Entrevista à Cultura FM | Digestivo Cultural

busca | avançada
61604 visitas/dia
1,8 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Centro em Concerto - Palestras
>>> Crônicas do Não Tempo – lançamento de livro sobre jovem que vê o passado ao tocar nos objetos
>>> 10º FRAPA divulga primeiras atrações
>>> Concerto cênico Realejo de vida e morte, de Jocy de Oliveira, estreia no teatro do Sesc Pompeia
>>> Seminário Trajetórias do Ambientalismo Brasileiro, parceria entre Sesc e Unifesp, no Sesc Belenzinho
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> As fezes da esperança
>>> Quem vem lá?
>>> 80 anos do Paul McCartney
>>> Gramática da reprodução sexual: uma crônica
>>> Sexo, cinema-verdade e Pasolini
>>> O canteiro de poesia de Adriano Menezes
>>> As maravilhas do modo avião
>>> A suíte melancólica de Joan Brossa
>>> Lá onde brotam grandes autores da literatura
>>> Ser e fenecer: poesia de Maurício Arruda Mendonça
Colunistas
Últimos Posts
>>> Oye Como Va com Carlos e Cindy Blackman Santana
>>> Villa candidato a deputado federal (2022)
>>> A história do Meli, por Stelleo Tolda (2022)
>>> Fabio Massari sobre Um Álbum Italiano
>>> The Number of the Beast by Sophie Burrell
>>> Terra... Luna... E o Bitcoin?
>>> 500 Maiores Álbuns Brasileiros
>>> Albert King e Stevie Ray Vaughan (1983)
>>> Rush (1984)
>>> Luiz Maurício da Silva, autor de Mercado de Opções
Últimos Posts
>>> Melhores filme da semana em Cartaz no Cinema
>>> Casa ou Hotel: Entenda qual a melhor opção
>>> A lantejoula
>>> Armas da Primeira Guerra Mundial.
>>> Você está em um loop e não pode escapar
>>> O Apocalipse segundo Seu Tião
>>> A vida depende do ambiente, o ambiente depende de
>>> Para não dizer que eu não disse
>>> Espírito criança
>>> Poeta é aquele que cala
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Precioso Livro da Miriam
>>> Perfil (& Entrevista)
>>> Cuba e O Direito de Amar (3)
>>> Aconselhamentos aos casais ― módulo I
>>> Violões do Brasil
>>> Heróis improváveis telefonam...
>>> A esquerda nunca foi popular no Brasil
>>> Na minha opinião...
>>> Amores & Arte de Amar, de Ovídio
>>> VOCÊS
Mais Recentes
>>> Palavras de Sempre de Helen Exley pela Eko
>>> Emprego de a a Z de Max Gehringer pela Globo (2008)
>>> A Agressão Humana de Anthony Storr pela Zahar (1976)
>>> Um Homem Chamado Luís de Roberto Brunelli pela Loyola
>>> Gerenciamento de Pessoas Em Projetos de Varios Autores pela Fgv (2010)
>>> Walking Dead, the - Rise of the Governor de Robert Kirkman pela St Martins Press (2011)
>>> Turma da Mônica Jovem - Número 22 de Mauricio de Sousa pela Panini / Planet Manga (2010)
>>> Blender 2. 6 Conception, Rendu et Animation de Décors et Scènes... de Matthieu Dupont de Dinechin pela Eyrolles (2012)
>>> Biologia para um Planeta Sustentável - Caderno de Revisão de Armênio Uzunian pela Harbra (2016)
>>> Periodontia - 3ª Edição Revista e Ampliada de Herbert F. Wolf; Edith M.; Klaus H. Rateitschak pela Artmed (2006)
>>> Cruzando Continentes de Richard Amante pela Pasavento (2017)
>>> Olhos de Espanto de Nina Schilkowsky pela Jaguatirica (2015)
>>> Marketing de Varejo de Eliane de Castro; Mauro Pacanowski e Outros pela Fgv Ed. (2008)
>>> Aforismos para a Sabedoria de Vida de Arthur Schopenhauer pela L&pm Pocket (2021)
>>> Madame Bovary de Gustave Flaubert pela Publifoha
>>> Musashi: o Livro dos Cinco Anéis (em Portuguese do Brasil) de Miyamoto Musashi pela Novo Seculo (2017)
>>> Lern-und Arbeitsbuch Entwicklungs-politik de Franz Nuscheler pela J. h. w dietz (1991)
>>> Blender 2. 5 Lighting and Rendering de Aaron W. Powell pela Packt (2010)
>>> A Vida Não Tem Preço de Eduardo Marafanti pela Libratrês (2006)
>>> Mediunidade Seus Aspectos Desenvolvimento e Utilização de Edgard Armond pela Aliança (1999)
>>> A Caçada de Steve Barlow; Steve Skidmore pela Rocco (2007)
>>> O Pequeno Príncipe (edição de Bolso) de Antoine de Saint-exupéry pela Caminho Suave / Edipro (2018)
>>> Bandeira do Divino de Edson Ubaldo pela Ed. do Escritor (1977)
>>> Previdência Complementar de Adacir Reis e Outros pela Rt (2017)
>>> Marcuse Em Quadrinhos de Nick Thorkelson; Angela Davis - Prefácio pela Veneta (2020)
EDITORIAIS >>> Prêmio Comunique-se

