Só Cronista se Explica | Joca Souza Leão | Digestivo Cultural

busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Salão e a Selva
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar
>>> Entrevista com Jacques Fux, escritor e acadêmico
>>> Nuno Ramos, poesia... pois é
>>> Literatura e interatividade: os ciberpoemas
>>> O Valhalla em São Paulo
>>> Por dentro do Joost: o suco da internet com a TV
Mais Recentes
>>> Direito Romano - Vol. II de José Carlos Moreira Alves pela Forense (2003)
>>> Divinas Desventuras: Outras Histórias da Mitologia Grega de Heloisa Prieto pela Companhia das Letrinhas (2011)
>>> Le Nouveau Sans Frontières 1 - Méthode de Français de Philippe Dominique e Jacky Girardet e Michele Verdelhan e Michel Verdelhan pela Clé International (1988)
>>> Sobrevivência de Gordon Korman pela Arx Jovem (2001)
>>> Ética Geral e Profissional de José Renato Nalini pela Revista dos Tribunais (2001)
>>> Mas Não se Mata Cavalos ? de Horace McCoy pela Abril (1982)
>>> O Menino no Espelho de Fernando Sabino pela Record (2016)
>>> Labirintos do Incesto: O Relato de uma Sobrevivente de Fabiana Peereira de Andrade pela Escrituras-Lacri (2004)
>>> Mas Não se Mata Cavalos ? de Horace McCoy pela Círculo do Livro (1975)
>>> Ponte para Terabítia de Katherine Patersin pela Salamandra (2006)
>>> O Desafio da Nova Era de José M. Vegas pela Ave-Maria (1997)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Boll pela Círculo do Livro (1970)
>>> Trabalho a Serviço da Humanidade de Escola Internacional da Rosa Cruz Áurea pela Rosacruz (2000)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Boll pela Círculo do Livro (1976)
>>> Ensinando a Cuidar da Criança de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Ensinando a Cuidar da Mulher, do Homem e do Recém-nascido de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Luxúria Encadernado de Judith Krantz pela Círculo do Livro (1978)
>>> Fundamentos, Conceitos, Situações e Exercícios de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Personality: How to Unleash your Hidden Strengths de Dr. Rob Yeung pela Pearson (2009)
>>> Um Mês Só de Domingos de John Updike pela Record (1975)
>>> Um Mês Só de Domingos Encadernado de John Updike pela Círculo do Livro (1980)
>>> Um Mês Só de Domingos Encadernado de John Updike pela Círculo do Livro (1980)
>>> Caravanas de James Michener pela Record (1976)
>>> A Terra Ainda é Jovem de J.M. Simmel pela Nova Fronteira (1981)
>>> A Terra Ainda é Jovem de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1981)
>>> Deus Protege os Que Amam de J.M. Simmel pela Nova Fronteira (1977)
>>> Um Ônibus do Tamanho do Mundo de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1976)
>>> Um Ônibus do Tamanho do Mundo de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1976)
>>> O Quarto das Senhoras de Jeanne Bourin pela Difel (1980)
>>> Beco sem Saída de John Wainwright pela José Olympio (1984)
>>> Casais Trocados de John Updike pela Abril (1982)
>>> O Hotel New Hampshire Encadernado de John Irving pela Círculo do Livro (1981)
>>> As Moças de Azul de Janet Dailey pela Record (1985)
>>> Amante Indócil Encadernado de Janet Dailey pela Círculo do Livro (1987)
>>> A Rebelde Apaixonada de Frank G. Slaughter pela Nova Cultural (1986)
>>> Escândalo de Médicos de Charles Knickerbocker pela Record (1970)
>>> A Turma do Meet de Annie Piagetti Muller pela Target Preview (2005)
>>> O Roteiro da Morte de Marc Avril pela Abril (1973)
>>> Luz de Esperança de Lloyd Douglas pela José Olympio (1956)
>>> Confissões de Duas Garotas de Aluguel de Linda Tracey e Julie Nelson pela Golfinho (1973)
>>> Propósitos do Acaso de Ronaldo Wrobel pela Nova Fronteira (1998)
>>> Olho Vermelho de Richard Aellen pela Record (1988)
>>> A Comédia da Paixão de Jerzy Kosinski pela Nova Fronteira (1983)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Böll pela Círculo do Livro (1976)
>>> Ventos sem Rumo de Belva Plain pela Record (1981)
>>> Ventos sem Rumo de Belva Plain pela Record (1981)
>>> O Caminho das Estrêlas de Christian Signol pela Círculo do Livro (1987)
>>> Longo Amanhecer de Joe Gores pela Best-seller (1988)
>>> As Damas do Crime de B. M. Gill pela Círculo do Livro (1986)
>>> Os Melhores Contos de Alexandre Herculano de Alexandre Herculano pela Círculo do Livro (1982)
COLUNAS

Quarta-feira, 9/10/2013
Só Cronista se Explica
Joca Souza Leão

+ de 6800 Acessos

Nunca vi romancista preocupado com a diferença entre romance e novela. Nem novelista preocupado com gênero literário. Crítico, sim. Escritor, nunca. Nem tampouco vi contista preocupado com o tamanho do conto. Se alguém classificasse A Morte de Ivan Ilych, porque extenso, como romance e não conto, Tolstói daria um muxoxo. E escreveria Falso Cupom, como escreveu, com dezenas de personagens, em uma centena de páginas. E é conto (pelo menos é como está classificado na obra completa que tenho na estante). Hoje, há quem classifique As Neves do Kilimanjaro não como conto, mas novela (até romance) e O Velho e o Mar não é mais romance, agora é novela. Hemingway, pode crer, tomaria um gim Gordon's duplo e não daria a menor bola pr'esse papo. Os poetas é que são felizardos, pois escrevem em versos e estrofes - e tudo em verso e estrofe, não há dúvida, é poesia (ainda que só na intenção do pretenso poeta).

