Ter e Não Ter, de Hemingway | Ricardo de Mattos | Digestivo Cultural

busca | avançada
50039 visitas/dia
1,2 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Rinoceronte, poemas em prosa de Ronald Polito
>>> A forca de cascavel — Angústia (FUVEST 2020)
>>> O reinado estético: Luís XV e Madame de Pompadour
>>> 7 de Setembro
>>> Outros cantos, de Maria Valéria Rezende
>>> Notas confessionais de um angustiado (VII)
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
Colunistas
Últimos Posts
>>> Revisores de Texto em pauta
>>> Diogo Salles no podcast Guide
>>> Uma História do Mercado Livre
>>> Washington Olivetto no Day1
>>> Robinson Shiba do China in Box
>>> Karnal, Cortella e Pondé
>>> Canal Livre com FHC
>>> A história de cada livro
>>> Guia Crowdfunding de Livros
>>> Crise da Democracia
Últimos Posts
>>> Uma crônica de Cinema
>>> Visitação ao desenho de Jair Glass
>>> Desiguais
>>> Quanto às perdas I
>>> A caminho, caminhemos nós
>>> MEMÓRIA
>>> Inesquecíveis cinco dias de Julho
>>> Primavera
>>> Quando a Juventude Te Ferra Economicamente
>>> Bens de consumo
Blogueiros
Mais Recentes
>>> Ser intelectual dói
>>> O Tigrão vai te ensinar
>>> O hiperconto e a literatura digital
>>> Aberta a temporada de caça
>>> Se for viajar de navio...
>>> Incompatibilidade...
>>> Alguns Jesus em 10 anos
>>> Blogues: uma (não tão) breve história (II)
>>> Picasso e As Senhoritas de Avignon (Parte I)
>>> Asia de volta ao mapa
Mais Recentes
>>> O Livro da moda de Alexandra Black pela Publifolha (2015)
>>> Rejuvelhecer a saude como prioridade de Sergio Abramoff pela Intrinseca (2017)
>>> O livro das evidencias de John Banville Tradução Fabio Bonillo pela Biblioteca Azul - globo (2018)
>>> O futebol explica o Brasil de Marcos Guterman pela Contexto (2014)
>>> O Macaco e a Essencia de Aldous Huxley pela Globo (2017)
>>> BATISTAS, Sua Trajetória em Santo Antônio de Jesus: o fim do monopólio da fé na Terra do Padre Mateus de Jorgevan Alves da Silva pela Fonte Editorial (2018)
>>> Playboy Bárbara Borges de Diversos pela Abril (2009)
>>> Sarah de Theresa Michaels pela Nova Cultural (1999)
>>> A Bela e o Barão de Deborah Hale pela Nova Cultural (2003)
>>> O estilo na História. Gibbon & Ranke & Macaulay & Burckhardt de Peter Gay pela Companhia das Letras (1990)
>>> Playboy Simony de Diversos pela Abril (1994)
>>> Invasão no Mundo da Superfície de Mark Cheverton pela Galera Junior (2015)
>>> José Lins Do Rego- Literatura Comentada de Benjamin Abdala Jr. pela Abril Educação (1982)
>>> A modernidade vienense e as crises de identidade de Jacques Le Rider pela Civilização Brasileira (1993)
>>> Machado De Assis - Literatura Comentada de Marisa Lajolo pela Abril Educação (1980)
>>> A Viena de Wittgenstein de Allan Janik & Stephen Toulmin pela Campus (1991)
>>> O Velho e o Mar de Ernest Hemingway pela Círculo do livro (1980)
>>> Veneno de Alan Scholefield pela Abril cultural (1984)
>>> O Livreiro de Cabul de Asne Seierstad pela Record (2007)
>>> Os Dragões do Éden de Carl Sagan pela Francisco Alves (1980)
>>> O Espião que sabia demais de John Le Carré pela Abril cultural (1984)
>>> Administração de Materiais de Jorge Sequeira de Araújo pela Atlas (1981)
>>> Introdução à Programação Linear de R. Stansbury Stockton pela Atlas (1975)
>>> Como lidar com Clientes Difíceis de Dave Anderson pela Sextante (2010)
>>> As 3 Leis do Desempenho de Steve Zaffron e Dave Logan pela Primavera (2009)
>>> Curso de Educação Mediúnica 1º Ano de Vários Autores pela Feesp (1996)
>>> Recursos para uma Vida Natural de Eliza M. S. Biazzi pela Casa Publicadora Brasileira (2001)
>>> Jesus enxuga minhas Lágrimas de Elza de Almeida pela Fotograma (1999)
>>> As Aventuras de Robinson Crusoé de Daniel Defoe pela LPM Pocket (1997)
>>> Bulunga o Rei Azul de Pedro Bloch pela Moderna (1991)
>>> Menino de Engenho de José Lins do Rego pela José Olympio (1982)
>>> Terra dos Homens de Antoine de Saint-Exupéry pela Nova Fronteira (1988)
>>> O Menino de Areia de Tahar Ben Jelloun pela Nova Fronteira (1985)
>>> Aspectos Endócrinos de Interesse à Estomatologia de Janete Dias Almeida pela Unesp (1999)
>>> Nociones de Historia Linguística y Estetica Literaria de Antonio Vilanova- Nestor Lujan pela Editorial Teide/ Barcelona (1950)
>>> El Estilo: El Problema y Su Solucion de Bennison Gray pela Editorial Castalia/ Madrid (1974)
>>> El Cuento y Sus Claves de Raúl A. Piérola/ Alba Omil (profs. Univ. Tucumán pela Editorial Nova, Buenos Aires (1955)
>>> Las Fuentes de La Creacion Literaria de Carmelo M. Bonet pela Libr. del Collegio/ B. Aires (1943)
>>> As Hortaliças na Medicina Doméstica/ Encadernado de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar (1976)
>>> A Flora Nacional na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Arlington Park de Rachel Cusk pela Companhia das Letras (2007)
>>> Muitas Vidas, Muitos Mestres de Brian L Weiss pela Salamandra (1991)
>>> As Frutas na Medicina Doméstica de Alfons Balbach pela A Edificação do Lar
>>> Coleção Agatha Christie - Box 8 de Agatha Christie; Sonia Coutinho; Archibaldo Figueira pela HarperCollins (2019)
>>> As Irmãs Aguero de Cristina García pela Record (1998)
>>> Não Faça Tempestade Em Copo Dágua no Amor de Richard Carlson pela Rocco (2001)
>>> Um Estudo Em Vermelho - Edição De Bolso de Arthur Conan Doyle pela Zahar (2013)
>>> Eu, Dommenique de Dommenique Luxor pela Leya (2011)
>>> Os Cavaleiros da Praga Divina de Marcos Rey pela Global (2015)
>>> O Futuro da Filosofia da Práxis de Leandro Konder pela ExpressãoPopular (2018)
COLUNAS

