Martins Pena: sonhando com o romance brasileiro | Luís Antônio Giron

busca | avançada
90259 visitas/dia
2,3 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Dois Dobrado - Show especial de São João
>>> Série Brasil Visual tem pré-estreia neste sábado no RJ e estreia dia 25/6, no canal Curta!
>>> Thiago Monteiro apresenta seu primeiro álbum autoral “Despretensioso”, em Rib. Preto - 25/06
>>> DIADORIM | NONADA SP
>>> Porto Blue Sound, festival de música gratuito chega a Belo Horizonte em julho
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
Colunistas
Últimos Posts
>>> Jensen Huang aos formandos do Caltech
>>> Jensen Huang, da Nvidia, na Computex
>>> André Barcinski no YouTube
>>> Inteligência Artificial Física
>>> Rodrigão Campos e a dura realidade do mercado
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
Últimos Posts
>>> Cortando despesas
>>> O mais longo dos dias, 80 anos do Dia D
>>> Paes Loureiro, poesia é quando a linguagem sonha
>>> O Cachorro e a maleta
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A poesia afiada de Thais Guimarães
>>> Olimpíadas sentimentais
>>> A Última Ceia de Leonardo da Vinci
>>> Pra que mentir? Vadico, Noel e o samba
>>> O que é canção, por Luiz Tatit
>>> Os Doze Trabalhos de Mónika. Epílogo. Ambaíba
>>> Uma jornada Musical
>>> Evan Williams por Battelle
>>> Um Furto
>>> Jovens blogueiros, envelheçam (extras)
Mais Recentes
>>> Psicopedagogia Clínica - Uma Visão Diagnóstica dos Problemas de Aprendizagem Escolar de Maria Lúcia Lemme Weiss pela Lamparina (2008)
>>> Colaboração Premiada - doutrina e prática de Clayton da Silva Bezerra - Giovani Celso Agnoletto pela Mallet (2016)
>>> Babies Love Cuidado melhor do seu Filho, da Gravidez aos 3 anos - The Carpenters de Vários Autores pela Innovant
>>> Homossexualidade sob a ótica do Espírito Imortal de Andrei Moreira pela Ame (2014)
>>> A Grande Mudança de Nicholas Carr pela Landscape (2008)
>>> Livro Calculo Aplicado Deborah Hughes Hal Ed. 2005 de Deborah Hughes-hallett pela Fisicalbook (2005)
>>> Estrelas Tortas de Walcyr Carrasco pela Moderna (1997)
>>> Nada Easy de Tallis Gomes pela Gente (2017)
>>> A revolução de um talento de Aluizio A Silva pela Vinha (2011)
>>> As Upstarts - Como a Uber, o Airbnb e as Killer Companies do novo Vale do Silício estão mudando o mundo de Brad Stone pela Intrinseca (2017)
>>> Sem Medo de Viver de Max Lucado pela Thomas Nelson Brasil (2009)
>>> Principios De Fisica Vol 2 de Raymond A. Serway pela Cengage (2004)
>>> Filosofia Para Todos de Gianfranco Morra pela Paulus (2001)
>>> Meditando com os metres dos 7 raios de Maria Silvia pela Madras (2004)
>>> An Introduction To The Physics Of Semiconductor Devices (the Oxford Series In Electrical And Computer Engineering) de David J. Roulston pela Oxford University Press (1998)
>>> Manual De Mães E Pais Separado de Marcos Wettreich pela Ediouro (2006)
>>> Manual Para Não Morrer De Amor de Walter riso pela Academia (2017)
>>> Mães De Milhares De Milhares de Márcia Silva pela Vinha (2023)
>>> Patologia Geral - Bogliolo - 3ª Ed. de Brasileiro Filho Geraldo pela Guanabara (2004)
>>> Como Ensinar Seu Bebê A Ler: A Suave Revolução de Glenn e Janet Doman pela Madras (2018)
>>> A Face Cinza da Fé de Jader Guterres Hoffmeister pela Feic (2014)
>>> Introducao A Ciencia Da Computacao de Enrico Giulio Franco Polloni pela Cengage (2003)
>>> Para Tão Longo Amor Tão Curta a Vida de Luís de Camões pela Ftd
>>> Fundamentos de um ministério frutífero de Aluizio A Silva pela Vinha (2018)
>>> Como Passar Em Provas E Concursos de William Douglas pela Impetus (2024)
ENSAIOS

