Jogando uma pedra no poço sem fundo | Alexandre Soares Silva | Digestivo Cultural

busca | avançada
22305 visitas/dia
957 mil/mês
Mais Recentes
>>> A Cor
>>> Ana Medeiros e Hiroshi Nishiyama levam o butoh segundo Yoshito Ohno para São Paulo
>>> As Irmãs Siamesas estreia com direção do francês Sébastien Brottet-Michel
>>> Universidade do Livro promove oficina de edição de tradução literária
>>> Conexão Berlim-Brasília chega em sua reta final
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Cidades do Algarve
>>> Gosta de escrever? Como não leu este livro ainda?
>>> Assum Preto, Me Responde?
>>> Os olhos de Ingrid Bergman
>>> Não quero ser Capitu
>>> Desdizer: a poética de Antonio Carlos Secchin
>>> Pra que mentir? Vadico, Noel e o samba
>>> De quantos modos um menino queima?
>>> Entrevista com a tradutora Denise Bottmann
>>> O Brasil que eu quero
Colunistas
Últimos Posts
>>> Eleições 2018 - Afif na JP
>>> Lançamentos em BH
>>> Lançamento paulistano do Álbum
>>> Pensar Edição, Fazer Livro 2
>>> Ana Elisa Ribeiro lança Álbum
>>> Arte da Palavra em Pernambuco
>>> Conceição Evaristo em BH
>>> Regina Dalcastagné em BH
>>> Leitores e cibercultura
>>> Sarau Libertário em BH
Últimos Posts
>>> O conservadorismo e a refrega de símbolos
>>> Ingmar Bergman, cada um tem o seu
>>> Em defesa do preconceito, de Theodore Dalrymple
>>> BRASIL, UM CORPO SEM ALMA E ACÉFALO
>>> Meus encontros com Luiz Melodia
>>> Evasivas admiráveis, de Theodore Dalrymple
>>> O testemunho nos caminhos de Israel
>>> UM OLHAR SOBRE A FILOSOFIA (PARTE FINAL)
>>> Os livros sem nome
>>> O mundo era mais aberto, mãe...
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A quem interessa uma sociedade alienada?
>>> Filipe II da Espanha: homem e rei
>>> Filipe II da Espanha: homem e rei
>>> Público, massa e multidão
>>> Os olhos de Ingrid Bergman
>>> Tchekhov, o cirurgião da alma
>>> Blogueiros vs. Jornalistas? ROTFLOL (-:>
>>> Internet em 2005
>>> Conceitos musicais: blues, fusion, jazz, soul, R&B
>>> Amizade (1)
Mais Recentes
>>> Destinations of ecotourism de Embrapa pela Ed
>>> Backpack--1--second edition. de Mario herrera/diane pinkley pela Pearson/longman
>>> Arte e storia dell egitto de Bonechi pela Bonechi
>>> Como se fosse dinheiro de Ruth Rocha pela FTD (2004)
>>> Bidu Caminhos de Eduardo Damasceno - Luis Felipe Garrocho pela Mauricio de Sousa (2014)
>>> Ali Babá e os Quarenta Ladrões de Tradução de Maria Aparecida dos Santos pela Visor (2002)
>>> Ali Babá e os Quarenta Ladrões de Tradução de Maria Aparecida dos Santos pela Visor (2002)
>>> Convivendo com o pecado: na sociedade colonial paulista (1719-1822) de Eliana Maria Rea Goldschmidt pela Annablume (1998)
>>> De Carta em Carta de Ana Maria Machado pela Salamandra (2010)
>>> A Colcha de Retalhos de Conceil Corrêa da Silva - Nye Ribeiro Silva pela Brasil (2009)
>>> Gente, Bicho, Planta: O mundo me encanta de Ana Maria Machado pela Global (2012)
>>> O Sanduíche da Maricota de Avelino Guedes pela Moderna (2013)
>>> Um Homem, um Menino e um Burro de Jennifer Burrows pela Girassol (2012)
>>> Bat Pat - O tesouro do cemitério de Roberto Pavanello pela Fundamento (2009)
>>> Viagem ao Centro da Terra de Julio Verne - Walcyr Carrasco pela FTD (2007)
>>> Com a Ponta dos dedos e os olhos do coração de Leila Rentroia Jannone pela Brasil (2009)
>>> O Gênio do Crime de João Carlos Marinho pela Global (2017)
>>> Minimanual Compacto de Gramática da língua portuguesa: teoria e prática de Maria Cecília Garcia pela Rideel (2000)
>>> Um amor grande demais de Yolanda Reyes pela FTD (1999)
>>> Laís, a Fofinha de Walcyr Carrasco pela Ática (2014)
>>> Zac Power - Codigo Vermelho de De H. I. Larry pela Fundamento (2010)
>>> Zac Power - Alto Risco de De H. I. Larry pela Fundamento (2009)
>>> Zac Power - Treinamento Radical de De H. I. Larry pela Fundamento (2010)
>>> Encontro Desencontro & Reencontros de Maria Helena Matarazzo pela Gente (1996)
>>> História do Brasil de Eduardo Bueno pela Zero Hora
>>> Os Irmãos Leme de Paulo Setúbal pela Nacional (1983)
>>> Enciclopédia do Charadista - Vol. 2 de Sylvio Alves pela Livraria Tupã
>>> Zac Power - Viagem `A Lua de De H. I. Larry pela Fundamento (2011)
>>> Zac Power - Aguas Profundas de De H. I. Larry pela Fundamento (2008)
>>> Zac Power - Invasão Noturna de De H. I. Larry pela Fundamento (2008)
>>> Zac Power - Aventura no espaço de De H. I. Larry pela Fundamento (2009)
>>> Zac Power - O Golpe Fatal de Zac de De H. I. Larry pela Fundamento (2011)
>>> Zac Power - O Ataque de Tubarão de Zac de De H. I. Larry pela Fundamento (2010)
>>> Zac Power - Sucesso de Cinema de De H. I. Larry pela Fundamento (2009)
>>> O peregrino e a historia de a peregrina de John bunyan pela Literatura monte siao (2012)
>>> A Vida Inquieta e Gloriosa de Victor Hugo de Jaime Brasil pela Portugália (1965)
>>> A Vida Inquieta e Gloriosa de Victor Hugo de Jaime Brasil pela Portugália (1965)
>>> L'isola Misteriosa de Giulio Verne pela Sonzogno (1912)
>>> Macário - Noite na taverna de Álvares de Azevedo pela Globo (2006)
>>> Novos poemas para rezar de Michel quoist pela Edições Paulista (1995)
>>> Ame dormante de Jean e de coulomb pela Librairie bleriot (1918)
>>> Caderneta de campo de Lélis Espartel / João Lüderitz pela Globo (1979)
>>> A Bruxinha Domitila e o robô super - tudo de Edson Gabriel Garcia pela Brasil (2014)
>>> O Conde de Monte Cristo de Alexandre Dumas - Heloisa Prieto pela FTD (2014)
>>> As injustiças de Clio de Clóvis Moura pela Oficina de Livros (1990)
>>> As Aventuras de Simão e Bartolomeu - uma viagem especial de Cesar Cavezagna pela Globo (2008)
>>> Dissertação Sobre o Direito de Caçoar + Carta a Salvador do Couto de Filippe Alberto Patroni Martins Maciel Parente pela Loyola (1992)
>>> Deixei o Pum escapar de Blandina Franco e José Carlos Lollo pela Schwarcz S.A (2013)
>>> Nietzsche em Turim de Lesley Chamberlain pela Difel (2000)
>>> Tampinha Tira Os Óculos de Mariana Caltabiano pela Scipione (2004)
COLUNAS

