Beijinho no ombro | Marcelo Centauro | Digestivo Cultural

busca | avançada
55373 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Unil oferece abordagem diferenciada da gramática a preparadores e revisores de texto
>>> Conversas no MAB com Sergio Vidal e Ana Paula Lopes
>>> Escola francesa de Design, Artes e Comunicação Visual inaugura campus em São Paulo
>>> TEATRO & PODCAST_'Acervo e Memória', do Célia Helena, relembra entrevista com Nydia Licia_
>>> Projeto Cultural Samba do Caxinha cria arrecadação virtual para gravação de seu primeiro EP
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Aos nossos olhos (e aos de Ernesto)
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
Colunistas
Últimos Posts
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
Últimos Posts
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Aos aspirantes a escritor
>>> Literatura Falada (ou: Ora, direis, ouvir poetas)
>>> A Web 2.0 Critique
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> O do contra
>>> American Dream
>>> Todas as Tardes, Escondido, Eu a Contemplo
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Prêmio Nobel de Literatura para um brasileiro - II
>>> Delicado, vulnerável, sensível
Mais Recentes
>>> Ermitagem de Pedro Jofre Marodin pela Do autor (1988)
>>> Pateo do Collegio - Coração de São Paulo (Autografado) de Hernâni Donato pela Loyola (2008)
>>> Guide illustré du Château et de la Ville. de Heidelberg pela Edm.von König - Verlag (1996)
>>> Neve de Orhan Pamuk pela Companhia das Letras (2006)
>>> São Francisco de Assis na Literatura e na Arte de Corrêa Junior pela Martins (1968)
>>> Pour Étudie un Poéme de Françoise Nayrolles pela Hatier (1987)
>>> As lutas, a Glória e o Martírio de Santos Dumont de Fernando Jorge pela Mc Graw Hill do Brasil (1977)
>>> Inglês para viagem de Michaelis tour pela Melhoramentos (1994)
>>> Quase tudo(memórias) de Danuza Leão pela Companhia das Letras (2005)
>>> Corredor Polonês de Alfredo Sirkis pela Record (1986)
>>> Bartolomeu de Gusmão de Afonso de E. Taunay pela Leia (1942)
>>> O último Voo do Flamingo de Mia Couto pela Companhia das Letras (2008)
>>> Le Cid de Pierre Corneille pela Didier (1978)
>>> Memórias do Visconde de Taunay de Alfredo D´Escragnolle Taunay pela Melhoramentos (1946)
>>> Fé e Fogo de Marco Adolfs pela Brasiliense (2008)
>>> Ana Sem Terra de Alcy Cheuiche pela Sulina (2001)
>>> A Retirada da Laguna de Visconde de Taunay pela Melhoramentos (1942)
>>> Antigone de Jean Anouilh pela Didier (1978)
>>> Callíope A Mulher de Atenas de Cintia de Faria Pimentel Marques pela Letras Jurídicas (2004)
>>> Cinemarden de Marden Machado pela Arte e Letra (2018)
>>> A Luneta Mágica de Joaquim Manuel De Macedo pela Ática (2012)
>>> Abismo de Pompília Lopes dos Santos pela Repro-set (1985)
>>> Enquanto o dorso do tigre não se completa de Sérgio Rubens Sossélla pela Gráfica União
>>> Maria e outros poemas de J. Cardias pela Do autor (1991)
>>> Fênix de Carlos Barros pela Arte Quintal (1989)
>>> Rousseaus Politische Philosophie: Zur Geschichte des demokratischen Freiheitsbegriffs de Iring Fetscher pela Hermann Luchterhand (1960)
>>> Poesia de Jake pela Pallotti
>>> La métamorphose de Franz Kafka pela Flamarion (1988)
>>> The Invisible bridge de Julie Orringer pela Random House (2011)
>>> ... E o mundo silenciou de Ben Abraham pela Parma (1979)
>>> Minha Alma Gêmea de Adélia Bastos Krefta pela Santa Mônica (1999)
>>> Como falar com as mães de Alec Greven pela Record (2009)
>>> O doce veneno do escorpião de Bruna Surfistinha pela Panda Books (2005)
>>> Aprender a Viver de Luc Ferry pela Objetiva (2007)
>>> The Buenos Aires Affair de Manuel Puig pela Nova Cultural (1987)
>>> Enquanto o Amor não vem. de Lyanda Vanzant pela Sextante (1999)
>>> Meninas Boazinhas vão para o céu, as más vão à luta. de Ute Ehrhardt pela Objetiva Mulher (1996)
>>> Poeta, Mostra a Tua Cara de Berecyl Garay pela Toazza (1992)
>>> Medida Provisória 1 6 1 de Ademir Antonio Bacca pela Toazza
>>> Eu amo Hollywood de Lindsey Kelk pela Fundamento (2013)
>>> A Torre Invisível de Nils Johnson-Shelton pela Intrinseca (2013)
>>> De Volta ao Paraíso de Gwen Davis pela Nova Epoca
>>> Karma =A Justiça Infalível de A.C.Bhaktivedanta pela Associação BBT Brasil (2011)
>>> Como a Starbucks salvou minha vida. de Michael Gates Gill pela Sextante (2008)
>>> Conspiração Telefone de Walter Wager pela Circulo do livro
>>> Perdida - Um Amor Que Ultrapassa as Barreiras do Tempo de Carina Rissi pela Verus (2013)
>>> Bosque da Solidão de Nilson Luiz May pela Seriptum (2017)
>>> Respostas para o Jovem Phn de Dunga pela Canção Nova (2013)
>>> Administração Pública de Augustinho Paludo pela Gen (2019)
>>> 130 anos - Em Busca da República de 9788551004968 pela Intrínseca (2019)
COLUNAS

