Jornalismo Pós-Industrial, uma pesquisa da Columbia, com Clay Shirky | Digestivo Cultural

busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Banco Inter É uma BOLHA???
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> História dos Estados Unidos
>>> Meu Telefunken
>>> Uma Receita de Bolo de Mel
>>> O apanhador no campo de centeio
>>> Curriculum vitae
>>> O Salão e a Selva
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar
Mais Recentes
>>> Gestão de Pessoas de Idalberto Chiavenato pela Campus (2010)
>>> Album de família de Danielle Stell pela Record
>>> Passageiros da ilusão de Danielle Stell pela Record (1988)
>>> Casa forte de Danielle Stell pela Record
>>> Segredo de uma promessa de Danielle Stell pela Record
>>> Enquanto o amor não vem de Iyanla Vanzant pela Sextante (1999)
>>> Relembrança de Danielle Stell pela Record
>>> O Egypto de Eça de Queiroz pela Porto (1926)
>>> Momentos de paixão de Danielle Stell pela Record
>>> Um desconhecido de Danielle Stell pela Record
>>> Uma vez só na vida de Danielle Stell pela Record
>>> O apelo do amor de Danielle Stell pela Record (1983)
>>> Agora e sempre de Danielle Stell pela Record (1985)
>>> O Princípio Constitucional da Igualdade e o Direito do Consumidor de Adriana Carvalho Pinto Vieira pela Mandamentos/ Belo Horizonte (2002)
>>> Histórias Anunciadas de Djalma França pela Decálogo/ belo Horizonte (2003)
>>> Constituição da República Federativa do Brasil de Senado Federal pela Senado Federal (2006)
>>> Eterna Sabedoria de Ergos pela Fraternidade Branca Universal do Arcanjo Mickael (1974)
>>> Leasing Agrário e Arrendamento Rural como Opção de Compra de Lucas Abreu Barroso pela Del Rey/ Belo Horizonte (2001)
>>> Contratos Internacionais de Seguros de Antonio Marcio da Cunha Guimarães pela Revista dos Tribunais (2002)
>>> Amor de Perdição / Eurico, o Presbítero de Camilo Castelo Branco / Alexandre Herculano pela Círculo do livro (1978)
>>> Carajás de Paulo Pinheiro pela Casa Publicadora Brasileira (2007)
>>> Menopausa de Diversos pela Nova Cultural (2003)
>>> Guia de Dietas de Diversos pela Nova Cultural (2001)
>>> Seguros: Uma Questão Atual de Coordenado pela EPM/ IBDS pela Max Limonard (2001)
>>> O Significado dos Sonhos de Diversos pela Nova Cultural (2002)
>>> A Dieta do Tipo Sanguíneo - A B O AB de Peter J. D'Adamo pela Campus (2005)
>>> Cem Noites - Tapuias de Ofélia e Narbal Fontes pela Ática (1982)
>>> Direito do Trabalho ao Alcance de Todos de José Alberto Couto Maciel pela Ltr (1980)
>>> Manon Lescaut de Abade Prévost pela Ediouro (1980)
>>> A Reta e a Curva: Reflexões Sobre o Nosso Tempo de Riccardo Campa (com) O. Niemeyer (...) pela Max Limonard (1986)
>>> Introdução às Dificuldades de Aprendizagem de Vítor da Fonseca pela Artes Médicas (1995)
>>> Dos Crimes Contra a Propriedade Intelectual: Violação... de Eduardo S. Pimenta/ Autografado pela Revista dos Tribunais (1994)
>>> O Cortiço de Aluísio Azevedo pela Ática (1988)
>>> A Voz do Mestre de Kahlil Gibran pela Círculo do livro (1973)
>>> O Jovem e seus Assuntos de David Wilkerson pela Betânia (1979)
>>> Emília no País da Gramática de Monteiro Lobato pela Brasiliense (1978)
>>> The Art Direction Handbook for Film de Michael Rizzo pela Focal Press (2005)
>>> A Escrava Isaura de Bernardo Guimarães pela Melhoramentos (1963)
>>> O Grande Conflito de Ellen G. White pela Casa Publicadora Brasileira (1983)
>>> Filosofia do Espírito de Jerome A. Shaffer pela Zahar (1980)
>>> Muito Além das Estrelas de Álvaro Cardoso Gomes pela Moderna (1997)
>>> A Grande Esperança de Ellen G. White pela Casa Publicadora Brasileira (2011)
>>> É Fácil Jogar Xadrez de Cássio de Luna Freire pela Ediouro (1972)
>>> O Espião que saiu do Frio de John Le Carré pela Abril cultural (1980)
>>> A Primeira Reportagem de Sylvio Pereira pela Ática (1988)
>>> Distúrbios Psicossomáticos da Criança de Haim Grunspun pela Atheneu
>>> Aprenda Xadrez com Garry Kasparov de G. Kasparov pela Ediouro (2003)
>>> Poemas para Viver de P. C. Vasconcelos Jr. pela Salesiana Dom Bosco (1982)
>>> A Casa dos Bronzes de Ellery Queen pela Círculo do livro (1976)
>>> Warcraft Roleplaying Game de Christopher Aylott e outros pela Blizzard / Arthaus / wizards (2004)
DIGESTIVOS >>> Notas >>> Imprensa

Segunda-feira, 24/6/2013
Jornalismo Pós-Industrial, uma pesquisa da Columbia, com Clay Shirky
Julio Daio Borges