Sexta-feira, 17/8/2001
Jogando uma pedra no poço sem fundo
Alexandre Soares Silva

+ de 3100 Acessos
+ 1 Comentário(s)

Lancei um livro no ano passado. Não importa qual. Meu ponto é o seguinte: que você escreve com toda a excitação de um anarquista do século dezenove preparando uma bomba. Você fica ajustando os fios e sorrindo e pensando na explosão. Nos burgueses de monóculo se transformando num diagrama anatômico (tronco, membros...) sobre o gramado do parque. Nas manchetes indignadas nos jornais. Os editoriais furibundos. Você fica mexendo nos fios e sorrindo distraído com o lírico sonho da destruição (escritores são assim).

Daí você coloca a bomba no parque, perto da confeitaria, no caminho diário do arquiduque (falei de anarquistas, estou visualizando Viena em 1893) e seu grupinho de sicofantas. Daí você corre para a confeitaria, segurando o riso. Pede uma éclair de chocolate. Escolhe uma mesa com vista para o parque, e se esconde atrás do jornal. Seus ombros já estão contraídos esperando pela explosão.

Mas não há explosão.

Há um Pup!

Você pára de fixar estupidamente o anúncio da missa de sétimo dia de Johann Strauss, e dá uma olhada no parque. Três pessoas (o arquiduque, um açougueiro e uma babá com um carrinho) estão olhando o arbusto onde está a sua bomba. Não parecem assustados nem chocados. Estão olhando a sua bomba, digamos, com a curiosidade polida com que se olha uma estátua de argila feita por uma velhinha de ar gentil. Um velhinho chega perto deles e aponta na sua direção.

Você foge? Não, você quer ouvir os protestos indignados do arquiduque. Você fica.

O arquiduque diz:

— Perdão, cavalheiro, mas aquela bomba é sua?

— Sim! — você diz, com um sorriso orgulhoso, que você espera que pareça satânico.

— Ah, formidável... Só queria dizer que achei o sonzinho da bomba deveras encantador... Pup! Ah, muito interessante... Muito saboroso mesmo...

O açougueiro, embaraçado por não ter nada o que dizer, diz:

— Você devia colocar num lugar mais público, para chamar mais atenção...

E a babá diz:

— Gosto muito de bombas. Eu também faço umas bombinhas em casa...

