Bossa sempre nova | Adriana Godoy Ferrar

busca | avançada
49127 visitas/dia
2,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Projeto que une cultura e conscientização ambiental traz teatro gratuito a Minas Gerais
>>> Show da Percha com Circo do Asfalto
>>> Evento Super Hacka Kids reúne filmes, games, jogos de mesa e muita diversão para a família
>>> SESC BELENZINHO RECEBE RÁDIO DIÁSPORA
>>> Música de Feitiçaria
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Jô Soares (1938-2022)
>>> Casos de vestidos
>>> Elvis, o genial filme de Baz Luhrmann
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
Colunistas
Últimos Posts
>>> Canções Cruas, por Jacque Falcheti
>>> Running Up That Hill de Kate Bush por SingitLive
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
Últimos Posts
>>> Direitos e Deveres, a torto e a direita
>>> Os chinelos do Dr. Basílio
>>> Ecléticos e eficazes
>>> Sarapatel de Coruja
>>> Descartável
>>> Sorria
>>> O amor, sempre amor
>>> The Boys: entre o kitsch, a violência e o sexo
>>> Dura lex, só Gumex
>>> Ponto de fuga
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Microcontos ou micropoemas?
>>> Microcontos ou micropoemas?
>>> Microcontos ou micropoemas?
>>> A deliciosa estética gay de Pierre et Gilles
>>> Live sobre mulheres na edição
>>> Shikasta, frontão em alto relevo *VÍDEO*
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Aina: dos álbuns conceituais até a ópera-rock
>>> Aina: dos álbuns conceituais até a ópera-rock
Mais Recentes
>>> A Mulher Silenciosa de A. S. A. Harrison pela Intrínseca (2014)
>>> Caminhar com Jesus: O coração da vida cristã de Papa Francisco pela Fontanar (2015)
>>> A Rainha do Castelo de Ar - Millennium 3 de Stieg Larsson pela Companhia das Letras (2009)
>>> Curso Vida Nova de Teologia Básica: Introdução à Bíblia de R. Laird Harris pela Vida Nova (2008)
>>> Elza de Zeca Camargo pela Leya (2016)
>>> O Estalo de Luís Dill pela Positivo (2010)
>>> Alguém para amor a vida inteira de Roniwalter Jatobá pela Positivo (2015)
>>> O Guia Oficial do Club Penguin - Vol. 1 de Disney pela Melhoramentos (2010)
>>> Alexandre e Outros Heróis de Graciliano Ramos pela Martins (1969)
>>> A Caça Virtual e outros poemas de Ivo Barroso pela Record (2001)
>>> O Príncipe da Névoa de Carlos Ruiz Zafón pela Suma De Letras (2013)
>>> Um amor do outro mundo de Ganymédes José pela Atual (1994)
>>> O Símbolo Perdido (ed. economica) de Dan Brown pela Sextante (2010)
>>> [email protected] de Bernardo Sorj pela Jorge Zahar (2003)
>>> Pedagogia da Autonomia de Paulo Freire pela Paz e Terra (1996)
>>> Seja Líder de Si Mesmo de Augusto Cury pela Sextante (2004)
>>> Você é Insubstituivel de Augusto Cury pela Sextante (2002)
>>> Livro de poesia concreta A Náusea de Breno Pitol pela Pragma Livros (2022)
>>> Livro de poesias Uma saudade profunda de Felix da Fonseca pela Fross (2022)
>>> Macunaíma de Mário de Andrade pela Livraria Garnier (2001)
>>> Livro Mito capoeira - Coleção de símbolos de Erika Barroso Carvalho pela Fross (2022)
>>> O homem da chuva de Susie Moloney pela Rocco (2002)
>>> Henderson o rei da chuva de Saul Bellow pela Nova Fronteira (1978)
>>> A luz sa noite de Edna O' Brien pela Record (2009)
>>> Guia do Candidato Inteligente de Igor Teixeira de Oliveira pela Fross (2022)
COMENTÁRIOS