Quinta-feira, 17/4/2003
Ter e Não Ter, de Hemingway
Ricardo de Mattos

+ de 10400 Acessos

Ao mencionar-se o nome de Ernest Hemingway (1.898/1.961) creio ser O Velho e O Mar o primeiro livro a vir à mente de seus admiradores, possivelmente seguido por O Sol Também Se Levanta e Por Quem Os Sinos Dobram. Ter e Não Ter talvez seja obra para seus leitores mais fiéis, desejosos de conhecer a totalidade de seus escritos. O livro foi publicado no ano de 1.937 quando o escritor já morava em Key West, principal ilha de um arquipélago homónimo situado no Golfo do México, mas já bem próximo ao Estreito da Flórida.

A época era de instabilidade política em Cuba. A luta pela independência iniciou-se com a "Guerra Pequena" de 1.879 e desdobrou-se por todo o final do século XIX. Em 1.895 deu-se a última guerra, esta com auxílio norte americano, prolongada até 1.898, quando a Espanha renunciou definitivamente a Cuba através do Tratado de Paris. O interesse dos Estados Unidos é evidenciado pela posição geográfica da ilha, situada bem ao sul do Estado da Flórida e muito mais perto que Porto Rico. Era necessário ter como aliado, ou protectorado, um país localizado tão estrategicamente.

O ímpeto norte-americano foi exagerado e ocasionou descontentamento à nova nação. Além de governar Cuba até 1.902, os Estados Unidos mantiveram sobre ela um direito de fiscalização prolongado até 1.934, enfim obstado pelo primeiro governo revolucionário provisório instalado em 1.933. Este governo de insurrectos depôs o então ditador Gerardo Machado, citado no livro. Nem Espanha, nem Estados Unidos. Os cubanos queriam liberdade e autonomia política plenas. O século XX foi marcado pela alternância entre ditaduras e golpes revolucionários responsáveis pelo acesso ao poder por outros ditadores. Finalmente em primeiro de janeiro de 1.959 - "Dia da Libertação Nacional" - obtém o domínio o actual ditador. Aderindo ao comunismo, Cuba conseguiu livrar-se da insistente abordagem norte-americana, mas sofreu o conhecido embargo económico.

Ter e Não Ter, portanto, foi escrito neste período de golpes e contra golpes, tendo Cuba e Key West como cenários. São 241 páginas bem lidas n'um final de semana. Não é um libelo político conforme esclarece Harry Morgan, o personagem principal, a certa altura: "Que merda me interessa essa revolução! Que se foda sua revolução! Para ajudar os trabalhadores, assaltam um banco e matam um camarada que estava com eles e em seguida assassinam o pobre Albert, que nunca fez mal a ninguém... Foi um trabalhador que eles mataram. Nunca pensam nisso. Um trabalhador com família. São os cubanos que governam Cuba. Todos atraiçoam uns aos outros. Todos vendem uns aos outros. Têm o que merecem. Para o inferno suas revoluções! Tudo o que quero fazer é ganhar a vida para a minha família e nem isso posso fazer agora! E vem esse cara me falar dessa tal revolução. Que se dane a revolução dele!" (página 169). Repare-se na brevidade dos períodos.

