Digestivo nº 281 | Julio Daio Borges | Digestivo Cultural

busca | avançada
114 mil/dia
2,4 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Festival Halleluya em São Paulo realizará ação solidária para auxiliar as famílias no RS
>>> Povo Fulni-ô Encontra Ponto BR
>>> QUEÑUAL
>>> Amilton Godoy Show 70 anos. Participação especial de Proveta
>>> Bacco’s promove evento ao ar livre na Lagoa dos Ingleses, em Alphaville
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> A pulsão Oblómov
>>> O Big Brother e a legião de Trumans
>>> Garganta profunda_Dusty Springfield
>>> Susan Sontag em carne e osso
>>> Todas as artes: Jardel Dias Cavalcanti
>>> Soco no saco
>>> Xingando semáforos inocentes
>>> Os autômatos de Agnaldo Pinho
>>> Esporte de risco
>>> Tito Leite atravessa o deserto com poesia
Colunistas
Últimos Posts
>>> Rodrigão Campos e a dura realidade do mercado
>>> Comfortably Numb por Jéssica di Falchi
>>> Scott Galloway e as Previsões para 2024
>>> O novo GPT-4o
>>> Scott Galloway sobre o futuro dos jovens (2024)
>>> Fernando Ulrich e O Economista Sincero (2024)
>>> The Piper's Call de David Gilmour (2024)
>>> Glenn Greenwald sobre a censura no Brasil de hoje
>>> Fernando Schüler sobre o crime de opinião
>>> Folha:'Censura promovida por Moraes tem de acabar'
Últimos Posts
>>> A ESTAGIÁRIA
>>> A insanidade tem regras
>>> Uma coisa não é a outra
>>> AUSÊNCIA
>>> Mestres do ar, a esperança nos céus da II Guerra
>>> O Mal necessário
>>> Guerra. Estupidez e desvario.
>>> Calourada
>>> Apagão
>>> Napoleão, de Ridley de Scott: nem todo poder basta
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Caminho para a Saúde
>>> Romance breve
>>> Prefeito dará a carros bela vista da universidade
>>> O assassinato de Herzog na arte
>>> A revista Bizz
>>> Cheech & Chong reloaded
>>> A Istambul de Orhan Pamuk
>>> Carles Camps Mundó e a poética da desolação
>>> Considerações sobre a leitura
>>> cheiro de sossego
Mais Recentes
>>> Livro Infanto Juvenis Biografia Caçadas de Pedrinho O Saci de Monteiro Lobato pela Brasiliense
>>> Livro Auto Ajuda Gente Que Faz de Luiz Fernando Garcia pela Gente (2006)
>>> Luís de Camões Redondilhas Canções Sonetos de Luís de Camões pela Real Gabinete Portugues de Leitura (1980)
>>> Pioneiros da Cultura do Café na Era da Independência de Gilberto Ferrez pela Imprensa Nacional (1978)
>>> Coleção Completa Folha Grandes Mestres da Pintura 20 Livros Vincent Van Gogh + Paul Cézanne + Monet + Goya + Picasso de Van Gogh; Picasso; Monet pela Folha de São Paulo (2007)
>>> Livro Literatura Estrangeira Os Sofrimentos do Jovem Werther Clássicos Volume 7 de J. W. Goethe pela Abril Coleções (2010)
>>> O legado de Humboldt de Saul Bellow pela Nova Fronteira (1977)
>>> Direito Civil dos Contratos e das Declarações Unilaterais da Vontade - vol. 3 de Silvio Rodrigues pela Saraiva (2003)
>>> Livro Administração Aprenda a Operar no Mercado de Ações de Dr. Alexandre Elder pela Campus (2006)
>>> L'Anomalie de Herve Le Tellier pela Gallimard (2020)
>>> Operação Cavalo De Tróia: Jerusalém - Vol. 1 de J.J. Benítez pela Mercuryo (1995)
>>> Livro Infanto Juvenis O Picapau Amarelo Aventuras de Hans Staden de Monteiro Lobato pela Brasiliense
>>> Livro Literatura Crime e Castigo Clássicos Volume 1 de Fiódor Dostoiévski pela Abril Coleções (2010)
>>> All You Can Do Is All You Can Do But All You Can Do Is Enough! de A.L. Williams pela Ivy Books (1989)
>>> Obras escolhidas 4 Período da terceira guerra civil revolucionária de Mao Tsetung pela Alfa Omega (1979)
>>> Introdução à Leitura d'Os Maias de Carlos Reis pela Coimbra (1997)
>>> Modèles et Innovations - Études de Littérature Portugaise et Brésilienne de Anne-Marie Quint pela Sorbonne Psn (1995)
>>> Livro Infanto Juvenis Histórias Diversas Viagem Ao Céu de Monteiro Lobato pela Brasiliense
>>> Disney Horror de Vários pela Abril (2012)
>>> Livro Administração A Execução Premium The Execution Premium A Obtenção de Vantagem Competitiva Através do Vínculo da Estratégia Com as Operações do Negócio de Robert S. Kaplan pela Elsevier (2008)
>>> A Aurora Nascente de Jacob Boehme pela Paulus (1998)
>>> Luchino Visconti - O Fogo da Paixão de Laurence Schifano pela Nova Fronteira (1990)
>>> Livro Literatura Estrangeira Crime e Castigo Clássicos Volume 2 de Fiódor Dostoiévski pela Abril Coleções (2010)
>>> Les Antimodernes - De Joseph de Maistre à Roland Barthes de Antoine Compagnon pela Gallimard (2005)
>>> Livro Infanto Juvenis O Poço do Visconde de Monteiro Lobato pela Brasiliense
DIGESTIVOS