Terça-feira, 25/9/2007
Comentários
Leitores


Bossa sempre nova
João Gilberto por si só é uma contradição. Independente do jeito singular que toca o seu violão, sua própria figura destoa de sua voz. Sua tolerância zero a qualquer som que não queira ouvir, sua extrema exigência com o público para que mantenha o silêncio, o uso de microfone (só serve de uma marca, já cancelou um show por não ter o tal modelo), o ter que estar tudo de acordo com o que deseja faz dele uma pessoa única, singular, chata, antisocial. Mas já li em algum lugar que, em raros momentos, JG é uma pessoa adorável, carinhosa, macia como sua voz. Embora, como diz a lenda, o seu gato suicidou-se, atirando-se pela janela, por não agüentar mais ouvir os mesmos acordes saídos de seu violão, por horas a fio. Mas, quando ouvimos aquele som, aquela voz, aquele jeito esquecemos todos so seus "defeitos" e embarcamos em uma viagem verdadeiramente maravilhosa e perfeita. O João é o cara. Ele é a bossa e, com ele, sempre nova.

[Sobre "A contradição de João Gilberto"]

por Adriana Godoy Ferrar
25/9/2007 às
11h02 201.58.101.190
(+) Adriana Godoy Ferrar no Digestivo...
 
A minha história
Bom, na verdade estou escrevendo um livro. E fiz um resumo básico para meus amigos de como sera a história. Eles estão adorando a história que estou criando... Mas não sei como montar o livro com seus devidos encaixes... Como por exemplo, capa, sobrecapa, gravuras etc... Não quero publicar em diversos lugares não! Tenho apenas vontade de publicar nas escolas de minha cidade... E por enquanto tá dando tudo certo.. Eu disse por enquanto!

[Sobre "Os desafios de publicar o primeiro livro"]

por Bruno Teogenes
http://www.flogao.com.br/brunoteogenes
25/9/2007 às
02h24 200.101.90.96
(+) Bruno Teogenes no Digestivo...
 
Parabéns!
Oi, Júlio. Parabéns pela publicação no Suplemento Literário de Minas Gerais. Abraços do Lúcio Jr.

[Sobre "Quem é (e o que faz) Julio Daio Borges"]

por Lúcio Jr
http://www.penetralia-penetralia.blogspot.com
24/9/2007 às
23h24 200.97.92.133
(+) Lúcio Jr no Digestivo...
 
Gênio literário.
Eu, que já era fã de Manoel de Barros, agora sou mais ainda! Este grande monstro da literatura brasileira, que dá sentido e vida onde menos se espera... Com certeza Manoel de Barros é o ar que nosso Brasil respira.

[Sobre "Manoel de Barros: poesia para reciclar"]

por Herta Polãine
24/9/2007 às
19h28 200.140.181.218
(+) Herta Polãine no Digestivo...
 
Kandinski e a Verdade
Maurício, penso que toda essa questão da arte, até bem pouco tempo, passou por essa questão da Verdade, aquela, tão sagrada em outras áreas também. A pós-modernidade foi nos dar verdades, relativizar, brincar, inclusive, com o sagrado... Passe pelos Cursos de Estética de Hegel. Chega a ser cansativo o tanto de justificativas em torno do "belo artístico", do Espírito e da Verdade. Quem liga pra isso hoje? Kandinski, na medida em que de certa maneira cometia uma "heresia" (e ele devia se culpar muito por isso por causa de sua tradição) tentava justificar de todas as maneiras sua arte de formas abstratas. Precisava convencer de que ela era "a" Revelação. Fascimo do lado dele? Os nazistas consideraram sua arte degenerada... Enfim, eles são necessários como investigadores. Agora, se as escolas de Artes o tomam como dogma, aí é outro problema. É como ler Nietzsche e querer fazer uma cátedra de seu pensamento...

[Sobre "Uma teoria equivocada"]

por Rogério Kreidlow
http://rogerkrw.blogsome.com
24/9/2007 às
13h55 200.101.255.81
(+) Rogério Kreidlow no Digestivo...
 
