Tom Jobim, memórias e histórias | Fabio Silvestre Cardoso | Digestivo Cultural

busca | avançada
35004 visitas/dia
1,0 milhão/mês
Mais Recentes
>>> Banda GELPI, vencedora do concurso EDP LIVE BANDS BRASIL, lança seu primeiro álbum com a Sony
>>> Celso Sabadin e Francisco Ucha lançam livro sobre a vida de Moracy do Val amanhã na Livraria da Vila
>>> No Dia dos Pais, boa comida, lugar bacana e MPB requintada são as opções para acertar no presente
>>> Livro destaca a utilização da robótica nas salas de aula
>>> São Paulo recebe o lançamento do livro Bluebell
* clique para encaminhar
Mais Recentes
>>> Eu não entendo nada de alta gastronomia - Parte 1
>>> Treliças bem trançadas
>>> Meu Telefunken
>>> Dor e Glória, de Pedro Almodóvar
>>> Leminski, estações da poesia, por R. G. Lopes
>>> Crônica em sustenido
>>> Do inferno ao céu
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Manual para revisores novatos
>>> A Copa, o Mundo, é das mulheres
Colunistas
Últimos Posts
>>> Fernanda Young (1970-2019)
>>> Estratégia das Privatizações
>>> Estratégia Econômica Governo
>>> Brandenburg Concertos (1 - 6)
>>> 100 nomes da edição no Brasil
>>> Eu ganhei tanta coisa perdendo
>>> Toda forma de amor
>>> Harvard: o que não se aprende
>>> Pedro Cardoso em #Provocações
>>> Homenagem a Paulo Francis
Últimos Posts
>>> João Gilberto: o mito
>>> Alma em flor
>>> A mão & a luva
>>> Pesos & Contra-pesos
>>> Grito primal II
>>> Calcanhar de Aquiles
>>> O encanto literário da poesia
>>> Expressão básica II
>>> Expressão básica
>>> Minha terra, a natureza viva.
Blogueiros
Mais Recentes
>>> A polêmica da leitura labial
>>> A ousadia de mudar de profissão
>>> O assassinato e outras histórias, de Anton Tchekhov
>>> O Livro dos Insultos, de H.L. Mencken
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Meninos, eu vi o Bolsonaro aterrando
>>> Sobre o Ronaldo gordo
>>> Do inferno ao céu
>>> Para entender Paulo Coelho
>>> O amor que choveu
Mais Recentes
>>> Como Trabalhar Para Um Idiota de John Hoover pela Saraiva (2010)
>>> Não Tenha Medo De Ser Chefe de Bruce Tulgan pela Sextante (2009)
>>> Fui Promovido! E Agora? de Roberto Ruban pela M. Books (2010)
>>> Faça O Que Tem De Ser Feito de Bob Nelson pela Sextante (2003)
>>> Deixar de Fumar O que Você Precisa Saber de Jorge Schemes pela Dpl (2004)
>>> Casamento Blindado de Renato & Cristiane Cardoso pela Thomas Nelson Brasil (2012)
>>> Pai Rico Pai Pobre de Robert T. Kiyosaki pela Campus (2000)
>>> De Volta Ao Mosteiro de James C. Hunter pela Sextante (2014)
>>> Ufo Os Códigos Proibidos de Alfredo Lissoni pela Madras (2007)
>>> 12 Meses Para Enriquecer. O Plano da Virada de Marcos Silvestre pela Lua de Papel (2010)
>>> O Flagelo de Hitler de Albert Paul Dahoui pela Lachâtre (2012)
>>> Comunicação Global:A Mágica da Influência de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1993)
>>> Comunicação Global:A Mágica da Influência de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1993)
>>> Comunicação Global: Aumentando Sua Inteligência Interpessoal de Dr. Lair Ribeiro pela Rosa dos tempos/ RJ. (1992)
>>> Temperamento forte e bipolaridade de Diogo Lara pela Do autor (2004)
>>> O Sucesso Não Ocorre por Acaso/ Incluindo as 18 Leis Universais ... de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1993)
>>> O Sucesso Não Ocorre por Acaso/ Incluindo as 18 Leis Universais ... de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1993)
>>> O Sucesso Não Ocorre por Acaso/ Incluindo as 18 Leis Universais ... de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ.
>>> As Chaves da Autoconfiança: um Guia Avançado para Vencer na Vida de Robert Anthony pela Best Seller/ SP. (1989)
>>> Estruturas Clínicas de Freud a Lacan Travessia Nº 3 Jan/94 de Vários pela Gráfica da Ufes (1994)
>>> Viabilizando Talentos:Como Semear o Crescimento Pessoal e Profissional de J. R. Gretz pela Florianópolis (1997)
>>> O inumano: considerações sobre o tempo de Jean-François Lyotard pela Estampa (1997)
>>> Toque de Midas: Dinheiro, Poder e Riqueza, do Oriente ao Ocidente de Anthony Sampson pela Best Seller/ SP. (1989)
>>> Prepare-se para Enriquecer... de R. Stanganelli pela Eparma (1983)
>>> Viajando no Tempo: Recriando Seu Passado- Criando Seu Futuro de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1994)
>>> Viajando no Tempo: Recriando Seu Passado- Criando Seu Futuro de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1994)
>>> Apometria...E Por que Não? de Marcel Benedeti pela Mundo Maior (2008)
>>> Prosperidade: Fazendo Amizade com o Dinheiro de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1992)
>>> Prosperidade: Fazendo Amizade com o Dinheiro de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1992)
>>> Prosperidade: Fazendo Amizade Com o Dinheiro de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1992)
>>> Prosperidade: Fazendo Amizade Com o Dinheiro de Dr. Lair Ribeiro pela Objetiva/ RJ. (1992)
>>> Concubinos: União Estável no Novo Código Civil/ Encad. de João Roberto Parizatto/ Autografado pela Edipa: Ed. Parizatto (2002)
>>> Principios Para Uma Clinica Antimanicomial e outros escritos 1 edição de Ana Marta Lobosque pela Hucitec (1997)
>>> Direito Administrativo de Diógenes Gasparini pela Saraiva/ SP. (1995)
>>> Recursos Humanos: Crise e Mudanças de Flávio de Toledo pela Atlas/ SP. (1989)
>>> Análise Sintática: a Oração na Frase Portuguesa de Antonio de Abreu Rocha/autografado pela São Vicente/ Belo Horizonte (1957)
>>> Filologia e Gramatica: Referente À Língua Portuguesa de J. Mattoso Câmara Jr pela J. Ozon Editor/ RJ. (1968)
>>> A Análise Matemática do Estilo: Aplicação do Processo de Fucks... de Tulo Hostílio Montenegro pela Ibge: / RJ. (1956)
>>> Atlas Previo dos Falares Baianos de N. Rossi pela Imprensa Nacional: Inl: Rio (1965)
>>> Sintomas Mórbidos - A Encruzilhada da Esquerda Brasileira de Sabrina Fernandes pela Autonomia Literária (2019)
>>> Trechos Selectos (trechos Seletos): Com uma Introdução ... de Sousa da Silveira pela Typogr. Bernard Frères/ RJ. (1919)
>>> Revolução Africana - Uma antologia do pensamento marxista de Jones Manoel e Gabriel Landi (orgs.) pela Autonomia Literária (2019)
>>> Antifa - O Manual Antifascista de Mark Bray pela Autonomia Literária (2019)
>>> A Narrative of Travels on the Amazon and Rio Negro de Alfred Russel Wallace (ll. D) pela Ward, Lock/ B. and Co. London (1892)
>>> O Ponto Zero da Revolução - Trabalho Doméstico, Reprodução e Luta Feminista de Silvia Federici pela Elefante (2019)
>>> Calibã e a Bruxa - Mulheres, Corpo e a Acumulação Primitiva de Silvia Federici pela Elefante (2017)
>>> Ah! Eu Não Acredito! de Sérgio Almeida pela Casa da Qualidade (2001)
>>> As Aventuras de Pedro Malasarte de Sérgio Augusto Teixeira pela Ediouro
>>> O'Hurley's Return de Nora Roberts pela Visit Silhouette Books (2010)
>>> Glory in Death de Nora Roberts (Writing as J. D. Robb) pela Berkley (2000)
COLUNAS >>> Especial Tom Jobim 80