Agora, cronista, foi, não foi, tá se explicando, definindo o que é crônica, artigo e ensaio. Eu, mesmo, já falei dessas coisas aqui mais de uma vez. Porque publicada em jornal, a crônica é tomada - por vezes e por alguns leitores - como notícia. Porque trata do cotidiano, a leem como fato, quando é relato. Outro dia, um amigo me pediu para definir artigo e crônica em poucas palavras. "Artigo é verdade. Crônica, mentira (ou não)" - sapequei de primeira. "Como 'ou não'?" - ele quis saber. "Bem, aí você já não quer definição em poucas palavras, quer ensaio."

Veja se não tenho razão. Moacyr Scliar escreveu mais de 20 romances e publicou mais de dez livros de contos. Não conheço texto de Scliar revelando qualquer preocupação em classificar seus contos e romances. Mas foi só alguém dizer que as crônicas que ele escrevia na Folha de São Paulo não eram crônicas, mas contos, para cuidar de classificá-las: "crônicas ficcionais." E num artigo (aí, sim, artigo), com rigor e acuidade acadêmicos, definiu crônica como gênero literário, diferençando-a do artigo, que é gênero jornalístico, analítico. Para ilustrar o que dizia e dissipar mal-entendidos, escreveu um artigo e uma crônica, no mesmo espaço, os dois sobre o mesmo assunto. O artigo falava de menores abandonados, subnutrição, maus-tratos, evasão escolar, drogas e por aí ia. A crônica contava a história de um menino pobre. Só o assunto era o mesmo. Nada mais. Nem as conclusões (se é que a crônica tinha conclusão, não lembro, acho que não).

"A crônica é a vida ao rés-do-chão", definiu Antônio Cândido num artigo. "No Brasil ela tem uma boa história, e até se poderia dizer que sob vários aspectos é um gênero brasileiro. (...) Ou que aqui se aclimatou com originalidade. Desde o início, foi ganhando certa gratuidade, certo ar de quem está escrevendo à toa." Em sua despedida como cronista do JB, Drummond disse que a crônica não usa "paletó-e-gravata". Gosto do jeito como Machado de Assis se definiu como cronista: "um escriba de coisas miúdas".

Outro dia, achei aqui na estante (ligeiramente esculhambada, diga-se) um livrinho que andava perdido: A crônica na mídia impressa, de Ana Maria Gottardi. Diz a moça: "Justamente por não ser jornalístico, por não se preocupar com a veracidade histórica ou com relatos fiéis, o texto da crônica permite-se a imprecisão, os 'vazios'. O cronista pretende-se não repórter, mas poeta ou ficcionista do cotidiano. A crônica sustenta-se pelo estilo, desenvolve-se em torno de muito pouco ou, até mesmo, em torno de nada."

Antes que alguém diga qu'isso aqui não é crônica, mas artigo, trato logo de, como Scliar, classificá-la: crônica factual. Ou não?

Nota do Editor:
Texto gentilmente cedido pelo autor. Originalmente publicado no Jornal do Commercio. Joca Souza Leão é o autor do livro Pano Rápido.


Joca Souza Leão
Recife, 9/10/2013


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Sobre caramujos e Omolu de Ricardo de Mattos
02. Walter Benjamin, a arte e a reprodução de Gian Danton
03. Rimbaud, biografia do poeta maldito de Jardel Dias Cavalcanti
04. Eric Clapton ― envelhecendo como um bluesman de Diogo Salles
05. Escrevo deus com letra minúscula de Jardel Dias Cavalcanti


Mais Joca Souza Leão
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




COOKERY BOOK GOOD HOUSEKEEPING
VÁRIOS AUTORES
EBURY PRESS LONDON
(1986)
R$ 50,00



COMO SE TORNAR, LINDA. RICA E PÉRUA (INSTRUÇÕES SOBRE COMO USAR OS ..)
GIULIO CESARE GIACOBBE
BERTRAND BRASIL
(2009)
R$ 7,10



SE TU UMA BENÇÃO NO LAR
BISPA FRANCILEIA OLIVEIRA
IMPD
R$ 6,00



IMPACTOS CUMULATIVOS NA AVALIAÇÃO DE IMPACTOS AMBIENTAIS
VALÉRIA R. SALLA DE OLIVEIRA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 454,00



GÊNIOS DA ARTE - DALI
MARGARITA PERERA RODRIGUEZ
GIRASSOL
(2007)
R$ 22,00
+ frete grátis



LENDAS DO FOLCLORE POPULAR
BETO BRITO E TATIANA MÓES
PRAZER DE LER
(2006)
R$ 9,80



AS MINORIAS ERÓTICAS
DR LARS ULLERSTAM
LIDADOR
(1967)
R$ 6,50



OS PAINÉIS DE D. AFONSO V E O FUTURO DO BRASIL AUTOGRAFADO
JOSÉ LUÍS CONCEIÇÃO SILVA
BRASILIA
(1997)
R$ 15,90



O EQUILIBRISTA DO ARAME FARPADO
FLÁVIO MOREIRA DA
AGIR
(2007)
R$ 4,00



THE MINDS SKY: HUMAN INTELLIGENCE IN A COSMIC CONTEXT
TIMOTHY FERRIS (CAPA DURA)
BANTAM BOOKS
(1992)
R$ 28,28





busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês