Comentários de Kelly | Digestivo Cultural

busca | avançada
61431 visitas/dia
2,0 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Inspirado nas Living Dolls, espetáculo de Dan Nakagawa tem Helena Ignez como atriz convidada
>>> As Caracutás apresentam temporada online de Tecendo Diálogos com bate-papo e oficina
>>> Obra de referência em nutrição de plantas ganha segunda edição revista e ampliada
>>> FAAP promove bate-papo com as atrizes Djin Sganzerla, Zezita Matos e com o diretor Allan Deberton
>>> Elísio Lopes Jr comanda oficina gratuita de dramaturgia nesta sexta-feira (27)
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Carol Sanches, poesia na ratoeira do mundo
>>> O fim dos livros físicos?
>>> A sujeira embaixo do tapete
>>> Moro no Morumbi, mas voto em Moema
>>> É breve a rosa alvorada
>>> Alameda de água e lava
>>> Entrevista: o músico-compositor Livio Tragtenberg
>>> Cabelo, cabeleira
>>> A redoma de vidro de Sylvia Plath
>>> Mas se não é um coração vivo essa linha
Colunistas
Últimos Posts
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
>>> Chico Buarque em bate-papo com o MPB4
>>> Como elas publicavam?
Últimos Posts
>>> O poder da história
>>> Caraminholas
>>> ETC. E TAL
>>> Acalanto para a alma
>>> Desde que o mundo é mundo
>>> O velho suborno
>>> Normal!
>>> Os bons companheiros, 30 anos
>>> Briga de foice no escuro
>>> Alma nua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> É, não ser vil, que pena
>>> Falsários
>>> Terapia
>>> Eugênio Christi
>>> Um tweet que virou charge
>>> Lugar de mulher é...
>>> 27 de Março #digestivo10anos
>>> Remix Narrativo
>>> Asia de volta ao mapa
>>> A Era do Gelo
Mais Recentes
>>> Queda de Gigantes de Ken Follett pela Arqueiro (2010)
>>> Cogumelo dos cálculos de Feltro pela Feltro (2020)
>>> Um Conto de Duas Cidades de Charles Dickens pela Nova Cultural (2002)
>>> Tomás de Aquino - Os Pensadores de Sto. Tomás de Aquino pela Nova Cultural (2004)
>>> As Raízes do Rock de Florent Mazzoleni pela Companhia Ed. Nacional (2012)
>>> As Relações Perigosas de Choderlos de Laclos pela Nova Cultural (2002)
>>> More - Os Pensadores de Thomas More pela Nova Cultural (2004)
>>> Aprendendo coreano (segundo tradução do Google) de Diversos AutoresKo pela Korean (1994)
>>> Bons Fluidos 23 - Abril 2001 - Dia de Festa: celebrar aniversários de Alda Palma pela Abril (2001)
>>> The Da Vinci Code de Dan Brown pela Harlan Coben (1990)
>>> Coronelismo, enxada e votos. O município e o regime representativo no Brasil de Victor Nunes Leal pela Nova Fronteira (1997)
>>> Coronelismo, enxada e votos. O município e o regime representativo no Brasil de Victor Nunes Leal pela Nova Fronteira (1997)
>>> Coronelismo, enxada e votos. O município e o regime representativo no Brasil de Victor Nunes Leal pela Nova Fronteira (1997)
>>> Jogos de Cintura de Fernanda de M. S. Macruz e Outros Autores pela Vozes (2000)
>>> Direito Penal - Parte Geral Esquematizado - Volume 1 de Cleber Masson pela Método (2020)