E se afastam.

Bom, vou parar a metáfora por aqui, vocês já perceberam. Poderia também dizer que lançar um livro é como jogar uma pedra num poço sem fundo — ou, para usar a imortal expressão do ator Ted Danson (o de Cheers) falando sobre como era fazer sexo com Whoopy Goldberg — é como jogar um cachorro-quente num corredor.

Comecei este texto querendo reclamar da falta de barulho (atenção, para usar um termo mais delicado) que se segue ao lançamento de um romance; e só agora percebi que, ainda pior do que a falta de atenção, é receber determinado tipo de elogios. "Saboroso", por exemplo. Quem diz isso é sempre algum tipo de cavalheiro barrigudo e satisfeito consigo mesmo (um burguês, como se dizia antigamente), dando risadinhas, e cofiando o bigode.

Ou um certo tipo de interesse fingido. As pessoas sempre chegam perto de mim com um sorriso horrível, e dizem: "Sobre o que é o seu livro?". Quando digo sobre o que o meu livro é — quando digo que não é um romance à clef "muito divertido" sobre políticos corruptos do segundo escalão de Brasília, e que não tem nada de "real" — que é, em suma, sobre anjos decadentes e um espírito que é o único espírito mortal do Universo — essas pessoas imediatamente perdem o interesse e dizem "Que interessante... Olha, boa sorte, viu? Agora com licença que estão me chamando do outro lado da sala".

Mas deixa estar, porque o que essas pessoas não sabem, e eu sei, é que um microscópico estilhaço da minha bomba entrou na circulação do arquiduque, e no momento está viajando artérias acima, em busca do tão almejado coração... E quando chegar lá...


Alexandre Soares Silva
São Paulo, 17/8/2001


Quem leu este, também leu esse(s):
01. Fantasmas do antigo Recife de Guilherme Conte
02. O sublime ridículo de Guilherme Conte
03. O produto humano de Ana Elisa Ribeiro


Mais Alexandre Soares Silva
Mais Acessadas de Alexandre Soares Silva
01. Polêmicas - 29/11/2002
02. Filhos de Francis - 15/11/2002
03. Defesa dos Rótulos - 30/5/2003
04. Apresentação - 6/11/1968
05. Psiquiatra declara Japão Oficialmente Maluco - 31/5/2002


* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site

ENVIAR POR E-MAIL
E-mail:
Observações:
COMENTÁRIO(S) DOS LEITORES
30/5/2003
14h15min
Uma pequena sugestao: melhor torcer para que o microscopico estilhaco esteja viajando VEIAS acima, porque, se tiver optado pelas arterias, que, como se sabe, fazem o caminho inverso, devera esbarrar em dificuldades intransponiveis para chegar ao almejado coracao. Abraco e perdoe a falta de acentuacao.
[Leia outros Comentários de Joao]
COMENTE ESTE TEXTO
Nome:
E-mail:
Blog/Twitter:
* o Digestivo Cultural se reserva o direito de ignorar Comentários que se utilizem de linguagem chula, difamatória ou ilegal;

** mensagens com tamanho superior a 1000 toques, sem identificação ou postadas por e-mails inválidos serão igualmente descartadas;

*** tampouco serão admitidos os 10 tipos de Comentador de Forum.




Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




CONTOS GREGOS - A TARTARUGA E O DUELO
TERRY DEARY
CIRANDA CULTURAL
(2009)
R$ 7,90



A SOMBRA DO VENTO
CARLOS RUIZ ZAFÓN
SUMA DE LETRAS
(2007)
R$ 12,90



SÓ O AMOR CONSEGUE
ZIBIA GASPARETTO
VIDA & CONSCIÊNCIA
(2013)
R$ 16,00



DESTEMIDA 03
NATALIE JANE PRIOR
FUNDAMENTO
(2002)
R$ 5,99



A DAMA DAS CAMÉLIAS - PROGRAMA DO TEATRO BRASILEIRO DE COMÉDIAS - 1951
TEATRO BRASILEIRO DE COMÉDIAS
TEATRO BRASILEIRO DE COMÉDIAS
(1951)
R$ 65,00



MINAS E SEUS CASOS
OLAVO ROMANO
ÁTICA
(1984)
R$ 10,00



BERNARDO SANTARENO - OBRAS COMPLETAS - VOLUME 2 (TEATRO PORTUGUÊS)
BERNARDO SANTARENO
CAMINHO
(1985)
R$ 70,00



A FACE PINTADA EM PANO DE LINHO
ALBERTO CIPINIUK
LOYOLA
(2003)
R$ 15,00



ATITUDE - A VIRTUDE DOS VENCEDORES
PAULO SILVEIRA
SER MAIS
R$ 14,95
+ frete grátis



LÍNGUA PORTUGUESA - ATIVIDADES DE LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO
CARLOS ALBERTO MOYSÉS
SARAIVA
(2008)
R$ 19,00





busca | avançada
22305 visitas/dia
957 mil/mês