Sexta-feira, 2/6/2006
Digestivo nº 281
Julio Daio Borges
+ de 5300 Acessos
+ 2 Comentário(s)




Internet >>> Jornalismo oral
Junto com Pedro Alexandre Sanches, ele é o único crítico de música surgido nas últimas décadas. Arthur Dapieve não vale porque é quase dos anos 80. Estamos falando de Alexandre Matias – e agora ele é tão ou mais interessante do que por escrito: em formato podcast. O podshow de Matias tem um título sugestivo: Vida Fodona. Começou com fôlego, com programas de mais de uma hora e vem mantendo um ritmo forte, semanal. A vantagem de Matias sobre a maior parte dos podcasts musicais do Brasil é que ele faz também bom jornalismo em áudio e não tem papas na língua. Mesmo que não possa escrever, na grande imprensa, que a MPB acabou (“faliu”), em Vida Fodona, ele fala em alto e bom som. Desce a lenha, por exemplo, em Chico Buarque. (Coisa raríssima.) Marisa Monte entrou no rolo, ainda, por conta do revival dos mesmos anos 80 – que ele detesta. E quem imaginava Alexandre Matias mais ligado às vanguardas, principalmente as eletrônicas, vai perceber que ele tem um grosso caldo de música brasileira. Já virou mania tocar Jorge Ben em podcast: Matias vai mais longe, toca logo Odair José. Mas com classe – não para atacar de brega (outra onda que já passou). Nem para dar uma de fã tardio de Roberto Carlos (outra pose comum até em Orkut). E Matias tem trabalho em produzir sets bem amarrados mas não deixa a música rolando muito tempo – é chegado a mais interferências do que o normal. Às vezes dá uma de “esquecido”, mas é muito preciso e até útil. A única crítica vai para o excesso de rap e hip-hop que, tudo bem, é politicamente correto hoje (ação social – etc. e tal), mas musicalmente... Em termos de formato, híbrido entre notícias, comentários e sons, Vida Fodona é um podcast musical imbatível. Só se pode batê-lo, mesmo, em estética. E olha que nem sempre. Legal poder conversar com o Matias. [Comente esta Nota]
>>> Vida Fodona - Alexandre Matias (blog)
 



Artes >>> Front
Santos Dumont tem estado aqui e acolá. Quem viu Um Só Coração lembra de Cássio Scapin encarnando o nosso Pai da Aviação e arrastando a asa pra cima de Yolanda Penteado, no caso, Ana Paula Arósio (dupla que se repete agora, no teatro). Depois, já neste ano, Guto Lacaz, um dos maiores experts no assunto "Santos Dumont" - que foi designer -, palestrou sobre ele no Museu da Casa Brasileira. Mas entre a televisão e o museu, tivemos Spacca, com um lançamento no finalzinho de 2005, pela Companhia das Letras, Santô e os Pais da Aviação - uma adaptação da saga de Santos Dumont para os quadrinhos. É a obra-prima de Spacca; tanto que é seu primeiro livro. Além da história do personagem, João Spacca de Oliveira - por extenso - pesquisou o traço, o desenho e o cromatismo da época. Assim, fora o excelente ritmo de fita de cinema - que obriga o leitor a ficar sentado até acabar - Santô nos transporta para uma espécie de "belle époque" da HQ, onde "misturamos" Daumier com Toulouse-Lautrec e os Impressionistas com Júlio Verne. Spacca lidou (do verbo "lidar") habilmente com a controvérsia sobre quem teve a primazia do invento "avião". Não toma, aparentemente, partido de ninguém, nem do Brasil, nem de Santos Dumont, apenas esclarece que a coisa é bem mais complicada (e embolada) do que parece. Santos Dumont empurra a "tecnologia" do balão para o dirigível - pré-zepelim? -; já os Irmãos Wright desenvolvem a tecnologia do aeroplano. Quem coloca o motor e dá a partida no avião, cabe ao leitor decifrar... Quem conhece Spacca sabe do seu fôlego de pesquisador, além da carreira como cartunista de imprensa - mas Santô, realmente, eleva o padrão de exigência para os artistas da sua geração a outro patamar. Ser sério, às vezes, é mais difícil do que ser engraçado. Ao contrário do que pensava Derrida, não estamos eternamente condenados à ironia. [Comente esta Nota]
>>> Santô e os Pais da Aviação - Spacca - Companhia das Letras - 160 págs.
 



Música >>> Ladainha
Zélia Duncan agora está voando com os Mutantes, então seria covardia incomodá-la. Na realidade, nem é essa a idéia. Ela, na verdade, salva muito do CD Paralelas, o primeiro álbum do Duncan Discos, selo lançado por Zélia no ano passado. Alice Ruiz, que já foi mulher de Paulo Leminski, e ocupa hoje o lugar de viúva oficial, recebeu um impulso como letrista, desde que compôs “Socorro”, com Arnaldo Antunes, e foi exaustivamente executada na rádio Eldorado, por exemplo. Andou compondo com João Suplicy, entre outros, mas sua maior cartada foi mesmo esse CD, Paralelas, ao lado de Alzira Espíndola (alguma coisa de Tetê Espíndola?). A intenção é boa, Ruiz “passa” como compositora, Zélia Duncan que o diga, “Milágrimas” é um ponto alto de Pré-pos-tudo-bossa-band (2005, um título que quer ser tudo e que acabou pegando mais do que o disco, como o caso do “Reloaded” em Matrix)... Enfim: valeu a tentativa, mas Paralelas se perde um pouco no discurso pra lá de feminista, em ataque quase direto aos homens. A personagem, construída hibridamente em Paralelas, esnoba o gênero masculino – porque este não consegue mais acender a sua fogueira extinta –, mas parece ainda precisar dele, porque insiste, insiste... insiste na sua presença no disco. Conforme dito no começo, os melhores momentos são as participações de Zélia Duncan que, em vez de recitar, canta, e dá alguma forma sonora ao todo: vide “Diz que é você”, “É só começar” e “Invisível”. A cozinha segue segura, com Luiz Waack ao violão e Sandro Moreno à bateria – mas a estrutura é tão minimalista que vêm à tona novamente... o texto. Paralelas, como música, fica difícil julgar; já como discurso, poderíamos substituir por... Desencontradas? [Comente esta Nota]
>>> Paralelas - Alice Ruiz e Alzira Espíndola - Duncan Discos
 
>>> O CONSELHEIRO TAMBÉM SAI NA ÉPOCA

Confira, na revista Época desta semana, uma participação de Julio Daio Borges numa matéria sobre VoIP (pág. 78 da edição impressa).

