O bêbado e seus personagens | Digestivo Cultural

busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
Colunistas
Últimos Posts
>>> Não Aguento Mais a Empiricus
>>> Nubank na Hotmart
>>> O recente choque do petróleo
>>> Armínio comenta Paulo Guedes
>>> Jesus não era cristão
>>> Analisando o Amazon Prime
>>> Amazon Prime no Brasil
>>> Censura na Bienal do Rio 2019
>>> Tocalivros
>>> Livro Alma Brasileira
Últimos Posts
>>> O céu sem o azul
>>> Ofendículos
>>> Grito primal V
>>> Grito primal IV
>>> Inequações de um travesseiro
>>> Caroço
>>> Serial Killer
>>> O jardim e as flores
>>> Agradecer antes, para pedir depois
>>> Esse é o meu vovô
Blogueiros
Mais Recentes
>>> O Salão e a Selva
>>> Ed Catmull por Jason Calacanis
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> Por que a Geração Y vai mal no ENEM?
>>> A massa e os especialistas juntos no mesmo patamar
>>> Entrevista com Jacques Fux, escritor e acadêmico
>>> Nuno Ramos, poesia... pois é
>>> Literatura e interatividade: os ciberpoemas
>>> O Valhalla em São Paulo
>>> Por dentro do Joost: o suco da internet com a TV
Mais Recentes
>>> Direito Romano - Vol. II de José Carlos Moreira Alves pela Forense (2003)
>>> Divinas Desventuras: Outras Histórias da Mitologia Grega de Heloisa Prieto pela Companhia das Letrinhas (2011)
>>> Le Nouveau Sans Frontières 1 - Méthode de Français de Philippe Dominique e Jacky Girardet e Michele Verdelhan e Michel Verdelhan pela Clé International (1988)
>>> Sobrevivência de Gordon Korman pela Arx Jovem (2001)
>>> Ética Geral e Profissional de José Renato Nalini pela Revista dos Tribunais (2001)
>>> Mas Não se Mata Cavalos ? de Horace McCoy pela Abril (1982)
>>> O Menino no Espelho de Fernando Sabino pela Record (2016)
>>> Labirintos do Incesto: O Relato de uma Sobrevivente de Fabiana Peereira de Andrade pela Escrituras-Lacri (2004)
>>> Mas Não se Mata Cavalos ? de Horace McCoy pela Círculo do Livro (1975)
>>> Ponte para Terabítia de Katherine Patersin pela Salamandra (2006)
>>> O Desafio da Nova Era de José M. Vegas pela Ave-Maria (1997)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Boll pela Círculo do Livro (1970)
>>> Trabalho a Serviço da Humanidade de Escola Internacional da Rosa Cruz Áurea pela Rosacruz (2000)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Boll pela Círculo do Livro (1976)
>>> Ensinando a Cuidar da Criança de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Ensinando a Cuidar da Mulher, do Homem e do Recém-nascido de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Luxúria Encadernado de Judith Krantz pela Círculo do Livro (1978)
>>> Fundamentos, Conceitos, Situações e Exercícios de Nébia Maria Almeida de Figueiredo (org.) pela Difusão (2004)
>>> Personality: How to Unleash your Hidden Strengths de Dr. Rob Yeung pela Pearson (2009)
>>> Um Mês Só de Domingos de John Updike pela Record (1975)
>>> Um Mês Só de Domingos Encadernado de John Updike pela Círculo do Livro (1980)
>>> Um Mês Só de Domingos Encadernado de John Updike pela Círculo do Livro (1980)
>>> Caravanas de James Michener pela Record (1976)
>>> A Terra Ainda é Jovem de J.M. Simmel pela Nova Fronteira (1981)
>>> A Terra Ainda é Jovem de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1981)
>>> Deus Protege os Que Amam de J.M. Simmel pela Nova Fronteira (1977)
>>> Um Ônibus do Tamanho do Mundo de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1976)
>>> Um Ônibus do Tamanho do Mundo de J. M. Simmel pela Nova Fronteira (1976)
>>> O Quarto das Senhoras de Jeanne Bourin pela Difel (1980)
>>> Beco sem Saída de John Wainwright pela José Olympio (1984)
>>> Casais Trocados de John Updike pela Abril (1982)
>>> O Hotel New Hampshire Encadernado de John Irving pela Círculo do Livro (1981)
>>> As Moças de Azul de Janet Dailey pela Record (1985)
>>> Amante Indócil Encadernado de Janet Dailey pela Círculo do Livro (1987)
>>> A Rebelde Apaixonada de Frank G. Slaughter pela Nova Cultural (1986)
>>> Escândalo de Médicos de Charles Knickerbocker pela Record (1970)
>>> A Turma do Meet de Annie Piagetti Muller pela Target Preview (2005)
>>> O Roteiro da Morte de Marc Avril pela Abril (1973)
>>> Luz de Esperança de Lloyd Douglas pela José Olympio (1956)
>>> Confissões de Duas Garotas de Aluguel de Linda Tracey e Julie Nelson pela Golfinho (1973)
>>> Propósitos do Acaso de Ronaldo Wrobel pela Nova Fronteira (1998)
>>> Olho Vermelho de Richard Aellen pela Record (1988)
>>> A Comédia da Paixão de Jerzy Kosinski pela Nova Fronteira (1983)
>>> Casa sem Dono Encadernado de Heinrich Böll pela Círculo do Livro (1976)
>>> Ventos sem Rumo de Belva Plain pela Record (1981)
>>> Ventos sem Rumo de Belva Plain pela Record (1981)
>>> O Caminho das Estrêlas de Christian Signol pela Círculo do Livro (1987)
>>> Longo Amanhecer de Joe Gores pela Best-seller (1988)
>>> As Damas do Crime de B. M. Gill pela Círculo do Livro (1986)
>>> Os Melhores Contos de Alexandre Herculano de Alexandre Herculano pela Círculo do Livro (1982)
BLOG >>> Posts