Percepções de Chaves
O seu texto, embora meio forçado em algumas partes, me abriu novas percepções a respeito de Chaves e outras coisitas mais. Vou tentar assistir com mais cuidado e procurar enxergar aspectos que não tinha percebido. Abraço.

[Sobre "A propósito de Chapolin e Chaves"]

por Adriana Godoy
24/9/2007 às
12h41 201.58.120.151
(+) Adriana Godoy no Digestivo...
 
Complementares
Guga, é o seguinte. Li e reli as duas obras em momentos diferentes da vida. É aquela coisa do sonho...e do sonho. Ambos me levaram a sonhar um mundo diferente, um pouco mais louco, um pouco mais justo, um pouco mais possível. Ambos queriam um mundo melhor, cada um a sua maneira. Foram usados de acordo com os interesses de quem os usava, assim é a humanidade. Sempre vou procurar o sorriso e o gato de Alice juntos, sempre vou tentar acreditar que a utopia (possível) de Marx faça algum sentido e creio que não há verdadeiramente antagonismo entre os dois Carrol e Marx: são complementares. Beijos, Dri

[Sobre "O Leão e o Unicórnio II"]

por Adriana Godoy
24/9/2007 às
12h31 201.58.120.151
(+) Adriana Godoy no Digestivo...
 
E o Kiko???
Realmente, Chapolin e Chaves são toscos, mas de certa forma, genuínos. Não gostava de Chaves em virtude do viés ideológico marxista explícito. Já o Chapolim era uma mistura de referências que me lembrava um pouco o Sandman, sem pé nem cabeça, mas com uma pitada de humor carismático latino. Eu sempre assistia durante o almoço, depois do programa de futebol, quando voltava da escola...

[Sobre "A propósito de Chapolin e Chaves"]

por Vicente Escudero
24/9/2007 às
12h25 201.27.49.234
(+) Vicente Escudero no Digestivo...
 
Ideias
Bacanão o ideias. Já conheço e vou lá todas as vezes que entro na inter net...Sarah é inteligente e intertextualiza a atualidade com muita maestria. Parabéns a todos!!!

[Sobre "Ser intelectual dói"]

por Marcelo
http://www.formatohibrido.zip.net
24/9/2007 às
12h19 189.13.88.150
(+) Marcelo no Digestivo...
 
Chapolin é muito bom!
Mineo, concordo muito com você! Chapolin, especialmente, está recheado de referências riquíssimas, mais que muitas séries educativas. Lembro de epsódios fantásticos: a paródia de Dom Quixote de La Mancha; Carlitos; o Gordo e o Magro; Tio Sam; até os mitos regionais, como o "Abominável Homem das Neves", estão em Chapolin. Aprendi muito com ele, sem dúvida. Ótimas lembranças nesse texto, muito bom! :)

[Sobre "A propósito de Chapolin e Chaves"]

por Tais
24/9/2007 às
12h17 200.171.49.169
(+) Tais no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Rede Globo 40 Anos de Poder e Hegemonia -
Valerio Cruz Brittos
Paulus
(2005)



Um Equilíbrio Delicado
Carlos Machado de Freitas
Garamond
(2011)



Nem Tudo Esta Perdido
Elisa Masselli
Mensagem de Luz
(2009)



Os Tormentos de Alice
Laurence Binet
Scipione
(2001)



O Caçador de Pipas
Khaled Hosseini
Nova Fronteira
(2006)



Dois caminhos da Revolução Africana
Moacir Werneck de Castro
Instituto brasileiro de estudos afro-asiáticos



O Manuscrito de Missolonghi
Frederic Prokosch
Siciliano
(1995)



O Primeiro Natal
Allia Zobel-Nolan
Reader's Digest Children's
(1999)



Gênios da Pintura - Goya Nº 26
Victor Civita
Abril Cultural



Longe e um Lugar Que Nao Existe
Richard Bach
Record
(2001)





busca | avançada
49127 visitas/dia
2,0 milhão/mês