Sexta-feira, 23/7/2004
Entrevista à Cultura FM
Julio Daio Borges

+ de 11700 Acessos


No dia 23 de julho de 2004, uma sexta-feira, às 16 hrs., participei, a convite de Marta Fonterrada, da Cultura FM de São Paulo (103.3 Mhz), do programa Música em toda parte, concedendo-lhe uma entrevista de uma hora sobre o Digestivo Cultural. Levei também alguns CDs e montei uma trilha sonora. O áudio completo (com a entrevista completa) você ouve clicando nos controles acima. Já a transcrição, dos melhores momentos, segue abaixo... — JDB

Inicialmente, como começou essa história de site cultural?
Fiz engenharia de computação e tive contato com a internet desde 1995, através de um estágio na Poli. Então, apesar de ter seguido essa carreira de engenheiro, trabalhando em banco, acompanhei de perto a internet e sempre tive vontade de fazer coisas através dela. Como eu tinha também uma paixão pela escrita — escrevia desde a época do cursinho e continuei escrevendo durante a faculdade —, quando me formei, quis continuar com as duas coisas e, como a internet estava começando no Brasil, eu montei um site, inicialmente, individual, com colunas que eu mesmo formatava e enviava para jornalistas (com alguma repercussão). Já em 2000, eu resolvi montar uma revista, mais abrangente, mais organizada, e — digamos assim — mais "comercial", que é o Digestivo Cultural.

E como é o dia-a-dia de um site como o Digestivo Cultural?
Um dia-a-dia bastante atribulado. Mas hoje está quase tudo automatizado: os próprios Colunistas cadastram suas matérias. Eu faço uma edição bastante simples: coloco alguma formatação, alguma Imagem, etc. Todos escrevem, felizmente, muito bem (eu praticamente não tenho de reescrever nada). Depois, tem a minha parte, que eu escrevo uma vez por semana e deixo também programada (entra automaticamente). Há, ainda, a parte dos Ensaios, dos colaboradores da grande imprensa, que é atualizada a cada quinze dias. Por último, os contatos com as assessorias... E os contatos com os nossos Parceiros! Fora os e-mails que chegam, os Comentários dos Leitores, que o site decide (ou não) publicar em tempo real.

Vocês dividem as Notas por dia da semana. Aliás, são dois assuntos por dia da semana. Na quinta-feira, por exemplo, cinema e música...
Mais ou menos. Isso, inicialmente, era fixo. Mas, às vezes, o site tem alguma notícia mais quente para dar ou então uma outra que se quer postergar... Logo, na prática, é mais maleável. O certo é que se publica sempre às segundas, quartas e sextas-feiras, depois são reunidas as últimas três Notas e monta-se o que chamamos de "Digestivo" (ou seja: os três últimos assuntos, agrupados, por data de publicação). É, no fim, uma maneira de organizar por dia da semana, mas o site tem sempre liberdade para mudar.

Quem são os Colunistas e quem são os Ensaístas?
Os Colunistas são pessoas, mais ou menos, da minha geração — que começaram com a internet. Claro que há também alguns que já são jornalistas e outros que até lançaram livros (autores). Mas, em geral, são pessoas que estão mostrando um trabalho novo na internet (pois não tem espaço na mídia impressa) — e que estão querendo firmar o próprio nome. Como eu estou fazendo; como o Digestivo vem fazendo — ou seja: apesar de o site já ter se firmado, como marca, a gente está sempre trabalhando nisso. Já os Ensaístas são, como eu disse, colaboradores da grande imprensa — todos admiradores do Digestivo e que cedem seus textos (nem sempre inéditos) para o site (re)publicar. Trazendo, é lógico, a credibilidade que eles já têm, na imprensa escrita, para o nosso trabalho.

Quantas pessoas, por dia, acessam o Digestivo?
O Digestivo Cultural está com uma média de 1750 visitas por dia. Varia então de 1500 a 2000 visitas, dependendo do dia da semana, dependendo até das matérias que são publicadas (conforme a repercussão). Multiplicando, chega-se a 50 mil visitas por mês e 35 mil visitantes-únicos.