Segunda-feira, 6/1/2003
Martins Pena: sonhando com o romance brasileiro
Luís Antônio Giron
+ de 9600 Acessos

O escritor fluminense Luís Carlos Martins Pena passou à literatura como um Molière autóctone, o criador da comédia de costumes em território verde-amarelo. Legou uma produção cômica de enorme aceitação, sobretudo em sua época. De suas vinte comédias, muitas pecam pela farsa desenfreada com o objetivo de deleitar o público. Não é para menos que peças como "O Juiz de Paz na Roça" (1842) ou "O Judas em Sábado de Aleluia" (representada em 1840, publicada em 1846) fizeram sucesso na década de 1840.

Martins Pena sonhava com facécias - conforme chamava os ditos e recursos cômicos de que lançava mão. Mantinha até um caderno com frases e epigramas espirituosos, seus e de autores famosos. Mas não se limitou ao gênio burlesco. Sua vida foi breve - morreu de aos 33 anos em Lisboa, em 7 de dezembro de 1848 - e a posteridade não se debruçou sobre os projetos que deixou incompletos e os contos que escreveu para jornais e revistas. Entre seus papéis, depositados desde o século XIX no setor de obras raras da Biblioteca Nacional, há diversos manuscritos e cópias dos artigos sobre ópera (para o "Jornal do Commercio") e menções aos contos lançados em jornais e revistas. Um deles se intitula "O Poder da Música", publicado nas páginas 62 a 65 do "Correio das Modas" em 23 de fevereiro de 1839.

"O Poder da Música" foi o terceiro dos quatro contos que o jovem autor publicou no semanário feminino, dedicado a mexericos da corte e folhetins teatrais e literários. Martins Pena começou a publicar ficção na revista "Gabinete de Leitura", com o conto "Um Episódio de 1831" (8/4/1838, assinado "L.C.M.P."). O primeiro texto para o "Correio das Modas" se intitulava "A Sorte Grande", estampado em 12 de janeiro de 1839. Seguiu-se, 15 dias depois, "Minhas Aventuras numa Viagem nos Ônibus". Depois de "O Poder da Música", saiu, em 13 de abril, "Uma Viagem na Barca a Vapor". Estes são os textos conhecidos que restam da produção ficcional do escritor, que se supõe vasta. O jornalista Barbosa Lima Sobrinho publicou três deles no volume "Os Precursores do Conto no Brasil" (Civilização Brasileira, 1960) . Ficaram de fora "A Sorte Grande" e "O Poder da Música", talvez por não fazerem parte do biotipo literário burlesco e trágico do escritor. Os contos sobre o ônibus e a barca são crônicas da vida cotidiana carioca no período regencial. Já "Um Episódio de 1831" não passa de uma cena sobre o impacto que uma intervenção militar causa em uma personagem, Mariquinhas, que enlouquece. "A Sorte Grande" narra um naufrágio, na tradição do romance heróico de Alexandre Dumas. Não se caracterizam, porém, como narrativas completas.

"O Poder da Música" é interessante por conter uma miniatura de romance típico brasileiro: o entrecho amoroso (Carlos e sua amada, Henriquetta), um personagem nacional - o rebelde fugitivo que luta pela Independência do Brasil, escondido pela heroína - e o esteticismo característico do tempo, a cargo, no texto, da música, cuja força é capaz de realizar amores impossíveis. O romance, como gênero, estava sendo engendrado pelos autores românticos locais, mas ainda não havia chegado a uma forma definitiva. Isto só aconteceria a partir de 1844, data da publicação de "A Moreninha", de Joaquim Manuel de Macedo (1820-1882), para muitos o marco inicial do romance romântico no Brasil.