>>> O teatro dos vícios. Transgressão e transigência na sociedade urbana colonial de Emanuel Araújo pela José Olympio (1993)
>>> Mulheres Inteligentes Jogam Para Ganhar de Ivanka Trump pela Lua de Papel (2010)
>>> O Fascínio do Stress de Rodrigo Pires do Rio pela Del Rey (1995)
>>> A história da família de James Casey pela Ática (1992)
>>> O Sucesso Não Ocorre Por Acaso de Dr. Lair Ribeiro pela Rosa dos Tempos (1992)
>>> De Onde vêm os Bebês de Andrew C. Andry e Steven Schepp pela José Olympio (2013)
>>> Água Mole Em Pedra Dura Tanto Bate Até Que... de Clóvis Tavares pela Gente (2001)
>>> seu Rubens - Histórias do Binho da Barra Funda e do Rubão de Maresia de José Rubens de Cenço pela Primavera (2010)
>>> ... e o Amor Continua de Francisco Candido Xavier / Divaldo Pereira Franco pela Livraria Espirita Alvorada (1983)
>>> ... quando Florescem os Ipês. de Ganymédes José pela Brasiliense (1984)
>>> ... Quando Florescem os Ipês. de Ganymédes José pela Brasiliense (1981)
>>> ...E as Vozes Falaram de Fernando do Ó pela Feb (1987)
>>> ...E as Vozes Falaram de Fernando do Ó pela Feb (1984)
>>> ...E Se Falta a Palavra, Qual Comunicação, Qual Linguagem? de Tania Maria Tupy / Don Giancarlo Pravettoni (orgs) pela Menmon (1999)
>>> ...Homem Novo - Tomo 1/ Vol. 2 de Escola de Aprendizes do Evangelho pela Feesp (1981)
>>> ...Longe da Terra - 4ª Ed. de José Mauro de Vasconcelos pela Melhoramentos (1969)
>>> ´novo´ Paisagens do Brasil de Instituto Brasileiro de Geografia pela Fundacao Ibge: Rio de Janeiro (1972)
>>> 0 de Nelly Martins Ferreira Candeias pela Escrituras (2013)
>>> 10 Conselhos para Quem Tem uma Chefe Mulher de Gabrielle Rolland pela Scipione (1994)
>>> 10 Mandamentos para Fracassar nos Negócios de Donald R. Keough pela Sextante (2010)
>>> 10 Razões para Ser Espírita de José Carlos Leal pela Novo Ser (2014)
>>> 100 Anos da Doença de Alzheimer de Paulo Caramelli / Angela H. Viel pela Segmento Farma (2006)
>>> 100 Anos de Amor de Francisco Candido Xavier / Autores Diversos pela Grupo Espírita da Prece de Fr (2010)
>>> 100 Anos de Amor - Homenagem a Chico Xavier de Grupo de Ideal Espírita André Luiz pela Ideal (2010)
>>> 100 Anos de Amor - Homenagem a Chico Xavier de Grupo de Ideal Espírita André Luiz pela Ideal (2010)
>>> 100 Coisas de Fernando Bonassi pela Angra (2000)
>>> 100 Crônicas de Mario Prata pela Cartaz (1997)
>>> 100 Crônicas de Mario Prata pela Cartaz (1997)
>>> 100 Crônicas de Mario Prata pela Cartaz (1997)
>>> 100 Crônicas Escolhidas de Rubem Braga pela José Olympio (1958)
>>> 100 Jogos de Bolso - Número 1 de Autor Girassol pela Girassol
>>> 100 Piores Ideias da História de Michael N. Smith / Eric Kasum pela Valentina (2016)
>>> 100 Viagens Que Toda Mulher Precisa Fazer de Stephanie Elizondo Griest pela Novo Conceito (2011)
>>> 100 Viagens Que Toda Mulher Precisa Fazer de Stephanie Elizondo Griest pela Novo Conceito (2011)
>>> 1000 Erros de Português da Atualidade de Luiz Antonio Sacconi pela Nossa (1990)
COMENTÁRIOS >>> Comentadores

Terça-feira, 22/10/2002
Comentários
Kelly


nível dos comentários
Concordo com o Heitor. Impressionante o baixo nível dos comentários mais recentes. O que está acontecendo com os leitores? Ninguém mais sabe argumentar? Nem pensar? Só ofender?! Também achei o texto profundo para quem não conhece Coward, mas eu, particularmente, gosto disto. Poder ler sobre coisas que conheço bem, sobre outras que conheço mal, sobre outras ainda que não conheço. Misturar tudo e pensar, sentir, passar a conhecer. Isto é parte do prazer de ler. E o Alexandre tem o dom de contribuir com muitas coisas que conheço mal ou que não conheço e com muitas outras com as quais concordo totalmente. Abaixo a ditadura da feiúra, da pobreza de espírito, da auto-comiseração! Viva a beleza!

[Sobre "Lula Já É Um Coitado"]

por Kelly
22/10/2002 às
11h01 200.189.66.114
 
estranhamento
Olá Héber. Ao ler seu texto, certos termos me causaram certo "estranhamento". Chefe de família? Movimento social feminista? Coisas deste tipo me soam um tanto anacrônicas. A idéia de que alguém "chefia" a família me pareceu muito, mas muito estranha mesmo. Estou habituada a observar os casais, mesmo os mais velhos, desenvolvendo modelos de parceria, sem "chefes", algo aliás imprescindível num mundo em que ambos trabalham e cuidam dos filhos e da casa igualmente. Quanto às dificuldades profissionais da mulher, entendo que não são "privilégio" feminino. Hoje a coisa está complicada para todos, homens, mulheres, jovens, velhos. Os homens não me parecem ter mais facilidades profissionais que as mulheres. Mesmo quanto à remuneração. Portanto, os movimentos feministas perderam o sentido já há algum tempo. As conquistas não são mais femininas ou masculinas e sim das pessoas, da sociedade, dos trabalhadores, dos indivíduos, dos consumidores. Se as mulheres lutam, elas lutam contra quem? Contra o homem? Separar o mundo com homens de um lado e, do outro, bem longe, as mulheres, é enfraquecer a humanidade como um todo. A hora não é de derrotar ninguém. E sim de vencermos todos. Abraços. Kelly.

[Sobre "A crise do patriarcalismo e a ascensão da mulher"]

por Kelly
25/9/2002 às
16h46 200.189.66.114
 

Ola Alexandre! Seu texto me confortou! Sempre achei que eu fosse meio, bem, esquisita, pela maneira como me envolvo com os livros que leio e os filmes que assisto. Eu me apaixono pelos personagens (veja so voce o que tenho passado ultimamente, depois de assistir Lilo and Stitch... aiaiai, aquele monstrinho azul... preciso ir ao Havai), choro por eles (tinha 9 anos quando chorei a morte de Jack, o cachorrinho de Laura Ingalls) e, pra sair da tristeza, so repetindo incessantemente: "Eh so um livro, eh so um livro...". Quantas vezes me senti ridicula por causa disto! Quanto aos ovoides... Tem certeza que eram ovoides? Nao seriam longas linhas verticais? Nao? Tenho estado sem internet ultimamente, resultado de uma mudanca de casa, de micro, de ares, enfim... e senti muita falta de seus textos. Definitivamente, preciso comprar "A Coisa não Deus". Para nao sofrer de crise de abstinencia quando estiver sem internet. Beijos. Kelly.

[Sobre "Amando quem não existe"]

por Kelly Hatanaka
26/7/2002 às
11h40 200.189.66.114
 
Sim, senhor, senhor!
Atacar um de cada vez? Tudo bem, o comandante é você! :))

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Kelly Hatanaka
4/6/2002 às
15h37 200.189.66.114
 
De perto ninguém é normal...
Muito interessante seu texto Alexandre. Como todos os outros, alias. Somente algumas ressalvinhas bem pequenininhas. Em primeiro lugar todos nós, pessoas e nações, orientais e ocidentais, do hemisfério norte ou do sul, somos, em maior ou menor grau, pirados. Malucos. Doidos de pedra. É só olhar de perto e... pronto, toda nossa normalidade foi pro espaço. Portanto, chamar os japoneses de malucos me parece algo redundante, no mínimo. Em segundo lugar, fantasias envolvendo monstros gigantes, extraterrestres invadindo a terra, cientistas picados por aranhas transgênicas, jacarés gigantescos invadindo cidades densamente povoadas, não são nem nunca foram exclusividade de japoneses. A única diferença é que os monstros japoneses tinham zíperes nas costas (lembra do Ultra Seven?).Cada povo com sua esquisitice, não? E, finalmente, o karatê não é composto por movimentos lineares, bem como não o é o aikidô, outra arte marcial japonesa. Eu arriscaria dizer que todas as artes marciais (chinesas e japonesas) utilizam os mesmos princípios. Eu, como descendente de japoneses (doidinha de pai e mãe), muitas vezes tenho dificuldade em identificar se alguma coisa (na culinária ou nas artes, por exemplo) teve origem japonesa ou chinesa. O que só prova mesmo que nós, humanos, somos todos doidos varridos: como dois países com culturas tão parecidas, quase irmãs, puderam viver em guerra por tantos anos? Dãããã.... Beijos, Kelly.