Sexta-feira, 14/7/2006
O bêbado e seus personagens

+ de 3100 Acessos

R$45. Este foi o orçamento de Fábio Silvestre em seu espetáculo O Bêbado, que entra em seu segundo e último mês em São Paulo. O resto, acrescenta-se, foi material reaproveitado, emprestado de amigos e apoiadores. Não é difícil acreditar nesta afirmação quando conhecemos o histórico profissional do ator e humorista paranaense: fiscal de passagens e cobrador de ônibus, garçom de bar e decorador de vitrines, sempre se virou como pôde para levar seu projeto artístico adiante. E deu certo: O Bêbado já foi visto por 25 mil pessoas em Curitiba, em 139 apresentações e 17 temporadas desde 2003. A peça também será apresentada simultaneamente, neste mês, aos sábados e domingos em Curitiba e até o final do ano planeja uma temporada carioca.

Seu primeiro espetáculo, Um flash de nós mesmos, ficou dois anos em cartaz em sua cidade natal, Ponta Grossa. No Café Poesia, casa conhecida na cidade, começou a se apresentar com O Humorista de Capa Preta, o que fez com que se profissionalizasse na área. Após encenar peças dramáticas como Agora é que são elas, de Leminski, e A Falecida, de Nelson Rodrigues, criou, em 1997, O Fio, peça autoral dirigida, escrita e encenada por ele. Com ela, venceu quatro prêmios no Festival Internacional do Mercosul: melhor ator, espetáculo, cenário e iluminação. A partir daí, produziu diversas comédias, até a inusitada Amor Cachorro - uma novela mexicana, na qual contracenava com um cão.

