A grande final | Digestivo Cultural

busca | avançada
68231 visitas/dia
2,5 milhões/mês
Mais Recentes
>>> Workbook de Carl Honoré é transformado em lives
>>> Experiência Quase Morte é o tema do Canal Angelini
>>> 20 anos de Bicho de Sete Cabeças: Laís Bodanzky, Rodrigo Santoro e Gullane se reúnem em bate-papo
>>> Arquivivências: literatura e pandemia
>>> Festival Mia Cara promove concurso culinário “Receitas da Nonna”
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Silêncio e grito
>>> Você é rico?
>>> Lisboa obscura
>>> Cem encontros ilustrados de Dirce Waltrick
>>> Poética e política no Pântano de Dolhnikoff
>>> A situação atual da poesia e seu possível futuro
>>> Um antigo romance de inverno
>>> O acerto de contas de Karl Ove Knausgård
>>> Assim como o desejo se acende com uma qualquer mão
>>> Faça você mesmo: a história de um livro
Colunistas
Últimos Posts
>>> Hemingway by Ken Burns
>>> Cultura ou culturas brasileiras?
>>> DevOps e o método ágil, por Pedro Doria
>>> Spectreman
>>> Contardo Calligaris e Pedro Herz
>>> Keith Haring em São Paulo
>>> Kevin Rose by Jason Calacanis
>>> Queen na pandemia
>>> Introducing Baden Powell and His Guitar
>>> Elon Musk no Clubhouse
Últimos Posts
>>> Em um tempo, sem tempo
>>> Eu, tu e eles
>>> Mãos que colhem
>>> Cia. ODU conclui apresentações de Geração#
>>> Geração#: reapresentação será neste sábado, 24
>>> Geração# terá estreia no feriado de 21 de abril
>>> Patrulheiros Campinas recebem a Geração#
>>> Curtíssimas: mostra virtual estreia sexta, 16.
>>> Estreia: Geração# terá sessões virtuais gratuitas
>>> Gota d'agua
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Influências da década de 1980
>>> 20 de Dezembro #digestivo10anos
>>> Poesia e Guerra: mundo sitiado (parte II)
>>> Notas Obsoletas sobre os Protestos
>>> Uma norma para acabar com os quadrinhos nacionais?
>>> Pode guerrear no meu território
>>> Aconselhamentos aos casais ― módulo II
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Na CDHU, o coração das trevas
>>> A Vida e o Veneno de Wilson Simonal, por Ricardo Alexandre
Mais Recentes
>>> Homem Aranha Nº 63 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2007)
>>> Homem Aranha Nº 74 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2008)
>>> La Razon de Mi Vida de Eva Peron pela Peuser (1953)
>>> mem Aranha Nº 67 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2007)
>>> Homem Aranha Nº 44 Marvel Millennium - 5G de Marvell pela Panini (2005)
>>> Nw de Zadie Smith pela Penguin Books (2013)
>>> Homem Aranha Nº 59 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2006)
>>> Oi, Gente: Histórias para Você Ler de Evanildo Bechara pela Edicoes Consultor (2008)
>>> Homem Aranha Nº 58 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2006)
>>> Homem Aranha Nº 69 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2007)
>>> Box - A Segunda Guerra Mundial - 3 Volumes de Martin Gilbert pela Leya (2019)
>>> Pato Donald - Perdidos nos Andes de Carl Barks - Walt Disney pela Abril (2016)
>>> A Língua de fora de Carlos Eduardo Novaes pela Nordica (1979)
>>> Psicologia aplicada à administração de empresas de Cecília Whitaker Bergamini pela Atlas (1988)
>>> Vacas, Porcos, Guerras e Bruxas: Os enigmas da Cultura de Marvin Harris pela Civilização Brasileira (1978)
>>> Nordeste Alternativas da Agricultura de Manuel C. de Andrade pela Papirus (1988)
>>> O Distante Eufrates de Aryeh Lev Stollman pela Bertrand Brasil (2000)
>>> Homem Aranha Nº 25 Marvel Millennium de Marvell pela Panini (2021)
>>> Maravilhas do Conto Francês de Diaulas Riedel (org.) pela Cultrix
>>> O Erotismo: Fantasias e Realidades do Amor e da Sedução de Francesco Alberoni pela Círculo do Livro (1992)
>>> Administração de Marketing: Análise, Planejamento, Implementação e Controle de Philip Kotler pela Atlas (1994)
>>> Ensino Fundamental - 3º Ano, 2ª Série - 1ª Volume de Patrícia Waltiach pela Positivo (2009)
>>> Estudo Geral dos Metais de Bernardo Samu e Chinya Assahina pela Grêmio Politécnico (1953)
>>> Maigret et les Braves Gens de Georges Simenon pela Uge Poche (1996)
>>> Walt Disney World de Walt Disney Company pela Walt Disney Company (1986)
BLOG >>> Posts

Terça-feira, 20/3/2007
A grande final

+ de 3200 Acessos
+ 1 Comentário(s)

"De quatro em quatro anos acontece um dos maiores espetáculos da Terra. Para a maioria de nós, é fácil acompanhá-lo. Para outros, não."

