e em sua capacidade de traduzir as nuanças do pensamento e da imaginação".

O que vale examinar primeiro, por ser o ponto mais incisivo do texto, é o repúdio de Calvino ao uso descuidado da língua: "às vezes me parece que uma epidemia pestilenta tenha atingido a humanidade inteira em sua faculdade mais característica, ou seja, no uso da palavra". Para o escritor, não interessa indagar as origens dessa "epidemia", se é originada na política, na ideologia, na homogeneização dos mass media, e sim a possibilidade de salvação através da literatura, pois só a literatura "pode criar os anticorpos que coíbam a expansão desse flagelo linguístico". Tal valor é importante por reforçar a importância do fazer literário, do trabalho com a palavra. Não é porque estamos diante de outra mídia, uma mídia aparentemente informal como a internet, que devemos despejar qualquer texto, escrito de qualquer jeito e sem nos preocuparmos com revisão, acabamento, estilo (e quem navega na internet sabe que isso ocorre com muita frequência).

Não se pode, entretanto, atribuir o desleixo com o uso da palavra na internet apenas à multiplicidade de emissores, tampouco a uma deformação intelectual dos internautas, e sim a uma enorme facilidade de publicação e edição. Imprimir um livro ou um jornal, todos nós sabemos, é um processo demorado e caro. É raríssimo, portanto, se reimprimir um jornal ou um livro por causa de uma palavra inexata, seja por questões gramaticais ou de estilo. Já na internet bastam alguns segundos para se mudar uma palavra, um parágrafo ou um texto inteiro, o que "relaxa" o emissor.

Em lugar desse "relaxamento", a facilidade de edição poderia ser utilizada para atualizar os textos literários constantemente, quem sabe mudá-los a cada mês do ano, por exemplo. Imaginemos um romance como As cidades invisíveis em que a cada semana uma nova cidade é inserida no livro, de forma que a cada ano o livro que lemos é totalmente modificado. Tecnicamente tal procedimento é possível e até bastante simples, depende apenas do "projeto de obra" que se tem.

Este conceito de Calvino, aliás, é de extrema importância para os escritores digitais: exatidão como "projeto de obra bem definido e acabado". É preciso pensar no texto publicado na WWW como se pensa no texto a ser publicado em papel, como um projeto de um autor. Há muitos sites que publicam textos on-line de qualquer um que enviar, e aqui nem precisamos citar exemplos, mas eles são tão interessantes quanto uma antologia reunindo os 100 melhores escritores veterinários do Rio Grande do Sul ou os 20 mais jovens escritores da Universidade de Cruz Alta (será interessante para os participantes, seus amigos e familiares, mas é possível que não alcance circulação e interesse maiores pelo público em geral). Um projeto de literatura para a World Wide Web precisa pensar o site como se pensaria num livro, com todos os elementos desse site colaborando com a criação de sentido do projeto de forma que cada texto complete e potencialize o sentido do todo.

Um bom exemplo é o Dois Palitos, do escritor Samir Mesquita. Utilizando o Flash, Samir põe o internauta diante de uma caixa de fósforos aberta, e cada clique nos fósforos nos apresentará um miniconto da caixa. Mais do que textos dispersos, a unidade de layout e a brincadeira com os palitos de fósforo nos põe diante de um projeto literário uno, assim como quando abrimos um livro de contos ou poesias: mesmo entendendo que os textos são independentes, sabemos que houve um cuidado de composição por parte do escritor que de alguma forma está refletido no objeto literário.

O miniconto, aliás, é um gênero que vem se constituindo como tal nos últimos anos e encontrou na internet seu espaço ideal de circulação e disseminação. O próprio Calvino menciona na conferência sobre a "rapidez" que "gostaria de organizar uma coleção de histórias de uma só frase, ou de uma linha apenas, se possível", apontando para a importância da concisão "nos tempos cada vez mais congestionados que nos esperam".