Segunda-feira, 22/1/2007
Tom Jobim, memórias e histórias
Fabio Silvestre Cardoso

+ de 5900 Acessos

So close your eyes/ for that's a lovely way to be/ Aware of things your heart alone/ was meant to see/ The fundamental loneliness goes/ whenever two can dream a dream together.

A epígrafe deste texto é a letra em inglês de "Wave", de Tom Jobim, que completaria 80 anos no mesmo dia do aniversário da cidade de São Paulo, que, apesar do buraco, comemora 453. Desnecessário é dizer que Antonio Carlos Jobim merece muito mais homenagem que a terra da garoa, A capital da solidão, como escreveu Roberto Pompeu de Toledo, ou a cidade cujo horizonte é de cinco metros, conforme anotou Nélson Rodrigues. Não, leitor, não estou fugindo do tema. Justifico-me, tão somente. Para tanto, utilizei as referências acima. É uma estratégia reconfortante estar ao lado de nomes que referendam aquilo que você, muitas vezes, arrisca dizer. Faço isso nos meus textos, sempre que posso, mas outros nomes, com maior gabarito, fazem em suas respectivas áreas. E o homenageado deste especial, Tom Jobim, também procedia assim em suas músicas. Jazz, samba, Chopin, e o toque sutil do swing. Muito além de suas influências, Tom Jobim é autor de algumas das canções mais significativas da música popular brasileira. Com efeito, foi ele um dos nomes a fazer com que a Bossa Nova fosse tida como referencial da música brasileira, a despeito das distorções arregimentadas pela Indústria Cultural em vender esse conceito como uma identidade nacional do Brasil nos Estados Unidos e na Europa. Nem a Bossa Nova precisava disso, muito menos a música de Tom Jobim, um fino exemplo de como o popular pode ser refinado, e não popularesco; discreto, mas ainda assim único; nacional, sem apelar para a mesquinhez dos rótulos "regionais".

A propósito, é o crítico e professor Arthur Nestrovski quem define uma das músicas de Tom Jobim como "o samba mais bonito do mundo". Este é o título do ensaio de Nestrovski que, sem deixar de lado sua paixão pelo maestro, explica conceitualmente a beleza do poema e da música "Águas de Março". Nas palavras do crítico: "É impressionante quanto do poema já veio pronto", sobretudo porque a canção (e aqui trato do conjunto da obra, ou seja, letra e melodia) possui influências tão díspares quanto interessantes. De um lado, o poema "O caçador de esmeraldas", de Olavo Bilac, declaradamente um dos preferidos de Tom Jobim, conforme se pode ler em um de seus depoimentos disponíveis em seu site. Por outro lado, há o fato de o maestro, à época, estar no início de uma de suas fases mais célebres, com músicas que rendiam grande homenagem, se assim é correto afirmar, à natureza. Tal fase se aprofundaria depois, mas é com "Águas de Março", conforme observa Nestrovski, que isso se inicia. E para não dizer que não se tocou, aqui, no âmbito das coisas mais elementares, tangíveis, a todo o momento Tom Jobim alude a acontecimentos do cotidiano, como a reforma da casa que, com efeito, se processava naquele momento na casa dos Jobim.

Como a história do parágrafo anterior, existem muitos outros relatos, mitos e causos que cercam a vida do grande parceiro de Vinícius de Moraes. Sobre esta parceria, aliás, basta dizer que "Garota de Ipanema" é uma das canções mais executadas na história, perdendo, se a memória não falha, apenas para "Yesterday", da dupla Lennon & McCartney. Ainda assim, se sobram histórias sobre um dos fundadores da Bossa Nova, como atestam os livros produzidos por Ruy Castro (A onda que se ergueu no mar e Chega de Saudade) ou ensaios sobre sua música, também não é exagero afirmar que Tom Jobim ainda carece de uma biografia que seja, como se costuma dizer, definitiva. Um trabalho que examine não somente suas motivações e influências artísticas e intelectuais, mas que também esclareça ao leitor alguns detalhes de sua vida pessoal, até mesmo porque, como o artigo de Nestrovski mostra, muito da música de Jobim era fruto de seus afetos que não se encerravam - só para citar Olavo Bilac.

Não que textos biográficos sobre Tom Jobim não tenham sido escritos. Uma rápida procura nas livrarias e nos sebos mostra, con seguridad, dois livros que tentam trazer o Antonio Brasileiro do âmbito privado para o público. É o caso de Antonio Carlos Jobim: um homem iluminado, livro que conta com assinatura de Helena Jobim, irmã do biografado. Neste livro, o principal gancho, como preza a linguagem jornalística, é o fato de autora ter partilhado de inúmeras experiências íntimas com o personagem central, a ponto de ser capaz de precisar dados que cercam a origem da família Jobim: "José Martins da Cruz Jobim, nascido na freguesia de Santa Cruz de Jobim, no bispado do Porto, chegou ao Brasil como tenente dos dragões". Poucas páginas depois, a autora detalha o nascimento do irmão: "23 cromossomos do pai, 23 cromossomos da mãe. Carregam em seus núcleos os genes determinantes das características do indivíduo (...) O bebê nasceu em casa às onze e quinze da noite, na rua Conde de Bonfim, 634, no bairro da Tijuca". E, de fato, Helena Jobim prossegue com uma descrição documental impressionante, mas que, de um lado, exala parcialidade e, do outro, carece de uma interpretação de conteúdo, como a que realizou o jornalista José Castello acerca do já citado Vinícius de Moraes.