As peripécias de Carlos e Henriquetta não deixam de prefigurar "A Moreninha". Martins Pena estava disposto a inventar o gênero. Prova disso é que, entre os seus manuscritos na Biblioteca Nacional, restam 14 folhas de um plano e quatro capítulos de um romance histórico intitulado "O Rei do Amazonas". O texto, incompleto, não traz data. A história se passa no Grão Pará, Amazônia, no século XVII. "Começa a nossa história, famosa pelo muito sangue que derramou, exemplar para os que lerem a ver como conduzem ao precipício as imoderadas paixões", narra o texto. Quatro personagens - Dom Pedro, "soldado del Rei", está à frente de 700 homens, comandando uma bandeira rumo ao Eldorado, em busca de ouro e pedras preciosas. As quatro expedições anteriores haviam fracassado. Ao lado de Dom Pedro, estão sua esposa, Mariquinha, e os ajudantes Dom Fernando e Dom Lopes D'Aguiar, "homem de mão e condição, e tão firme em suas ações e obras como o era seu corpo". O problema é que Dom Lopes "ama a mulher que está no braço do outro" e trama a morte do chefe. Conversa com Dom Fernando: "É preciso que Dom Pedro morra pela nossa felicidade (...) Mais dia e menos dia chegaremos a Eldorado e..." O fato é que Dom Lopes assassina Dom Pedro, toma-lhe a viúva e se proclama Rei do Amazonas. No final, é esfaqueado por seus comandados.

O enredo se assemelha aos dos dramas do autor, gênero no qual não foi muito feliz, por parecerem mais libretos de ópera que dramas declamados. Deixou cinco prontos, organizados em edição crítica do Instituto Nacional do Livro por Darcy Damasceno, em 1956. A tragédia "Itaminda ou o Guerreiro de Tupã" (1846), nunca representada, se passa na Bahia, em 1550, com tema nacionalista.

Em relação ao esboço de romance e à peça, o traço distintivo de "O Poder da Música" está no intimismo e na narrativa menos objetiva. Trata-se de um quadro de costumes, sem humor de farsa. Henriquetta é a moça de olhos azuis, voz "qual um sabiá" e grande dom pianístico. Toca prelúdios tristes e, por ser brasileira, canta modinhas, gênero nacional por excelência.

A morte súbita do autor colaborou no atraso da consolidação da ficção romântica. Na embocadura melodramática e ingênua de "O Poder da Música", pulsam os sonhos desfeitos de um escritor que não chegou a cumprir sua missão. A frustração de Martins Pena caberia melhor num retrato trágico.

Nota do Editor
Texto gentilmente cedido pelo autor. Publicado originalmente no "Caderno Fim de Semana" da Gazeta Mercantil, a 28 de abril de 2000.


Luís Antônio Giron
São Paulo, 6/1/2003
Mais Luís Antônio Giron
Mais Acessados de Luís Antônio Giron
01. Paulo Coelho para o Nobel - 21/11/2005
02. Francisco Alves, o esquecido rei da voz - 5/8/2002
03. Glenn Gould: caso de amor com o microfone - 7/10/2002
04. JK, um faraó bossa-nova - 6/2/2006
05. Villa-Lobos tinha dias de tirano - 3/11/2003


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Eureka!
Rupert Lee
Nova Fronteira
(2006)



Half a Wing, Three Engines and a Prayer (aviação)
Brian D. Oneill
Mcgraw-hill
(1999)



Mulheres de Médicos
Frank G. Slaughter
Circulo do Livro
(1967)



Livro Psicologia Dos Delitos e das Penas
Cesare Beccaria
Martins Fontes
(2005)



Eu sou Brian Wilson
Brian Wilson, Ben Greenman
Novo Século
(2018)



Livro Literatura Estrangeira Cinco Semanas Num Balão O Dr. Fergusson é o herói de uma das mais arrojadas aventuras do homem sobre a Terra. Coleção de Até 17 Anos
Júlio Verne
Ediouro
(1972)



Fuga
William Boyd
Rocco
(2007)



A Comédia dos Anjos
Adriana Falcão
Planeta
(2004)



A Saga Dos Marx
Juan Goytisolo
Companhia Das Letras
(1996)



Sob Pressão 591
Marcio Maranhão
Globo Livros
(2017)





busca | avançada
90259 visitas/dia
2,3 milhões/mês