+ de 7300 Acessos




Digestivo nº 492 >>> Jornais, como o Jornal da Tarde, morrendo (ou minguando, como o Estadão). Jornalistas, fundadores de veículos como o Jornal da Tarde, morrendo também (como Ruy Mesquita). Ainda Roberto Civita (da Veja). Demissões na Folha de S. Paulo. Demissões no Valor Econômico. Demissões na Abril. O jornalismo impresso vai mesmo acabar? E o cenário, no Brasil, pode piorar ainda mais? Pode. "Antes de melhorar, irá piorar ainda mais ― e, em certos lugares (sobretudo em cidades de médio e pequeno portes), piorar muito". Quem responde é Tow Center for Digital Journalism da Columbia Journalism School, em uma pesquisa sobre "jornalismo pós-industrial", de 2012, com a participação de Clay Shirky. Para quem não lê em inglês, a Revista de Jornalismo ESPM acaba de publicar uma tradução. E as notícias não são boas. A "velha ordem" foi "lançada por terra". Em outras palavras: "Não há como reestruturar o jornalismo no formato praticado ao longo dos últimos 50 anos". Pois: "O apoio da publicidade, principal fonte de subsídio desde a década de 1830, está desaparecendo". Ainda: "Não há, na crise atual, solução capaz de preservar o velho modelo". Ou seja: "Ainda que se estabilize, dificilmente a indústria voltará a registrar a mesma rentabilidade de antes de 2005". Por que isso aconteceu? A pesquisa lança mão de algumas teses. Uma delas é: "De uma hora para outra, todo mundo passou a ter muito mais liberdade". O que isso significa (na prática)? "Produtores de notícias, anunciantes, novos atores e a velha 'audiência'... todos podem se comunicar, de forma restrita ou ampla, sem as antigas limitações de modelos de radiodifusão e da imprensa escrita". Uma premissa da pesquisa, justamente, é: "O bom jornalismo sempre foi subsidiado". Ocorre que: "A publicidade tradicional era rentável porque ninguém sabia ao certo como funcionava". E hoje: "Serviços como Facebook, YouTube e Twitter publicam muito mais conteúdo do que a produção somada da mídia profissional no mundo todo". Logo: "Quando a demanda gera oferta a um custo pouco acima de zero, o efeito nos preços é previsível". Conclusão: "A receita por leitor trazida pela publicidade on-line nunca chegou nem perto da tradicional e no caso de plataformas móveis é ainda pior" (para quem achava que o celular, ou o tablet, seria a salvação). E ainda: "Paywalls, micropagamentos, aplicativos móveis e assinaturas digitais não surtiram efeito ou ficaram aquém das expectativas". Não resta nenhuma esperança? A pesquisa aposta no seguinte: "Jornalismo exercido fora de uma redação tradicional por gente livre de pressões comerciais e protocolares típicas do ofício". Afinal: "As condições técnicas, materiais e métodos empregados na apuração e divulgação das notícias até o fim do século XX já não se aplicam". E: "A maioria dos jornalistas, e das instituições jornalísticas, foi incapaz de tirar proveito da explosão de conteúdo de potencial interesse jornalístico trazida pela expansão da comunicação digital". Sobrou: "Pouco espaço para o típico generalista". Temos, finalmente, de fazer a travessia: "De um mundo no qual a informação era escassa para outro no qual há fartura de informação". Futuro: "A perpétura iteração". Passado: "Deslocamento de placas tectônicas". Presente: "Uma revolução". Veredito: "Executivos (de jornal) tiveram 75 trimestres consecutivos para se adaptar" (desde 1994). Sentença (para quem resistir às mudanças)... É preciso responder? Réus: Veículos e jornalistas. Vale lembrar que são citações da pesquisa produzida pela Columbia Journalism School. Com a participação de Clay Shirky, de Here Comes Everybody. Algum dinossauro, claro, vai dizer que tudo isso "não vale para o Brasil". Mas o passado recente tem mostrado que vale: JT, Estadão, Mesquista, Civita, Veja, Folha, Valor...
>>> Post Industrial Journalism: Adapting to the Present (PDF) | Movimentos tectônicos (conclusão em português) | Revista de Jornalismo ESPM
 
Julio Daio Borges
Editor

Quem leu esta, também leu essa(s):
01. Na Cabeça, de Marcos Sacramento, ao vivo (Música)
02. O fim da obrigatoriedade do diploma no jornalismo (Imprensa)
03. Once upon a time in America (Cinema)


Mais Notas Recentes
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




A ENCENAÇÃO DISCURSIVA NA CONFIGURAÇÃO DAS CAPAS DE UM JORNAL POPULAR
JOSEANY RODRIGUES CRUZ
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 349,00



ABC DO HOMEM SÓ A ARTE DE VIVER NOVAMENTE SEM FAMÍLIA
SANDRO TONI
GUIMARÃES
(1988)
R$ 15,63



PSICOLOGIA DO AJUSTAMENTO
JAMES M SAMPEY;CHARLES W. TELFORD
CULTRIX
(1974)
R$ 6,50



OFFICE INTERIORS
JOSEP M. MINGUET; CARLES BROTO
MONSA
(2003)
R$ 92,70
+ frete grátis



FANTASIAS & FETICHES
MARIA BEATRIZ SOARES
PLANETA
(2005)
R$ 12,00



AND THE WINNER IS... OS BASTIDORES DO OSCAR
EMANUEL LEVY
TREJETÓRIA EDITORIAL
(1990)
R$ 12,00



SE LIGA NA FILOSOFIA
MARCUS WEEKS
GLOBO
(2014)
R$ 19,90



O MISTÉRIO DA CONSCIÊNCIA
ANTÓNIO DAMÁSIO
COMPANHIA DAS LETRAS
(2000)
R$ 52,00



101 LUGARES PARA SE CONHECER NA LAPA 8894
CRIS BERGER
EVEN TURISMO
(2006)
R$ 10,00



DO DIREITO NATURAL À SOCIOLOGIA
JACQUES LECLERCQ
DUAS CIDADES
(2018)
R$ 30,00





busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês