Vi o ní­vel do perigo... | Maygon André

busca | avançada
84470 visitas/dia
2,7 milhões/mês
Mais Recentes
>>> A bailarina Ana Paula Oliveira dança com pássaro em videoinstalação de Eder Santos
>>> Festival junino online celebra 143 da cidade de Joanópolis
>>> Nova Exposição no Sesc Santos tem abertura online nessa quinta, 17/06
>>> Arte dentro de casa: museus e eventos culturais com exposições virtuais
>>> “Bella Cenci” Estreia em formato virtual com a atriz Thais Patez
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Ao pai do meu amigo
>>> Paulo Mendes da Rocha (1929-2021)
>>> 20 contos sobre a pandemia de 2020
>>> Das construções todas do sentir
>>> Entrevista com o impostor Enrique Vila-Matas
>>> As alucinações do milênio: 30 e poucos anos e...
>>> Cosmogonia de uma pintura: Claudio Garcia
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
Colunistas
Últimos Posts
>>> Cidade Matarazzo por Raul Juste Lores
>>> Luiz Bonfa no Legião Estrangeira
>>> Sergio Abranches sobre Bolsonaro e a CPI
>>> Fernando Cirne sobre o e-commerce no pós-pandemia
>>> André Barcinski por Gastão Moreira
>>> Massari no Music Thunder Vision
>>> 1984 por Fabio Massari
>>> André Jakurski sobre o pós-pandemia
>>> Carteiros do Condado
>>> Max, Iggor e Gastão
Últimos Posts
>>> Virtual: Conselheiro do Sertão estreia quinta, 24
>>> A lei natural da vida
>>> Sem voz, sem vez
>>> Entre viver e morrer
>>> Desnudo
>>> Perfume
>>> Maio Cultural recebe “Uma História para Elise”
>>> Ninguém merece estar num Grupo de WhatsApp
>>> Izilda e Zoroastro enfrentam o postinho de saúde
>>> Acentuado
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Um caso de manipulação
>>> A novilíngua petista
>>> A clepsidra e os livros de areia
>>> Impressões sobre a FLIP
>>> Guilherme Carvalhal
>>> Achados
>>> Um post vazio
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Crime e mistério nas letras nacionais
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Mais Recentes
>>> Revista Radiolândia de Vários pela Rio Gráfica (1955)
>>> Revista Radiolândia de Vários pela Rio Gráfica (1955)
>>> Revista Radiolândia de Vários pela Rio Gráfica (1954)
>>> Teorema de Pier Paolo Pasolini pela Nova Fronteira (1975)
>>> A Casa dos Espíritos de Isabel Allende pela Difel (1986)
>>> Os Pecados da Tribo de José J. Veiga pela Difel (1982)
>>> O Expresso da Meia-noite & Outras Histórias de Rubem M. Scheffel pela Casa Publicadora Brasileira (1988)
>>> Denário do sonho de Marguerite Yourcenar pela Nova Fronteira (1971)
>>> Titinho e os Tênis Mágicos de Jerônimo Jardim pela L&PM (1989)
>>> Rio dos Signos de Geraldo Dias da Cruz pela Jo (1986)
>>> Dois minutos de gasolina parta a meia-noite de Ricardo Carlaccio pela Do Autor (2010)
>>> A Cidade Vazia de Fernando Sabino pela Do Autor (1961)
>>> Chore para o Céu de Anne Rice pela Rocco (1996)
>>> Doce Vitória de Taylor Caldwell pela Nova Cultural (1987)
>>> Apelo aos vivos de Roger Garaudy pela Nova Fronteira (1981)
>>> Memórias de Adriano de Marguerite Yourcenar pela Nova Fronteira (1980)
>>> Além dos Marimbus de Herberto Sales pela Civilização Brasileira (1965)
>>> Sala de Armas - Coleção Aché dos Imortais da Literatura Brasileira de Nélida Piñon pela Parma; Aché (1973)
>>> As Viagens de Marco Polo de Traduzido por N Meira pela Clube do Livro (1950)
>>> Ouro e Azul de Walter Waeny pela Próprio Autor (1992)
>>> Trilusssa e o brasil de Carlo Prina pela Não identificada (1945)
>>> Meias verdades de Daniel Linda pela Livre Mercado (2003)
>>> Meias verdades de Daniel Linda pela Livre Mercado (2003)
>>> Meias verdades de Daniel Linda pela Livre Mercado (2003)
>>> Meias verdades de Daniel Linda pela Livre Mercado (2003)
COMENTÁRIOS