Em um cenário composto apenas por uma mesa de bar, uma garrafa de cerveja, duas cadeiras e uma vassoura ao fundo, Fábio encena seu monólogo. Ele é um bêbado que conversa com o "Doutor", "sentado" na cadeira vazia ao seu lado. Temas delirantes como o Programa Nacional do Álcool e divagações filosóficas embriagadas sobre Shakespeare, além de banais, envoltos de piadas chulas, como futebol, casamento e alcoolismo, são tocados pelo personagem de Fábio, que faz trejeitos e gestos perfeitos para encarnar o alcoólatra provocador por fora, mas sempre triste e sensível por dentro.

Rebeca, uma travesti do interior que conta sobre sua vida para a associação dos moradores de seu bairro; Paulo Peroba, ex-ator pornô que faz um depoimento aos Alcoólatras Anônimos; e o pastor João Jonas são personagens já conhecidos de outras apresentações que Fábio reúne no espetáculo. Eles servem como uma quebra ao monólogo do bêbado e também são marcados por trejeitos e expressões que Fábio traduz com excelência. Paulo Peroba tem o tipo de "machão" misturado com "mano" da periferia que é impagável, assim como a voz da travesti Rebeca. Mas quem toma realmente conta do show é o bêbado, com seu monólogo cadenciado e suas trapalhadas em cena.

Há uma tentativa, por parte de Fábio, de tornar o monólogo um pouco filosófico e até dramático em certos momentos. Mas, como seus personagens são claramente caricaturais e muitas vezes soltam piadas de senso comum, mas que ainda assim provocam gordas gargalhadas do público, eles soam forçados. Shakespeare e política em uma caricatura de bêbado não combinam. E o drama não é esperado, o que definitivamente pode contar pontos e ser claramente uma tentativa de tornar a comédia mais crítica, mas é um grande risco. Seria talvez mais interessante manter o espetáculo com o humor leve e expressivo que Fábio consegue passar e com o qual contagia o público de seu espetáculo, sempre interagindo com ele. Afinal, esta é a característica mais veemente na triste e dúbia figura de um bêbado.



Postado por Marília Almeida
Em 14/7/2006 às 12h35


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Existem vários modos de vencer de Fabio Gomes
02. Uma cidade se inventa de Ana Elisa Ribeiro
03. Dois de Fevereiro de Julio Daio Borges
04. Quando Steve Jobs virou iCEO de Julio Daio Borges
05. Jonathan Ive sobre Steve Jobs de Julio Daio Borges


Mais Marília Almeida no Blog
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




ATLAS DO CORPO HUMANO VOL. II 6232
DIVERSOS
ABRIL
(2008)
R$ 10,00



A CARÍCIA ESSENCIAL: UMA PSICOLOGIA DO AFETO
ROBERTO SHINYASHIKI
GENTE
(1992)
R$ 10,00



PARA TODOS OS GAROTOS QUE JÁ AMEI
JENNY HAN
INTRINSECA
(2015)
R$ 31,77



CLARISSA
ERICO VERISSIMO
GLOBO
(1997)
R$ 4,60



LANTERNA VERDE 48 - HAL JORDAN, VIDA APÓS A TROPA
EQUIPE DC
PANINI
(2016)
R$ 8,60



OS FATOS FICTICIOS POESIA
IZACYL GUIMARAES FERREIRA
LR
(1980)
R$ 6,00



1000 PERGUNTAS DE DIREITO ADMINISTRATIVO
REIS FRIEDE
FORENSE UNIVERSITÁRIA
(2005)
R$ 17,28



O PODER DOS ANIVERSÁRIOS- ESCORPIÃO
SAFFI CRAWFORD E GERALDINE SULLIVAN
PRETÍGIO
(2005)
R$ 25,90
+ frete grátis



DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO ENDÓGENO DE PEQUENOS ESTADOS INSULARES
ALBERTINO FRANCISCO
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 524,00



HISTÓRIA DO DEPARTAMENTO DE VOLUNTÁRIOS
HOSPITAL ALBERT EINSTEIN
NARRATIVA UM
(2004)
R$ 14,00





busca | avançada
29791 visitas/dia
1,1 milhão/mês