O Catarro nunca mostra a cara | Ze Maria

busca | avançada
83745 visitas/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Primeira edição do ZporZ Fest Verão acontece em janeiro
>>> Sesc Cultura ConVIDA! apresenta mostras temáticas
>>> Oficina de Objetos de Cena nas redes do Sesc 24 de Maio
>>> Lançamento: livro “A Cultura nos Livros Didáticos”, de Lara Marin
>>> Exposição coletiva 'Encorpadas - Grandes, largos, políticos: corpos gordos'
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> 2021, o ano da inveja
>>> Pobre rua do Vale Formoso
>>> O que fazer com este corpo?
>>> Jogando com Cortázar
>>> Os defeitos meus
>>> Confissões pandêmicas
>>> Na translucidez à nossa frente
>>> A Velhice
>>> Casa, poemas de Mário Alex Rosa
>>> Doutor Eugênio (1949-2020)
Colunistas
Últimos Posts
>>> Mehmari, Salmaso e Milton Nascimento
>>> Gente feliz não escreve humor?
>>> A profissão de fé de um Livreiro
>>> O ar de uma teimosia
>>> Zuza Homem de Mello no Supertônica
>>> Para Ouvir Sylvia Telles
>>> Van Halen ao vivo em 1991
>>> Metallica tocando Van Halen
>>> Van Halen ao vivo em 2015
>>> Van Halen ao vivo em 1984
Últimos Posts
>>> Tonus cristal
>>> Meu avô
>>> Um instante no tempo
>>> Salvem à Família
>>> Jesus de Nazaré
>>> Um ato de amor para quem fica 2020 X 2021
>>> Os preparativos para a popular Festa de Réveillon
>>> Clownstico de Antonio Ginco no YouTube
>>> A Ceia de Natal de Os Doidivanas
>>> Drag Queen Natasha Sahar interpreta Albertina
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Lula, o filme
>>> Mauro Henrique
>>> Uma pirueta, duas piruetas, bravo, bravo!
>>> Ele, Francis
>>> A crítica e o custo Brasil
>>> Manual prático do ódio
>>> Greatest hits em forma de coluna
>>> Asia de volta ao mapa
>>> Jogando com Cortázar
>>> Robinson Shiba do China in Box
Mais Recentes
>>> História 7º Ano – Projeto Athos de Joelza Esther pela Ftd (2014)
>>> História 7º Ano – Roteiros de Aprendizagem - Projeto Athos de Joelza Esther pela Ftd (2014)
>>> Filhos talentosos lideres grandiosos de Pat Williams pela Landscape (2006)
>>> O Caso dos Dez Negrinhos de Agatha Christie pela Círculo do Livro (1975)
>>> Morte Em Veneza - Tonio Kröger de Thomas Mann pela Círculo do Livro
>>> Perversas - Pretty Little Liars de Sara Shepard pela Rocco (2009)
>>> Fricções - Traço, Olho e Letra de Vera Casa Nova pela Ufmg (2008)
>>> The Phantom of the Opera - Audio Cd Included de Gaston Leroux pela Macmillan Readers (2005)
>>> Redenção de Karen Kingsbury; pela Portico (2015)
>>> De Repente, Nas Profundezas do Bosque de Amós Oz pela Companhia das Letras (2013)
>>> Guia de Alimentos da Dieta de South Beach de Arthur Agatston M. D. pela Sextante (2003)
>>> Só o Amor é Real - uma História de Almas Gêmeas Que Voltam a Se Unir de Brian L. Weiss pela Salamandra (1996)
>>> O Vento de Oalab de João Luiz Guimarães pela Sm (2016)
>>> A Criatura - Série Barco a Vapor de Laura Bergallo pela Sm (2005)
>>> Frankenstein - Audio Cd Included de Mary Shelley pela Sm (2005)
>>> Stanley Kubrick de Museu da Imagem e do Som pela Museu da Imagem e do Som (2014)
>>> Casa de Máscaras de Péricles Prade pela Iluminuras (2013)
>>> Irmãos Unidos de Francisco Cândido Xavier - Autores Diversos pela Geem (1988)
>>> Affermazioni de Stuart Wilde pela Macro Edizioni (2005)
>>> O Desafio da Guerra - Dois Séculos de Guerra - 1740-1974 de Gaston Bouthoul e René Carrère pela Biblioteca do Exército (1978)
>>> Um Oceano nos Separa de Robin Pilcher pela Bertrand Brasil (2021)
>>> Constituições Brasileiras Volume I 1824 de Octaciano Nogueira pela Senado Federal (2004)
>>> A Menina Que Roubava Livros de Markus Zusak pela Intrínseca (2010)
>>> A Lebre com Olhos de Âmbar de Edmund de Waal pela Intrinseca (2011)
>>> Entre Abrir e Fechar a Boca de Máximo Ravenna pela Guarda-chuva (2012)
>>> O Filho Eterno de Cristovão Tezza pela Record (2007)
>>> Serafina e a Capa Preta - Volume 1 de Robert Beatty pela Valentina (2018)
>>> Kadish por uma Criança Não Nascida de Imre Kertsz pela Imago (2002)
>>> Quarto de Emma Donoghue pela Verus (2016)
>>> Dom Casmurro de Machado de Assis pela Record (2006)
>>> The Unbearable Lightness of Being de Milan Kundera pela Harper Perennial (2005)
>>> A Construção da verdade autoritária de Maria das Graças Andrade Ataíde de Almeida pela Usp (2021)
>>> Legislação Trabalhista e Rotinas Trabalhistas EAN: 9788582129739 de Silvano Alves alcantra pela Intersaberes (2014)
>>> Constituições Brasileiras Volume VII 1988 de Caio Tácito pela Senado Federal (2002)
>>> Elixir de Hilary Duff pela Id (2011)
>>> Língua Portuguesa 7º Ano – Projeto Athos de Maria Tereza Arruda Campos, Salete Toledo, Lucas Sanches Oda & Daniela Utescher pela Ftd (2014)
>>> Sabor de Pecado e Outras Essências de Ademar Inácio da Silva pela Assis (2012)
>>> Língua Portuguesa 7º Ano – Roteiros de Aprendizagem - Projeto Athos de Maria Tereza Arruda Campos, Salete Toledo, Lucas Sanches Oda & Daniela Utescher pela Ftd (2014)
>>> Ciências 7º Ano – Projeto Athos de José Trivellato, Silvia Trivellato, Marcelo Motokane, Júlio Foschini Lisboa & Carlos Kantor pela Ftd (2014)
>>> Beber Jogar [email protected]#er de Andrew Gottlieb pela Planeta (2009)
>>> Ciências 7º Ano – Roteiros de Aprendizagem - Projeto Athos de José Trivellato, Silvia Trivellato, Marcelo Motokane, Júlio Foschini Lisboa & Carlos Kantor pela Ftd (2014)
>>> Já Podeis da Pátria Filhos de João Ubaldo Ribeiro pela Alfaguara (2009)
>>> Matemática 7º Ano – Projeto Athos de José Roberto Bonjorno, Paulo Câmara Sousa, Regina Bonjorno & Tânia Gusmão pela Ftd (2014)
>>> Lições de uma Rainha do Batom de Poppy King pela Fontanar (2009)
>>> O Milagre Da Manha EAN: 9788546501540 de Hal Elrod pela Best Seller (2019)
>>> Miopia Corporativa de Richard S. Tedlow pela Hsm (2012)
>>> Matemática 7º Ano – Roteiros de Aprendizagem - Projeto Athos de José Roberto Bonjorno, Paulo Câmara Sousa, Regina Bonjorno & Tânia Gusmão pela Ftd (2014)
>>> O Discipulo da madrugada EAN: 9788542204421 de Pe. Fábio de Melo pela Planeta (2014)
>>> Como Governar o Mundo de Parag Khanna pela Intrínseca (2011)
>>> Constituições Brasileiras Volume III 1934 de Ronald Poletti pela Senado Federal (2004)
COMENTÁRIOS