Com essas palavras, o desconhecido diretor de documentários Gerardo Olivares apresenta a curiosa premissa que descobriu quando viajava pelo deserto da Mongólia e encontrou uma fila de nômades que levava uma velha TV em um dos cavalos. "Estamos indo para a Árvore", eles disseram. Na verdade, era um poste de ferro abandonado por soldados e que eles usariam como antena. "É a final da Copa do Mundo."

O fato de pessoas de rotinas tão diferentes quanto caçar raposas com águias no frio do deserto mongol, ainda assim saberem qual o número da camisa do Ronaldo e qual o último grande lance do Zidane é um exemplo claro do poder exercido pelo futebol no mundo. O próprio Pelé, ao ser perguntado sobre sua popularidade frente a Jesus Cristo, respondeu "Há lugares em que Jesus não é tão bem conhecido".

Declaração apropriada, já que o filme A grande final trata de três comunidades isoladas do mundo, mongóis nômades, beduínos do Níger e índios amazônicos, nenhuma delas cristã, que têm em comum a necessidade de assistir o maior espetáculo da Terra, a final da Copa de 2002, Brasil contra Alemanha. O filme transita entre os três povos mostrando que, apesar de a maioria de nós não precisar comprar e vender camelos para sobreviver, temos paixões parecidas, aspiramos ser parte de um grupo e queremos ser como nossos heróis. O interessante é descobrir que para o mundo inteiro esses heróis também correm atrás de uma bola.

Apesar de toda a curiosidade antropológica que o assunto desperta, o filme ainda é uma comédia, feito para deixar um sorriso no canto da boca e trazer algumas horas de entretenimento para o público.

Nada de errado com isso, a não ser que o diretor erre a mão. Infelizmente, é o que acontece em alguns momentos da projeção, que apela para efeitos sonoros e truques de edição para deixar o clima mais, digamos, pastelão. O problema é que a virtude do filme está exatamente no clima "documental", que nos faz crer que aquelas situações, apesar de inusitadas, são perfeitamente verossímeis.

Nesse caso, as situações engraçadas acontecem naturalmente, como aconteceriam em qualquer reunião de família. Assim, acelerar a câmera e brincar com barulhos de desenho animado quando uma pedra é lançada pela janela caricaturiza a história e enfraquece seu humor natural.

Mesmo assim há vários momentos interessantes no filme, como o garoto africano que está a caminho da França para tentar a sorte como jogador de futebol, e que, para sobreviver na jornada, ganha dinheiro vendendo páginas avulsas de revistas pornográficas, e a matriarca mongol, que a cada dia, quando seu filho chega da caçada, o cumprimenta com uma pérola de sabedoria indecifrável pelo resto da família.

Vale ressaltar também o fato de as equipes de filmagem de cada segmento são dos países de origem, o que torna as histórias mais autênticas. Um pôster da campanha presidencial do Lula pendurado em uma das ocas e a antena da DirecTV que é usada pelos índios como bandeja quando não está recebendo sinal são detalhes interessantes que ilustram isso.

O tom documental também se destaca no elenco de não-atores e que têm suas verdadeiras ocupações descritas nos créditos. A tribo indígena é mesmo uma tribo, e o pajé está creditado com o subtítulo "lutando pela preservação da floresta", por exemplo.

Apesar de não ser isento de falhas, A grande final é um filme interessante e divertido, que aponta que, no final das contas, a famosa aldeia global existe não pela vontade de um grupo de americanos sedentos de poder, mas pelo simples fato de que somos, sim, todos iguais. E, para o horror de alguns, todos admiramos homens de ceroulas correndo atrás de uma bola, para usar as palavras de uma sábia senhora mongol.


Postado por David Donato
Em 20/3/2007 às 16h33


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Caravana em BH de Ana Elisa Ribeiro


Mais David Donato no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
26/3/2007
16h08min
Onde eu encontro esse documentário? Isso me fez lembrar um filme sobre monges budistas do Tibete que gostavam de jogar futebol... E um outro documentário muito bonito sobre um povo nômade na Ásia, os Caçadores de Mel. A resenha é ótima... dá mesmo vontade de saber mais. parabéns.
[Leia outros Comentários de Pilar]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




Moderna Plus Literatura Volume Unico
Maria Luiza Abaurre
Modernaplus
(2012)



Leyendas - Cuarta Edicion
Gustavo Adolfo Becquer
Alianza Editorial (madri)
(1984)



As pontes de Madison
Robert James Waller
Planeta
(2003)



A Construção de Algoritmos. Solução de Problemas Numéricos
Antônio Marcos de Lima Araújo
Ciência Moderna
(2017)



O Último Trem para Paris
João Paulo dos Reis Velloso
Nova Fronteira
(1986)



Adoráveis Mulheres Outonais
Maria Helena Gouveia
Gente
(1999)



Gravatas de Pedra. Competencias, Mitos e Herois
Marcelo Marques Galvao
Qualitymark
(2006)



Nunca Recusar Ninguém
Roberto Magini
Amparo Material



Persuasion
Jane Austen
Barne & Noble Classics
(2004)



Mulheres Que Fazem São Paulo
Goimar Dantas; Viviane Pereira
Celebris
(2004)





busca | avançada
68231 visitas/dia
2,5 milhões/mês