Terça-feira, 1/4/2014
Beijinho no ombro
Marcelo Centauro

+ de 7500 Acessos

Nunca acompanhei a carreira da Valesca Popozuda, mas devo confessar que ela me é uma figura simpática. Não por sua atividade artística, que mal conheço, menos ainda por sua bunda, que dispensa comentários, mas por uma imagem - talvez falsa - de mulher liberada. Infelizmente, mulher falando abertamente de sexo é tabu, continua sendo, e por isso ela acaba por desempenhar uma função necessária. Além disso, quando vez ou outra defende posições favoráveis ao casamento gay, acentua sua veia liberal quanto aos costumes, o que é importante, sobretudo com o crescimento do fanatismo religioso no Brasil. Por outro lado, entretanto, sinto-me capaz de apontar elementos na sua imagem que não me agradam muito, mas isso seria irrelevante frente ao que sua nova canção me despertou.

Cá entre nós, li algumas vezes a letra de "Beijinho no ombro", vi o vídeo na internet, e não consegui concatenar perfeitamente todos os versos. É certo que me falta o conhecimento contextual (por exemplo, de sua história como artista, do funk) para uma compreensão adequada, pois não posso supor que um clipe que, quando o procurei, havia sido visto por 8.989.335 pessoas possa ser tão enigmático como me pareceu. Felizmente, não pretendo fazer uma exegese da canção, não usarei meu tempo para tanto. Escrevo, porém, porque alguns versos me levaram a visualizar com clareza algo que há muito me incomoda e, dado que só sei pensar escrevendo, tive de vir ao papel.

Basicamente, o que me salta aos olhos na música é a oposição entre o sucesso e a inveja, ou melhor, é o fato de o eu lírico (posso usar esse termo?) se colocar na posição do êxito absoluto, ancorado na fé em Deus, e acreditar que as invejosas (perdedoras, como dizem os norte-americanos?) estão a todo tempo a observar seus passos. É como se, assim me parece, o eu lírico estivesse no centro do mundo, concentrasse todas as atenções e, mais do que isso, almejasse essa notoriedade, já que admite o desejo de que todas as inimigas tenham vida longa "pra que elas vejam cada dia mais nossa vitória" (em meio à egolatria da letra, esse "nossa" é curioso. Nós quem? Ela e Deus?).