Dessa forma, passamos para a penúltima conferência (ou segunda, de acordo com a ordem do livro), a rapidez. Assim como fez com a visibilidade, Calvino novamente irá sublinhar as virtudes e os riscos deste valor para o nosso milênio, apontando a literatura como capaz de reinventar a rapidez diante da pasteurização midiática: "dado que me propus em cada uma destas conferências recomendar ao próximo milênio um valor que me seja especialmente caro, o valor que hoje quero recomendar é precisamente este: numa época em que outros media triunfam, dotados de uma velocidade espantosa e de um raio de ação extremamente extenso, arriscando reduzir toda comunicação a uma crosta uniforme e homogênea, a função da literatura é a comunicação entre o que é diverso pelo fato de ser diverso, não embotando mas antes exaltando a diferença, segundo a vocação própria da linguagem escrita".

O miniconto, sob este ponto de vista, poderia ser visto como uma narrativa extremamente curta que através de poucas palavras tenta provocar algum efeito no leitor, tirando-o do lugar comum, explorando a diferença, o não-dito, o poético. É a "explosão de energia espiritual" exigida por Cortázar para o conto elevada a uma potência ainda maior, revelando a importância de se dizer cada vez mais com menos na cultura contemporânea.

Sobre este aspecto, vale mencionar que a infinidade de sites existentes na internet faz com que o tempo médio de permanência do internauta em um site seja bastante reduzido, o que só aumenta a importância da rapidez. Como exemplo, podemos citar alguns dados do relatório de acessos gerado pelo Google Analytics para o Portal Artistas Gaúchos: o tempo médio no site é de 2 minutos e 46 segundos, sendo a média de páginas por visita de 3,54 .

A leveza, por fim, talvez seja o mais complexo conceito de Calvino sob o prisma da Era Digital. Primeiro porque o próprio autor iniciará admitindo os argumentos válidos a respeito do peso, ainda que tenha "mais coisas a dizer sobre a leveza". Depois porque seus efeitos recaem mais sobre o texto em si do que sobre as ferramentas tecnológicas, conforme pretendemos demonstrar.

Citando sua própria obra, Calvino afirma que no mais das vezes sua intervenção "se traduziu por uma subtração do peso; esforcei-me por retirar peso, ora às figuras humanas, ora aos corpos celestes, ora às cidades; esforcei-me sobretudo por retirar peso à estrutura da narrativa e à linguagem".

Dessa forma, podemos entender a leveza como uma sugestão de abordagem para o escritor contemporâneo, leveza esta que costuma render críticas ácidas de alguns estudiosos literários: "os novos escritores, afinados com os hábitos alimentícios deste fim de século, publicam livros light, para serem consumidos rapidamente. (...) De modo geral, os livros de ficção se tornaram mais curtos e mais leves; nenhum pretende ser mais o Livro, e os próprios fragmentos se contentam com ser meros pedaços soltos".

É preciso, porém, ler este valor de Calvino em conjunto com os demais, especialmente a rapidez e a exatidão. A rapidez, tida como um valor dos tempos, mais do que uma predileção do autor, de certa forma justifica a leveza, seja essa leveza temática ou formal (através de textos extremamente curtos que não afastem o leitor). A exatidão, por sua vez, vista como uma linguagem mais precisa possível, impede que se confunda a ideia de leveza com a de superficialidade, e sim que se perceba a leveza como um contraponto ao "peso do mundo".

A literatura, segundo Calvino, é uma busca de um outro mundo, um mundo de sonhos, e também a internet pode ser vista como um "mundo paralelo", um "mundo virtual" . A insegurança das pessoas nas grandes cidades decerto colabora com o aumento do tempo de permanência na rede, pois assim as pessoas ficam no conforto e na segurança de seus lares, mas em contato permanente com outras pessoas, ainda que um contato virtual. Isso também explicaria por que as redes sociais e os sites de entretenimento são os mais procurados na internet , reforçando a sugestão de Calvino para que se opte, entre o peso e a leveza, pela leveza.

Tal predominância da leveza no ambiente virtual, que de certa forma limitam a internet enquanto mídia, pode se tornar também fundamental para a permanência de uma mídia como o livro. Vejamos, por exemplo, o caso do site da Biblioteca Nacional, que disponibiliza gratuitamente obras de domínio público para download. Apesar disso, milhares de livros de Machado de Assis e José de Alencar seguem sendo vendidos nas livrarias, muitos para jovens pré-vestibulandos que estão acostumados com a rede, mas preferem ler o texto mais "pesado" em outro ambiente, guardando o tempo no computador para "se divertir".

Curiosamente, a conferência sobre a consistência, que talvez refutasse os chamados hábitos lights que teria a literatura contemporânea, não foi escrita por Calvino, que faleceu antes de concluir a sexta proposta para nosso milênio. Não podemos, entretanto, perdê-la de vista, especialmente para não permitir que as ideias de leveza e rapidez confundam-se com a de superficialidade.

Não esgotamos aqui, evidentemente, todas as abordagens possíveis sobre as questões levantadas por Calvino, tampouco agregamos citações suficientes de obras importantes da tradição literária. Esperamos, porém, ter demonstrado como, ao olhar para as novas tecnologias, para um ambiente absolutamente multimídia e plural como a internet não estaremos, de forma alguma, negando a literatura, mas sim resgatando sua especificidade, especificidade esta que, se for preservada, apesar de tantas possibilidades técnicas e midiáticas, garantiria a sobrevivência da literatura neste e nos próximos milênios, como sempre sobreviveu desde que o homem contou a primeira história numa caverna.


Marcelo Spalding
Porto Alegre, 13/5/2010


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Famílias terríveis - um texto talvez indigesto de Ana Elisa Ribeiro
02. Seriados made in the USA de Juliana Lima Dehne
03. O que mata o prazer de ler? de Duanne Ribeiro
04. No início, era o telex de Vitor Nuzzi


Mais Marcelo Spalding
Mais Acessadas de Marcelo Spalding em 2010
01. O hiperconto e a literatura digital - 8/4/2010
02. A quem interessa uma sociedade alienada? - 2/9/2010
03. Free: o futuro dos preços é ser grátis - 11/11/2010
04. Bastardos Inglórios e O Caso Sonderberg - 27/5/2010
05. O espiritismo e a novela da Globo - 30/9/2010


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




PERIGOSA DESCOBERTA
GRAZIELA BOZANO HETZEL
FTD
(1995)
R$ 10,00



NÃO VI E NÃO GOSTEI O FENÔMENO DO PRECONCEITO
RENATO DA SILVA QUEIRO
MODERNA
(1996)
R$ 10,00



ANTROPOLÍTICA Nº 26 - 4154
DIVERSOS
UFF
(2009)
R$ 10,00



CARTA MENSAL JANEIRO Nº 742
ARNO WEHLING ET AL
CNC
(2017)
R$ 10,00



REVELAÇÃO DO RIO DE JANEIRO
EDUARDO TOURINHO
CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA
(1964)
R$ 10,00



AS PRIMAVERAS (FAC-SIMILE DA EDIÇÃO ORIGINAL) - 3757
CASIMIRO DE ABREU
IMPRENSA NACIONAL
(1945)
R$ 10,00



RBS - DA VOZ DO POSTE À MULTIMÍDIA
LAURO SCHIRMER
L&PM
(2002)
R$ 10,00



DE MENINA PARA MENINA-COM CONSELHOS DE MARI
INÊS STANISIERE
LEITURA
(2005)
R$ 10,00



A DITADURA DOS CARTÉIS
KURT RUDOLF MIROW
CIVILIZAÇÃO BRASILEIRA
(1978)
R$ 10,00



ORAÇÕES E SANTOS POPULARES
PE. PAULO JOSE SCOPEL
SALLES
(2005)
R$ 10,00





busca | avançada
75735 visitas/dia
2,4 milhões/mês