Sexta-feira, 12/6/2009
Comentários
Leitores


Vi o ní­vel do perigo...
Já vivi um amor proibido: me apaixonei por um pedaço de vidro que me refletia... mas quando percebi que, ao invés do meu rosto, o vidro refletia minha alma, vi o ní­vel do perigo... e quebrei com violência o espelho. [Irati - PR]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Maygon André
12/6/2009 às
09h18 200.96.15.194
(+) Maygon André no Digestivo...
 
Uma libido em silêncio
23h30. Ela estava seriamente comprometida com o melhor dos meus amigos. Filhos, trabalhos e um relacionamento conturbado. Tudo era muito confuso. Ao final restaram apenas memórias, e, até hoje uma libido em silêncio. [Belo Horizonte - MG]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Salomão Terra
12/6/2009 às
09h17 187.20.152.128
(+) Salomão Terra no Digestivo...
 
Era quase um incesto
Ela, prima de minha esposa, olhava meu filho caçula. Eu a devorava com os olhos, ela se mostrava admirada diante de tão resistente olhar. Me provocava, me incitava a dar o último passo rumo ao precipí­cio. Como era doce o sabor de despencar ao vento, de me atirar sem juí­zo algum em tanta inocência voluptuosa. Era quase um incesto, o laço de sangue que a ligava à famí­lia tentava me demonstrar aritmeticamente o quão devasso eu estaria sendo. Me entregar ao desejo era mais forte, mais encantador, mais arrebatador. E foi assim que o pecado colocou suas mãos fortes e aterradoras em volta de meu pescoço. É doce sentir a moral e os costumes desatando seus nós enraigados tão fundo. Deixei-me entregar. A seus pés me ajoelhei e assim pude estar completo e ao mesmo tempo, irremediavelmente, maculado. [Divinópolis - MG]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Rodolfo Luiz
11/6/2009 às
11h34 200.243.52.91
(+) Rodolfo Luiz no Digestivo...
 
...e não foram poucos
Já vivi amores proibidos, e não foram poucos, mas prefiro falar de um amor não tão proibido vivido pelo meu falecido pai, que me proporcionou uma convivência muito "bacana" com sua "escolhida". Ela não só "ficou caidinha" pelo meu velho, como também se apaixonou por todos nós, seus filhos. Até hoje temos muito carinho por esse ser humano í­mpar que foi nossa "madrasta" por um tempo tão curto e que estará em nossas lembranças por um longo tempo, ou melhor, para sempre, enquanto vivermos. [Itapetininga - SP]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Ricardo Lima
11/6/2009 às
11h32 200.144.5.29
(+) Ricardo Lima no Digestivo...
 
Vivemos esse amor há anos
Sim. Ele era casado e eu também. Conversávamos via internet e almoçávamos juntos umas 2 vezes por semana. Nos apaixonamos de tal forma que nos separamos de nossos companheiros e vivemos esse amor livre há 5 anos. [Rio de Janeiro - RJ]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Luciana Chagas
11/6/2009 às
11h31 201.19.99.67
(+) Luciana Chagas no Digestivo...
 