Talvez o que mais tenha se aproximado, com o risco de ter atingido o objetivo, é o jornalista Sérgio Cabral, que, além de grande crítico musical, conviveu com o maestro. Qual é o problema, então? Ora, Tom Jobim morreu em dezembro de 1994 e o livro foi editado já em 1997. Em outras palavras, era ainda um tanto cedo demais para tal empresa, uma vez que muito ainda estava por se revelar. Só para citar dois casos. Há alguns anos, uma grande celeuma envolveu a também já mencionada "Águas de Março". Dizia a matéria publicada na Folha de S.Paulo que Jobim havia se inspirado em excesso, se assim pode-se afirmar, num disco chamado Cinco estrelas apresentam Inara, de 1956. À época, em 2001, críticos do porte de Luís Antônio Giron e José Ramos do Tinhorão se manifestaram a respeito, debatendo se ocorrera plágio ou não. Mais ou menos na mesma época, um grande shopping de São Paulo "descobriu" uma música de Tom que homenageava a cidade. Coincidência ou não, a canção apareceu em horário nobre como vinheta do referido centro de compras e, infelizmente, foi o único registro que os admiradores de Tom chegaram a ouvir de "Te amo, São Paulo", canção de estrofes simples e absolutamente sentimental (o amor à cidade é declarado em 4 idiomas!).

É evidente que, de um modo geral, os interessados por Tom Jobim não são leitores de biografias que optam pelo celebridismo. Antes, são interessados em música, mas que gostariam de uma versão dos fatos a partir da perspectiva da vida do maestro. Por enquanto, uma opção é combinar as duas biografias até aqui já citadas. E, para completar, não esquecer daquilo que é fundamental: ouvir os discos de Tom Jobim. Não há melhor maneira de conhecer o homem e sua obra.


Fabio Silvestre Cardoso
São Paulo, 22/1/2007


Quem leu este, também leu esse(s):
01. A Fera na Selva, filme de Paulo Betti de Jardel Dias Cavalcanti
02. Como se me fumasse: Mirisola e a literatura do mal de Jardel Dias Cavalcanti
03. Reflexões sobre o ato de fotografar de Celso A. Uequed Pitol
04. Apontamentos de inverno de Elisa Andrade Buzzo
05. Os Doze Trabalhos de Mónika. 1. À Beira do Abismo de Heloisa Pait


Mais Fabio Silvestre Cardoso
Mais Acessadas de Fabio Silvestre Cardoso
01. Orgulho e preconceito, de Jane Austen - 5/5/2006
02. Desonra, por J.M. Coetzee - 21/12/2004
03. Por que quero sair do Orkut (mas não consigo) - 2/2/2006
04. Brasil e Argentina: uma História Comparada - 3/5/2005
05. Teoria da Conspiração - 10/2/2004


Mais Especial Tom Jobim 80
* esta seção é livre, não refletindo necessariamente a opinião do site



Digestivo Cultural
Histórico
Quem faz

Conteúdo
Quer publicar no site?
Quer sugerir uma pauta?

Comercial
Quer anunciar no site?
Quer vender pelo site?

Newsletter | Disparo
* Twitter e Facebook
LIVROS




O FALSO OBSERVADOR DE PASSAROS
LUIZ MARIA VEIGA
ATUAL
R$ 8,00



HISTÓRIAS REAIS E FANTÁSTICAS: CRÔNICAS E ENSAIOS SOBRE A POLÍTICA CON
MARIA CLEIDE BERNAL
TABA CULTURAL
(2010)
R$ 25,28



HOJE MEU DESAFIO É...
BARBARA LAMP
UNITED PRESS
(2014)
R$ 9,50



JUVENTUDE RURAL! CAMINHOS A ESCOLHER!
LAÉRCIO DE SOUZA
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 454,00



UM SECULO DE LUZ
LOURENÇO DIAFERIA NADIA SOMEKH CANDIDO MALT...
SCIPIONE
(2001)
R$ 14,60



A SUSTENTABILIDADE ECOLÓGICA DO CONSUMO DA POPULAÇÃO DE MINAS GERAIS
MARCOS HENRIQUE GODOI
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 349,00



O MARQUES DE QUELUZ E SUA ÉPOCA
MIGUEL AUGUSTO GONÇALVES DE SOUZA
EDIÇÃO DO AUTOR
(1988)
R$ 12,00



TÍTULOS DE CRÉDITO
GERALDO VIEIRA
SÍNTESE / CAMPOS
R$ 6,00



A PERCEPÇÃO DE FAMILIARES DE PACIENTES DE UTI SOBRE A COMUNICAÇÃO
JOSIVANI MAIA FERREIRA FERREIRA UND SINTIA SOARES
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 251,00



UM ESTUDO SOBRE FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO INTERIOR DE GOIÁS
MAURO FELÍCIO BARBOSA MULATI
NOVAS EDIÇÕES ACADÊMICAS
R$ 391,00





busca | avançada
35004 visitas/dia
1,0 milhão/mês