Acho muito interessante esse desejo de notoriedade, em especial quando acompanhado da crença de que as outras pessoas nos invejam. Pergunto: o que nossas vidas têm de invejável? Considero a minha tão comum, tão besta, tão arroz com feijão que não consigo conceber que ninguém queira estar em meu lugar, exceto talvez quem passe fome ou esteja desempregado. Pelas conquistas que julgo ter tido, umas poucas, duas ou três, se tanto, não nutro louvor e sinceramente acredito que são equivalentes às realizações de alguns amigos, as quais acompanhei com alegria. Não me coloco acima, também não me coloco abaixo. No fundo, acho nossas vidas muito semelhantes, vejo a miséria humana repartida em todas elas.

Ademais, ser invejado deve ser terrível, suponho eu, e não vejo mérito algum nisso. Se a franqueza me é permitida, acho extremamente tacanho alguém dizer que os outros lhe têm inveja. Isso implica se colocar acima, se julgar importante - e quem de fato o é? Todo esse papo de inveja, no entanto, revela o quanto, para muitos de nós, a vida anônima, simples, soa sem graça. Parece que é problema ser comum. Não é à toa que no clipe a Valesca Popozuda seja uma rainha e tenha uma águia no espaldar de seu trono e um tigre a seus pés. Um plebeu passeando com seu cachorro não chamaria atenção alguma. É preciso ser especial, superior, de preferência único! Ser comum é ser ninguém. Dá-lhe presunção! Como antídoto, será que vale lembrar Montaigne? "Por mais alto que seja o trono que ocupemos, sempre estaremos sentados sobre nosso cu."

Nota do Editor:
Texto gentilmente cedido pelo autor. Originalmente publicado no blog Armadura de Vento.


Marcelo Centauro
Itabira, 1/4/2014


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Wanda Louca Liberal de Marta Barcellos
02. A Mão Invisível de Marilia Mota Silva


Mais Marcelo Centauro
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ARQUITECTURA PLANIFORME Y TEXTILOGRAFICA VIRREINAL DE AREQUIPA
ANTÔNIO SAN CRISTÓBAL SEBASTIÁN
UNSA
(1997)
R$ 590,00



ONTEM, EU CHOREI - CELEBRANDO AS LIÇÕES DA VIDA E DO AMOR
IYANLA VANZANT
SEXTANTE
(2001)
R$ 18,00



O INVENTOR DE ENIGMAS
DENISE EMMER
JOSÉ OLYMPIO
(1989)
R$ 9,00



CIRANDA NEGRA
ENY ALLGAYER
DUBLINENSE
(2011)
R$ 35,00



TAPETES E TAPEÇARIAS ARRAIOLOS NÚMERO 14 ANO 4
CASA MIDÕES
CASA MIDÕES
(1990)
R$ 22,00



A ESCRITURA E A DIFERENÇA - 4ª ED./2ª REIMPRESSÃO / REVISTA E AMPLIADA
JACQUES DERRIDA
PERSPECTIVA
(2014)
R$ 84,95



MEDO DE SADE
BERNARDO CARVALHO
COMPANHIA DAS LETRAS
(2000)
R$ 11,00



THE NERVOUS SYSTEM STRUCTURE AND FUNCTION IN DISEASE
ROBERTSON DINSDALE
SED
R$ 22,33



O VÔO DA BORBOLETA
MORAH LOFTS
MELHORAMENTOS
(1987)
R$ 5,00



AS FORÇAS OCULTAS
JIM GARRISON
RECORD
(1976)
R$ 6,90





busca | avançada
55373 visitas/dia
2,0 milhões/mês