Que namorado, que nada!
Uma amiga minha namorava há três anos. Certo dia ela achou que estava grávida, e aquele namoro sólido e feliz desabou. Ela percebeu que seu namorado não a tratava mais como antes, e como ela sempre gostou de internet, ficava horas conversando com seus amigos de MSN, e tambem jogava xadrez (esses jogos de net). Lá ela conheceu um determinado rapaz, um verdadeiro cavalheiro, que a tratava bem, a fazia se sentir normal de novo. A primeira coisa que ele falou quando a conheceu foi: "cuidado pra não se envolver", e ela se achando esperta retrucou: "claro que não vou, já tenho namorado". Mas que namorado que nada!, ela se envolveu e se apaixonou, mas era um amor impossí­vel porque o rapaz era do Japão, e ela daqui, daí­ começou o dilema. Certo dia, na caixa de e-mails dela, uma surpresa: "estou indo para o Brasil em dezembro, adivinha o dia?", ela nem acreditava, mas respondeu o e-mail e dali começou tudo de novo. Ele chegou aqui no Brasil dia 25/12/2008 e até hoje ela ainda é apaixonada por ele, só que tem o namorado dela que, depois de descobrir que foi apenas um "alarme falso", voltou a ser como antes. Sempre que falo com minha amiga ela me fala do amor do Japão, que agora está aqui no Brasil, e do medo de acabar toda a relação com o namorado dela. Depois de tudo isso, e desse amor impossí­vel, ela disse que o namoro nunca mais foi o mesmo. [João Pessoa - PB]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Cláudia Lisbôa
11/6/2009 às
11h29 189.71.55.71
(+) Cláudia Lisbôa no Digestivo...
 
Não havia futuro...
Sim, vivi um caso de amor com uma menina que estudou comigo no ginásio. Ela queria viver o presente; eu, o passado. E todos diziam que não havia futuro...

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por ricardo
11/6/2009 às
11h18 200.198.193.241
(+) ricardo no Digestivo...
 
Engravidei de um primo
Eu já vivi, na adolescência. Tive um romance com meu primo e engravidei dele. Claro que ele não pôde me assumir, e o meu filho só foi saber que era filho dele aos 15 anos de idade... [Aimorés - MG]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Iracilda
11/6/2009 às
11h18 201.73.181.170
(+) Iracilda no Digestivo...
 
O filho do padre...
Conheço um fruto do amor proibido: filho de um homem da igreja, meu melhor amigo! [Aimorés - MG]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Clésio Reichelm
11/6/2009 às
11h18 201.73.181.170
(+) Clésio Reichelm no Digestivo...
 
Essas familias modernas...
Sim, e hoje ele é meu marido!!! Nos conhecemos quando ainda estava com meu ex e ele solteiro. Me interessei de cara por ele, porém fiquei na minha. Quando estava livre e pronta para me declarar, ele começou a namorar, e logo depois engravidou a moça. Ficamos longe por uns 2 anos. Quando nos reencontramos eu solteira e ele já com outra namorada pensei, pensei e resolvi arriscar e dei a entender para ele que estava afim. Ele topou, ficamos juntos às escondidas, e logo depois assumimos o namoro - e estamos juntos até hoje. E inclusive sou madrasta de um filho dele e ele padrasto de um meu. É como diz minha mãe: "Essas famílias modernas..." [Belo Horizonte - MG]

[Sobre "Promoção Elogio da Madrasta"]

por Larissa Carvalho
11/6/2009 às
11h17 201.62.132.68
(+) Larissa Carvalho no Digestivo...
 
Julio Daio Borges
Editor
mais comentários

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Jogo Em Moscou
Robert Moss
Record
(1985)



La Terre: Une Vie de Tournemente (french Edition)
Jean Riser
Ellipses
(2004)



Philia
Marcelo Rossi
Principium
(2015)



O Circulista 38 Anos na Evolução Religiosa de um Povo
Nathanael de Veras Alcântara
Autor (valença Rj)
(1983)



A Ordem Internacional Em Transformação: 1945-1995
Contexto Internacional Número 2 de 1995
Puc Rio
(1995)



Tentando Entender Monterroso
Luiz Arraes
7 Letras
(2005)



Nouveau Dictionnaire des Difficultes Du Francais Moderne
Hanse Blampain
De Boeck Duculot
(2000)



Derecho Internacional, Comunidad y Union Europea
Vicente Blanco Gaspar
International Law Assoiation
(1986)



Uma Aventura na Martinica - Coleção Folha Clássicos do Cinema 12
David Lean
Folha de São Paulo
(2009)



Curso de Direito do Trabalho - 5ªedição
Gustavo Filipe Barbosa Garcia
Gen Forense
(2011)





busca | avançada
84470 visitas/dia
2,7 milhões/mês