Quarta-feira, 3/6/2009
Comentários
Leitores


O Catarro nunca mostra a cara
O Sergio se acha e só ama o próprio umbigo ou da sua restrita panelinha. Xinga a todos que não concordam com sua opinião mas nunca mostra a cara. Talvez ele seja apenas um avatar...

[Sobre "Fui xingado pelo Catarro Verde"]

por Zé Maria
3/6/2009 às
11h20 200.234.208.37
(+) Zé Maria no Digestivo...
 
O antigo amigo negro...
Uma história bastante "engraçada" foi a da minha irmã. Ela é relativamente branca e um dia apresentou à famí­lia o namorado, o antigo amigo negro. Eu, a minha mãe, algumas tias e a minha avó (por experiência própria, já que ela é loira e se casou com um mulato no iní­cio dos anos 50) fomos os únicos que pensaram na situação racionalmente. Nós o ví­amos como uma pessoa, um esportista (ele era nadador na época), um rapaz inteligente e esforçado e não como uma cor ou raça. O mais engraçado da história foram meus parentes de outra cidade (do lado do meu avô mulato) que poderiam ser considerados pardos que fizeram uma corrente de oração para a minha irmã terminar o namoro (a adorável hipocrisia evangélica). Era engraçado o drama que alguns parentes faziam, falando que iria precisar alisar o cabelo das crianças (como se as mulheres da nossa famí­lia já não espichassem os próprios cabelos) que nascessem do relacionamento, que eles eram muito diferentes (mas engraçado é que na época em que eles eram amigos e ele a ajudava nas provas niguém falava um "a"). Não sei se foi a vida ou a corrente de oração, mas em um ano e meio o namoro acabou. Veio a choradeira, o "volta, não volta". O motivo do fim do namoro é que ele se mostrou grosso, estúpido e machista. Não queria que ela trabalhasse e era muito ciumento. No fim foi uma boa revisão de valores para a minha famí­lia e principalmente para a minha irmã, que se sentiu marginalizada pela primeira vez na vida, os parentes racistas continuam racistas (a mulherada continua fazendo escova progressiva). [Cabo Frio - RJ]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Carlos Eduardo
3/6/2009 às
11h17 200.220.202.2
(+) Carlos Eduardo no Digestivo...
 