Este trecho, além do posicionamento político de Morgan, mostra sua truculência característica e sua principal preocupação: manter a família. Está absolutamente despreocupado com os meios e recursos empregados, dês que sua mulher e suas filhas comam. Tendo o irrestrito apoio daquela, contando com a ignorância destas e seguidor do princípio segundo o qual "não há lei que obrigue a passar fome", nenhum escrúpulo tolhe suas acções. Para barrá-lo, suas filhas precisariam rejeitar o alimento comprado com dinheiro obtido através do crime, e isso dificilmente ocorreria. Inicialmente, Morgan alternou o trabalho honesto com pequenos contrabandos, mas logrado por um turista e depois perdendo um braço, dedica-se totalmente às acções criminosas. E assim transcorreu sua vida; ter e não ter dinheiro e sossego, ter e não ter uma vida tranquila, ter e não ter o que levar à mesa. Uma vida de ilegalidade n'uma época ruim para cubanos e para norte-americanos a sofrer os danos da recessão de 1.929.

A figura do bom bandido - o assaltante, o político canalha, o homicida de aluguel, o contrabandista, o traficante -, aquele que volta para a esposa e filhos com víveres e presentes adquiridos depois de um crime, é frequente na literatura. Deve ser lembrada a figura de Bené, no livro Cidade de Deus. Personagens com este dualismo de carácter encontram sempre seus admiradores e paladinos. Na vida real, o próprio ditador cubano não se manteve no poder sem verter sangue alheio, mas consegue transmitir simpatia e afastar questões.

O relevante da história apresenta-se na terceira e última parte. As duas primeiras apontam ao personagem e ao ambiente de bêbados, contrabandistas, desocupados e assaltantes no qual ele vive. Sua própria esposa parece ter sido prostituta. Observe-se a inconstância na escolha do narrador. Na primeira parte a narração é feita em primeira pessoa. Na segunda, em terceira pessoa, com narrador omnisciente. A terceira parte também em terceira pessoa, porém com narrador personagem no primeiro capítulo e de novo omnisciente até o final.

Por fim, se é certo procurar em livros um alter ego para o escritor - qualquer escritor -, imagino que em Ter e Não Ter o de Hemingway seja Richard Gordon, personagem aparecido do meio para o fim e sem alguma importância aparente. Destaco ainda no capítulo 24 alguns esboços bem ásperos que o autor fez de tipos americanos encontrados mas talvez não aproveitados na obra.

Para ir além





Ricardo de Mattos
Taubaté, 17/4/2003


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A Copa, o Mundo, é das mulheres de Luís Fernando Amâncio
02. De pé no chão (1978): sambando com Beth Carvalho de Renato Alessandro dos Santos
03. Minimundos, exposição de Ronald Polito de Jardel Dias Cavalcanti
04. Cidadão Samba: Sílvio Pereira da Silva de Renato Alessandro dos Santos
05. T.É.D.I.O. (com um T bem grande pra você) de Renato Alessandro dos Santos


Mais Ricardo de Mattos
Mais Acessadas de Ricardo de Mattos em 2003
01. Da Poesia Na Música de Vivaldi - 6/2/2003
02. Poesia, Crônica, Conto e Charge - 13/11/2003
03. Da Biografia de Lima Barreto - 26/6/2003
04. Estado de Sítio, de Albert Camus - 4/9/2003
05. A Euforia Perpétua, de Pascal Bruckner - 5/6/2003


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




TARDE DEMAIS PARA CHORAR... CEDO DEMAIS PARA MORRER
EDITH PENDLETON
CIRCULO DO LIVRO
R$ 4,70



JORNADA NAS ESTRELAS - OS GUARDIÃES DA PAZ
GENE DEWEESE
ALEPH
(1993)
R$ 20,00



A MEMÓRIA DA TERRA - 43 POEMAS
ANTONIO OZÓRIO LEME DE BARROS
TIKINET
(2012)
R$ 29,75
+ frete grátis



HACIA UNA VIDA PLENA DE SENTIDO
MENAJEM MENEL SCHNEERSON
LEOGRAF & COMPAÑÍA
(1995)
R$ 15,00



PINÓQUIO - CONTOS MÁGICOS - CAPA 3D
DISNEY
MELBOOKS
(2012)
R$ 26,00



THE KING'S TWO BODIES - A STUDY IN MEDIAEVAL POLITICAL THEOLOGY
ERNST H. KANTOROWICZ
PRINCETON PAPERBAKS
(1997)
R$ 19,90



OS LUSÍADAS
CAMÕES
NOVA CULTURAL
R$ 10,00



ELITE DA TROPA
LUIZ EDUARDO SOARES - ANDRÉ BATISTA - RODRIGO
OBJETIVA
(2006)
R$ 10,00



CAÇA SUBMARINA
CLAUDIO GUARDABASSI / WALDIR NACCARATO
MAR AZUL
(1996)
R$ 25,00



INTRODUÇÃO AO TAROT E CABALA
SAMAEL AUN WEOR
AEF
(2015)
R$ 15,00





busca | avançada
50039 visitas/dia
1,2 milhão/mês