>>> EVENTOS QUE O DIGESTIVO RECOMENDA



>>> Palestras
* Cultura Musical - Hector Berlioz - Sinfonia Fantástica, op. 14
Rubem Prates
(Seg., 05/06, 19h30, VL)

>>> Noites de Autógrafos
* Leda - Roberto Pompeu de Toledo
(Seg., 05/06, 18h30, CN)
* Movimento Camponês Rebelde - Carlos Alberto Feliciano
(Ter., 06/06, 18h30, CN)
* Doutores da Alegria - Wellington Nogueira
(Ter., 06/06, 19h00, VL)
* Nos Bastidores do Jornalismo Esportivo - Marcos Linhares
(Qua., 07/06, 19h00, CN)

>>> Shows
* CD - Traditional Jazz Band 40 anos - Traditional Jazz Band
(Sex., 09/06, 20h00, VL)

* Livraria Cultura Shopping Villa-Lobos (VL): Av. Nações Unidas, nº 4777
** Livraria Cultura Conjunto Nacional (CN): Av. Paulista, nº 2073
*** a Livraria Cultura é parceira do Digestivo Cultural

 
Julio Daio Borges
Editor
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
27/5/2006
09h42min
Ufa! Que dificuldade eu tenho para não me encaixar nos 10 tipos de Comentador de Forum! Depois que li esse texto, me sinto quase engessado para escrever. Mas como sou do tipo que não se rende facilmente a um balizamento, vou elogiar sim. Vou elogiar a seleção desse Digestivo nº 279. Que coisa especial! Sinto-me como um astronauta que acaba de encontrar vida inteligente em Marte! Vá lá, sei que estou exagerando, mas a hipérbole cumpre a função de deixar mais claros os sentimentos. É muito difícil encontrar, na mídia, inteligência a serviço do bem e não (ou não somente) do capital. Vou freqüentar assiduamente e comentar. Desculpe, mas não me preocuparei em fugir dos 10 tipos de Comentador de Forum. Deixo essa função fiscalizatória para Julio Daio Borges, que os tem mais bem definidos na cabeça.
[Leia outros Comentários de Hernandes Aguiar]
5/6/2006
16h48min
Alzira Espíndola é irmã da Tetê Espíndola e tem um trabalho muito mais interessante do que essas "Paralelas" aí, moçada de Mato Grosso do Sul.
[Leia outros Comentários de André Balbino ]

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Revista Vida Simples: para quem quer viver mais e melhor. Setembro, Edição 96
Vários Colaboradores
Abril
(2010)



Dawn - Tsumetai Te vol 01
Shinshu Ueda
Sampa
(2004)



Calunga Verdades do Espírito
Luiz Gasparetto
Vida & Consciência



Minhas Primeiras Notas ao Violão
Othon Gomes da Rocha Filho
Irmãos Vitale
(1966)



Onze Minutos - Portuguese
Paulo Coelho
Rocco
(2003)



Respire! Você Está Vivo!
Thich Nhat Hanh
Vozes
(2008)



Bíblia Sagrada Novo Testamento Edição Pastoral
Paulus
Paulus
(2005)



Monet
David Spence
Ciranda Cultural
(2010)



Hellen: Minha Amada Imortal
Varios Autores
Dpl
(2005)



O Lazer no Brasil
Renato Requixa
Brasiliense
(1977)





busca | avançada
114 mil/dia
2,4 milhões/mês