Tente e dará certo!
Sim! Conhecemo-nos na academia, foi paixão à primeira vista o que senti. Apenas nos olhávamos... Uma semana depois ele levou um papelzinho na academia, fingiu que este estava caí­do no chão, e se aproximou de mim, perguntando se era meu, e eu respondi que não. Logo no outro dia, fingi que não conseguia colocar um peso no aparelho de roldana, e chamei ele pra me ajudar. No dia seguinte, sexta-feira, convidei-o para sair, e ele disse que iria, mas não foi... Então, na segunda-feira, tentou me agarrar à força, isto é, tentou me beijar, mas eu virei o rosto e não deixei, só pra fazer um charminho (na verdade, eu não sabia como estava meu hálito, então, achei melhor não facilitar... hehehe). Saí­mos juntos várias vezes, sem que acontecesse nada, nem um aperto de mão sequer! Certo dia, na academia, depois de um mês, mais ou menos, que estávamos saindo juntos, eu beijei ele. Ficamos uma semana, até ele me contar que tinha um filho, pequeno... Eu achei ótimo, pois seria uma experiência singular para mim. Depois de mostrar-me fotos do filho, eu só queria conhecê-lo, ansiosa. Mas, então, a casa caiu: ele voltou pra namorada, mãe do filho dele... E queria continuar comigo, mas eu não quis. Só que eu não aguentei, e acabei ficando com ele, de novo. Era um amor proibido, porque eu estava desmanchando uma famí­lia, constituí­da antes mesmo de eu conhecê-lo... Um horror! Mas eu já estava envolvida, gostava dele, do filho dele (que eu ainda não conhecia)... Tempos depois, ele terminou o namoro, e continuamos ficando. Levou o filho dele no meu apartamento, o que ocorreu durante meses, todos os finais de semana, até o dia em que ele me pediu em namoro. Mas, antes disso, a ex dele ligava dia e noite pra ele, fazia ameaças, incomodava, aprontava pra ele, mentia, mandava mensagens ofensivas, fazia chantagem psicológica... Mas ele continuou comigo, sem ela saber... Os pais dele insistiam pra me conhecer, porque diziam que eu o mudei completamente, pra melhor e, inclusive, estavam apavorados de como o filho dele podia gostar e confiar tanto em mim! Hoje, ela já sabe que estamos namorando, mas não sabe que eu frequento a casa dele, tampouco que o filho deles me ama. Temos planos de casamento e mais filhos... Tente e dará certo! O que era proibido agora já não é mais, por força do nosso amor, que nos uniu, de corpo e alma, talvez pra sempre. [Santa Maria - RS]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Keula Machado
3/6/2009 às
11h14 201.7.130.13
(+) Keula Machado no Digestivo...
 
Véus, palavras não ditas...
Nada como o mais proibido dos amores com sua inevitável transgressão, silêncios, olhares que se cobrem de véus, palavras não ditas... É a mais doce das alcovas na mais perfeita das fantasias... [São José do Rio Pardo - SP]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Izilda Araujo
3/6/2009 às
11h11 200.196.224.242
(+) Izilda Araujo no Digestivo...
 
Ele aos 18 e eu aos 38
Interior de Minas. 24 de agosto, dia de São Bartolomeu. A procissão atravessa o pequeno lugarejo com os fiéis rezando e repetindo o refrão: "Viva São Bartolomeu! Viva ele e via eu!" Ao passar pela porteira da fazenda, ele me toma pelo braço, me olha com seus olhos de uvaia de modo firme e me arrasta até as bananeiras e ali me ama! Vamos rolando até as margens do Rio das Velhas sob as luzes dos fogos de artifício e ao som da ladainha que repetia incessantemente: "Viva São Bartolomeu! Viva ele e viva eu!" E ele susurrava: "Eu queria ter minha primeira vez com você!" Ele aos 18 e eu aos 38, Amém! "Viva São Bartolomeu, viva ele e viva eu!" [Ilhéus - BA]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por elizabeth salgado de
3/6/2009 às
11h07 189.104.42.72
(+) elizabeth salgado de no Digestivo...
 