[Sobre "Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco"]

por Kelly Hatanaka
4/6/2002 às
11h16 200.189.66.114
 
Tolinho de Capitopolis
Paulo, obrigada! Voce acabou de salvar minha quarta feira de cinzas. E eu achava que sofria! Comeco a achar minha vida uma moleza :)) So umas perguntinhas: voce leu esse tal de Abduzido inteiro? Inteirinho? E esse tipo de coisas esta sempre acontecendo com voce? Ja pensou em virar cronista esportivo? Kelly.

[Sobre "Dois Idiotas"]

por Kelly
13/2/2002 às
15h12 200.225.67.150
 
Sem insultos
Fique tranquilo, este e-mail nao contem insultos! O que voce disse eh verdade: nos mulheres estamos confusas. Tao confusas quanto voces, pobres homens. Porem, ao contrario dos homens, o que nos aflige nao eh a necessidade de redescobrir um papel no mundo e sim, de descobri-lo, de, pela primeira vez, entendermos qual nossa funcao neste mundo. Pela primeira vez na historia nos (mulheres) temos liberdade o bastante para viver como queremos e para ser o que escolhemos. E eh muito decepcionante perceber que, neste momento, nos escolhemos ser.... HOMENS! Homenzinhos de saias (irrrrc!). Agora, vou lhe dar uma informacao, daqui do ponto de vista feminino, ok? Sinto informar que A, B, C e D nao sao mulheres. Na-na-ni-na-nao. Sao papeis que as mulheres se habituaram a representar para justificar suas atitudes e explicar suas decisoes. Afinal, eh mais facil "culpar" o louro malvado, a familia repressora, o mundo machista, a profissao escravizante. Mais facil sofrer pela "opressao" do que assumir os proprios desejos, paixoes, erros, medos, etc. Triste, nao? Algumas linha e nenhum insulto. Nada mal, nao? Alias, gostei! Kelly.

[Sobre "A crise da mulé"]

por Kelly C. Hatanaka
19/10/2001 à
00h00
 
Julio Daio Borges
Editor

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




DA UNIÃO ESTÁVEL - TEORIA E JURISPRUDENCIA
HÉLIO APOLIANO CARDOSO
IGLU
(2000)
R$ 29,00



A VEZ DA MINHA VIDA
CECELIA AHERN
NOVO CONCEITO
(2012)
R$ 7,10



MORTE E VIDA SEVERINA
JOÃO CABRAL DE MELO NETO
BORSOI
(1974)
R$ 33,67



JÚLIO CÉSAR
RACHEL FIRTH
SELEÇÕES
(2011)
R$ 15,00



VIVER NA FRANÇA
JAMES BENTLEY
DBA
(1997)
R$ 14,22



O CALDEIRAO DA MAGIA AMAZONICA - 1ª EDIÇÃO
SUELY CALS
PALLAS
(2011)
R$ 27,00



AUTO ESPORTE
N/D
GLOBO
(2018)
R$ 18,00



GRANDES LIDERES BENITO JUAREZ
DENNIS WEPMAN
NOVA CULTURAL
(1988)
R$ 5,00



LENDAS DO POVO DE DEUS
MALBA TAHAN
RECORD
(1992)
R$ 14,90



ENTRE O REDUCIONISMO E A PLURALIDADE METODOLÓGICA EM PSICOLOGIA
CADERNOS DE METODOLOGIA 3, 1996
DEPTO PSICOLOGIA PUC RJ
(1996)
R$ 25,28





busca | avançada
61431 visitas/dia
2,0 milhões/mês