Qual é o perfil do público que costuma ler o Digestivo?
É um público adulto, de 20 anos para cima. Um pouco "elitizado", não diria economicamente, mas em termos de educação e cultura — que gosta de jornalismo mais refinado e que não fica apenas no noticiário (aprecia também análise e reflexão). É um publico de classe social A e B — mas o site não acredita que a renda seja um fator determinante. E, pelo fato da internet estar concentrada mais no eixo Rio-São Paulo, você encontra mais Leitores paulistas e cariocas. Mas, claro, há muitos da região sul; muitos de fora do Brasil (brasileiros que querem manter um contato com o País). Houve, inclusive, um vencedor da última Promoção que era do Canadá.

Como funciona a participação dos Leitores?
No começo, o Digestivo Cultural recebia muitos feedbacks por e-mail. Mas organizá-los era um processo muito penoso, porque era preciso editar as mensagens, depois formatá-las em páginas, para, por último, colocar tudo no ar. Então, foi criada uma seção de Forum, que fica normalmente em baixo de cada texto publicado. Os Leitores têm, portanto, a chance de comentar on-line. O Comentário, em seguida, é enviado a mim ou ao autor e, por fim, é (ou não) aprovado para entrar na homepage e no próprio Forum. É uma maneira de garantir interação. Fora isso, nas mesmas Promoções, abrimos espaço para feedbacks dos participantes. Perguntamos o que acham do Parceiro, se tem alguma imagem do Parceiro, o pensam das próprias Promoções, etc. É um jeito de mostrar, ao próprio Parceiro, que as nossas ações em conjunto estão sendo bem recebidas e que estão gerando resultados.

Existe manifestação mais por determinado assunto?
Eu não diria por assunto. Acho que a polêmica acontece mais por causa da forma, da abordagem. Publiquei recentemente, por exemplo, um texto sobre o fim de OPasquim21. Na minha opinião, o jornal não deu certo porque estava fora de seu tempo (diferentemente do primeiro Pasquim). Houve, então, manifestações de Leitores que se irritaram, que ficaram bravos — porque eu concluía que o próprio Ziraldo estava também fora do tempo. Assim, eu acredito que essas reações ocorrem quando você toca num ponto fraco. Já sobre o último CD do João Gilberto, eu o chamei provocativamente de "gagá" ("foi a primeira impressão", eu dizia), porque penso que está se regravando demais, por culpa das gravadoras que sempre relançam as mesmas canções, etc. A polêmica depende, portanto, de como "se coloca" o assunto — e não tanto do assunto. Claro, existem figuras naturalmente polêmicas, como o Caetano Veloso (qualquer coisa que você fale contra ou a favor dele, vão surgir opiniões contrárias) — mas não acredito numa regra.

Mas a polêmica é também uma forma de se conhecer os Leitores, não?
Acho que sim. Mas acho, também, que é uma forma de — mais do que isso — se discutir um assunto. No Brasil, temos algumas "vacas sagradas", alguns "nomes", alguns assuntos mesmo que são considerados intocáveis. Unanimidades que, geralmente, obrigam as opiniões a um consenso forçado. Nesse caso, eu penso que se cria um "tabu" — e, por isso, é tão importante se falar sobre ele. Assim, com esse objetivo, a polêmica torna-se importante. Ainda que não valha a pena perseguir a polêmica — o que, em termos de jornalismo, pode ser extremamente empobrecedor.

E como é que o site se sustenta?
Hoje ele se sustenta através das Parcerias que, na verdade, são patrocínios. "Parceria" porque é um nome mais politicamente correto, digamos assim, e porque, realmente, o Digestivo oferece não só um "patrocínio puro". Através do site, nossos Parceiros têm oportunidade de vender seus produtos (via e-commerce) e de divulgar sua marca em Newsletters, Banners, Promoções, etc. Basicamente, é disso que o site vive. Como uma revista, que vive de anúncios.

Continua >>>


Julio Daio Borges
Sexta-feira, 23/7/2004


Mais Prêmio Comunique-se
Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Regência Coral Solfejo: Divisão e leitura rítmica em todas as claves- 3º volume
João Luiz Vieira Lima
Semusa



Terceira Humanidade (lacrado)
Bernard Werber
Bertrand Brasil
(2019)



A Nova Gestão do Futebol - Com Prefácio de Pelé - 2º Edição
Antonio Carlos Kfouri Aidar e Outros
Fgv
(2000)



China Blue
Sergio Vianna
Resson
(1996)



Economia Brasileira Contemporânea
Amaury Patrick Gremaud e Outros
Atlas
(2011)



Gramatica completa
Dielen Borges
Hedra
(2013)



Violetas na Janela
Vera Lucia Marinzeck de Carvalho
Petit
(1993)



Dicionário de Termos Médicos
Dr. Pedro A. Pinto
Cientifica
(1962)



Seu dinheiro vale muito
Eliane Toledo
Alaúde



Piadas Mix 3
Walter Sagardoy
Clio
(2009)





busca | avançada
61604 visitas/dia
1,8 milhão/mês