Chegou a trair a irmã
Conheço a história de uma amiga que se apaixonou pelo cunhado. Chegou a trair a irmã, que nunca soube. [Salvador - BA]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Marilia Torres Silva
3/6/2009 às
11h05 189.104.120.138
(+) Marilia Torres Silva no Digestivo...
 
Sigam-me os bons...
Talvez tanto quanto o blog, Orkut ou sites pessoais... Talvez a origem do Twitter seja a conversa de bar, em que falamos, falamos e depois esquecemos, e mesmo que tenham sido decididos os destinos da nação, nada de concreto virá dali. Mas os bares continuam cheios... Mas do mesmo jeito que selecionamos amigos, podemos selecinar quem seguir no Twitter. Uso o Twitter para postar contos breves e meu blog para postar contos e poesias. Quem gosta, me acompanha, como acompanham o cara que leva o violão no bar e sabe algumas letras e cifras de cor. Pode entrar um cara que conta piadas velhas e ninguém querer "acompanhá-lo". Se quiser Twittar, siga pessoas com um perfil que lhe agrade. A vantagem do Twitter é que você pode simplesmente "desligar" o sujeito...

[Sobre "Xexéo: Twitter é uma besteira"]

por Alvaro Domingues
http://www.homemnerd.com.br
3/6/2009 às
07h13 189.120.64.49
(+) Alvaro Domingues no Digestivo...
 
Bando de bundões
Dá-lhe, Diogo! Eu vi o fim da Guerra Fria, eu vi o Muro de Berlim desabar, eu via a URSS se estilhaçar, eu vejo o neoliberalismo naufragando, contundo e contido, afinal, quando verei este lero-lero do politicamente correto (bando de bundões) desaparecer da face do planeta Terra?! Adorei o artigo, Diogo! Abs do Sílvio Medeiros.

[Sobre "10 palavrões 1 livro didático e ninguém no governo"]

por Sílvio Medeiros
http://imprimis.arteblog.com.br
2/6/2009 às
21h43 201.43.76.102
(+) Sílvio Medeiros no Digestivo...
 
Jornalista formidável
Bravo, Pilar! Excelente artigo-resenha! Notáveis descobertas de Brizandine! Grato pela dica. Já anotei na agenda: "Female Brain", próximo livro a adquirir. O livro é de 2006! Pobre jornalismo brazuca. Por fim, bom gosto na leitura = jornalista formidável, que é você, Pilar! bjs do Sílvio Medeiros. Campinas, é outono de 2009.

[Sobre "Guerra dos sexos: será o fim?"]

por Sílvio Medeiros
http://imprimis.arteblog.com.br
2/6/2009 às
21h20 201.43.76.102
(+) Sílvio Medeiros no Digestivo...
 
Cartola no exterior
Bom mesmo é lembrar Cartola, e sua "As rosas não falam". Recordo-me que, na minha juventude, um cidadão foi até a escola em que eu estudava e disse que o que mais encantou-o no exterior foi ouvir as músicas deste mestre sendo executadas por orquestras no mundo, inclusive na Itália. E que era uma pena que, enquanto a música de Cartola encantava gringos, aqui o artista não passava de lavador de carro, sorveteiro, servente de pedreiro, além de um homem sensível e que sabia fazer boa música, como, aliás, conhecemos.

[Sobre "Dez Coisas"]

por Manoel Messias Perei
http://www.pop.com.br
2/6/2009 às
18h13 189.19.2.200
(+) Manoel Messias Perei no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O Desafio da Tv Pública uma Reflexão - 2853
Diversos
Acerp
(2003)
R$ 10,00



Enfrentando o Mercado de Trabalho
Paulo Pereira
Nobel
(1997)
R$ 10,00



A Campanheira de Viagem
Fernando Sabino
Record
(1977)
R$ 10,00



O Resgate
Jane C o Resgate
Topazio Grafica
R$ 10,00



Escândalos do Passado
Gina Wilkins
Best Seller
(2003)
R$ 10,00



Grandes Pecados da Imprensa
Sebastião Nery
Geração Editorial
(2000)
R$ 10,00



Dos Delitos e das Penas
Cesare Beccaria
Edipro
(2001)
R$ 10,00



Uma Aventura Legal
Sergio Motta
Angra
(1993)
R$ 10,00



Dois Fragas e um Destino
João Bethencourt
Serviço Nacional de Teatro
(1967)
R$ 10,00



O Amor Chegou
Marisa de los Santos
Record
(2008)
R$ 10,00





busca | avançada
83745 visitas/dia
2,4 milhões/mês